SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral. Segunda parte 18 / 19.08.2008
Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral Os mecanismos adaptativos -são específicos -apresentam tipicamente  uma resposta primária fraca e de curta duração, seguida,  após novo contato, por uma  resposta bem mais intensa e duradoura, fruto da geração de uma memória imunológica no primeiro momento.
Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral Resposta adaptativa primária e secundária:
Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral A ativação de células como macrófagos e células dendríticas culmina com a geração de mecanismos de resposta adaptativa: eg ,[object Object],[object Object],[object Object]
Principais células do  Sistema Imune
A resposta imune é, portanto,  gerada principalmente pela ação de células mononucleares fagocíticas e linfócitos.  Existem três populações principais de linfócitos: - os linfócitos T, com três padrões fenotípicos e funcionais básicos:   - o  linfócito CD4+,  conhecido como linfócito T auxiliar tem papel central na regulação da resposta imune e funciona através da produção de citocinas [são divididos, com base nas citocinas que pro-  duzem, em linfócito T auxiliar 1, 2, 17 e regulatório (este último tem fenótipo CD4+, CD25+ e  função regulatória)].  Principais células do  Sistema Imune
Treg Th1, Th2 Th17 Principais células do  Sistema Imune
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Principais células do  Sistema Imune
- o linfócito B, com duas atividades principais: - produção de anticorpos,  particularmente após se diferenciarem em plasmócitos.  - apresentação de antígenos. Os linfócitos B endocitam, processam e apresentam antígenos para os linfócitos T.  Principais células do  Sistema Imune
[object Object],[object Object],Principais células do  Sistema Imune
As células mononucleares fagocíticas, capazes de fagocitar e apresentar antígenos aos linfócitos, constituem um grupo grande e heterogêneo. www.uni-ulm.de/.../projekte_Syrovets_neu1.htm   pathmicro . med . sc.edu / lecture / hiv7.htm   s99. middlebury.edu /.../ Howard / Mpneumoniae.html   www.neuro-zone.com/sites/neurozone/?nid=22   www.i-med.ac.at/ahe/histologie-embryologie/ar   Célula dendrítica  Monócito  Macrófago  Célula de Langerhans  Micróglia  ... Principais células do  Sistema Imune
As células imunologicamente competentes embora transitem por todo o corpo, estão especialmente agrupadas formando o teci- do linfóide, que por sua vez constitui os ór- gãos linfóides. Principais células do  Sistema Imune
O Tecido Linfóide
O Tecido Linfóide o tecido linfóide: linfócitos e  os diferentes tipos de fagócitos  mononucleares, aí  incluindo as diversas  populações  de  células  apresentado- ras de antígeno,  estão compondo o  tecido linfóide, que pode ser  frouxo, denso  e  nodular. Veja: frouxo denso mais células mono- nuleares fagocíticas, menos linfócitos bastante linfócitos, menos células mono- nucleares fagocíticas nodular nódulo em formação nódulo bem desenvolvido, evidenciando o manto e o centro germinativo o nodular tem celula- ridade do denso, or- ganizado, porém, em nódulos (= folículos) frouxo denso centro germinativo manto
Os Órgãos Linfóides Primeira parte: Órgãos Linfóides Primários
Os Órgãos Linfóides órgãos linfóides primários ou centrais:  . medula óssea, timo e bursa órgãos linfóides secundários ou periféricos: . linfonodos, baço e MALT Os órgãos linfóides são classificados como:
Os Órgãos Linfóides órgãos linfóides A medula óssea  hematogênica no indivíduo adulto é encontrada nas cristas ilíacas, vértebras, costelas e no esterno. O timo A medula óssea Linfonodos  Uma cadeia  como exemplo. O baço “ MALT”: apêndice, placas de Peyer,  tonsilas... GRANT, 1993
Os Órgãos Linfóides ,[object Object],[object Object],[object Object],A medula é uma estrutura reticular semelhante a uma  esponja, localizada entre  longas trabéculas. TRABÉCULA órgãos linfóides primários: a medula óssea
Os Órgãos Linfóides ,[object Object],[object Object],órgãos linfóides primários: o timo Localização e estrutura do timo
Os Órgãos Linfóides veja a estrutura histológica do timo com mais detalhes: - novamente o lóbulo tímico córtex  medula córtex medula córtex: tecido linfóide denso medula: tecido linfóide frouxo corpúsculo de Hassall células reticulares epiteliais  linfócitos
O Tecido Linfóide ,[object Object],MEDULA ÓSSEA Precursores de   células T Lóbulo tímico - no caminho do córtex para a medula, os linfócitos  amadurecem e expressam receptores para antígenos (TCR) e marcadores de superfície (CD4 ou CD8); - este processo envolve a seleção positiva e negativa mencionada. As células T  maduras saem da região medular tímica para  os órgãos linfóides secundários,  via circulação sangüínea.  Entram S a e m Córtex Medula Timócitos imaturos Linfócitos T maduros
O Tecido Linfóide A Bursa de Fabricius está  presente  nas aves. Está localizada na parede do intes- tino  grosso,  na  cloaca. É  responsável pela maturação dos linfócitos B. A Bursa de Fabricius possui estrutura histológica semelhante ao Timo. Tam- bém é dividida em  lóbulos  (nódulos,  para alguns autores). órgãos linfóides  primários: a bursa Luz intestinal Epitélio intestinal Lóbulo Córtex Medula

