SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 23
Estrutura da Internet
Larissa Xavier Camargos
Engenharia Civil – Primeiro Período
Roteiro
 Estrutura Física
 Conceitos(www,navegador,dominio,url)
 Ameaças Virtuais
 Segurança na internet
Estrutura Física
 A Internet está fisicamente estruturada de
forma “quase” centralizada ou seja não há
um “computador central” na rede.
 Existe uma conexão de banda muito larga
(altíssima velocidade) que interliga vários
centros de informática e telecomunicações
de várias empresas.
Estrutura Física
 Esta “rodovia” é chamada Backbone que e
uma rede dielétrica ou subterrânea em fibra
óptica, constituída por cabos que, em
conjunção com equipamentos terminais
adequados, permitem a disponibilização de
canais de comunicação para serviços de
transmissão de dados, voz e imagem.
 A internet é formada por milhões de unidade
de armazenamentos de dados espalhada pelo
globo e os provedores apenas disponibilizam
o acesso a rede.
Conceitos
WWW
• Navegador
Domínio
• URL
WWW
 É a sigla para World Wide Web.
 É um sistema em hipermídia,ou seja,e a
reunião de várias mídias interligadas por
sistemas eletrônicos de comunicação e
executadas na Internet.
 A tradução literal de world wide web é "teia
em todo o mundo" ou "teia do tamanho do
mundo", e indica a potencialidade da
internet, capaz de conectar o mundo, como
se fosse uma teia.
www
A Web funciona através de três parâmetros:
 URL, que especifica o endereço único que cada
página vai receber, e é como ela vai ser encontrada
quando os usuários digitarem.
 HTTP, que é um protocolo de comunicação que
permite a transferência de informação entre redes.
 HTML, que é um método de codificar a
informação da internet, para ser exibida de diversas
maneiras.
www
Navegador
 É um programa que habilita seus usuários a interagirem com
documentos HTML hospedados em um servidor da rede.
 Tem destacada relevância na era da web 2.0, uma vez que quase
tudo do que se necessita está online.
 A principal função do navegador é colocar ao alcance do usuário de
forma rápida e simples toda informação carregada ou incluída na
World Wide Web, ou simplesmente na Web, por usuários e criadores
de todo mundo.
Navegador
 Os primeiros navegadores tinham apenas
texto, mas com o tempo foram criados
mecanismos para interagir com o usuário,
com interfaces rápidas, coloridas e de fácil
acesso.
 Os navegadores mais usados são : Google
Chrome, Safari, Mozilla Firefox, Internet
Explorer.
Navegador
Domínio
 Domínio é um nome que serve para localizar e
identificar conjuntos de computadores na internet.
 Foi concebido com o objetivo de facilitar a
memorização dos endereços de computadores na
Internet. Exemplos: .com , .br , .org , .edu , .Net .
 Pelas atuais regras, para que o registro de um
domínio seja efetivado, são necessários ao menos
dois servidores DNS conectados à Internet e já
configurados para o domínio que está sendo
solicitado.
Domínio
URL
 E uma sigla correspondente às palavras inglesas
"Uniform Resource Locator“ traduzindo como
Localizador Uniforme de Recursos.
 Um URL se refere ao endereço de rede no qual
se encontra algum recurso informático como por
exemplo um arquivo de computador ou um
dispositivo periférico (impressora, equipamento,
multifuncional,unidade de rede etc.).
 Essa rede pode ser a Internet, uma rede
corporativa (como uma intranet) .
URL
Nas redes TCP/IP, um URL completo possui a seguinte estrutura:
 O esquema é o protocolo. Poderá ser HTTP, HTTPS, FTP et
 O domínio é o endereço da máquina: designa o servidor que
disponibiliza o documento ou recurso solicitado.
 A porta é o ponto lógico no qual se pode executar a conexão com o
servidor. (opcional)
 O caminho especifica o local (geralmente num sistema de arquivos)
onde se encontra o recurso, dentro do servidor.
 A query string é um conjunto de um ou mais pares "pergunta-
resposta" ou "parâmetro-argumento" (como por
exemplo nome=fulano, em que nome pode ser uma variável,
e fulano é o valor (argumento) atribuído a nome). É
uma string enviada ao servidor para que seja possível filtrar ou
mesmo criar o recurso. (opcional)
 O fragmento é uma parte ou posição específica dentro do recurso.
(opcional)
Intranet
 A intranet é uma rede de computadores privada que
assenta sobre a suíte de protocolos da Internet, porém,
de uso exclusivo de um determinado local, como, por
exemplo, a rede de uma empresa, que só pode ser
acessada pelos seus utilizadores ou colaboradores
internos.
 O principal objectivo de uma intranet é compartilhar
informações sobre a organização e recursos de
computação entre os utilizadores. Uma intranet
também pode ser usada para facilitar o trabalho em
grupo.
Extranet
 Uma extranet é uma rede de computadores
que permite acesso externo controlado, para
negócios específicos ou propósitos
educacionais.
 Uma extranet pode ser vista como uma
extensão de uma intranet da organização que
é estendida para usuários externos à
organização, geralmente parceiros,
vendedores e fornecedores, em isolamento
de todos os outros usuários da Internet.
Ameaças Virtuais
 São ações praticadas por softwares projetados com
intenções danosas.
 As conseqüências são bastante variadas, algumas têm
como instrução infectar ou invadir computadores
alheios, danificar seus componentes de hardware ou
software, através da exclusão de arquivos, alterando o
funcionamento da máquina ou até mesmo deixando
o computador vulnerável a outros tipos de ataques.
Existem os que visam os dados do usuário, com a
captura de informações sigilosas (senhas e números
de cartões de créditos entre outros).
Tipos de Ameaças Virtuais
Segurança da Internet
 A segurança é responsável pela criação de métodos,
procedimentos e normas que buscam identificar e
eliminar as vulnerabilidades das informações e
equipamentos físicos, como os computadores.
 Este tipo de segurança conta com bases de dados,
arquivos e aparelhos que fazem com que informações
importantes não caiam em mãos de pessoas erradas.
 Uma das melhores formas de se manter seguro na
internet é usando antivírus nos computadores, por isso
sempre recomendamos ter um instalado nos seus
equipamentos.
Segurança na Internet
 Uma das formas de evitar são manter
ativos e atualizados os antivírus em
nossos aparelhos que acessam à Internet,
evitar fazer transações financeiras em
redes abertas ou em computadores
públicos e verificar os arquivos anexos de
mensagens de estranhos, evitando baixá-
los se não tiver certeza do seu conteúdo.
Conclusão
 A Internet e o meio de comunicação
mais importante que temos
atualmente,porem deve ser usado com
prudência e cautela e uma ferramente
indispensável.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conceito de redes de computadores
Conceito de redes de computadoresConceito de redes de computadores
Conceito de redes de computadores
Rodinei02
 
