Atividade física x obesidade

4.215 visualizações

Publicada em

Atividade Física e Obesidade

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.215
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
66
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atividade física x obesidade

  1. 1. 1 Introdução Nos dias de hoje, é natural ver uma pessoa deitada no sofá, olhando fixamente para a televisão. Quanto mais o tempo passa, cada vez fica mais raro ver alguém correndo, andando de bicicleta, enfim, praticando algum tipo de atividade física, preferem ficar quietos, em seu lugar, para não cansar, apenas levantando seu braço para colocar comida em sua boca. O que não estão percebendo é que a população está cada vez mais relaxada com a sua saúde, sem se preocupar com o futuro, comendo porcarias gordurosas, e fazendo com que fiquem cada vez mais gordos. Nossa geração, não está nem um pouco preocupada em fazer atividade física, também estão mais preocupados com os almoços, se vai ou não ter batatas-fritas, hambúrgueres, ou coisas do tipo, sendo obrigados a participar algum tipo de esporte em seu colégio, mas e depois? Vão recuperar as calorias gastas em um pote de sorvete? Vão se alimentar de forma correta ou irão fazer alguma atividade física para que um dia não tiver uma grande doença chamada obesidade.
  2. 2. 2 Atividade Física X Obesidade Segundo Carpesen (1985), atividade física é todo o movimento produzido pelos músculos esqueléticos, fazendo com que a pessoa praticante tenha um gasto energético maior do que quando está descansando. Acredita-se também que é qualquer esforço muscular pré-determinado. Atualmente o termo se refere aos exercícios feitos para manter uma boa saúde física e mental. Se praticada regularmente, sendo controlada por um profissional de educação física, tem vários benefícios como a melhoria da saúde: doenças cardiovasculares; diabetes; pressão alta; pressão sanguínea; depressão; reduz a ansiedade, stress, náusea, dor; ajuda na prevenção do câncer; melhora a condição física; entre outros. Estudos comprovam que a maioria dos problemas que as pessoas têm com a sua saúde, é devido à falta de exercícios físicos, que ajudam no seu corpo e na sua mente, fazendo com que você fique em forma e provavelmente livre dos problemas com a sua saúde.
  3. 3. 3 Então, para começar a fazer atividade física não precisa muito, para que isso aconteça você não precisa estar em boa forma, ter roupa adequada, equipamentos de ginástica ou outras coisas, é apenas querer começa. O mínimo de atividade física que você deve fazer em um dia é de trinta (30) minutos, se por acaso não tem como para esses minutinhos de seu dia para se exercitar, basta fazer duas (2) vezes de quinze (15) minutos. Além de ajudar a ter uma boa forma e boa saúde, ajudará a encontrar amigos, se relacionar com as pessoas e também com a natureza, onde ficará mais alegre e saia daquela rotina infernal, ou seja, trabalho, internet, escola, trabalho, internet, escola, dia e noite em função destes três. Se por um acaso não é acostumado a fazer muitos exercícios físicos, é necessário que se alongue, fazendo com que o risco de se machucar fique menor. Se ainda não tem como parar um pouco para fazer uma caminhada após o dia de trabalho, então opte por escolhas que muitas pessoas não fazem (alguns por não terem tempo outros por preguiça, opte pelas escadas) ao invés do elevador, ir caminhando para o trabalho, entre outras coisas. Porém nunca se esqueça, beba muita água durante e após seus exercícios. Se já faz um tempo muito longo que não se exercita, não precisa tentar sair correndo por ali, comece com caminhadas leves, e de pouco tempo, conforme a necessidade você pode aumentar o tempo e ir mais rápido ou até mesmo mais devagar.
