Teoria da Expansão Oceânica

276 visualizações

Publicada em

Teoria da Expansão Oceânica

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
276
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Teoria da Expansão Oceânica

  1. 1. Teoria de Expansão Oceânica
  2. 2. COMO NASCEU A Teoria de Expansão Oceânica ● O contexto socioeconómico da época era marcado pela 2.ª Guerra Mundial e o desenvolvimento de tecnologia com fins militares acabou por se tornar muito importante para o avanço científico . Foram realizadas operações militares no oceano para a deteção de submarinos e para a cartografia do fundo marinho , utilizando equipamento específico , tal como o sonar . Estes estudos revelaram que , contrariamente ao que se acreditava , os fundos oceânicos não eram planos , mas apresentavam um relevo ainda mais acidentado do que o observado nos continentes .
  3. 3. Figura do funcionamento do sonar
  4. 4. COMO NASCEU A Teoria de Expansão Oceânica ● ● A superfície do fundo oceânico apresenta um relevo acidentado , onde podemos encontrar as cadeias montanhosas submarinas , as dorsais , percorridas por uma depressão central longitudinal – o rifte – e zonas planas e profundas – as planícies abissais . No limite destas , surgem os taludes continentais , que são encostas que possuem um forte declive . Adjacente às zonas litorais , encontramos uma zona submersa com inclinação fraca , a plataforma continental . As dorsais formam uma rede através de todo o
  5. 5. Figura do relevo dos fundos oceânicos
  6. 6. COMO NASCEU A Teoria de Expansão Oceânica ● ● A exploração dos fundos oceânicos revelou muitos dados acerca das suas características . Novos equipamentos , a bordo de navios oceanográficos , permitiram medir o magnetismo existente nas rochas dos fundos oceânicos . Algumas rochas possuem minerais contendo ferro , com capacidade de registar o campo magnético terrestre na altura em que se formaram . O campo magnético terrestre é essencialmente dipolar e tem origem no interior da Terra , sendo evidenciado pela orientação da agulha magnético não tem sido constante , apresentado modificações na sua polaridade , ora apontando para Norte , ora para Sul .
  7. 7. COMO NASCEU A Teoria de Expansão Oceânica ● ● Por convenção , diz-se que a polaridade que se regista atualmente , e que desloca a agulha da bússola para o norte , é “ normal “ . Ocorrendo a inversão do sentido desta polaridade do campo magnético terrestre , diz-se que a polaridade é “ inversa “. O conjunto de dados obtidos ( magnetismo e idade das rochas ) permitiu aos cientistas compreenderem um importante fenómeno geológico ocorrente nas zonas de rifte . Nestas zonas , há ascensão de magma que se expande para um e para o outro lado do rifte , de modo que rochas formadas , em cada instante , de um e do outro lado , registam a mesma polaridade . Com a continuação da subida de magma , as rochas vão-se afastando do rifte em direção aos continentes , havendo uma efetiva expansão do fundo oceânico , processo que se conhece por
  8. 8. Figura da modelo da estrutura da Terra
  9. 9. COMO NASCEU A Teoria de Expansão Oceânica ● ● Considera-se que a Terra é constituída por um conjunto de camadas concêntricas , de propriedades distintas . Tendo em conta a constituição químicomineralógica da Terra , podemos encontrar , sucessivamente , no nosso planeta três camadas diferentes : crusta , camada superficial , pouco espessa ; manto , camada mais espessa ; núcleo , a região central . Se se considerar o comportamento físico dos materiais que constituem a Terra , esta divide-se em cinco camadas : litosfera , astenosfera , mesosfera
  10. 10. Identificação ● ● Trabalho Solicitado Por : Leonardo Alves ( Professor ) Trabalho Realizado Por : Mariana Martins ( aluna )

×