Atividade3larissagabrielamartinsrodrigues

60 visualizações

Publicada em

Tecnófobo: Um não ao uso dos computadores nas escolas.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
60
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atividade3larissagabrielamartinsrodrigues

  1. 1. Um obstáculo para a interação Larissa Gabriela Martins Rodrigues
  2. 2. "... pais deveriam reconhecer a necessidade de construir novos tipos de relacionamentos com suas crianças e deveriam ver o computador como um veículo para construir a coesão familiar, em lugar de ser um obstáculo para ela."
  3. 3. O computador deveria vir em forma de coesão, aumentar o rendimento escolar, trazer fontes novas de conhecimento... Porém suas altas informações e sua “sedução” em jogos e mídia afasta uma possível forma de um novo aprendizado completo e seguro.
  4. 4. “...o que acontece com um estudante que se acostuma a aprender com computadores? Será que ele vai tolerar uma classe normal sem todos aqueles efeitos cosméticos e de joguinho eletrônico?”
  5. 5. A escola promove relações sociais que são adquiridas pelo contato entre colegas de classe e professores. “O que queremos ensinar nossas crianças e jovens, serem levados a interações sociais por máquinas ou por um interesse interior e prazer em vida social rica com contatos pessoais diretos? ”
  6. 6. O ideal é que se construa no aluno por meio da leitura, produção de textos e desenvolvimento de problemas matemáticos, um total domínio sobre a fala,escrita e interação social. O pensamento maquinal gerado pelo uso do computador pode: Levar a um pensamento lógico, não ambíguo, esperando que tudo no mundo seja uma abstração, determinístico e previsível como são os computadores.
  7. 7. Com o computador: Individual Sem o computador: Coletivo
  8. 8. Há muito o que se aprender , porém, a mecanização da escola com o uso do computador diminuiria uma relação quem vem dando certo a anos: a interação entre professor e aluno. Que a escola continue promovendo a interação social, o desenvolvimento de um intelecto livre de regras e códigos. Que a multiplicidade de valores que só são transmitidos oralmente continue tendo seu espaço.
  9. 9. “Em particular, tememos que os computadores usados cedo demais contribuirão para criar adultos insensíveis e amorais, comportando-se e reagindo como máquinas, incapazes de sentir interesse e compaixão por outras pessoas e sem responsabilidade de agir socialmente. Isso significa a destruição de algumas de nossas mais essenciais características humanas, que nos distinguem dos animais e das máquinas.”
  10. 10.  UMA REVISÃO DE ARGUMENTOS A FAVOR DO USO DE COMPUTADORES NA EDUCAÇÃO ELEMENTAR  Valdemar W.Setzer Depto. de Ciência da Computação, Instituto de Matemática e Estatística da USP  vwsetzer@ime.usp.br - www.ime.usp.br/~vwsetzer Os computadores e a educação. Aspectos gerais A. S. Alves/Esc. Sec. da Quinta das Flores

×