SlideShare uma empresa Scribd logo

Aula - Jornalismo Comunitário

O documento discute a globalização e seu impacto na mídia e sociedade, incluindo a concentração econômica, precarização do trabalho e padrões de consumo estimulados. Também aborda movimentos sociais e jornalismo comunitário como forma de resistência e voz para os excluídos.

1 de 30
Baixar para ler offline
Jornalismo
Comunitário
Prof.: Ms. Laércio Torres de Góes
Globalização
 Nações periféricas do
capitalismo
 Abertura e integração das
economias ao mercado
global.
 Aumento da concentração
de renda e da exclusão
social.
Globalização
 Crescimento do desemprego e do trabalho
informal.
 Flexibilização: capital e relações trabalhistas
Mídia - Globalização
 Mídia global sustentada por corporações e
transnacionais.
 Conglomerados de mídia desempenham
também o papel de agentes econômicos
globais.
 Todos eles figuram entre as 300 maiores
empresas não-financeiras do mundo.
Mídia - Globalização
Mídia - Globalização
 Agências de Notícias

Recomendados

Dinâmica para aula de sociologia e filosofia
Dinâmica para aula de sociologia e filosofiaDinâmica para aula de sociologia e filosofia
Dinâmica para aula de sociologia e filosofiaSeverina Maria Vieira
 
Aula: Jornalismo de revista - Laboratório de Jornalismo Impresso II - Revista...
Aula: Jornalismo de revista - Laboratório de Jornalismo Impresso II - Revista...Aula: Jornalismo de revista - Laboratório de Jornalismo Impresso II - Revista...
Aula: Jornalismo de revista - Laboratório de Jornalismo Impresso II - Revista...Revista Curinga Ufop
 
Movimentos sociais e educação
Movimentos sociais e educaçãoMovimentos sociais e educação
Movimentos sociais e educaçãoDiana Sampaio
 
Guia de aprendizagem 3º ano 2º semestre-2015
Guia de aprendizagem  3º ano  2º semestre-2015Guia de aprendizagem  3º ano  2º semestre-2015
Guia de aprendizagem 3º ano 2º semestre-2015Eduardo Oliveira
 
Avaliação de Sociologia (P1 - Primeiro Bimestre CNDL 2012)
Avaliação de Sociologia (P1 - Primeiro Bimestre CNDL 2012)Avaliação de Sociologia (P1 - Primeiro Bimestre CNDL 2012)
Avaliação de Sociologia (P1 - Primeiro Bimestre CNDL 2012)Edenilson Morais
 
Projeto Conhecendo nossa história, valorizando nossas raízes
Projeto Conhecendo nossa história, valorizando nossas raízesProjeto Conhecendo nossa história, valorizando nossas raízes
Projeto Conhecendo nossa história, valorizando nossas raízesRafael Costa
 
geografia-3-ano-medio.docx
geografia-3-ano-medio.docxgeografia-3-ano-medio.docx
geografia-3-ano-medio.docxAmanda Morato
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Plano de curso sociologia 1 ano
Plano de curso  sociologia 1 anoPlano de curso  sociologia 1 ano
Plano de curso sociologia 1 anoJoão Marcelo
 
Aula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do EnemAula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do EnemJoão Mendonça
 
Apostila de-sociologia-ensino-médio1-serie em
Apostila de-sociologia-ensino-médio1-serie emApostila de-sociologia-ensino-médio1-serie em
Apostila de-sociologia-ensino-médio1-serie emSeverina Maria Vieira
 
AULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL - OK
AULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL  - OKAULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL  - OK
AULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL - OKMarcelo Cordeiro Souza
 
O gênero textual entrevista
O gênero textual   entrevistaO gênero textual   entrevista
O gênero textual entrevistaRenally Arruda
 
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...GernciadeProduodeMat
 
Pesquisa Documental ou Análise de Documentos
Pesquisa Documental ou Análise de DocumentosPesquisa Documental ou Análise de Documentos
Pesquisa Documental ou Análise de DocumentosHilma Khoury
 
Apostila de sociologia para o 1º ano ensino médio
Apostila de sociologia para o 1º ano ensino médioApostila de sociologia para o 1º ano ensino médio
Apostila de sociologia para o 1º ano ensino médioMARISE VON FRUHAUF HUBLARD
 
ATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe Assunção
ATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe AssunçãoATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe Assunção
ATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe AssunçãoProf. Noe Assunção
 
Linguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdf
Linguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdfLinguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdf
Linguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdfGernciadeProduodeMat
 
Aula 05 escola de frankfurt e teoria crítica 01
Aula 05   escola de frankfurt e teoria crítica 01Aula 05   escola de frankfurt e teoria crítica 01
Aula 05 escola de frankfurt e teoria crítica 01Elizeu Nascimento Silva
 
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De PesquisaComo Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisamauricio aquino
 
Modelo projeto-mestrado
Modelo projeto-mestradoModelo projeto-mestrado
Modelo projeto-mestradopery-ap
 
A Sociedade de Massas
A Sociedade de MassasA Sociedade de Massas
A Sociedade de MassasJairo Felipe
 
50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia
50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia
50947318 plano-anual-2º-ano-sociologiaElisandra Santolin
 

Mais procurados (20)

Plano de curso sociologia 1 ano
Plano de curso  sociologia 1 anoPlano de curso  sociologia 1 ano
Plano de curso sociologia 1 ano
 
Aula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do EnemAula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do Enem
 
Apostila de-sociologia-ensino-médio1-serie em
Apostila de-sociologia-ensino-médio1-serie emApostila de-sociologia-ensino-médio1-serie em
Apostila de-sociologia-ensino-médio1-serie em
 
AULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL - OK
AULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL  - OKAULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL  - OK
AULA 09 - AULA DE REDACAO - EDITORIAL - OK
 
O gênero textual entrevista
O gênero textual   entrevistaO gênero textual   entrevista
O gênero textual entrevista
 
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA – 2ª SÉRIE –PLANEJAMENTO E ...
 
Pesquisa Documental ou Análise de Documentos
Pesquisa Documental ou Análise de DocumentosPesquisa Documental ou Análise de Documentos
Pesquisa Documental ou Análise de Documentos
 
Apostila de sociologia para o 1º ano ensino médio
Apostila de sociologia para o 1º ano ensino médioApostila de sociologia para o 1º ano ensino médio
Apostila de sociologia para o 1º ano ensino médio
 
ATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe Assunção
ATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe AssunçãoATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe Assunção
ATIVIDADE - INDÚSTRIA CULTURAL - Prof. Noe Assunção
 
Linguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdf
Linguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdfLinguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdf
Linguagens -3ª SÉRIE 3º BIMESTRE Professor.pdf
 
Aula 05 escola de frankfurt e teoria crítica 01
Aula 05   escola de frankfurt e teoria crítica 01Aula 05   escola de frankfurt e teoria crítica 01
Aula 05 escola de frankfurt e teoria crítica 01
 
Midia alternativa
Midia alternativaMidia alternativa
Midia alternativa
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
 
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De PesquisaComo Elaborar Um Projeto De Pesquisa
Como Elaborar Um Projeto De Pesquisa
 
Cultura, mídia e poder
Cultura, mídia e poderCultura, mídia e poder
Cultura, mídia e poder
 
TC - Estudos Culturais
TC - Estudos CulturaisTC - Estudos Culturais
TC - Estudos Culturais
 
Capítulo 8 - Classe e Estratificação Social
Capítulo 8 - Classe e Estratificação SocialCapítulo 8 - Classe e Estratificação Social
Capítulo 8 - Classe e Estratificação Social
 
Modelo projeto-mestrado
Modelo projeto-mestradoModelo projeto-mestrado
Modelo projeto-mestrado
 
A Sociedade de Massas
A Sociedade de MassasA Sociedade de Massas
A Sociedade de Massas
 
50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia
50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia
50947318 plano-anual-2º-ano-sociologia
 

Destaque

Aula - Mídia-educação aplicada na escola
Aula - Mídia-educação aplicada na escolaAula - Mídia-educação aplicada na escola
Aula - Mídia-educação aplicada na escolaLaércio Góes
 
Jornalismo especializado
Jornalismo especializadoJornalismo especializado
Jornalismo especializadoLaércio Góes
 
Jornalismo científico
Jornalismo científicoJornalismo científico
Jornalismo científicoLaércio Góes
 
Como formular um problema de pesquisa
Como formular um problema de pesquisaComo formular um problema de pesquisa
Como formular um problema de pesquisaLaércio Góes
 
Manuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalístico
Manuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalísticoManuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalístico
Manuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalísticoLaércio Góes
 
