Successfully reported this slideshow.
• Verbos de dizer ou verbos de interlocução
• Uso de ch e x
• Marcas de oralidade: gírias
• Fonemas
• Pessoas do discurso ...
• Nos diálogos, a fala dos interlocutores é indicada pelo travessão. Na construção de
um diálogo, podemos utilizar também ...
• Observe as palavras que se seguem:
Todas apresentam o som /chê/, mas são usadas diferentes letras / grupos de letras par...
• Marcas de oralidade são expressões que costumamos usar na linguagem oral. As
gírias constituem um tipo dessas marcas.
• ...
• Nem sempre escrevemos os sons que falamos da mesma maneira.
• Por isso, podemos usar diferentes letras / grupos de letra...
• A menor unidade sonora (o som que difere uma palavra de outra) recebe o nome de
fonema.
• A menor unidade gráfica de uma...
• Em um diálogo, o emissor é aquele que emite a mensagem. Quem a ouve é o
receptor.
• O emissor representa a primeira pess...
• Existem duas espécies de pronomes pessoais: os retos e os oblíquos.
• Observe o quadro que se segue para relembrá-los:
P...
• Alguns dos pronomes que utilizamos indicam formalidade ou respeito.
• Damos o nome de pronomes de tratamento aos que ind...
• Alguns dos pronomes que utilizamos indicam formalidade ou respeito.
• Damos o nome de pronomes de tratamento aos que ind...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula de Português

558 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Aula de Português

  1. 1. • Verbos de dizer ou verbos de interlocução • Uso de ch e x • Marcas de oralidade: gírias • Fonemas • Pessoas do discurso e pronomes pessoais • Pronomes pessoais fixer00/ Shutterstock
  2. 2. • Nos diálogos, a fala dos interlocutores é indicada pelo travessão. Na construção de um diálogo, podemos utilizar também alguns verbos que indicam essas falas, como disse, acrescentou e respondeu. São os verbos de dizer ou de interlocução. • Há ainda muitos outros exemplos, como os verbos gritar, sussurrar, avisar, elogiar, interromper… Marish/ Shutterstock
  3. 3. • Observe as palavras que se seguem: Todas apresentam o som /chê/, mas são usadas diferentes letras / grupos de letras para representá-lo: cheias deixarbichopaixão Lorelyn Medina/ Shutterstock Lorelyn Medina/ Shutterstock
  4. 4. • Marcas de oralidade são expressões que costumamos usar na linguagem oral. As gírias constituem um tipo dessas marcas. • A gíria consiste na criação e no uso de termos que só são compreendidos por um grupo restrito de pessoas. • Muitas gírias deixam de ser usadas depois de algum tempo, mas algumas fazem tanto sucesso que permanecem em uso, são incorporadas às várias camadas sociais e até aos dicionários, como foi o caso de "legal", no sentido de coisa boa. • Quando se emprega uma gíria num texto escrito, é comum colocá-la entre aspas. EXEMPLOS: "vazar" - ir embora "tá ligado?" - sabe?
  5. 5. • Nem sempre escrevemos os sons que falamos da mesma maneira. • Por isso, podemos usar diferentes letras / grupos de letras para representar o mesmo som. EXEMPLOS: CH X chave xícara Som /chê/ deMatos/ Shutterstock Kraska/ Shutterstock
  6. 6. • A menor unidade sonora (o som que difere uma palavra de outra) recebe o nome de fonema. • A menor unidade gráfica de uma palavra recebe o nome de letra. EXEMPLOS: /k/ Pode ser representado por: C - carro K - kartQ - quadro QU - queijo Charlie Hutton/ Shutterstock N-trash/ Shutterstock freelanceartist/ Shutterstock Dman/ Shutterstock
  7. 7. • Em um diálogo, o emissor é aquele que emite a mensagem. Quem a ouve é o receptor. • O emissor representa a primeira pessoa do discurso, enquanto o receptor representa a segunda pessoa. Quem está fora da conversa, mas é mencionado nela, é a terceira pessoa do discurso. • As palavras que representam as pessoas do discurso, sem nomeá-las, são os pronomes pessoais, por exemplo: eu, ele e me. Petr Vaclavek/ Shutterstock
  8. 8. • Existem duas espécies de pronomes pessoais: os retos e os oblíquos. • Observe o quadro que se segue para relembrá-los: PRONOMES PESSOAIS Retos Oblíquos Átonos Tônicos eu me mim, comigo tu te ti, contigo ele/ ela se, o, (-lo, -no), a (-la, -na), lhe si, consigo, ele, ela nós nos nós, conosco vós vos vós, convosco eles/ elas se, os (-los, -nos), as (-las, -nas), lhes si, consigo, eles, elas
  9. 9. • Alguns dos pronomes que utilizamos indicam formalidade ou respeito. • Damos o nome de pronomes de tratamento aos que indicam uma maneira mais formal, respeitosa ou cerimoniosa de nos dirigirmos às pessoas. EXEMPLOS: Vossa Excelência (presidente da República) Vossa Majestade (reis e rainhas) Vossa Santidade (papa) Vossa Alteza (príncipes e duques) Yayayoyo/ Shutterstock
  10. 10. • Alguns dos pronomes que utilizamos indicam formalidade ou respeito. • Damos o nome de pronomes de tratamento aos que indicam uma maneira mais formal, respeitosa ou cerimoniosa de nos dirigirmos às pessoas. EXEMPLOS: Vossa Excelência (presidente da República) Vossa Majestade (reis e rainhas) Vossa Santidade (papa) Vossa Alteza (príncipes e duques) Yayayoyo/ Shutterstock

×