Apresentação1 (m, m, p,c)

426 visualizações

Publicada em

um PowerPoint que fala sobre a violência no namoro dos adolescentes

3 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • O contraste entre as imagens e o fundo está bom. Acgamos que contém pouca informação mas que apesar disso é suficiente.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Excelentes imagens e contrastes, com muito boas informações!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • ta windinhooO *.*
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
426
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
3
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação1 (m, m, p,c)

  1. 1. Violência no namoro dos adolescentes<br />Trabalho realizado por:<br />Carolina Relvas nº7<br />Filipe Moura nº8<br />Micaela Vieira nº16<br />Miguel Ângelo nº17<br />
  2. 2. O que é? E quando surge? <br />Existe violência quando, numa relação amorosa, um exerce poder e controlo sobre o outro com o objectivo de obter o que deseja.<br />Os rapazes pensam que: <br />- têm o direito de decidir determinadas coisas pela namorada; <br />-o respeito impõe-se; <br />-ser masculino é ser agressivo e usar a força; <br />As raparigas acreditam que: <br />-as crises de ciúme e o sentimento de posse do namorado significam que ele a ama; <br />-são responsáveis pelos problemas da relação; <br />- não podem recusar ter relações sexuais quando ele deseja. <br />
  3. 3. Mitos e Realidades<br />Mito: A violência no namoro não é uma situação comum nem séria.<br /> Realidade: A violência não é apenas um problema de adultos, também ocorre nas relações amorosas entre adolescentes. <br /> Mito: As adolescentes gostam dessas relações ou não continuariam com o namoro.<br /> Realidade: As adolescentes mantêm as relações de namoro por várias e complexas razões, nunca por gostarem de ser abusadas. <br />
  4. 4. Os Direitos<br /> 1. Não ter namorado; <br /> 2. Expressar as tuas ideias; <br /> 3. Expressar os teus sentimentos, mesmo sendo negativos; <br /> 4. Escolher o teu trabalho e a tua religião; <br /> 5. Viver sem medo; <br /> 6. Ter tempo para ti; <br /> 7. Gastar o teu dinheiro como bem entendes; <br /> 8. Ser apoiada pela tua família e amigas/os; <br /> 9. Ser ouvida pelas tuas amigas, amigos e familiares; <br /> 10. Escolher as tuas amigas e amigos; <br /> 11. Expressar as tuas convicções, competências e talentos; <br /> 12. Decidir se queres participar em actos sexuais ou não. <br />
  5. 5. Porque é que se continua numa relação violenta?<br />1. Gostar realmente do namorado, querer que a violência acabe e não o namoro e acreditar que poderá mudá-lo. <br /> 2. A pressão do grupo: - Normalmente, os namorados partilham o mesmo grupo de amigas e amigos. Os rapazes que são violentos em privado podem aparentar serem calmos e carinhosos publicamente.<br />
  6. 6. Quais são as consequências de uma relação violenta?<br /><ul><li> Perda de apetite e emagrecimento excessivo;
  7. 7. Nódoas negras;
  8. 8. Queimaduras (ácido, pontas de cigarro);
  9. 9. Nervosismo;
  10. 10. Sentimentos de culpa;
  11. 11. Confusão;
  12. 12. Depressão;
  13. 13. Isolamento;
  14. 14. Gravidez indesejada;
  15. 15. Baixa dos rendimentos escolares ou abandono escolar;
  16. 16. Suicídio.</li></li></ul><li>Serviços de apoio<br />Linha de Emergência Nacional Serviço de apoio gratuito, funciona pelo telefone, através do número 144 – 24 horas por dia. Proporciona alojamento de emergência e encaminha para recursos na comunidade. <br /> Linha Telefónica de Informação às Vítimas de Violência Doméstica Serviço de informação, anónimo, confidencial e gratuito, funciona pelo telefone, através do número 800 202 148 - 24 horas por dia. <br />

×