Etica Na ComunicaçãO
Etica Na ComunicaçãOEtica Na ComunicaçãO
Etica Na ComunicaçãOffasolo3
 
Ética na pós-modernidade
Ética na pós-modernidadeÉtica na pós-modernidade
Ética na pós-modernidadeLaércio Góes
 
Como redigir o projeto de pesquisa
Como redigir o projeto de pesquisaComo redigir o projeto de pesquisa
Como redigir o projeto de pesquisaLaércio Góes
 
Conceitos e fundamentos da ética
Conceitos e fundamentos da éticaConceitos e fundamentos da ética
Conceitos e fundamentos da éticaSuelly Francisco
 
A ética nos meios de comunicação
A ética nos meios de comunicaçãoA ética nos meios de comunicação
A ética nos meios de comunicaçãoElder Leite
 
Fundamentos da ética - legislação e ética da comunicação
Fundamentos da ética - legislação e ética da comunicaçãoFundamentos da ética - legislação e ética da comunicação
Fundamentos da ética - legislação e ética da comunicaçãoLaércio Góes
 
Comunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoComunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoFrancielle Hilbert
 
Ética da comunicação
Ética da comunicaçãoÉtica da comunicação
Ética da comunicaçãoLaércio Góes
 
Dinamica de grupo ii
Dinamica de grupo  iiDinamica de grupo  ii
Dinamica de grupo iiSilvana
 
O jogo da ética
O jogo da éticaO jogo da ética
O jogo da éticaChrys Souza
 

Destaque (20)

Aula - Mídia-educação aplicada na escola
Aula - Mídia-educação aplicada na escolaAula - Mídia-educação aplicada na escola
Aula - Mídia-educação aplicada na escola
 
Jornalismo especializado
Jornalismo especializadoJornalismo especializado
Jornalismo especializado
 
Jornalismo científico
Jornalismo científicoJornalismo científico
Jornalismo científico
 
Como formular um problema de pesquisa
Como formular um problema de pesquisaComo formular um problema de pesquisa
Como formular um problema de pesquisa
 
Manuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalístico
Manuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalísticoManuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalístico
Manuais de Redação - Instruçoes gerais e vocabulário jornalístico
 
Etica Na ComunicaçãO
Etica Na ComunicaçãOEtica Na ComunicaçãO
Etica Na ComunicaçãO
 
Ética na pós-modernidade
Ética na pós-modernidadeÉtica na pós-modernidade
Ética na pós-modernidade
 
Como redigir o projeto de pesquisa
Como redigir o projeto de pesquisaComo redigir o projeto de pesquisa
Como redigir o projeto de pesquisa
 
éTica na comunicação
éTica na comunicaçãoéTica na comunicação
éTica na comunicação
 
Jornalismo cultural
Jornalismo culturalJornalismo cultural
Jornalismo cultural
 
Conceitos e fundamentos da ética
Conceitos e fundamentos da éticaConceitos e fundamentos da ética
Conceitos e fundamentos da ética
 
A ética nos meios de comunicação
A ética nos meios de comunicaçãoA ética nos meios de comunicação
A ética nos meios de comunicação
 
Jornalismo político
Jornalismo políticoJornalismo político
Jornalismo político
 
Fundamentos da ética - legislação e ética da comunicação
Fundamentos da ética - legislação e ética da comunicaçãoFundamentos da ética - legislação e ética da comunicação
Fundamentos da ética - legislação e ética da comunicação
 
Comunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoComunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no Trabalho
 
Ética da comunicação
Ética da comunicaçãoÉtica da comunicação
Ética da comunicação
 
Dinamica de grupo ii
Dinamica de grupo  iiDinamica de grupo  ii
Dinamica de grupo ii
 
Jogo De Etica
Jogo De EticaJogo De Etica
Jogo De Etica
 
O jogo da ética
O jogo da éticaO jogo da ética
O jogo da ética
 
Ética Moral e Valores.
Ética Moral e Valores.Ética Moral e Valores.
Ética Moral e Valores.
 

