O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Rolhas de cortiça

1.992 visualizações

Publicada em

Mariana F.

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Rolhas de cortiça

  1. 1. Rolhas de cortiça
  2. 2. Um pouco de história <ul><li>As primeiras utilizações da cortiça pelo homem ascendem a tempos remotos. As diferentes civilizações perceberam o desempenho da cortiça. Assim reencontramo-lo no Egipto antigos onde já era utilizado para arrolhamento das ânforas que continham o vinho, na Grécia antiga, onde era utilizado no fabrico sandálias, os bóia-flutuadores para redes de pesca e das aberturas para os túneis de vinho e as ânforas de azeite. </li></ul>
  3. 3. Um pouco de história <ul><li>Mas é apenas no século XVII que as nossas civilizações modernas redescobrirão a utilidade da cortiça. Após ter inventado o champanhe, DOM Pérignon (1638 - 1715) teve a ideia genial de substituir o arcaico &quot;broquelet&quot; de madeira mantida por um cordão de cânhamo (cavilhas de madeiras equipadas de estopa embebida de óleo) pela rolha de cortiça. Conta-se que teria observado monges que retornam de peregrinação à WS Jacques Compostelle que tapavam a sua garrafa através de um pedaço de cortiça. DOM Pérignon compreendeu que este material ligeiro, elástico, flexível, imputrescível asseguraria perfeitamente o arrolhar das garrafas de champanhe </li></ul>
  4. 4. Um pouco de história <ul><li>Portanto, a pequena revolução da cortiça fez com que a maioria das garrafas de champanhe utilizasse tapada com uma rolha de cortiça propagando-se rapidamente a todas as garrafas de vinho e de cidra. Esta modernização foi tão rápida devido à descoberta das qualidades da cortiça. </li></ul>
  5. 5. Sobreiro
  6. 6. Cortiça
  7. 7. Porquê reciclar rolhas de cortiça ? <ul><li>A rolha de cortiça faz parte da embalagem do vinho e tal como noutras embalagens em que as tampas ou vedantes são reciclados, a rolha de cortiça também deve ser. Sem esta reciclagem a rolha de cortiça não se pode defender a rolha de cortiça como um produto ecológico. Defendendo a rolha de cortiça estamos também a defender o montado de sobro e a biodiversidade que lhe é associada </li></ul>
  8. 8. Porquê reciclar rolhas de cortiça ? <ul><li>A matéria-prima cortiça, como produto natural (que necessita de um tempo longo de crescimento) é limitada, pelo que o seu reaproveitamento não diminui a utilização da cortiça que sai das árvores, mas permite a sua utilização em outros produtos. Não serão feitas novas rolhas a partir das usadas, as rolhas serão materia-prima para a produção de outros materiais como isolamentos de construção que substituem e se tornam mais competitivos em relação aos seus equivalentes sintéticos menos amigos do ambiente </li></ul>

×