  4. 4. 4 Ainda muitas pessoas não sabem, mas a atividade física está relacionada à capacidade maior em sua mente e no seu físico. Uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde demonstrou que a frequência dos adultos que praticam atividades físicas é entre 10,5% em São Paulo e 21,55% no Distrito Federal, onde a maioria de modo geral são homens. Alguns cientistas ingleses avaliaram vinte (20) mil britânicos com a idade entre 47 a 79 anos, nos anos de 1993 e 2006, nessa, as pessoas que se exercitavam, comiam muitas frutas e vegetais, eram não fumantes não tomavam grande quantidade de álcool viveram 14 anos a mais. De acordo com a professora Juliana Gomes, o melhor tratamento que uma mulher pode dar para a TPM (tensão pré- menstrual) é a atividade física, pois aumenta o metabolismo e melhora a circulação sanguínea, um exemplo é a natação, ela ajuda no inchaço que as mulheres têm nesse período. Além de ajudar durante a TPM, ajuda também nas varizes, já que a mesma tem como uma de suas causas, o sedentarismo. Porém como todo o assunto, existe algumas curiosidade. Logo abaixo algumas perguntas frequentes com as respostas corretas:  Gestante pode fazer atividade física? Em resumo, todas as gestantes que não apresentam contra indicações médicas, devem ser incentivadas a praticar atividade física e esses exercícios devem ser feito de forma segura e eficaz.
  5. 5. 5  Quais são os cuidados a serem respeitados? No caso de surgirem sintomas como dor abdominal, cólicas, tonturas, palpitações, aumento da pressão arterial e frequência cardíaca após os exercícios, ou não estar de sentindo bem, deve-se interromper imediatamente a realização do treino. Mulheres com hipertensão arterial devem tomar muito cuidado ao praticar exercícios físicos, e somente se exercitar com autorização médica.  Faz mal praticar atividade física só no fim de semana? Não, o que faz mal é nunca praticar a mesma.  Atleta em treinamento precisa de proteínas extras? Sim, assim como os adolescentes em fase de crescimento, gestantes, necessitam proteínas extras, sendo facilmente achados em uma seleção correta dos alimentos.  Malhar em jejum faz com que emagrece mais rápido? Sim, porém não de forma saudável, pois ficará com mais fome e pode exagerar na comida mais tarde.  Abdominais diminui a barriga? Não, ele fortaleze e tonifica a barriga fazendo com que tenha uma boa postura corporal.
  6. 6. 6  Musculação faz perde peso? Sim, exercícios aeróbicos faz com que perca peso.  Correr de agasalho ajuda afinar a cintura? Não, apenas faz com que você transpire mais, e quando você irá se hidratar, seu peso voltará ao normal, o ideal é malhar com roupa adequada para isso, ajudando que seu corpo fique em sua temperatura normal.  Qual é a diferença entre atividade física e exercício físico? A atividade física é entendida como todo o movimento pelos músculos esqueléticos com gasto energéticos acima dos níveis de repouso. Já os exercícios físicos, são considerados como uma sequência sistematizada de movimentos de diferentes segmentos corporais, executando de forma planejada e com um determinado objetivo a ser atingido. Pesquisadores dos Estados Unidos fizeram um trabalho, onde 28 pessoas participaram que sofriam de intestino preso. Os pesquisadores pediram para que a metade do grupo fizer atividades físicas, a diminuição dos problemas com as pessoas que praticaram exercícios foi considerável.
  7. 7. 7 Outras pesquisas revelam que beber água durante os exercícios faz toda a diferença, pois a falta da mesma faz com que os hormônios cortisol em nosso organismo aumentam 16% (hormônios associados as estresse). Em resumo, 10 coisas que você precisa saber sobre a atividade física: 1. A prática de exercícios, de intensidade moderada, durante meia hora por dia é suficiente para que o cidadão deixe de ser sedentário. Estes trinta (30) minutos podem ser contínuos ou divididos em três períodos de 10 minutos cada. 2. Quando se fala em exercícios, o mais importante é que você pratique alguma atividade que se adapte ao seu estilo de vida e que seja do seu agrado. Caso contrário, são muitas as chances de interrupções. 3. Pequenas modificações no hábito diário – como subir escadas, saltar do ônibus um ponto antes, passear com cachorro, varrer, cuidar do jardim, lavar o carro, etc. – podem ajuda-lo a movimentar mais e servir como um estímulo para o início de uma atividade física diária. 4. Os efeitos benéficos da atividade física ocorrem para as pessoa que se exercitam com regularidade. Aqueles com IMC (Índice de Massa Corporal) entre 25 a 30 (sobrepeso), nestas condições, podem ter um risco menor de desenvolver diabetes e outras doenças metabólicas do que os sedentários.