Semelhante a Aula - Jornalismo Comunitário

Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização SocialTerceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização SocialL T
 
Movimentos sociais e ativismo
Movimentos sociais e ativismo Movimentos sociais e ativismo
Movimentos sociais e ativismo Vanessa Mutti
 
Audiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da Comunicação
Audiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da ComunicaçãoAudiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da Comunicação
Audiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da Comunicaçãonanasimao
 
Como combater e derrotar o totalitarismo moderno
Como combater e derrotar o totalitarismo modernoComo combater e derrotar o totalitarismo moderno
Como combater e derrotar o totalitarismo modernoFernando Alcoforado
 
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdfMOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdfDaiani Wagner
 
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdfMOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdfDaiani Wagner
 
Movimentos sociais na américa latina na atualidade
Movimentos sociais na américa latina na atualidadeMovimentos sociais na américa latina na atualidade
Movimentos sociais na américa latina na atualidadeGracy Garcia
 
Estudos culturais - teorias da comunicação
Estudos culturais - teorias da comunicaçãoEstudos culturais - teorias da comunicação
Estudos culturais - teorias da comunicaçãoLaércio Góes
 
Movimentos nacionalistas e internacionais
Movimentos nacionalistas e internacionaisMovimentos nacionalistas e internacionais
Movimentos nacionalistas e internacionaisprofdu
 
Alta cultura, cultura popular, cultura de massa
Alta cultura, cultura popular, cultura de massaAlta cultura, cultura popular, cultura de massa
Alta cultura, cultura popular, cultura de massaAline Corso
 
Surgimento e institucionalização do Serviço Social no Brasil
Surgimento e institucionalização do Serviço Social no BrasilSurgimento e institucionalização do Serviço Social no Brasil
Surgimento e institucionalização do Serviço Social no BrasilRosane Domingues
 

Semelhante a Aula - Jornalismo Comunitário (20)

Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização SocialTerceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
 
Design gráfico
Design  gráficoDesign  gráfico
Design gráfico
 
Movimentos sociais e ativismo
Movimentos sociais e ativismo Movimentos sociais e ativismo
Movimentos sociais e ativismo
 
Exercicios sociologia 5
Exercicios sociologia 5Exercicios sociologia 5
Exercicios sociologia 5
 
Exercicios sociologia 5
Exercicios sociologia 5Exercicios sociologia 5
Exercicios sociologia 5
 
Movimentos sociais
Movimentos sociaisMovimentos sociais
Movimentos sociais
 
Audiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da Comunicação
Audiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da ComunicaçãoAudiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da Comunicação
Audiência de Massas e Novas perspetivas- Teoria da Comunicação
 
Atps mov.sociais
Atps mov.sociaisAtps mov.sociais
Atps mov.sociais
 
Como combater e derrotar o totalitarismo moderno
Como combater e derrotar o totalitarismo modernoComo combater e derrotar o totalitarismo moderno
Como combater e derrotar o totalitarismo moderno
 
Sociologia iv
Sociologia ivSociologia iv
Sociologia iv
 
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdfMOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
 
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdfMOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
MOVIMENTOS SOCIAIS (2).pdf
 
Movimentos sociais na américa latina na atualidade
Movimentos sociais na américa latina na atualidadeMovimentos sociais na américa latina na atualidade
Movimentos sociais na américa latina na atualidade
 
Estudos culturais - teorias da comunicação
Estudos culturais - teorias da comunicaçãoEstudos culturais - teorias da comunicação
Estudos culturais - teorias da comunicação
 
Movimentos nacionalistas e internacionais
Movimentos nacionalistas e internacionaisMovimentos nacionalistas e internacionais
Movimentos nacionalistas e internacionais
 
Comunicação e sustentabilidade
Comunicação e sustentabilidadeComunicação e sustentabilidade
Comunicação e sustentabilidade
 
Mídia Radical
Mídia RadicalMídia Radical
Mídia Radical
 
Alta cultura, cultura popular, cultura de massa
Alta cultura, cultura popular, cultura de massaAlta cultura, cultura popular, cultura de massa
Alta cultura, cultura popular, cultura de massa
 
Imprimir
ImprimirImprimir
Imprimir
 
Surgimento e institucionalização do Serviço Social no Brasil
Surgimento e institucionalização do Serviço Social no BrasilSurgimento e institucionalização do Serviço Social no Brasil
Surgimento e institucionalização do Serviço Social no Brasil
 

Mais de Laércio Góes

Ecologia da comunicação e iconofagia
Ecologia da comunicação e iconofagiaEcologia da comunicação e iconofagia
Ecologia da comunicação e iconofagiaLaércio Góes
 
Ferramentas para reportagem multimídia
Ferramentas para reportagem multimídiaFerramentas para reportagem multimídia
Ferramentas para reportagem multimídiaLaércio Góes
 