Conceitos de Internet
Conceitos de InternetConceitos de Internet
Conceitos de Internet
CINTIA AGUIAR
 
Principais Conceitos Internet
Principais Conceitos InternetPrincipais Conceitos Internet
Principais Conceitos Internet
Claudio Toldo
 
Os principais serviços de internet
Os principais serviços de internetOs principais serviços de internet
Os principais serviços de internet
jogos_do_dvd
 

Mais procurados (20)

Estrutura da Internet
Estrutura da InternetEstrutura da Internet
Estrutura da Internet
 
A internet
A internetA internet
A internet
 
A internet
A internetA internet
A internet
 
Slide Internet
Slide InternetSlide Internet
Slide Internet
 
Ambiente web 16
Ambiente web 16Ambiente web 16
Ambiente web 16
 
Centro universitário de patos de minas
Centro universitário de patos de minasCentro universitário de patos de minas
Centro universitário de patos de minas
 
Conceito de redes de computadores
Conceito de redes de computadoresConceito de redes de computadores
Conceito de redes de computadores
 
05 internet
05   internet05   internet
05 internet
 
Conceitos de Internet
Conceitos de InternetConceitos de Internet
Conceitos de Internet
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Internet trabalho
Internet trabalhoInternet trabalho
Internet trabalho
 
Aula básica de internet
Aula básica de internetAula básica de internet
Aula básica de internet
 
Introdução à internet
Introdução à internetIntrodução à internet
Introdução à internet
 
Trabalho de informatica slide
Trabalho de informatica slideTrabalho de informatica slide
Trabalho de informatica slide
 
Principais Conceitos Internet
Principais Conceitos InternetPrincipais Conceitos Internet
Principais Conceitos Internet
 
Os principais serviços de internet
Os principais serviços de internetOs principais serviços de internet
Os principais serviços de internet
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Intranet e extranet
Intranet e extranetIntranet e extranet
Intranet e extranet
 
Internet, intranet, extranet
Internet, intranet, extranetInternet, intranet, extranet
Internet, intranet, extranet
 

Semelhante a Estrutura da internet - UNIPAM

GlossáRio Elementar Internet
GlossáRio Elementar InternetGlossáRio Elementar Internet
GlossáRio Elementar Internet
guest7199343
 
03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf
03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf
03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf
ELIVELSON MAIA
 
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na redeNavegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Mariá Pohlmann da Silveira
 
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na redeNavegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Mariá Pohlmann da Silveira
 

Semelhante a Estrutura da internet - UNIPAM (20)

Internet
InternetInternet
Internet
 
Internet aula completa
Internet aula completaInternet aula completa
Internet aula completa
 
