20-PRICING

167 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
167
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

20-PRICING

  1. 1. 20-1 Avaliação de Projetos e Investimentos Pricing & Valuation
  2. 2. 20-2 Pricing (Preço) Pricing tem a ver com preço e objetividade e portanto com custos. É a análise realizada pelos olhos de quem quer vender ou pode ser vendido. Como utiliza-se de técnicas de avaliação semelhantes ao Valuation muitos denominam a atividade como tal. Exemplo real: Sistram Pricing tem a ver com preço e objetividade e portanto com custos. É a análise realizada pelos olhos de quem quer vender ou pode ser vendido. Como utiliza-se de técnicas de avaliação semelhantes ao Valuation muitos denominam a atividade como tal. Exemplo real: Sistram
  3. 3. 20-3 Valuation (Valor) Valuation tem a ver com valor, portanto carrega certa subjetividade. É a análise realizada pelos olhos de quem quer comprar ou pode ser comprado. Como o Pricing, utiliza técnicas muito semelhantes mas neste caso o valor depende muito das características do provável comprador Exemplo real: Banespa Valuation tem a ver com valor, portanto carrega certa subjetividade. É a análise realizada pelos olhos de quem quer comprar ou pode ser comprado. Como o Pricing, utiliza técnicas muito semelhantes mas neste caso o valor depende muito das características do provável comprador Exemplo real: Banespa
  4. 4. 20-4 Referências e suas diferenças Aaron Dolgolf Tom Copeland Damodaran Titman & Sheridan Aaron Dolgolf Tom Copeland Damodaran Titman & Sheridan
  5. 5. 20-5 Conteúdo 1. Visão Geral da Avaliação 2. Projetando a avaliando Fluxos de Caixa 2. Análise de Risco de Projeto 3. Custo de Capital de Empresas 4. Custo de Capital de Projetos 5. Avaliação relativa 6. Avaliação de Empreendimentos 7. Private Equity 8. Futuros, Opções e Avaliações Reais 1. Visão Geral da Avaliação 2. Projetando a avaliando Fluxos de Caixa 2. Análise de Risco de Projeto 3. Custo de Capital de Empresas 4. Custo de Capital de Projetos 5. Avaliação relativa 6. Avaliação de Empreendimentos 7. Private Equity 8. Futuros, Opções e Avaliações Reais
  6. 6. 20-6 1. Visão Geral da Avaliação As empresas crescem e expandem suas operações de uma de duas maneiras: Ou adquirem melhor capacidade produtiva reunindo os ativos necessários, neste caso o problema de avaliação é chamado de avaliação do projeto. Ou adquirem os ativos produtivos de uma empresa existente, neste caso o problema da avaliação é denominada avaliação do empreendimento. As empresas crescem e expandem suas operações de uma de duas maneiras: Ou adquirem melhor capacidade produtiva reunindo os ativos necessários, neste caso o problema de avaliação é chamado de avaliação do projeto. Ou adquirem os ativos produtivos de uma empresa existente, neste caso o problema da avaliação é denominada avaliação do empreendimento.
  7. 7. 20-7 1.0 Projetando e avaliando FCs Projeto / EmpreendimentoProjeto / Empreendimento $ 50 milhões(*) Infelizmente há várias simbologias para o VPL deste exemplo simplificado de projeto. Alfred Marschal definia como EP sigla em inglês de Lucro Econômico Vários autores utilizam siglas diferentes EVA,VEA, VEC,VC, etc... Não é a toa que para alguns pareça difícil estudar Administração Financeira $ 250 milhões Recursos ($ 100 milhões) Projeto / Empreendimento Investidores (Acionistas e Credores)
  8. 8. 20-8 Pontos a considerar em Avaliação Os ganhos são potencialmente grandes para justificar uma avaliação? Quais os riscos e como devem ser tratados? Qual é o tipo e estrutura do financiamento? Qual o resultado do investimento a curto prazo? Qual o resultado do investimento a longo prazo? O investimento tem flexibilidade? O investimento é tem valor de abandono? Os ganhos são potencialmente grandes para justificar uma avaliação? Quais os riscos e como devem ser tratados? Qual é o tipo e estrutura do financiamento? Qual o resultado do investimento a curto prazo? Qual o resultado do investimento a longo prazo? O investimento tem flexibilidade? O investimento é tem valor de abandono?
  9. 9. 20-9 Processo de Avaliação Avaliar estratégicamente o investimento Definir o(s) metódo(s) de avaliação do investimento. A escolha do método têm grande implicação na avaliação. Avaliações fundamentalistas bem feitas (como exemplo o Fluxo de Caixa descontado) devem conter no mínimo balanços patrimoniais e demonstrações e demonstrações de resultado projetados e devidamente conciliados, levando-se em conta as premissas operacionais do investimento e a estrutura de capital. Analisar se os valores apresentados fazem sentido. É difícil mas as avaliações deveriam conter uma projeção nominal e real, com valores muito próximos. Pela lógica econômica o valor presente nominal e real deveria ser o mesmo. Avaliar estratégicamente o investimento Definir o(s) metódo(s) de avaliação do investimento. A escolha do método têm grande implicação na avaliação. Avaliações fundamentalistas bem feitas (como exemplo o Fluxo de Caixa descontado) devem conter no mínimo balanços patrimoniais e demonstrações e demonstrações de resultado projetados e devidamente conciliados, levando-se em conta as premissas operacionais do investimento e a estrutura de capital. Analisar se os valores apresentados fazem sentido. É difícil mas as avaliações deveriam conter uma projeção nominal e real, com valores muito próximos. Pela lógica econômica o valor presente nominal e real deveria ser o mesmo.
  10. 10. 20-9 Processo de Avaliação Avaliar estratégicamente o investimento Definir o(s) metódo(s) de avaliação do investimento. A escolha do método têm grande implicação na avaliação. Avaliações fundamentalistas bem feitas (como exemplo o Fluxo de Caixa descontado) devem conter no mínimo balanços patrimoniais e demonstrações e demonstrações de resultado projetados e devidamente conciliados, levando-se em conta as premissas operacionais do investimento e a estrutura de capital. Analisar se os valores apresentados fazem sentido. É difícil mas as avaliações deveriam conter uma projeção nominal e real, com valores muito próximos. Pela lógica econômica o valor presente nominal e real deveria ser o mesmo. Avaliar estratégicamente o investimento Definir o(s) metódo(s) de avaliação do investimento. A escolha do método têm grande implicação na avaliação. Avaliações fundamentalistas bem feitas (como exemplo o Fluxo de Caixa descontado) devem conter no mínimo balanços patrimoniais e demonstrações e demonstrações de resultado projetados e devidamente conciliados, levando-se em conta as premissas operacionais do investimento e a estrutura de capital. Analisar se os valores apresentados fazem sentido. É difícil mas as avaliações deveriam conter uma projeção nominal e real, com valores muito próximos. Pela lógica econômica o valor presente nominal e real deveria ser o mesmo.

×