  8. 8. 8 5. De acordo com o United States Departamento f Health and Human Services, é importante os adultos praticarem duas horas de atividade anaeróbicas (musculação localizada), por semana, além dos 30 minutos de caminhada intensa por dia. Nos casos de pessoas com diabetes, hipertensão, obesidade e pessoa com problemas no metabolismo ósseo, por exemplo, é preciso ter um cuidado especial na escolha dos exercícios a praticar. Nestes casos, é imprescindível o acompanhamento de um profissional. 6. Um minuto de atividade física intensa é compatível com 2 minutos de atividade física moderada. Caminhada em ritmo acelerado, hidroginástica, passeio de bicicleta e jogo de tênis em dupla são alguns exemplos para atividade moderada. Já a corrida, a natação, o basquete e a corrida de bicicleta são considerados intensas. 7. Durante a prática de um exercício físico é possível que haja uma redução na taxa de glicose da pessoa. O indicado, principalmente para as pessoas com diabetes, é que carreguem consigo algum tipo de carboidrato de rápida absorção. 8. As atividades física melhoram a sensação de bem-estar, diminuem a ansiedade e a probabilidade de depressão, por liberarem a serotonina (hormônio conhecido como “molécula da felicidade”).
  9. 9. 9 9. Dentre os beneficio da prática de exercícios estão: a diminuição do apetite, a melhora do humor, a perda de gordura (emagrecimento), o enrijecimento dos músculos, a imunidade e o retardo do envelhecimento. 10. Em um recente pesquisa feita pelo Overseas Development Institute, na Grã Bretanha, mostrou que o número de adultos obesos cresceu quatro vezes nos últimos 30 anos, em países em desenvolvimento, ou seja, são mias de um bilhão de pessoas acima do peso. Principais Benefícios Da Atividade Física:  Melhoria de aptidão cardíaca;  Melhoria de aptidão pulmonar;  Melhoria da força muscular;  Prevenção de doenças coronariana;  Regressão da aterosclerose;  Tratamento das doenças cardíacas;  Prevenção de AVCs;  Prevenção de vário s tipos de Câncer. Principais Mudanças no Organismo:  Melhoria do humor;  Diminuição do estresse mental;  Prevenção e alívio da depressão;  Redução da ansiedade;  Aumento da auto estima;  Redução de hábitos não saudáveis;  Melhoria da qualidade do sono;  Prevenção do ganho de peso;  Manutenção do peso perdido.
  10. 10. 10 Para quem não pratica nenhum tipo de exercícios físicos pode ficar sedentário (for considerada a doença do século), que nada mais é do que não praticar atividade física tem um peso enorme na incidência dos problemas com sua saúde. Os maiores motivos de uma pessoa ficar sedentária é esses: facilidade da vida moderna; excesso de trabalho; econômicos; aumento do peso e da longevidade e melhoras da Medicina. Além de ajudar em todas as doenças citadas anteriormente, a atividade física ajuda as pessoas a manter sua boa forma e também as pessoas obesas, fazendo com que emagreça, com apenas um combinação de exercícios físicos diariamente e boa alimentação, para isso, existem a pirâmide alimentar, ou seja, existem esquemas gráficos que distribuem os vários tipos de alimentos e as proporções que devem ser ingeridas nas refeições de pessoas saudáveis. Foi criada para ajudar a entender como equilibrar esses alimentos diariamente. Funciona da seguinte maneira: A base larga indica os alimentos mais necessários que devem ser consumidos, à medida que vai encurtando, vai diminuindo a necessidade de consumir esse tipo de alimento. Note que o exercício em nossa vida é expressamente necessários e está junto com esta pirâmide alimentar.
