Projeto tapete mágico de leituras

9.135 visualizações

Publicada em

1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.135
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.541
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
57
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto tapete mágico de leituras

  1. 1. PROJETO TAPETE MÁGICO DE LEITURASRESPONSÁVEL: Jane Sakae MachadoESCOLA PUBLICA: Complexo Educacional - Escola Municipal Educação Basica Profª Sandra CruzMartins Freitas e Escola Municipal Educação Básica Especial Marly Buíssa Cheidde.LOCALIZAÇÃO: São Bernardo do Campo - SPPÚBLICO ALVO: Turmas da Educação Infantil I e II; Ensino Fundamental I e Ensino Especial –Jovens IJUSTIFICATIVA Nossa comunidade escolar e de entorno está inserida na periferia de São Bernardo doCampo, em uma região de baixo IDH, que necessita de credibilidade nas diferentes potencialidadese de ações pedagógicas que favoreçam caminhos transformadores para aquisição do protagonismoque amplie a conscientização de cidadania. Acreditamos que o acesso ao livro e a leitura sejaprimordial para conseguir aproximar pessoas e, simultaneamente transformá-las de maneira mágica. O Complexo educacional que atuamos, atendia no inicio do projeto cerca de 650 alunos eexistiam duas necessidades principais que precisavam de intervenções pontuais – A capacitaçãodos profissionais mediadores de leitura e a Ampliação de repertório textual para os educandos desteComplexo. Pensamos ainda na integração das turmas de nossa escola em uma ação de leitura eacesso aos livros do acervo da Biblioteca Escolar, de maneira envolvente e prazerosa,para issocriamos o Projeto Tapete Mágico.OBJETIVOSEducandos: • Criar e fortalecer o gosto pela leitura; • Aumentar,significativamente o acesso ao acervo de livros da biblioteca; • Desenvolver a criticidade; • Desenvolver a oralidade; • Melhorar o desempenho nas avaliações externas (SARESP e PROVA BRASIL); • Tornar-se leitores habituais.Educadores: • Aprimorar as diferentes estratégias de leitura utilizadas nas contações; • Aprofundar saberes em relação às rodas de leituras, de apreciação e mediações interpretativas; • Formar leitores cada vez mais competentes e críticos; • Envolver familiares no acesso a livros e momentos de leituras;
  2. 2. • Integrar as diferentes turmas e diferentes faixas etárias dos educandos que freqüentavam e freqüentam o Complexo educacional.METODOLOGIA Com base em resultados de pesquisas relacionadas às necessidades formativas doseducadores, diagnosticamos, eu Jane, Professora de apoio à Biblioteca e Adriana, a Professora deapoio Pedagógico, que havia a prioridade de montarmos um Plano de formação contínua paraequipe de educadores da Educação Infantil I (2 e 3 anos) e Educação Infantil II (4 a 6 anos), quecontemplasse diferentes estratégias, que ampliasse o repertório de competências docentes paraleitura e contações de histórias para os nossos educandos. Então, em 2007, demos inicio aoprocesso formativo voltado às rodas de leitura. Como sensibilização, iniciamos com um encontro na Biblioteca, tendo como temática Oscontos de Sherazade. Ambientalizamos o espaço com tecidos dando o formato de tenda, colocamosobjetos decorativos, valorizamos um canto com os livros temáticos, sonorizando com uma músicatípica do país e personalizamos uma Sherazade (uma educadora), que dançou a dança do ventrevestida a caráter. Propusemos então, um levantamento de idéias sobre contação de histórias. As idéias foramafixadas nos retalhos por alfinetes e os retalhos foram alinhavados. Nasceu, assim, o ProjetoTapete Mágico. Após o encontro, construímos formalmente os conteúdos do Projeto. Os alunos começaram a ser sensibilizados também com contações de histórias e foramenvolvidos nos alinhavos de parte do Tapete de retalhos, que comporia o grande Tapete Mágico. Enquanto alinhavava-se o Tapete por várias mãos, outras parcerias se estabeleceram.Ocorreu a inclusão da turma Jovens I do Ensino Especial de 12 a 16 anos, que participaram nacostura à maquina do material alinhavado e posteriormente no rodízio do Tapete. Paralelamente à confecção coletiva do Tapete, os educadores apresentavam e assistiamdiversas técnicas e estratégias para leitura e contação de histórias, programadas em horários deencontros formativos ou junto com seus alunos. À medida que a data da entrega do Tapete Mágico se aproximava, fomos – equipe docente ealunos,construindo regras para uso guarda e para a sua manutenção. Como sensibilização maiornesse sentido, foi entregue para guardar o Tapete Mágico uma Sacola idealizada e confeccionadacom os mesmos retalhos acetinados, floridos em relevo e em tons pastéis, que foram usados nolevantamento de idéias para a construção do Projeto. Para a entrega do Tapete, nós, as duas professoras de apoio, construímos uma história paracontar aos educadores e educandos como forma de resgate de todo o processo vivido pelo conjuntodos participantes.