WebDesign - Aula01 - Introdução à Internet.pptx
WebDesign - Aula01 - Introdução à Internet.pptxWebDesign - Aula01 - Introdução à Internet.pptx
WebDesign - Aula01 - Introdução à Internet.pptx
 
A internet
A internetA internet
A internet
 
A internet
A internetA internet
A internet
 
Aula 4 – conceitos e tecnologias internet e intranet
Aula 4 – conceitos e tecnologias   internet e intranetAula 4 – conceitos e tecnologias   internet e intranet
Aula 4 – conceitos e tecnologias internet e intranet
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Slides de informatica internet
Slides de informatica  internetSlides de informatica  internet
Slides de informatica internet
 
GlossáRio Elementar Internet
GlossáRio Elementar InternetGlossáRio Elementar Internet
GlossáRio Elementar Internet
 
INFORMATICA
INFORMATICAINFORMATICA
INFORMATICA
 
Slide info
Slide infoSlide info
Slide info
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Pesquisa e apresentação - Internet
Pesquisa e apresentação - InternetPesquisa e apresentação - Internet
Pesquisa e apresentação - Internet
 
Pesquisa e Apresentação: Internet
Pesquisa e Apresentação: Internet Pesquisa e Apresentação: Internet
Pesquisa e Apresentação: Internet
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Apresentação INTERNET
Apresentação INTERNETApresentação INTERNET
Apresentação INTERNET
 
03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf
03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf
03-apostila-versao-digital-informatica-basica-015.909.942-05-1657644539.pdf
 
navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
navegação, pesquisa na internet e segurança na redenavegação, pesquisa na internet e segurança na rede
navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
 
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na redeNavegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
 
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na redeNavegação, pesquisa na internet e segurança na rede
Navegação, pesquisa na internet e segurança na rede
 

