Apresentação

121 visualizações

Publicada em

ROTEIRO

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
121
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação

  1. 1. Apresentação 1 º Slide AP: Boa Tarde! AP: Essa é a apresentação do Trabalho de conclusão de Curso na Faculdade Área 1 AP: O tema escolhido foi PANORAMANA DA ENERGIA EÓLICA NO NORDESTE BRASILEIRO AP: Eu sou Luís Leonardo Pinheiro Barreto AP: Esse trabalho foi orientado pela Professora Atila Batista dos Santos 2 º Slide AP: o objetivo de trabalho é Apresentar o cenário atual de utilização da energia eólica no Nordeste Brasileiro . 3 º Slide AP: Para melhor avaliar este cenário alguns objetivos específicos foram escolhidos: AP: Avaliar a o panorama da energia eólica no Brasil e no mundo. AP: Avaliar energia eólica, seus impactos e vantagens e desvantagens. AP: Avaliar o potencial instalado no Nordeste Brasileiro. AP: Avaliar o potencial de crescimento na região Nordeste. 4 º Slide AP: A Justificativa deste trabalho esta ligada aos problemas de abastecimento energético do Brasil . AP: A fonte hidroelétrica é a fonte mais abundante e mais utilizada como matriz elétrica energética no Brasil porem os problemas de Escassez de chuvas opções de complemento deve ser buscado. AP: Apesar da crise energética a preocupação com meio ambiente não pode diminuir nas escolha dessas fontes complementares que sejammenos impactantes possíveis e que sejam de preferencia . AP: A energia eólica nordeste é uma opção viável e considerando sua capacidade de liderança .
  2. 2. 5 º Slide AP:basicamente oprocessode metologiaescolhidoutilizadaapesquisa bibliográfica como fonte de dados. Apesar de não se tratar de processo inteiramente novo porem com quantidade de informação reduzida, além de livros, foram utilizados principalmente informaçõesde órgãosgovernamentais,teses,dissertações,artigos e publicações no mais das vezes disponibilizados na Internet. 6º Slide Energia eólica A energia eólica é obtida pela movimentação do ar que chamamos de vento, ela possivelmente é a mais abundante , renovável, limpa e disponível em todo o planeta. O vento é formado pela atmosfera em movimento e tem sua origem na relação entre a energia solar e a rotação planetária. A energia eólica é convertida em energia mecânica depois em energia elétrica (SILVA, 2006). Denomina-se energia eólica a energia cinética contida nas massas de ar em movimento. Seu aproveitamento ocorre por meio da conversão de energia cinética de translação em energia cinética de rotação 7 º Slide O aproveitamentodaforçadosventosé feitopelaconversãodaenergiacinética,atravésdo girodas pás de uma turbinaeólica,emumsistemaconstituídoporvárioscomponentes.A determinaçãodascondiçõesclimáticas,localizaçõese destinações,propiciamummelhor rendimentofinal  Torre - Mastro que sustenta o rotor e a nacele na altura adequada ao funcionamento da turbina eólica;  Rotor - é o componente responsável pela conversão da energia cinética dos ventos em energia mecânica de rotação. No rotor são acopladas as pás da turbina. Todo o conjunto é conectado a um eixo que transmite a rotação das pás para o gerador, muitas vezes, através de uma caixa multiplicadora;  Nacele - é o compartimento que abriga todo o mecanismo do gerador, o qual pode incluir: caixa multiplicadora, freios, embreagem, mancais, controle eletrônico, e sistema hidráulico ficando instalado no topo da torre;  Caixa de multiplicação – é o mecanismo que transmite a energia mecânica do eixo do rotor ao eixo do gerador;  Gerador - tem função de converter a energia mecânica do eixo em energia elétrica;
  3. 3.  Mecanismos de controle – as turbinas eólicas são projetadas para fornecerem potência nominal de acordo com a velocidade do vento prevalecente,  Anemômetro - Mede a intensidade e a velocidade dos ventos;  Pás do rotor – Captam o vento e convertem sua potência ao centro do rotor;  Biruta– Responsáveis por captar a direção do vento, pois ele deve estar perpendicular à torre para obter um maior rendimento. 8 º Slide Ao longo de milhares de anos, com o avanço da agricultura, o homem necessitava cada vez mais de ferramentas que o auxiliasse nas diversas tarefas como a moagem dos grãos e o bombeamento de água os quais exigiam esforço braçal ou animal. Isso incentivou o desenvolvimento de uma forma primitiva de moinho de vento, utilizada no beneficiamento dos produtos agrícolas, que constava de um eixo vertical acionado por uma longa haste presa a ela, movida por homens ou animais caminhado numa gaiola circular (DUTRA, 2008). 