Modelos de negócio no jornalismo digital
Modelos de negócio no jornalismo digitalModelos de negócio no jornalismo digital
Modelos de negócio no jornalismo digitalLaércio Góes
 
Paradigma midiológico
Paradigma midiológicoParadigma midiológico
Paradigma midiológicoLaércio Góes
 
Comunicação e linguagem
Comunicação e linguagemComunicação e linguagem
Comunicação e linguagemLaércio Góes
 
Infográfico Multimídia
Infográfico MultimídiaInfográfico Multimídia
Infográfico MultimídiaLaércio Góes
 
Jornalismo e fake news
Jornalismo e fake newsJornalismo e fake news
Jornalismo e fake newsLaércio Góes
 
Jornalismo e aplicativos móveis
Jornalismo e aplicativos móveisJornalismo e aplicativos móveis
Jornalismo e aplicativos móveisLaércio Góes
 
Pesquisa norte-americana - Teorias da comunicação
Pesquisa norte-americana - Teorias da comunicaçãoPesquisa norte-americana - Teorias da comunicação
Pesquisa norte-americana - Teorias da comunicaçãoLaércio Góes
 
Características do jornalismo digital
Características do jornalismo digitalCaracterísticas do jornalismo digital
Características do jornalismo digitalLaércio Góes
 
Reportagem multimídia
Reportagem multimídiaReportagem multimídia
Reportagem multimídiaLaércio Góes
 
Jornalismo e redes sociais
Jornalismo e redes sociaisJornalismo e redes sociais
Jornalismo e redes sociaisLaércio Góes
 
Teoria Crítica - Escola Frankfurt
Teoria Crítica - Escola FrankfurtTeoria Crítica - Escola Frankfurt
Teoria Crítica - Escola FrankfurtLaércio Góes
 
Multimidialidade no jornalismo
Multimidialidade no jornalismoMultimidialidade no jornalismo
Multimidialidade no jornalismoLaércio Góes
 
Aula - Movimentos sociais em rede
Aula - Movimentos sociais em redeAula - Movimentos sociais em rede
Aula - Movimentos sociais em redeLaércio Góes
 
Aula - Jornalismo sindical
Aula - Jornalismo sindicalAula - Jornalismo sindical
Aula - Jornalismo sindicalLaércio Góes
 
Aula - Comunicação popular, alternativa e comunitária
Aula - Comunicação popular, alternativa e comunitáriaAula - Comunicação popular, alternativa e comunitária
Aula - Comunicação popular, alternativa e comunitáriaLaércio Góes
 
Aula - Jornalismo ambiental
Aula - Jornalismo ambientalAula - Jornalismo ambiental
Aula - Jornalismo ambientalLaércio Góes
 

Mais de Laércio Góes (20)

Ecologia da comunicação e iconofagia
Ecologia da comunicação e iconofagiaEcologia da comunicação e iconofagia
Ecologia da comunicação e iconofagia
 
Semiótica
SemióticaSemiótica
Semiótica
 
Ferramentas para reportagem multimídia
Ferramentas para reportagem multimídiaFerramentas para reportagem multimídia
Ferramentas para reportagem multimídia
 
Modelos de negócio no jornalismo digital
Modelos de negócio no jornalismo digitalModelos de negócio no jornalismo digital
Modelos de negócio no jornalismo digital
 
Paradigma midiológico
Paradigma midiológicoParadigma midiológico
Paradigma midiológico
 
Comunicação e linguagem
Comunicação e linguagemComunicação e linguagem
Comunicação e linguagem
 
Infográfico Multimídia
Infográfico MultimídiaInfográfico Multimídia
Infográfico Multimídia
 
Jornalismo e fake news
Jornalismo e fake newsJornalismo e fake news
Jornalismo e fake news
 
Jornalismo e aplicativos móveis
Jornalismo e aplicativos móveisJornalismo e aplicativos móveis
Jornalismo e aplicativos móveis
 
Pesquisa norte-americana - Teorias da comunicação
Pesquisa norte-americana - Teorias da comunicaçãoPesquisa norte-americana - Teorias da comunicação
Pesquisa norte-americana - Teorias da comunicação
 
Características do jornalismo digital
Características do jornalismo digitalCaracterísticas do jornalismo digital
Características do jornalismo digital
 
Reportagem multimídia
Reportagem multimídiaReportagem multimídia
Reportagem multimídia
 
Jornalismo e redes sociais
Jornalismo e redes sociaisJornalismo e redes sociais
Jornalismo e redes sociais
 