  11. 11. 11 Para as pessoas que estão acima do peso ou até para as pessoas obesas, a atividade física é uma das estratégias de controle, prevenção ou tratamento da obesidade, porém, não irá adiantar se você fizer exercícios e quando terminar, comer coisas gordurosas. A obesidade (do latim obesus, ob= muito , odere- comer) segundo a O.M.S (Organização Mundial da Saúde) é uma doença causada por acúmulos de gorduras. De acordo com os dados que apresentam, seis (6) bilhões de pessoas (23,4%) encontra-se com excesso de peso, já no Brasil 40% da população está com o seu peso elevado. Porém a McArdlle considera que o termo “obesidade” refere-se à condição excessiva de gorduras que acompanha uma constelação, que inclui um ou todos componentes da “síndrome do obesos”, seus componentes são: intolerância à glicose, resistência à insulina, dislipidemia, diabetes tipo dois, hipertensão, concentração plasmática elevada de leptina e tecidos adiposo visceral. Existem várias formas de saber se você está no seu peso ideal, a mais utilizada é um cálculo chamado I.MC (Índice de Massa Corporal), onde podemos analisar se estamos acima ou abaixo do peso. Esse método de cálculo do IMC é simples e rápido e permite uma avaliação geral para definir se uma pessoa se encontra em risco de obesidade. Para determinar o IMC, basta dividir o peso do indivíduo (massa) pela sua altura ao quadrado. A massa deve ser definida em quilogramas (kg) e a alturas em metros.
  12. 12. 12 Portanto, a fórmula de cálculo do IMC = massa / (altura x altura). Por exemplo: uma pessoa que pesa 58 quilos e mede 1,65 metros terá como resultado um IMC de 21,3. De acordo com os dados de referência, esta pessoa tem um peso adequado à altura. Atualmente, no nosso planeta, existem mais de 1 bilhão de pessoas que estão acima do peso e nesses, 300 milhões estão obesos, segundo os dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização Pan-Americana da saúde. Já no Brasil existe 15 milhões de obesos, ou seja, 13% e 3,7 milhões com obesidade mórbida. Se continuarmos nesse ritmo em 2030 estaremos com 30% de todas os brasileiros (as) obesos. Como consta nos dados da Sociedade Brasileira Cirurgia Bariátrica e Metabólica existe 63 milhões de brasileiros com mais de 18 anos com peso acima de adequado, já o Conceito Latino Americano De Obesidade falou que 200 pessoas morrem por ano devido ao excesso de peso por ano. Para analisarmos melhor, fizemos uma tabela para mostrar como está a situação do nosso país. Brasil em 2005 Brasil em 2006 Todas as cirurgias pelo SUS Todas as cirurgias pelo SUS  2.266 cirurgias bariátricas  2.023 cirurgias bariátricas  R$: 7.415.147,09  R$: 6.427.823,48  12 desfechos de óbitos  15 desfechos de óbitos
  13. 13. 13 O indivíduo é considerado obeso quando a quantidade de gordura relativa à massa corporal se iguala ou excede a 30% em mulheres e a 25% em homens. A obesidade grava é caracterizada por um conteúdo de gordura corporal que exceda 40% em mulheres e 35% em homens. Tipos de Obesidades  Obesidade de longa data – indivíduos obesos desde criança; Obesidade de gravidez – na gravidez e no pós-parto, também por fenômenos psíquicos ou orgânicos;  Obesidade por interrupção de exercícios – comum em desportistas que ingerem grandes quantidades de calorias e param de fazer exercícios, ou seja, deixam de gastá-las;  Obesidade secundária a drogas – quando se ingere alguns tipos de medicamentos podem induzir a um aumento de peso;  Obesidade após parar de fumar – quando a pessoa para de fumar normalmente o aumenta;  Obesidade genética – atinge apenas de 2% a 4% da população, ou talvez até menos que isso. Este tipo de obesidade deve ser tratado por médicos especialistas em endocrinologia, pois desde criança a pessoa apresenta distúrbios no seu metabolismo que são inerentes à sua carga genética herdada de seus pais;