  3. 3. A HISTÓRIA DO TAPETE MÁGICO Tudo começou numa reunião em que os educadores queriam que todas as crianças participassem da construção de algo que tivesse um pedacinho de cada um e integrasse todas as turmas. Assim, nasceu a idéia da confecção de um tapete para que todos pudessem sentar e ouvir lindas histórias, que os levassem a lugares distantes, castelos com príncipes e princesas, bruxas e feiticeiras, florestas encantadas com fadas e duendes, plantas e outros seres que na ficção ganham voz e sentimento. Com vários retalhos de tecidos alinhavamos o tapete, juntamente com nossos alunos. Depois disso, um longo tempo se passou. Mãos mágicas transformaram dia a dia os retalhos alinhavados em sala de aula, em um único tapete que carregará consigo a magia do mundo fantástico e será conhecido por todos como Tapete mágico. Daqui em diante, passará de sala em sala para que duas turmas de cada vez, possam sentar e se deliciar com belas histórias lidas, contadas e inventadas. Ficando pronto o Tapete Mágico, passou-se ao planejamento das ações de leituras e de seurodízio, envolvendo sempre a integração de duas turmas, a classe que recebesse o Tapetereceberia também a história e passaria a ser o guardião do Tapete Mágico, usufruindo por algunsdias da magia da leitura no Tapete. A seguir aquela classe passaria a nova turma, contando umadas histórias ouvidas, possibilitando, portanto, a integração das turmas de diferentes faixas etárias(2 a 6 anos e turma dos Jovens I), ao mesmo tempo em que diversas histórias circulavam. A partir do contato com o Tapete e as diferentes vivências de leitura, o envolvimento eentusiasmo dos educandos e dos educadores aumentaram de tal forma que desejaram diminuir otempo de espera para chegada daquele objeto em suas turmas. Criou-se, assim, um novodesdobramento do Projeto que passou a ser chamado de Tapetinho Mágico de leituras. Iniciando primeiramente com duas turmas da Educação Infantil I e expandindo-se para todasas turmas da Educação Infantil I e II, o Tapetinho Mágico consistia em um Kit com sacola de tecido,livro adequado à faixa etária e selecionado previamente pelo educador, caderno de registro e umTapetinho de retalhos semelhante ao do grande Tapete Mágico medindo 1m x 1m, alinhavado pelaturma e costurado pelo educador. O Kit percorria e percorre todos os dias os domicílios dos educandos, extrapolando os murosda escola, indo à busca de leitores, desde a infância, incentivando a leitura nas famílias e
  4. 4. possibilitando o contato com livros na comunidade de entorno. O educador fazia a troca do livrosomente quando tinha passado por todos os alunos (aproximadamente vinte). O encantamento de sentar junto no Tapete Mágico e ouvir diferentes leituras atiçou acuriosidade de alunos e educadores do Ensino Fundamental I do Complexo escolar, motivandooutro desdobramento significativo – a inclusão deste Projeto em uma ação maior de fomento aleitura, gerado também da necessidade de melhorar o índice de desempenho dos alunos nasavaliações externas, formando novas alianças para a leitura, propiciando o prazer de transbordar ogosto pela leitura e valorização do livro com a leitura fluente. Neste momento conseguimos contemplar a integração de alunos da Educação Infantil I e II eEnsino Fundamental I com leituras no Tapete mágico, formando leitores competentes.AVALIAÇÃO Formar leitores em uma comunidade de baixo IDH é um grande desafio que abraçamos como Projeto Tapete Mágico e seus desdobramentos. Observamos que, com a capacitação dos educadores,novas práticas de contação emediações de leituras mais eficientes,possibilitam vivências literárias com magia e criticidade aoseducandos. Os familiares têm nos dado ao longo do tempo um retorno positivo do Projeto, constatandopela leitura crescente,relatando-nos a aproximação que o Tapetinho promoveu em seus lares.Esseretorno nos é trazido por recados orais e escritos. Desde 2007, o Tapete nos acompanha. A sua durabilidade e seu dinamismo tem favorecido aleitura de diferentes histórias de maneira envolvente e prazerosa. Novos educadores chegam a esteespaço e se integram à dinâmica das ações, novas crianças chegam e se encantam com osdiversos mundos que as leituras propiciam, novas famílias participam e vivenciam o impacto doProjeto em seus lares. O nosso público alvo – os que aqui permanecem se unem aos novatos paraparticipar ativamente deste Projeto de leitura e seus desdobramentos. Em 2009 os alunos demonstraram uma melhora em seus desempenhos nas avaliaçõesexternas, fato que atribuímos, sobretudo, as diferentes estratégias de leitura utilizadas nascontações e acesso ao acervo de livros da biblioteca. Por meio do Projeto, pudemos perceber uma ampliação quantitativa e qualitativa dacomunicação oral dos alunos à medida que reproduziam oralmente trechos da linguagem escritapresentes nas histórias de sua preferência e transpunham saberes nas inúmeras situaçõescomunicativas do cotidiano. Entendemos que o Projeto Tapete Mágico e seus desdobramentos promoveram e tempromovido a integração das diferentes faixas etárias, e grande acesso ao mundo literário às criançase adultos que freqüentaram e freqüentam o nosso Complexo escolar, colaborando para umaaproximação mágica e significativa ao mundo letrado, possibilitando a formação de leitores cada vezmais competentes e críticos, fazendo por meio dos livros uma leitura de mundo.

×