Teoria Crítica - Escola Frankfurt
Teoria Crítica - Escola FrankfurtTeoria Crítica - Escola Frankfurt
Teoria Crítica - Escola Frankfurt
 
Multimidialidade no jornalismo
Multimidialidade no jornalismoMultimidialidade no jornalismo
Multimidialidade no jornalismo
 
Aula - Movimentos sociais em rede
Aula - Movimentos sociais em redeAula - Movimentos sociais em rede
Aula - Movimentos sociais em rede
 
Aula - Jornalismo sindical
Aula - Jornalismo sindicalAula - Jornalismo sindical
Aula - Jornalismo sindical
 
Aula - Comunicação popular, alternativa e comunitária
Aula - Comunicação popular, alternativa e comunitáriaAula - Comunicação popular, alternativa e comunitária
Aula - Comunicação popular, alternativa e comunitária
 
Aula - Jornalismo ambiental
Aula - Jornalismo ambientalAula - Jornalismo ambiental
Aula - Jornalismo ambiental
 
Aula - Perfil
Aula - PerfilAula - Perfil
Aula - Perfil
 

Último

Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...excellenceeducaciona
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptxUm círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptxColmeias
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Mary Alvarenga
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...azulassessoriaacadem3
 
Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...
Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...
Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...Prime Assessoria
 
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...apoioacademicoead
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...excellenceeducaciona
 
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.Prime Assessoria
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...azulassessoriaacadem3
 
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médioElementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médioProfessor Belinaso
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...apoioacademicoead
 
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...excellenceeducaciona
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...excellenceeducaciona
 
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...Prime Assessoria
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...Prime Assessoria
 

Último (20)

Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptxUm círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
 
Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...
Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...
Com base na figura exposta abaixo, Explique o modelo de determinação social d...
 
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
 
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
Com base no exposto, sua ação nessa atividade consiste em elaborar um texto d...
 
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
 
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médioElementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
 
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
 
Namorar não és ser don .
Namorar não és ser don                  .Namorar não és ser don                  .
Namorar não és ser don .
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
 