  14. 14. 14  Obesidade nutricional – Esse tipo de obesidade se deve à ingestão de alimentos sem valor nutricional adequado. Isso pode se iniciar na infância se os pais não tiveram uma alimentação sadia;  Obesidade comportamental – Este tipo de obesidade deve-se a: Um estilo de vida sedentário, hábitos inadequados na maneira de alimenta-se, como comer depressa, sem mastigar direito, comer em pé ou andando por causa do pouco tempo;  Obesidade psicológica - Nesta, as pessoas que estão passando uma situação de depressão, ansiedade, conflito emocional, estresse, solidão, rejeição, paixão não correspondida e muitas outras, elas poderão mudar o enredo da situação e comer demais. Também temos a obesidade infantil, que teve um aumento nos últimos 20 anos no Brasil: 15% de crianças acima do peso e 5% de crianças obesas. Uma em cada dez crianças são obesas no mundo, as razões para isso acontecer é simples: mudança no estilo de vida da nossa população; pouca atividade física; hábitos alimentares inadequados; genéticos e/ou metabólicos. As crianças que estão obesas sofrem 10 vezes mais risco que uma criança com o peso normal.
  15. 15. 15 A obesidade também pode causar várias outras doenças, algumas delas são: dificuldades respiratórias; problemas dermatológicos; distúrbios de aparelho locomotor; problemas cardiovasculares; diabetes; hipertensão; alguns tipo de câncer (mama, cólon, próstata, endométrio, rins e vesícula biliar); infecções; resistência à insulina; incontinência urinária; disfunções renais; fígado gorduroso; síndrome de Túnel de Carpo; cálculos na vesícula; distúrbios mentais; gota; artrite síndrome do ovário policístico. A maneira mais fácil de evitar esse problema e nos exercitando, as benefícios em curto prazo são esses: - Efeitos Agudos:  Parâmetros metabólicos;  Hemodinâmicos;  Psicológicos. E em longo prazo: - Efeitos Crônicos:  Função pulmonar;  Condicionamento cardiovascular;  Perda de peso;  Aumento da massa magra (metabolismo basal). As atividades mais recomendadas são: a natação, a bicicleta, a caminhada, e os exercícios na água, pois fax com que você emagreça muito mais rápido do que os outros exercícios. O profissional que trabalha na área da saúde deve ser informado sobre a importância da prevenção e do tratamento da obesidade. Os profissionais devem incentivar a prática de exercícios físicos e a boa alimentação regular.
  16. 16. 16 Ao nos depararmos com nosso corpo obeso, optamos por dietas mirabolantes, que prometem o emagrecimento em muitos poucos dias, porém isso não acontece. Ao iniciar uma dessas dietas, a pessoa se pesa e vê que está algumas gramas à menos, então pensa que está emagrecendo, mas apenas perdeu peso, que não é a mesmo coisa (com dieta sem atividade física a pessoa perde a massa magra, ou seja, os músculos e a água que se encontra no nosso organismo). Para realmente emagrecer, o corpo deve ter um porte calórico diário menor. Quando uma pessoa ingere mais calorias do que gastou, vai acumulando e se transformando em gordura. Portanto, exercícios físicos são indispensáveis para as pessoas que querem perder peso, não irá alcançar o “corpo perfeito” em pouco tempo e sim à longo prazo. A vontade de fazer atividade física deve estar sempre junto, evitando que a motivação acabe, porém, antes de começar a fazer longos exercícios físicos, é indispensável exames ao médico, para ver como anda sua saúde. Segundo os dados da National Health ans Nutrition 2003- 2004 (Nacional de Saúde e Nutrição), a população está com os seguintes dados: Sobrepeso 66,3% 50% de sobrepeso na Rússia, Reino Unido e Alemanha. Obesidade 32,2% 20% na Colômbia, Brasil, Itália, Áustria e Suíça Obesidade grave e mórbida 4,8% 10% na China Crescimento de 50% em 18- 29 anos em relação aos anos 50 41% dos homens e 23% das mulheres na Austrália 25% das crianças são obesas 80% de sobrepeso (40-49) e 50% de obesidade nas mulheres na Micronésia 5% dos gastos totais com saúde
