Solucionando o enigma do
preço

Leonardoseabra@gmail.com
Tudo tem um preço, como diz o
ditado, mas um monte de pessoas lutam
para descobrir qual é o preço certo.
O erro clássico é estabelecer um preço
baseado no que sente que precisa
ganhar.
É a competição que geralmente determina
o preço que você pode cobrar.

Para acertar é
preciso entender
como o mercado
valo...
Você não define o preço, o
mercado é quem o faz.

Seu trabalho é determinar o que o mercado vai pagar.

Então você pode de...
Não defina o preço começando pelas suas
próprias necessidades financeiras.
Provavelmente você cobrará muito acima
do que os clientes pagarão ou abaixo do
que o mercado paga.
Preços altos podem ser reduzidos...
Preços baixos contribuem para
desenvolver o tipo errado de reputação, a
que você é “barato”.
É muito melhor que digam “Sim, é um
pouco caro, mas sua qualidade vale a
pena pagar”.
Assim, o primeiro passo deve ser sempre
descobrir o quanto os concorrentes estão
cobrando.
Você pode ligar para os
concorrentes fingindo ser um
cliente para obter estimativas.

Associações locais, estaduais
ou nac...
Com informações precisas, conhecendo o
mercado (clientes e competidores), você
evitará os mesmos erros de sempre.

•

Leon...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Solucionando o enigma do preço: O que não fazer quando determinando o preço do produto ou serviço

321 visualizações

Publicada em

Tudo tem um preço, como diz o ditado, mas um monte de pessoas lutam para descobrir qual é o preço certo. Você não define o preço, o mercado é quem o faz. Seu trabalho é determinar o que o mercado vai pagar. Então você pode decidir se é o suficiente para cobrir seus custos e financiar o seu estilo de vida.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
321
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Solucionando o enigma do preço: O que não fazer quando determinando o preço do produto ou serviço

  1. 1. Solucionando o enigma do preço Leonardoseabra@gmail.com
  2. 2. Tudo tem um preço, como diz o ditado, mas um monte de pessoas lutam para descobrir qual é o preço certo.
  3. 3. O erro clássico é estabelecer um preço baseado no que sente que precisa ganhar.
  4. 4. É a competição que geralmente determina o preço que você pode cobrar. Para acertar é preciso entender como o mercado valoriza o seu produto ou serviço.
  5. 5. Você não define o preço, o mercado é quem o faz. Seu trabalho é determinar o que o mercado vai pagar. Então você pode decidir se é o suficiente para cobrir seus custos e financiar o seu estilo de vida.
  6. 6. Não defina o preço começando pelas suas próprias necessidades financeiras.
  7. 7. Provavelmente você cobrará muito acima do que os clientes pagarão ou abaixo do que o mercado paga.
  8. 8. Preços altos podem ser reduzidos...
  9. 9. Preços baixos contribuem para desenvolver o tipo errado de reputação, a que você é “barato”.
  10. 10. É muito melhor que digam “Sim, é um pouco caro, mas sua qualidade vale a pena pagar”.
  11. 11. Assim, o primeiro passo deve ser sempre descobrir o quanto os concorrentes estão cobrando.
  12. 12. Você pode ligar para os concorrentes fingindo ser um cliente para obter estimativas. Associações locais, estaduais ou nacionais também podem fornecer a informação que você está procurando. Você pode fazer uma pesquisa diretamente com o seu potencial target.
  13. 13. Com informações precisas, conhecendo o mercado (clientes e competidores), você evitará os mesmos erros de sempre. • Leonardoseabra@gmail.com

×