Aula 05 o mundo egeu

861 visualizações

Publicada em

Arte Minóica.

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
861
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
58
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 05 o mundo egeu

  1. 1. Aula 05 Profª. Lila Donato o mundo EGEU Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS • As Civilizações Egéias são aquelas que se desenvolveram ao redor do Mar Egeu. • As ilhas Egeias, mais específicamente, dividem-se em sete grupos: ®Ilhas Egeias do Norte ®Espórades ®EEuubbeeiiaa ®Ilhas Argo-Sarônicas ®Ilhas Cíclades ®Dodecaneso (ou Espórades do Sul) ®Ilha de Creta
  2. 2. Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS
  3. 3. Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS “Aproximadamente no início do segundo milênio a.C. (mais ou menos na mesma época do Reino Médio, no Egito), o povo de navegadores da região [Mar Egeu] já aprendera a explorar recursos naturais – madeira, pedra, mmiinnéérriiooss ee aarrggiillaa ppaarraa aa cerâmica – para produzir artefatos variados. Com esses bens e os produtos agrícolas, eles passaram a comercializar com o Egito e as cidades do leste do Mediterrâneo, onde construíram pequenos povoados fortificados e vilas agrícolas, tanto nas ilhas como ao longo do litoral.” Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS • até agora sabe-se relativamente pouco das Civilizações Egéias, pois a comprovação de sua existência data de pouco mais de um século • o conhecimento destas civilizações iniciou-se com a descoberta das ruínas de Tróia, por Heinrich Schliemann, em 1870 • as ruínas de Tirinto e Micenas foram descobertas em 1876 •• SSiirr AArrtthhuurr EEvvaannss llooccaalliizzoouu oo PPaalláácciioo ddee CCnnoossssooss nnaa IIllhhaa ddee CCrreettaa nnoo início dos anos 1900 Sir Arthur Evans, nas escavações de Heinrich Schliemann Cnossos.
  4. 4. Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS Reconstrução da cidade de Tróia Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS Reconstrução de Tirinto
  5. 5. Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS Reconstrução de Micenas Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS “O exame dos artefatos Egeus sugere uma forte influência da Mesopotâmia, além do contato com o Egito. Os primeiros habitantes de Creta cultuavam divindades naturais associadas às montanhas, árvores e animais (com destaque ppaarraa aass ccoobbrraass)),, além de flores, incluíndo lírios e papoulas. Como não há cobras em Creta, esse culto parece ser uma prática importada, provavelmente derivada da deusa suméria da água, Ea, cujas características incluíam criatividade, sabedoria, mágica e astúcia.” Deusa das cobras.
  6. 6. Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS “A corrida de touros era um esporte sumério; em Creta, as acrobacias sobre touros parecem ter se tornado um jogo ritual.” Afresco na parede das aaccrroobbaacciiaass com touros (P. Cnossos) Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS “Os leões eram associados ao simbolismo real tanto no Egito ccoommoo nnaa MMeessooppoottââmmiiaa –– ee imagens desse desse animal foram usadas nos povoados reais fortificados construídos na Grécia continental.”
  7. 7. Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS CICLÁDICOS MINÓICOS MICÊNICOS Aula 05 Prof. Lila Donato 1. AS CIVILIZAÇÕES EGÉIAS
  8. 8. Aula 05 Prof. Lila Donato 2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA ( ou CRETENSE) Minos – pode ter sido o nome de um antigo rei ou o título usado para um soberano (ex.: faraó, no Egito) Civ. MINÓICA Civilização que se desenvolveu na Ilha de Civ. CRETENSE Creta Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA hierógrifos ® combinações de sinais compondo imagens de objetos ou conceitos de são reconhecíveis ® apresentam semelhanças com os símbolos hierogríficos dos períodos pré-dinástico e protodinásticos egípcios ® assemelham-se também a algums sistemas de escrita mesopotâmia ®foram encontradas quase 1.000 tabuinhas contendo a escrita ®identificados 135 símbolos diferentes ® mais importantes inscrições hierogríficas minóicas: DISCO DE FESTO, descoberto em 1903 em um depósito dos apartamentos nordeste do palácio de Cnossos
  9. 9. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA hieróglifos – disco de Festo ® duas superfícies – cobertas por hieróglifos dispostos em uma espiral, e impressos no barro enquanto ele ainda estava mole ® os sinais formam grupos, separados por linhas verticais, cada um desses grupos representando uma palavra ®podemos distinguir 45 tipos diferentes de sinais ® algumas séries de hieróglifos repetem-se como refrões, sugerindo um hino religioso Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA Linear A ®não foi decifrada ®tem cerca de 100 símbolos ®inscrita em cartazes de barro em forma de pastilhas regulares ®composta de sinais, que já não são reconhecíveis como representações de objetos, mas composta por formas abstratas ®inscrições em tabelas de argila e outros objetos de culto ®palácio Hagia Triada: foram descobertos 150 pequenos tabletes de argila onde são listadas transações e armazenamento
  10. 10. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA Linear B ®composta por cerca de 200 sinais ®2 tipos de sinais: • silábicos – com valores fonéticos • ideogramas – com valores semânticos - representam objetos ou mercadorias, mas não têm valor fonético e nunca são usados como sinais para escrever uma frase ®muitos dos sinais são idênticos ou seme-lhantes aos sinais do Linear A; embora não se possa ter a certeza que sinais semelhantes nos dois sistemas teriam o mesmo valor fonético, pois o Linear A ainda não foi decifrado ®é uma versão muito arcaica da língua grega Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA Linear B Tablete com escritos em Linear B – detalhe (Museo Arqueológico Nacional de Atenas) Tabuinha MY Oe 106, encontrada em Micenas na "casa do vendedor de azeite", de c. 1250 a.C. Em seu verso há a figura de um homem. (Museo Arqueológico Nacional de Atenas)