Aula - Jornalismo Comunitário

  • 2. Globalização  Nações periféricas do capitalismo  Abertura e integração das economias ao mercado global.  Aumento da concentração de renda e da exclusão social.
  • 3. Globalização  Crescimento do desemprego e do trabalho informal.  Flexibilização: capital e relações trabalhistas
  • 4. Mídia - Globalização  Mídia global sustentada por corporações e transnacionais.  Conglomerados de mídia desempenham também o papel de agentes econômicos globais.  Todos eles figuram entre as 300 maiores empresas não-financeiras do mundo.
  • 6. Mídia - Globalização  Agências de Notícias
  • 7. Mídia - Globalização  Grupos de mídia no Brasil
  • 8. Mídia - Globalização  Estimula padrões de consumo que poucos podem ter, contribuindo para estimular revolta e violência nos bairros periféricos das grandes metrópoles.  Discurso hegemônico: Não apenas legitimam o ideário global, como também o transformam no discurso social hegemônico.
  • 9. Hegemonia  Conceito do filósofo italiano Antonio Gramsci.  Aceitação da ideologia das classes dominantes.  Consenso consentido  Uso de meias verdades (troca da parte pelo todo).
  • 10. Hegemonia  Gramsci entende que o aparelho responsável por esse consenso engloba escolas, igrejas, sindicatos e, principalmente, a comunicação social.  Os meios de comunicação exercem um papel importante na expansão da hegemonia, ao dar visibilidade para acontecimentos, interpretações e ideias que dão sustentação ideológica para a classe dominante.  Contra-hegemonia
  • 11. Capitalismo global  Concentração econômica: um conjunto restrito de centenas de empresas gigantes, líderes das principais cadeias de produção, decidir o que, como, quando, quanto e onde produzir os bens e os serviços (marcas e redes globais) utilizados pela sociedade contemporânea.
  • 13. Capitalismo global  Fragmentação da produção: grande quantidade de empresas menores que alimentam a cadeia produtiva central, com custos mais baixos (terceirizações, franquias e informalização).  Precarização do trabalho
  • 14. Capitalismo global  Exclusão x Inclusão (DUPAS, 2001):  Desemprego estrutural crescente  A queda do preço dos produtos globais incorpora continuamente mercados que estavam à margem do consumo por falta de renda.  Desenvolvimento econômico x Desenvolvimento social.
  • 15. Movimentos sociais  São movimentos dinâmicos, criativos, que visam superar a passividade: é a resistência popular, mesmo diante da globalização (PERUZZO, 1989).
  • 16. Movimentos sociais “Submetido a um processo de pobreza, o povo se agrupa para denunciar, resistir, pressionar e reivindicar o acesso à riqueza através de melhores condições de vida e o direito de participação política” (PERUZZO, 1989). .
  • 17. Movimentos sociais  Prática da cidadania  Resistência popular  Comunicação
  • 18. Comunidade  Revolução x Reforma:  A cultura política feita nos bairros não é a dos “trabalhadores” (anarquistas ou socialistas) (BARBERO, 1989).  “Cultura mais reformista que olha a sociedade como algo que poderia ser melhorado”.  Rejeita uma revolução da classe trabalhadora visando a mudança social, mas propõe uma “uma organização mais justa” na sociedade existente.
  • 19. Comunidade  Associações comunitárias: representação frente às autoridades, frente ao Estado.  Identidade cultural: a luta das populações por habitação, serviços de energia elétrica e de água, transporte mínimo e saúde (BARBERO, 1989).
  • 20. Jornalismo Comunitário “O jornalismo comunitário atende às demandas da cidadania e serve como instrumento de mobilização social. (...) O jornalista de um veículo comunitário deve enxergar com os olhos da comunidade” (PENA, 2005).
  • 21. Jornalismo Comunitário “Uma imprensa só pode ser considerada comunitária quando se estrutura e funciona como meio de comunicação autêntico de uma comunidade. Isto significa dizer: produzido pela e para a comunidade” (DE MELO, 2006).
  • 22. Jornalismo Comunitário “A proximidade entre as pessoas é a principal característica do meio comunitário. As pessoas se conhecem e se reconhecem nos seus problemas, angústias, alegrias e ritos cotidianos” (CAMPOS, 2007).
  • 23. Jornalismo Comunitário  Instrumento de organização e resistência  Espaço e voz para os excluídos  “Dar voz para àqueles que não têm voz”.
  • 24. Características do Jornalismo Comunitário  a) Valorização da realidade local (proximidade);  b) Participação da comunidade durante todo o processo de produção;  c) Consagração das ideias da mobilização e da transformação;  d) Resgate de um viés pedagógico e educativo;  e) Articulação com a produção independente e de resistência.
  • 25. Pautas do Jornalismo Comunitário  Projetos culturais e sociais, cenários de violência e exclusão, problemas como o desemprego e a falta de escolas ou de postos de saúde, etc.  Reportagem que estabeleça relações de interesses entre temas mais amplos e os impactos específicos na comunidade.
  • 26. Processo de produção do Jornalismo Comunitário  Participação da comunidade, por meio de conselhos e de representantes, do processo de produção, da discussão das pautas à distribuição ou veiculação das notícias.  O público deve ser encarado como cidadão protagonista, ativo, pensante e atuante.  A hierarquia de certa forma se rompe e o diálogo se manifesta no sentido horizontal.
  • 27. Papel do Jornalismo Comunitário  Estimula mobilizações e lutas coletivas capazes de produzir transformações.  Estimula a reflexão crítica sobre os mais diversos assuntos, transformando informação em conhecimento.  Democratiza a informação e incentiva as ações da cidadania.
  • 28. Papel do Jornalismo Comunitário  Jornalismo alternativo - Ação contra-hegemônica  Agenda alternativa: abre espaço para temas não costumeiramente tratados pela grande imprensa.  Enquadramento alternativo: outros enfoques e tratamentos de assuntos abordados pela grande mídia, voltados para as demandas e realidades das populações menos favorecidas.
  • 29. Jornalista como agente social (...) Aquele que primeiramente é capaz de promover e de potencializar a articulação comunitária, seja via instituições (desde prefeituras, órgãos municipais e organismos não-governamentais) ou por meio da evocação de uma comunidade determinada (PAIVA, 2003).
  • 30. Referências  SEQUEIRA, Cleofe; BICUDO, Francisco. Jornalismo Comunitário – Conceitos, Importância e Desafios Contemporâneos. Intercom - XXX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – Santos – 29/08 a 02/09/2007.  MORAES, Dênis. A lógica da mídia no sistema de poder mundial. Revista de Economía Política de las Tecnologías de la Información y Comunicación, Vol. VI, n. 2, Mai – Ago. 2004.