Luta contra o trabalho infantil

1.913 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.913
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
282
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
26
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Luta contra o trabalho infantil

  1. 1. LUTA CONTRA OTRABALHO INFANTIL 4º ANO - VESPERTINO
  2. 2. • O trabalho infantil é um dos maiores problemas que o Brasil enfrenta hoje em dia e é muito difícil de resolver, isso porque eles acontecem em locais de difícil fiscalização e é difícil para os poucos fiscalizadores chegarem a todos, o governo poderia tentar fazer alguma coisa para resolver, mas só conseguem através das situações que envolvem os meios de conscientização, e esse é um método difícil de ser atendido pelas pessoas que exploram o trabalho de crianças o pior de tudo é que o trabalho em que elas atuam são todos pesados e isso pode acabar atrapalhando a forma de desenvolvimento óssea da criança.
  3. 3. A Convenção nº 182 da OIT, de 1999 classifica os seguintes piores trabalhos infantis:• Trabalho escravo• Prostituição• Uso de crianças em conflitos armados• Pornografia de menores• Uso de menores para atividades ilícitas• Tráfico de drogas• Trabalho em Canaviais, minas de carvão, funilarias, cutelarias, metalúrgica e fornos quentes
  4. 4. A GENTE SEMPRE ACHA QUE ISSONÃO ACONTECE NA NOSSA CIDADE!
  5. 5. BASTA! COM O TRABALHO INFANTIL
  6. 6. ATRAVÉS DO CARTAZ, OBSERVAMOS IMAGENS SOBRE O TRABALHO INFANTIL
  7. 7. COM A ILUSTRAÇÃO MOSTRAMOS O QUE ENTENDEMOS SOBRE O TEMA
  8. 8. E ELES FORAM SURGINDO...
  9. 9. ASSIM O CARTAZ FOI PREENCHIDO.
  10. 10. FIZEMOS ENTREVISTAS UNS COM OS OUTROS, COM O USO DO LAPTOP E ASSISTIMOS VIDEOS SOBRE O TRABALHO INFANTIL
  11. 11. PARA CONCLUIR ASSISTIMOS VIDEO QUE RETRATA ESSA REALIDADE
  12. 12. CONHECEMOS OS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  13. 13. ATRAVÉS DA PINTURA E TEXTO CONHECEMOS OS NOSSOS DIREITOS ENQUANTO CRIANÇAS
  14. 14. PRINCÍPIO 1º PRINCÍPIO 2º PRINCÍPIO 3ºToda criança será beneficiada Toda criança tempor esses direitos, sem Desde o dia em que direito a proteçãonenhuma discriminação por nasce, toda criança especial, e a todas asraça, cor, sexo, língua, religião, tem direito a um facilidades epaís de origem, classe social ou nome e uma oportunidades para seriqueza. Toda e qualquer nacionalidade, ou desenvolvercriança do mundo deve ter seja, ser cidadão de plenamente, comseus direitos respeitados! um país. liberdade e dignidade. PRINCÍPIO 4º PRINCÍPIO 5º As crianças têm direito à crescer com saúde. Crianças com deficiência Para isso, as futuras mamães também têm física ou mental devem direito a cuidados especiais, para que seus receber educação e cuidados filhos possam nascer saudáveis. Toda criança especiais! Porque elas também têm direito a alimentação, habitação, merecem respeito como recreação e assistência médica! qualquer criança!
  15. 15. PRINCÍPIO 6º PRINCÍPIO 7ºToda criança deve crescer em umambiente de amor, segurança e Toda criança tem direito de recebercompreensão. As crianças devem ser educação primária gratuita, e tambémcriadas sob o cuidado dos pais, e as de qualidade, para que possa terpequenas jamais deverão separar-se da oportunidades iguais paramãe, a menos que seja necessário. O desenvolver suas habilidades. E comogoverno e a sociedade têm a obrigação brincar também é um jeito gostoso dede fornecer cuidados especiais para as aprender, as crianças também têmcrianças que não têm família nem todo o direito de brincar e se divertir!dinheiro para viver decentemente. PRINCÍPIO 9ºPRINCÍPIO 8º Nenhuma criança deverá sofrer por poucoSeja em uma emergência ou caso dos responsáveis ou do governo, nemacidente, ou em qualquer outro por crueldade e exploração. Nenhumacaso, a criança deverá ser a criança deverá trabalhar antes da idadeprimeira a receber proteção e mínima, nem será levada a fazer atividadessocorro dos adultos. que prejudiquem sua saúde, educação e desenvolvimento.
  16. 16. PRINCÍPIO 10ºA criança deverá ser protegida contra qualquer tipo depreconceito, seja de raça, religião ou posição social.Toda criança deverá crescer em um ambiente decompreensão, tolerância e amizade, de paz e defraternidade universal.
  17. 17. Direito a ser protegido contra oabandono e a exploração no trabalho. VALEU TURMA!!!

×