  11. 11. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA Linear B Tabletes de argila com escritos em Linear B Creta Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA Linear C ®composta por cerca de 200 sinais ® também conhecido como silabário cipro-minoico ®indecifrado escrito e falado em Chipre entre 1.550 - 1.200 a.C. ®foram encontrados aproximadamente 250 objetos com inscrições cipro-minoicas: - tabuletas de argila - suportes votivos - cilindros de barro - bolas de barro ®ainda não foi totalmente decifrada Tabuinha cipro-minóica de Enkomi, c. 1500 a.C. Louvre.
  12. 12. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.1. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCRITA Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS ®maior e mais conhecido sítio arqueológico em Creta ®surgimento c. 1900 a.C. ®4.000 anos de povoados neolíticos ®têm uma vasta mitologia; a lenda mais famosa é a do Minotauro
  13. 13. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS : A lenda do Minotauro e do labirinto Mosaico com Teseu e o minotauro. Após travar uma dura luta, Teseu consegue quebrar a coluna do oponente, matando-o. Conímbriga (antiga cidade romana em Portugal) Mosaico romano retratando a vitória de Teseu sobre o minotauro. Tunísia. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS ®planta arquitetônica bastante evoluída: em torno de um pátio central se distribuem inúmeras salas, algumas agrupadas de tal forma que uma conduz à outra, segundo uma ordem bem planejada
  14. 14. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS pátio central planta do 1° pavimento planta do térreo Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS
  15. 15. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS ®o palácio tinha pelo menos 2 andares, mas é possível que ele tivesse de 3 a 4 andares ®posicionamento cauteloso das escadas e das colunas ®aberturas de vãos e poços de lluuzz ppaarraa iilluummiinnaaççããoo ee ventilação dos maçicos edificados ®uso livre das cores, conferindo-lhe identidade singular ®ornamentação farta com afrescos coloridos e dinâmicos
  16. 16. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS Pórtico de entrada recons-truído por Sir Arthus Evans Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS
  17. 17. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.2. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ARQUITETURA PALÁCIO DE CNOSSOS Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS ® os afrescos são encontrados em Festo, Mália, Hagia Triada, Amnisos, Tílissos, Acrotíri (em Santorini), Agia Irini (Ceos), Filácopi (em Milos) e principalmente em Cnossos ® os rostos dos homens eram pintados com vermelho, enquanto os das mulheres eram pintados de branco
  18. 18. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS ®a pintura revela uma sociedade de espírito dinâmico ®entre as representações artísticas estão: - procissões religiosas - animais marinhos (golfinhos, peixes, polvos) - animais terrestres (leão, gato, macacos) - animais voadores (pássaros) - flores e outras representações botânicas - cenas de pugilismo e outras modalidades de luta - taurocatapsia (saltos sobre touros) - seres mitológicos (grifos) e deuses - pessoas da sociedade
  19. 19. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS ®menos rigidez e maior mobilidade que a pintura egípcia ®uso de cores vivas e contrastantes num bom equilíbrio Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS
  20. 20. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS
  21. 21. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.3. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – AFRESCOS Aula 05 Prof. Lila Donato 2.4. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCULTURA ®sobreviveram poucos testemunhos da escultura minóica ®alguns exemplares da Deusa das Serpentes:
  22. 22. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.4. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – ESCULTURA Distinguem-se 4 períodos: - pré-palaciano - protopalaciano - neopalaciano - pós-palaciano Aula 05 Prof. Lila Donato 2.5. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – METAIS ®os cretenses tinham grande domínio técnico para trabalhos de ourivesaria ®Copos de Vafio: dois copos metálicos onde estão representados, em alto relevo, touros e elementos da natureza ®tiveram vasta produção ddee jjóóiiaass ee aaddeerreeççooss femininos ®também se encontraram objetos usados em rituais religiosos e outros de decoração
  23. 23. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.6. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – CERÂMICAS ®motivos marinhos ®colorido intenso Aula 05 Prof. Lila Donato 2.6. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – CERÂMICAS
  24. 24. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.6. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – CERÂMICAS Aula 05 Prof. Lila Donato 2.6. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – CERÂMICAS
  25. 25. Aula 05 Prof. Lila Donato 2.6. CIVILIZAÇÃO MINÓICA – CERÂMICAS ®plaquinhas de cerâmica ®representam fachadas das casas e talvez do palácio de Cnossos ®pequenas – medem poucos centímetros ®cc.. 119900--117700 aa..CC.. ®provavelmente cobriam pequenas caixas de madeira (porta jóias?) Aula 05 Prof. Lila Donato ATIVIDADE DE AULA: Leitura obrigatória: GOMBRICH, E. H. A história da arte. Rio de Janeiro: LTC, 2001 Capítulo 2: Arte para a eternidade, páginas 55 a 73 Pesquisa: AAssssiimm ccoommoo ffooii aapprreesseennttaaddaa aa CCiivviilliizzaaççããoo MMiinnóóiiccaa,, ooss aalluunnooss ddeevveerrããoo pesquisar e apresentar a Civilização Micênica. TAREFA DE CASA: Leitura obrigatória (para próxima aula): GOMBRICH, E. H. A história da arte. Rio de Janeiro: LTC, 2001 Capítulo 3: O grande despertar; páginas 75 a 97

×