Cap. 22

4.010 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.010
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
70
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
186
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cap. 22

  1. 1. Profº Luiz Staut<br />Mollusca e Annelida<br />
  2. 2. Filo Mollusca possui representantes no mar, na água doce e na terra, sendo mais de 100.000 espécies vivas.<br /> Possuem essa denominação por terem corpo mole. <br /> Ex. os caracóis e as lesmas (gastrópodes), as ostras (bivalves) e os polvos e lulas (cefalópodes).<br />Filo Mollusca<br />
  3. 3. ESTRUTURA CORPORAL<br />Cabeça: Contêm gânglios nervosos associados a órgãos dos sentidos por vezes complexos. A boca apresenta uma rádula, membrana sobre a qual se dispõem filas de dentes córneos virados para trás, que funciona como um raspador para retirar alimentos;<br /> Pé ventral: Órgão musculoso utilizado na locomoção, captura de presas, natação, etc., pelo que pode ser extremamente modificado; <br /> Massa visceral dorsal: Concentra a maioria dos sistemas (digestivo, excretor, reprodutor, etc.); <br /> Manto: Prega de tecido da parede dorsal do corpo que recobre a massa visceral e contém glândulas que segregam a concha. O manto delimita uma cavidade, do manto ou paleal, onde se localizam os órgãos respiratórios; <br /> Cavidade do manto (palial): espaço entre o corpo e o manto. <br />Caracterização<br />
  4. 4.
  5. 5. SIMETRIA<br /> Os moluscos possuem simetria bilateral, podendo existir representantes assimétricos, alguns possuem uma concha, podendo ela ser interna ou externa.<br />DIGESTÃO<br />Completo, com boca e ânus, e com órgãos diferenciados (faringe, esófago, estômago, intestino e glândulas digestivas anexas).<br />
  6. 6. CIRCULAÇÃO<br />Exceto nos cefalópodes, o sistema circulatório é aberto, ou seja, parte do trajeto do sangue é feito fora de vasos sanguíneos, em espaços designados lacunas, o que para animais de movimento lento será suficiente. O coração localiza-se dorsalmente. <br />EXCREÇÃO<br />A excreção é feita por metanefrídios.<br />
  7. 7. SISTEMA NERVOSO<br />É do tipo ganglionar.<br />ALIMENTAÇÃO<br /> A alimentação dos moluscos é variada: podem ser herbívoros ou carnívoros.<br />REPRODUÇÃO<br />Podem ser hermafroditas ou dióicos, a fecundação pode ser interna ou externa e o desenvolvimento pode ser direto ou indireto.<br />
  8. 8. Existem dez classes de moluscos, oito que ainda vivem e duas que só são conhecidas através de fósseis.<br />Classes<br />
  9. 9. A maior classe de moluscos, cerca de 40 mil espécies viventes; marinhos, de água doce e terrestres;<br />Apresentam uma única concha e seu corpo é mole, mas apresenta uma forte musculatura que o ajuda a se locomover. Seu sistema digestivo é bem desenvolvido e apresentam um par de tentáculos na cabeça com olhos nas pontas. A boca apresenta uma mandíbula e a rádula usada para ralar o alimento, seu pulmão é em forma de câmara. São exemplos de gastrópodes a lesmas, o caracol e o caramujo.<br />Classe Gastropoda<br />
  10. 10.
  11. 11. Classe Bivalvia<br /> Apresentam duas valvas interligadas por fortes músculos formando a sua concha, seu corpo mole fica protegido no interior destas valvas. Não apresentam cabeça e seu pé se expande para fora ou se recolhe completamente quando ele se fecha. São chamados de animais filtradores, já que retiram da água as partículas de alimento e o oxigênio que circula entre as suas brânquias. São exemplos mariscos, lepas e ostras.<br />
  12. 12. Classe Cephalopoda<br />O aspecto de seu corpo justifica seu nome, os pés na cabeça. Apresenta uma concha interna no interior do corpo. A massa visceral é na realidade a cabeça e os pés são modificados em tentáculos. Estes animais se locomovem auxiliados pelo movimento da água que passa por um tubo ou sifão que fica junto à cabeça. São carnívoros e a sua respiração é branquial. Apresentam ventosas para fixação nos tentáculos. São exemplos o polvo, a lula, o Nautilus e o Argonauta.<br /> Capacidade de camuflagem, presença de uma glândula de tinta.<br />
  13. 13.
  14. 14. Filo Annelida<br /> Os anelídeospossuem o corpo segmentado (metamerizado) em anéis. São triblásticos, celomados, protostômios e possuem um sistema digestório completo, com boca e ânus. Existem cerca de 15 mil espécies descritas. Variam de poucos milímetros até mais de 3 metros. Os representantes mais conhecidos são as minhocas e as sanguessugas.<br />
  15. 15. TEGUMENTO<br />Formado por uma cutícula externa secretada pela epiderme, que é rica em glândulas produtoras de muco. Na região subcutânea existem terminações nervosas. Possuem um sistema de músculos longitudinais.<br />DIGESTÃO<br />O sistema digestório é completo, com forma tubular, com boca e ânus e a digestão é do tipo extracelular. É bastante especializado pois existe uma grande variedade de dietas. Presença de estruturas que aumentam a superfície de absorção do intestino: os cecos intestinais e o tissofole.<br />Caracterização<br />
  16. 16. EXCREÇÃO<br />O sistema excretor é formado por metanefrídios. Cada segmento do corpo possui um par de nefrídios. Os metanefrídio são comuns em animais de simetria bilateral que não precisam conservar água.<br />
  17. 17. CIRCULAÇÃO<br />A circulação é do tipo fechada, ou seja, o sangue é totalmente canalizado. Possui dois vasos sanguíneos principais, um dorsal e um ventral, que são ligados transversalmente por 5 vasos contráteis, que funcionam como 5 corações. <br />
  18. 18. RESPIRAÇÃO<br />A respiração é do tipo cutânea ou tegumentar, mas em alguns representantes marinhos ela é branquial. Na respiração cutânea ou tegumentar as trocas gasosas são feitas por difusão.<br />
  19. 19. SISTMA NERVOSO<br />É do tipo ganglionar, formado por vários gânglios conectados por um cordão nervoso, chamado periesofagiano.<br />
  20. 20.
  21. 21. REPROUÇÃO<br />As formas de reprodução variam muito entre as espécies. Podem ser monóicos ou dióicos, com desenvolvimento direto ou indireto e com fecundação cruzada. Pode ocorrer reprodução assexuada por esquizogênese.<br />
  22. 22. Oligochaeta: apresentam corpo cilíndrico, com poucas cerdas. São hermafroditas, com fecundação externa e desenvolvimento direto. Possuem uma estrutura chamada clitelo, que é uma região espessa da epiderme, local onde ocorre o desenvolvimento embrionário. Os músculos são reforçados por lamelas de colágeno. Os representantes mais conhecidos desta classe são as minhocas.<br />Classes<br />
  23. 23. Polichaeta: Anelídeos que possuem muitas cerdas, localizadas em projeções laterais do corpo (parapódios), normalmente existe um par por segmento. São animais marinhos, normalmente dióicos e com desenvolvimento indireto, com fases larvais. <br />
  24. 24. Hirudinea: Animais desprovidos de cerdas, possuem uma ventosa ao redor da boca e na parte posterior do corpo. São hermafroditas, fazem fecundação cruzada e têm desenvolvimento direto. Um exemplo de representante dessa classe são as sanguessugas.<br />
  25. 25. Fim<br />

×