9 º Slide AP: Um País mais competitivo em energia eolica nasce a partir dos maciços investimentos em eficiência energética abrange a otimização das transformações, do transporte e do uso dos recursos energéticos, desde suas fontes primárias até seu aproveitamento. Com o melhoria da qualidade dos serviços de energia e para a mitigação dos impactos ambientais. Como todo país em desenvolvimento, o Brasil tem uma grande demanda reprimida de energia - mas os índices nacionais de perda e desperdício de eletricidade também são altos.Nesse Cenario o Brasil lancou dois programas que visavam implementar a energia eólica em larga escala o Proeolica que era exclusivamente voltado para a energia eólica e o Proinfa que incentiva o fomento de fontes renováveis 10 º Slide A energia eólica ainda possui parcela pouco significativa na matriz energética mundial, correspondendo a menos de 4% em 2011, porém crescente em todo o mundo. Porem crescente. Os países responsáveis pelo crescimento da capacidade instaladas e acumuladas da energia eólica (Gráfico 5) no mundo foram eles na Europa: Alemanha com 2.194 MW e Espanha com 1.587 MW na América do Norte: Estados Unidos com 2.454MW e Ásia: China 1.840 MW e Índia 1.840 MW. Em 2012, o crescimento do setor foi conduzido principalmente pela China, que instalou13,2 GW do total de 44,7 GW adicionadosnomundo,seguidadosEstadosUnidos, que adicionaram 13,1 GW A Europa continua sendo o principal mercado da capacidade instalada de energia eólica do setor representando 43% do total mundial
  4. 4. 11º SLIDES O Brasil possui a matriz energética das mais limpas do mundo com a aproximadamente 80 % renovável Entre elas, a sua abundante malha hídrica que possibilita utilizar as usinas hidroelétricas com uma porcentagem de 77% A matriz eólica no Brasil é sub aproveitada, apesar do enorme potencial que o país possui, principalmente nas regiões Nordeste e Sul (BRONZATTI e NETO, 2008). Estudos indicam que o país poderia substituir a energia térmica pela energia eólicaA tecnologia eólica é empregada há pouco tempo no país porém tem sido intensivamente devido os incentivos fiscais 12 º SLIDES a redução de emissões de CO2 na atmosfera é altamente benéfica ao meio ambiente para combater o efeito estufa e a elevação da temperatura da terra, provocada pela queima de combustíveis fósseis, principal fonte de energia nos dias de hoje. "[...] (KOGACHI, 2008, p. 19). a energia dos ventos é praticamente inesgotável, mas também uma forma de energia caracterizada pela sua grande diluição. Tendo em vista o consumo mundial de energia, a exploração da fonte eólica representa uma porcentagem relativamente baixa, embora seu papel não seja em certos casos particulares de aplicação: Moinho,irrigação,bombeamento"[...] Os parques eólicos são compatíveis com outros usos e utilizações do terreno como a agricultura e a criação de gado, geração de investimento em zonas desfavorecidas"[...] ( LEITE,2013,p 36). Do ponto de vista de emissões de gases de efeito estufa ou de poluentes locais,a energia eólica não emite nada, zero. Há apenas algumas queixas,depopulações próximas,do ruído de um gerador eólico. Algumas pessoas também começam a se queixar do impacto visual"[...] No Brasil,os empreendedores alegam que a tarifa viabilizadorada energia eólica seriadeR$ 0,21 por KWh, equivalendo a uma tarifa deUS$ 0,10, com basena taxa de câmbio média de R$ 2,03 verificada nos últimos 48 meses. Esta tarifa ésuperior a tarifa de R$ 0,15 exigida pelas usinasdebiomassa,por exemplo. Porém, o relevante a ser analisado éque em muitos países a energia eólica já éviável com uma tarifa de US$ 0,04” [...] (DANTAS; LEITE, 2009 p. 2). "O maior inconveniente da energia eólica, tal como da energia solar, é óbvio: é a sua intermitência. O vento não sopra sempre à mesma velocidade e não sopra sempre quando a procura de eletricidade é maior. o valor médio em investimento inicial para usinas de médio e grande porte (acima de 30MW) é de R$4.200.000,00 por MW instalado. Este valor inclui o aerogerador, infra-estrutura civil

×