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conceitos de Sistema Imune
Conceitos de Sistema ImuneConceitos de Sistema Imune
Conceitos de Sistema Imune
Lys Duarte
 
Resposta inata e adquirida para alunos
Resposta inata e adquirida para alunosResposta inata e adquirida para alunos
Resposta inata e adquirida para alunos
Gildo Crispim
 
Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02
Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02
Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02
Guilherme Wendel
 
Sistema imunologico fisiologia
Sistema imunologico   fisiologiaSistema imunologico   fisiologia
Sistema imunologico fisiologia
Malu Correia
 

Mais procurados (20)

Sistema imunológico
Sistema imunológicoSistema imunológico
Sistema imunológico
 
ICSA17 - Ativação de linfócitos B e Resposta Imune Humoral
ICSA17 - Ativação de linfócitos B e Resposta Imune HumoralICSA17 - Ativação de linfócitos B e Resposta Imune Humoral
ICSA17 - Ativação de linfócitos B e Resposta Imune Humoral
 
Sistema imunologico
Sistema imunologicoSistema imunologico
Sistema imunologico
 
Imunidade Inata Adaptativa
Imunidade Inata AdaptativaImunidade Inata Adaptativa
Imunidade Inata Adaptativa
 
Antigenos e Anticorpos
Antigenos e AnticorposAntigenos e Anticorpos
Antigenos e Anticorpos
 
Conceitos de Sistema Imune
Conceitos de Sistema ImuneConceitos de Sistema Imune
Conceitos de Sistema Imune
 
Sistema Imunológico
Sistema ImunológicoSistema Imunológico
Sistema Imunológico
 
Resposta inata e adquirida para alunos
Resposta inata e adquirida para alunosResposta inata e adquirida para alunos
Resposta inata e adquirida para alunos
 
Aula 4 imunidade adquirida
Aula 4 imunidade adquiridaAula 4 imunidade adquirida
Aula 4 imunidade adquirida
 
ICSA17 - Hipersensibilidades
ICSA17 - HipersensibilidadesICSA17 - Hipersensibilidades
ICSA17 - Hipersensibilidades
 
Aula 01 Propriedades gerais das respostas imunes
Aula 01   Propriedades gerais das respostas imunesAula 01   Propriedades gerais das respostas imunes
Aula 01 Propriedades gerais das respostas imunes
 
Imunidade ativa e passiva
Imunidade ativa e passivaImunidade ativa e passiva
Imunidade ativa e passiva
 
Hipersensibilidade II ,III e IV
Hipersensibilidade II ,III e IVHipersensibilidade II ,III e IV
Hipersensibilidade II ,III e IV
 
Imunidade adaptativa
Imunidade adaptativaImunidade adaptativa
Imunidade adaptativa
 
ICSA17 - Introdução e Conceitos Básicos em Imunologia
ICSA17 - Introdução e Conceitos Básicos em ImunologiaICSA17 - Introdução e Conceitos Básicos em Imunologia
ICSA17 - Introdução e Conceitos Básicos em Imunologia
 
Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02
Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02
Sistemaimunolgico 120618081705-phpapp02
 
Sistema imunologico fisiologia
Sistema imunologico   fisiologiaSistema imunologico   fisiologia
Sistema imunologico fisiologia
 
Slide imuno
Slide imunoSlide imuno
Slide imuno
 
Autoimunidade
AutoimunidadeAutoimunidade
Autoimunidade
 
Sistema imune
Sistema imuneSistema imune
Sistema imune
 

Semelhante a Imunidade Inata e Adaptativa

Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]
Gildo Crispim
 
Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]
Gildo Crispim
 
clulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdf
clulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdfclulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdf
clulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdf
FadaPoderosa
 
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
PriclesFigueiredo
 
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO NrConstituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr
Nuno Correia
 
