A sociologia de max weber - CEI

1.457 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.457
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
597
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A sociologia de max weber - CEI

  1. 1. A sociologia de MAX WEBER PROFESSOR : LÚCIO BRAGA
  2. 2. O Tipo ideal  O tipo ideal de Max Weber corresponde ao que Florestan Fernandes definiu como conceitos sociológicos construídos interpretativamente como instrumentos de ordenação da realidade.  O conceito, ou tipo ideal, é previamente construído e testado, depois aplicado a diferentes situações em que dado fenômeno possa ter ocorrido.  À medida que o fenômeno se aproxima ou se afasta de sua manifestação típica, o sociólogo pode identificar e selecionar aspectos que tenham interesse à explicação como, por exemplo os fenômenos típicos “capitalismo” e “feudalismo”.
  3. 3. Ação social: uma ação com sentido  O ponto de partida da sociologia de Max Weber não estava nas entidades coletivas, grupos ou instituições.  Seu objeto de investigação é a ação social, a conduta humana dotada de sentido, isto é, de uma justificativa subjetivamente elaborada.  Assim, o homem passou a ter, enquanto indivíduo, na teoria weberiana, significado e especificidade. É ele que dá sentido `a sua ação social: estabelece a conexão entre motivo da ação, a ação propriamente dita e seus efeitos.
  4. 4. Ação social em weber  as normas sociais só se tornam concretas quando se manifestam em cada indivíduo sob forma de motivação. Cada sujeito age levado por um motivo que é dado pela tradição, por interesses racionais ou pela emotividade  A tarefa do cientista social é descobrir os possíveis sentidos das ações humanas presentes na realidade social que lhe interessa estudar. O sentido, por um lado, é expressão da motivação individual, formulado expressamente pelo agente ou implícito em sua conduta.
  5. 5. Ação social  Para Weber, o sociólogo deve compreender o sentido das denominadas “ações sociais”, investigado a sociedade a procura de características comum entre os indivíduos para compreender comportamentos sociais.  Todavia, a uma infinidade de informações que para ser analisadas, devem-se construir ideias, que não existem, mas que irá nortear a referida análise.  São os chamados “tipos ideais”
  6. 6. Tipos de ação social  Ações racionais  Ação social racional com relação a fins – sendo a ação, racional. Ou seja, ter a escolha de melhores meios utilizando-se da racionalidade para que se realize um fim.  Ação social racional com relação a valores – na qual, não é o fim que orienta a ação, mas a o valor (ético, político, estético e religioso), pois há inúmeras coisas que fazem com que as pessoas sigam tais preceitos.  Ações irracionais  Ação social afetiva – a conduta e movida por sentimentalismo ( vingança, orgulho, loucura, medo, inveja, paixão...).  Ação tradicional – tem como fonte motivadora os hábitos e os costumes enraizados.
  7. 7. Outros exemplos  ---> Racional com respeito aos fins - alunos que estudam para passar de ano, trabalhar horas extras para ser promovido.  ---> Racional com respeito aos valores - alguém que dá tudo o que tem a uma instituição de caridade, sem se preocupar com o fato de que agindo assim, possa cair na pobreza.  ---> Afetiva - essa ação envolve emoções, como na família, ou na relação entre a multidão e um ídolo (seja ele um cantor de rock ou um líder religioso).  ---> Tradicional - quando o indivído age de determinada forma porque seus pais ou avós agiam da mesma maneira.
  8. 8. Exemplo de Ação Social Tradicional
  9. 9. Trabalho individual – relacione cada tipo de ação social com uma notícia de jornal, revista, internet...entrega dia 27 de março- valor 2,0 pts  Ações racionais  Ação social racional com relação a fins – sendo a ação, racional. Ou seja, ter a escolha de melhores meios utilizando-se da racionalidade para que se realize um fim.  Ação social racional com relação a valores – na qual, não é o fim que orienta a ação, mas a o valor (ético, político, estético e religioso), pois há inúmeras coisas que fazem com que as pessoas sigam tais preceitos.  Ações irracionais  Ação social afetiva – a conduta e movida por sentimentalismo ( vingança, orgulho, loucura, medo, inveja, paixão...).  Ação tradicional – tem como fonte motivadora os hábitos e os costumes enraizados.

×