Estrutura da internet - UNIPAM

  • 1. Estrutura da Internet Larissa Xavier Camargos Engenharia Civil – Primeiro Período
  • 2. Roteiro  Estrutura Física  Conceitos(www,navegador,dominio,url)  Ameaças Virtuais  Segurança na internet
  • 3. Estrutura Física  A Internet está fisicamente estruturada de forma “quase” centralizada ou seja não há um “computador central” na rede.  Existe uma conexão de banda muito larga (altíssima velocidade) que interliga vários centros de informática e telecomunicações de várias empresas.
  • 4. Estrutura Física  Esta “rodovia” é chamada Backbone que e uma rede dielétrica ou subterrânea em fibra óptica, constituída por cabos que, em conjunção com equipamentos terminais adequados, permitem a disponibilização de canais de comunicação para serviços de transmissão de dados, voz e imagem.  A internet é formada por milhões de unidade de armazenamentos de dados espalhada pelo globo e os provedores apenas disponibilizam o acesso a rede.
  • 6. WWW  É a sigla para World Wide Web.  É um sistema em hipermídia,ou seja,e a reunião de várias mídias interligadas por sistemas eletrônicos de comunicação e executadas na Internet.  A tradução literal de world wide web é "teia em todo o mundo" ou "teia do tamanho do mundo", e indica a potencialidade da internet, capaz de conectar o mundo, como se fosse uma teia.
  • 7. www A Web funciona através de três parâmetros:  URL, que especifica o endereço único que cada página vai receber, e é como ela vai ser encontrada quando os usuários digitarem.  HTTP, que é um protocolo de comunicação que permite a transferência de informação entre redes.  HTML, que é um método de codificar a informação da internet, para ser exibida de diversas maneiras.
  • 8. www
  • 9. Navegador  É um programa que habilita seus usuários a interagirem com documentos HTML hospedados em um servidor da rede.  Tem destacada relevância na era da web 2.0, uma vez que quase tudo do que se necessita está online.  A principal função do navegador é colocar ao alcance do usuário de forma rápida e simples toda informação carregada ou incluída na World Wide Web, ou simplesmente na Web, por usuários e criadores de todo mundo.
  • 10. Navegador  Os primeiros navegadores tinham apenas texto, mas com o tempo foram criados mecanismos para interagir com o usuário, com interfaces rápidas, coloridas e de fácil acesso.  Os navegadores mais usados são : Google Chrome, Safari, Mozilla Firefox, Internet Explorer.
  • 12. Domínio  Domínio é um nome que serve para localizar e identificar conjuntos de computadores na internet.  Foi concebido com o objetivo de facilitar a memorização dos endereços de computadores na Internet. Exemplos: .com , .br , .org , .edu , .Net .  Pelas atuais regras, para que o registro de um domínio seja efetivado, são necessários ao menos dois servidores DNS conectados à Internet e já configurados para o domínio que está sendo solicitado.
  • 14. URL  E uma sigla correspondente às palavras inglesas "Uniform Resource Locator“ traduzindo como Localizador Uniforme de Recursos.  Um URL se refere ao endereço de rede no qual se encontra algum recurso informático como por exemplo um arquivo de computador ou um dispositivo periférico (impressora, equipamento, multifuncional,unidade de rede etc.).  Essa rede pode ser a Internet, uma rede corporativa (como uma intranet) .
  • 15. URL Nas redes TCP/IP, um URL completo possui a seguinte estrutura:  O esquema é o protocolo. Poderá ser HTTP, HTTPS, FTP et  O domínio é o endereço da máquina: designa o servidor que disponibiliza o documento ou recurso solicitado.  A porta é o ponto lógico no qual se pode executar a conexão com o servidor. (opcional)  O caminho especifica o local (geralmente num sistema de arquivos) onde se encontra o recurso, dentro do servidor.  A query string é um conjunto de um ou mais pares "pergunta- resposta" ou "parâmetro-argumento" (como por exemplo nome=fulano, em que nome pode ser uma variável, e fulano é o valor (argumento) atribuído a nome). É uma string enviada ao servidor para que seja possível filtrar ou mesmo criar o recurso. (opcional)  O fragmento é uma parte ou posição específica dentro do recurso. (opcional)
  • 16. Intranet  A intranet é uma rede de computadores privada que assenta sobre a suíte de protocolos da Internet, porém, de uso exclusivo de um determinado local, como, por exemplo, a rede de uma empresa, que só pode ser acessada pelos seus utilizadores ou colaboradores internos.  O principal objectivo de uma intranet é compartilhar informações sobre a organização e recursos de computação entre os utilizadores. Uma intranet também pode ser usada para facilitar o trabalho em grupo.
  • 17. Extranet  Uma extranet é uma rede de computadores que permite acesso externo controlado, para negócios específicos ou propósitos educacionais.  Uma extranet pode ser vista como uma extensão de uma intranet da organização que é estendida para usuários externos à organização, geralmente parceiros, vendedores e fornecedores, em isolamento de todos os outros usuários da Internet.
  • 18.
  • 19. Ameaças Virtuais  São ações praticadas por softwares projetados com intenções danosas.  As conseqüências são bastante variadas, algumas têm como instrução infectar ou invadir computadores alheios, danificar seus componentes de hardware ou software, através da exclusão de arquivos, alterando o funcionamento da máquina ou até mesmo deixando o computador vulnerável a outros tipos de ataques. Existem os que visam os dados do usuário, com a captura de informações sigilosas (senhas e números de cartões de créditos entre outros).
  • 20. Tipos de Ameaças Virtuais
  • 21. Segurança da Internet  A segurança é responsável pela criação de métodos, procedimentos e normas que buscam identificar e eliminar as vulnerabilidades das informações e equipamentos físicos, como os computadores.  Este tipo de segurança conta com bases de dados, arquivos e aparelhos que fazem com que informações importantes não caiam em mãos de pessoas erradas.  Uma das melhores formas de se manter seguro na internet é usando antivírus nos computadores, por isso sempre recomendamos ter um instalado nos seus equipamentos.
  • 22. Segurança na Internet  Uma das formas de evitar são manter ativos e atualizados os antivírus em nossos aparelhos que acessam à Internet, evitar fazer transações financeiras em redes abertas ou em computadores públicos e verificar os arquivos anexos de mensagens de estranhos, evitando baixá- los se não tiver certeza do seu conteúdo.
  • 23. Conclusão  A Internet e o meio de comunicação mais importante que temos atualmente,porem deve ser usado com prudência e cautela e uma ferramente indispensável.

Notas do Editor

  1. A Internet está fisicamente estruturada de forma “quase” centralizada. Explicando: não há um “computador central” na rede, não há um “cérebro” que a controle, mas existe uma conexão de banda muito larga (altíssima velocidade) que interliga vários centros de informática e telecomunicações de várias empresas, esta “rodovia” é chamada Backbone (mais ou menos como “Coluna vertebral”). 
  2. A internet nasceu como uma rede fechada, nos anos 60, com o nome de Aparnet. Criada em laboratórios militares dos Estados Unidos, servia para trocar informações entre computadores do governo. Só em 1989 a proposta ganhou a característica que conhecemos hoje com o surgimento do www (World Wide Web).
  3. Um encurtador de URL (ou URL shortener, em inglês) é uma ferramenta que compacta links muitos extensos. Compartilhar links muito grandes pode ser um problema, e por esse motivo, a divulgação de conteúdo online é mais fácil quando os links são mais curtos. Existem várias ferramentas que funcionam como encurtadores de URL, como o TinyURL, Bitly, Goo.gl, etc.