  17. 17. 17 Alguns custos que tem com a obesidade: 6% dos gastos populacionais 100 bilhões por ano nos EUA Redução da produtividade e dos dias de trabalho pelas co- morbidades Redução do tempo médio de vida Maior tempo de evolução da doença quando pensamos na população jovem Uma pessoa obesa não sofre apenas pelo excesso de peso, mas também por discriminação, chamadas de feios, desleixados, preguiçosas, entre outros. Há pessoas que preferem se casar com usuário de drogas, ladrões e pessoas cegas talvez de se casar com uma pessoa obesa. Então, para não sobre por isso, e conseguir perder peso, é necessário de 70% de dieta e o restante (30%) em atividade física, devemos prevenir a obesidade desde crianças e na gestação. O escritos Claude Bouchard, preocupado com essa situação em que algumas pessoas se encontram, criou um livro chamado: “Atividade Física e Obesidade”. Nesse livro apresenta os planos mais interessantes em relação à atividade física e obesidade, foi publicado em 2002, oferecendo discussões abrangentes e atualizadas, os dados que constam nos livros revisados, classificados e ilustrados em tabelas e gráficos. Agora, cabe a você decidir se você quer viver com a vida com vários risco, podendo morrer a qualquer minuto por graves problemas com a sua saúde, ou se você vai optar por levantar a bunda do sofá e fizer algum tipo de exercício físico, no mínimo umas três vezes por semana que já é o suficiente, ajudando você a ter uma vida com uma boa forma e fazendo com que se sinta muito melhor.
  18. 18. 18 Referências Acesso em: Site: 10/04/2014 http://www.significados.com.br/imc/ 10/04/2014 http://como-emagrecer.com/calculo-de-imc.html 10/04/2014 http://www.calculoimc.com.br/ 10/04/2014 http://pt.slideshare.net/Rop123/obesidade-429999 10/04/2014 http://vidasaudavel29.wordpress.com/beneficios-das-atividades-fisicas- e-esportes/ 10/04/2014 http://saudeemmovimento.com.br/conteudos/conteudo_frame.asp?cod _noticia=647 10/04/2014 http://saudeemmovimento.com.br/conteudos/conteudo_frame.asp?cod _noticia=665 10/04/2014 http://arquivos.portaldaindustria.com.br/portlet/200/14256/20120529 074346888762e.pdf 10/04/2014 http://maisequilibrio.com.br/fitness/varizes-e-exercicio-fisico-3-1-2- 459.html 11/04/2014 http://mdemulher.abril.com.br/blogs/dieta-nunca- mais/2012/11/desvende-quatro-mitos-sobre-exercicios-fisicos-e- emagrecimento/ 11/04/2014 http://www.sitedecuriosidades.com/curiosidade/mitos-e-verdades- sobre-a-atividade-fisica.html 11/04/2014 http://pt.scribd.com/doc/19491507/OBESIDADE-E-ATIVIDADE- FISICA 11/04/2014 http://drauziovarella.com.br/obesidade/obesidade/ 11/04/2014 http://www.teucorpo.com.br/o-exercicio-fisico/ 11/04/2014 http://www.significados.com.br/obesidade/ 11/04/2014 http://www.endocrino.org.br/10-topicos-que-voce-precisa-saber-sobre- atividade-fisica/ 11/04/2014 http://www.minhavida.com.br/fitness/materias/12127-conheca-as-sete- perguntas-mais-comuns-sobre-atividades-fisicas 11/04/2014 http://www.dammous.com/nutri/esporte/mais.asp 11/04/2014 http://prisciladiciero.com.br/blog/tire-suas-duvidas-sobre-atividade- fisica-na-gestacao

×