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)
Nuno Correia
 
Células do Sistema Imune
Células do Sistema ImuneCélulas do Sistema Imune
Células do Sistema Imune
Lys Duarte
 
A organização do tecido linfóide
A organização do tecido linfóideA organização do tecido linfóide
A organização do tecido linfóide
LABIMUNO UFBA
 

Semelhante a Imunidade Inata e Adaptativa (20)

ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
 
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
 
Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]
 
Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]
 
ICSA17 - Células e Tecidos do Sistema Imune
ICSA17 - Células e Tecidos do Sistema ImuneICSA17 - Células e Tecidos do Sistema Imune
ICSA17 - Células e Tecidos do Sistema Imune
 
clulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdf
clulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdfclulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdf
clulasetecidos-131031144549-phpapp01.pdf
 
Células, tecidos e órgãos linfóides aula ii
Células, tecidos e órgãos linfóides aula iiCélulas, tecidos e órgãos linfóides aula ii
Células, tecidos e órgãos linfóides aula ii
 
Ap1 - Sistema LinfóIde os orgãos linfóIdes primários
Ap1 - Sistema LinfóIde os orgãos linfóIdes primáriosAp1 - Sistema LinfóIde os orgãos linfóIdes primários
Ap1 - Sistema LinfóIde os orgãos linfóIdes primários
 
Células e Tecidos
Células e TecidosCélulas e Tecidos
Células e Tecidos
 
Resumo histologia veterinária sistema imunológico
Resumo histologia veterinária sistema imunológicoResumo histologia veterinária sistema imunológico
Resumo histologia veterinária sistema imunológico
 
Revisão de imunologia
Revisão de imunologiaRevisão de imunologia
Revisão de imunologia
 
Aula 1 geral hq
Aula 1 geral hqAula 1 geral hq
Aula 1 geral hq
 
Tecidos e células.pdf
Tecidos e células.pdfTecidos e células.pdf
Tecidos e células.pdf
 
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
 
Sistema imune
Sistema imuneSistema imune
Sistema imune
 
Sistema imune
Sistema imuneSistema imune
Sistema imune
 
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO NrConstituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr
 
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)
Constituintes Do Sistema ImunitáRio (ApresentaçãO Nr. 2)
 
Células do Sistema Imune
Células do Sistema ImuneCélulas do Sistema Imune
Células do Sistema Imune
 
A organização do tecido linfóide
A organização do tecido linfóideA organização do tecido linfóide
A organização do tecido linfóide
 

Mais de LABIMUNO UFBA

Resposta imune infecções
Resposta imune infecçõesResposta imune infecções
Resposta imune infecções
LABIMUNO UFBA
 

Mais de LABIMUNO UFBA (20)

Resposta inata
Resposta inataResposta inata
Resposta inata
 
Órgãos linfóides
Órgãos linfóidesÓrgãos linfóides
Órgãos linfóides
 
Aspectos da resposta imune a tumores
Aspectos da resposta imune a tumoresAspectos da resposta imune a tumores
Aspectos da resposta imune a tumores
 
Vacinas
VacinasVacinas
Vacinas
 
Ri virus helmintos
Ri virus helmintosRi virus helmintos
Ri virus helmintos
 
Resposta imune infecções
Resposta imune infecçõesResposta imune infecções
Resposta imune infecções
 
Hipersensibilidade tipo I
Hipersensibilidade tipo IHipersensibilidade tipo I
Hipersensibilidade tipo I
 
Tolerância
TolerânciaTolerância
Tolerância
 
Imunidades das mucosas
Imunidades das mucosasImunidades das mucosas
Imunidades das mucosas
 
Imunofluorescencia
ImunofluorescenciaImunofluorescencia
Imunofluorescencia
 
Critérios de Validação
Critérios de ValidaçãoCritérios de Validação
Critérios de Validação
 
Citometria de fluxo
Citometria de fluxoCitometria de fluxo
Citometria de fluxo
 
Resposta imune celular
Resposta imune celularResposta imune celular
Resposta imune celular
 
Processamento antigênico células apresentadoras de antígenos
Processamento antigênico células apresentadoras de antígenosProcessamento antigênico células apresentadoras de antígenos
Processamento antigênico células apresentadoras de antígenos
 
MHC
MHCMHC
MHC
 
Linfócitos B
Linfócitos BLinfócitos B
Linfócitos B
 
Ativação das células T
Ativação das células TAtivação das células T
Ativação das células T
 
Sistema complemento
Sistema complementoSistema complemento
Sistema complemento
 
Anticorpos
AnticorposAnticorpos
Anticorpos
 
Antígenos
AntígenosAntígenos
Antígenos
 

Último

Último (9)

COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdfAula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
 
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor SucroenergéticoConvergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 

Imunidade Inata e Adaptativa

  • 1. Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral. Segunda parte 18 / 19.08.2008
  • 2. Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral Os mecanismos adaptativos -são específicos -apresentam tipicamente uma resposta primária fraca e de curta duração, seguida, após novo contato, por uma resposta bem mais intensa e duradoura, fruto da geração de uma memória imunológica no primeiro momento.
  • 3. Imunidade inata e adaptativa: uma visão geral Resposta adaptativa primária e secundária:
  • 4.
  • 5. Principais células do Sistema Imune
  • 6. A resposta imune é, portanto, gerada principalmente pela ação de células mononucleares fagocíticas e linfócitos. Existem três populações principais de linfócitos: - os linfócitos T, com três padrões fenotípicos e funcionais básicos: - o linfócito CD4+, conhecido como linfócito T auxiliar tem papel central na regulação da resposta imune e funciona através da produção de citocinas [são divididos, com base nas citocinas que pro- duzem, em linfócito T auxiliar 1, 2, 17 e regulatório (este último tem fenótipo CD4+, CD25+ e função regulatória)]. Principais células do Sistema Imune
  • 7. Treg Th1, Th2 Th17 Principais células do Sistema Imune
  • 8.
  • 9. - o linfócito B, com duas atividades principais: - produção de anticorpos, particularmente após se diferenciarem em plasmócitos. - apresentação de antígenos. Os linfócitos B endocitam, processam e apresentam antígenos para os linfócitos T. Principais células do Sistema Imune
  • 10.
  • 11. As células mononucleares fagocíticas, capazes de fagocitar e apresentar antígenos aos linfócitos, constituem um grupo grande e heterogêneo. www.uni-ulm.de/.../projekte_Syrovets_neu1.htm pathmicro . med . sc.edu / lecture / hiv7.htm s99. middlebury.edu /.../ Howard / Mpneumoniae.html www.neuro-zone.com/sites/neurozone/?nid=22 www.i-med.ac.at/ahe/histologie-embryologie/ar Célula dendrítica Monócito Macrófago Célula de Langerhans Micróglia ... Principais células do Sistema Imune
  • 12. As células imunologicamente competentes embora transitem por todo o corpo, estão especialmente agrupadas formando o teci- do linfóide, que por sua vez constitui os ór- gãos linfóides. Principais células do Sistema Imune
  • 14. O Tecido Linfóide o tecido linfóide: linfócitos e os diferentes tipos de fagócitos mononucleares, aí incluindo as diversas populações de células apresentado- ras de antígeno, estão compondo o tecido linfóide, que pode ser frouxo, denso e nodular. Veja: frouxo denso mais células mono- nuleares fagocíticas, menos linfócitos bastante linfócitos, menos células mono- nucleares fagocíticas nodular nódulo em formação nódulo bem desenvolvido, evidenciando o manto e o centro germinativo o nodular tem celula- ridade do denso, or- ganizado, porém, em nódulos (= folículos) frouxo denso centro germinativo manto
  • 15. Os Órgãos Linfóides Primeira parte: Órgãos Linfóides Primários
  • 16. Os Órgãos Linfóides órgãos linfóides primários ou centrais: . medula óssea, timo e bursa órgãos linfóides secundários ou periféricos: . linfonodos, baço e MALT Os órgãos linfóides são classificados como:
  • 17. Os Órgãos Linfóides órgãos linfóides A medula óssea hematogênica no indivíduo adulto é encontrada nas cristas ilíacas, vértebras, costelas e no esterno. O timo A medula óssea Linfonodos Uma cadeia como exemplo. O baço “ MALT”: apêndice, placas de Peyer, tonsilas... GRANT, 1993
  • 18.
  • 19.
  • 20. Os Órgãos Linfóides veja a estrutura histológica do timo com mais detalhes: - novamente o lóbulo tímico córtex medula córtex medula córtex: tecido linfóide denso medula: tecido linfóide frouxo corpúsculo de Hassall células reticulares epiteliais linfócitos
  • 21.
  • 22. O Tecido Linfóide A Bursa de Fabricius está presente nas aves. Está localizada na parede do intes- tino grosso, na cloaca. É responsável pela maturação dos linfócitos B. A Bursa de Fabricius possui estrutura histológica semelhante ao Timo. Tam- bém é dividida em lóbulos (nódulos, para alguns autores). órgãos linfóides primários: a bursa Luz intestinal Epitélio intestinal Lóbulo Córtex Medula