Caminhada 01 passo 01 final

409 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
409
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caminhada 01 passo 01 final

  1. 1. Caminhada 01 - Passo 01Caros trilheiros(as),Vocês estão sendo convidados a participarem de um percurso inesquecível,fantástico, empolgante, uma caminhada estimulante que a cada passo lhe propiciaráinúmeras possibilidades de integração humana, recreativa e pedagógica de formadesafiadora e prazerosa, a fim de estreitar relações entre as atividades escolares e acomunidade campesina.Aceite esse desafio de percorrer conosco as TRILHAS CAMPESINAS:Integrando vidas e saberes. Venha caminhar conosco! Antes, porém, é preciso saber oque pretendemos, para que fazer essas atividades? Tudo tem que ter um objetivo, casocontrário morre em si mesmo, todos os seres seguem seu curso e seu propósito.Vamos... Caminhe conosco...Vamos conhecer o objetivo, o propósito, das atividades do Passo 01?Perceber o espaço, o entorno da comunidade escolar e visualizar quais as possibilidadesde utilização que o mesmo proporciona para a construção e prática de atividadespedagógicas que integrem o currículo da Área de Ciências da Natureza e Matemática,Ciências Humanas, Linguagem e as temáticas pedagógicas das Orientações Curricularesda Educação do Campo.Porém, antes de iniciar a nossa trilha é imprescindível buscarmos algunsconhecimentos a fim de que não haja perigo e que possamos usufruir plenamente detodos os recursos físicos, mentais, educacionais que o percurso possa nos proporcionar.Para isso, oferecemos a você o link de alguns sites/blogs que lhes oferecerão asorientações básicas para subsidiá-los no planejamento da trilha.Links:http://www.iflorestal.sp.gov.br/publicacoes/serie_registros/Revistas_completas/IFSR35.pdfhttp://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=952&class=21http://educacaofisicaceler2010.blogspot.com.br/2010/06/recreacao-e-lazer-trilhas-ecologicas.html
  2. 2. http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/pdf/licereV12N03_a1.pdfhttp://repositorio.unesc.net/handle/1/1121http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=927&class=21Aproveitamos para lembrá-los da necessidade de socializar com os demaistrilheiros(as) todas as curiosidades, conhecimentos, necessidades, dúvidas referentes aostemas lidos.É importante também observar o contexto geográfico de sua comunidade,visualizando as possibilidades de utilização e exploração desse espaço para aconstrução/organização de uma trilha.Não vamos nos esquecer de que os links ressaltam a necessidade de que umatrilha tenha atividades de lazer, atividades físicas e atividades pedagógicas. Portanto, aovisualizar essa trilha, você já deve prever/pensar num percurso que contemple esses trêsaspectos.A fim de registrar todo o passo 1 você precisa acessar o blogtrilhascampesinas.blogspot.com.br e realizar uma postagem. O passo a passo de comorealizar a postagem você encontrará na biblioteca no item Registro – Tutorialpostagem.O que e como registrar: Você precisa construir um registro detalhado, diário ereflexivo de suas ações. Nesse registro deve constar:- Os sites/blogs visitados;- Quais as curiosidades, impressões e conhecimentos construídos durante asvisitações;- As dúvidas e os debates compartilhados com os companheiros(as)trilheiros(as);- A visualização do seu contexto geográfico e as possibilidades que vocêencontrou para a construção da trilha;- Registre brevemente quais as possibilidades de atividades de lazer, físicas epedagógicas você conseguiu pensar em realizar de acordo com o seu espaço;- Observando o seu contexto socioambiental, reflita também sobre o usosustentável dos recursos naturais, preservação e aproveitamento responsável dessesespaços.- Caso queira anexar fotos desses momentos e desses lugares, você poderá fazê-lo em sua postagem conforme orientações contidas no tutorial (biblioteca no itemRegistro – Tutorial postagem fotos).
  3. 3. Caros(as) trilheiros(as), vocês tem até o dia 17 de maio de 2013 para realizar apostagem do passo 01.Ao finalizarem o primeiro passo da Trilha Campesina: Integrando vidas esaberes, vocês acrescentaram em sua bagagem parte do que necessitam para a jornada.Façamos um breve resumo do que estudamos:Estudando os links acima, navegando por eles pudemos perceber como construiruma trilha com o máximo de segurança para nossos alunos. Também pudemos perceberque a trilha é um esporte coletivo não competitivo, que respeita a formação humana eestimula todos a superarem os obstáculos e alcançarem a superação de suasdificuldades, é um esporte colaborativo cujo objetivo é a diversão. Todos alcançarão alinha de chegada, cada qual no seu ritmo e o grupo respeitará a individualidade de cadaum.A trilha ecológica também possibilitará a análise dos “significados e dascaracterísticas do ambiente por meio da experiência direta e por meios ilustrativos,sendo assim instrumento básico de programas de educação ao ar livre. (Possas, 1999apud Peres)A pesquisa é de natureza qualitativa-interpretativa que, segundo Bogdan eBiklen (1994), apresenta as seguintes características: a primeira consiste nos dadoscoletados serem predominantemente descritivos, em que o material obtido é rico emdescrições de situações, acontecimentos, incluindo transcrições de entrevistas e dedepoimentos, fotografias, desenhos e extratos de vários tipos de documentos. Todos osdados da realidade são considerados importantes.A trilha interpretativa é um ambiente favorável ao “lazer educativo, em que oaprendizado se torna uma experiência viva. Em cada pedra, em cada pássaro, em cadagalho, o sujeito amplia conhecimentos, busca o crescimento pessoal e compreendemelhor o mundo em que vive”. (Bedim 2004, p. 4),Segundo Vasconcellos (2005), em áreas naturais, as trilhas desempenhamimportantes funções e, entre estas, destaca-se a de conectar os visitantes com o lugar,criando maior compreensão e apreciação dos recursos naturais e culturais; provocarmudanças de atitude, atraindo e envolvendo as pessoas nas tarefas de conservação;
  4. 4. aumentar a satisfação dos usuários, criando uma impressão positiva sobre a áreatornando-a planejada e menos impactante.Reconhecidamente, as trilhas ecológicas desempenham importante papel noprocesso de conservação da natureza, pois, ao facilitar o acesso de pessoas a locaisnaturais, comumente, a interação resultante desse contato direto, repercute em mudançade comportamento na relação homem-natureza (ARANCÍBIA & CAVALCANTE,2005).A trilha ao proporcionar a experiência prática no cotidiano escolar, poderáestimular o pensamento estratégico e o raciocínio lógico entre os estudantes, bem comopromover entre eles princípios básicos de cidadania e noções sobre sustentabilidadeambiental.Nosso objetivo:Perceber o espaço, o entorno da comunidade escolar e visualizar quais aspossibilidades de utilização que o mesmo proporciona para a construção e prática deatividades pedagógicas que integrem o currículo da Área de Ciências da Natureza eMatemática, Ciências Humanas, Linguagem e as temáticas pedagógicas das OrientaçõesCurriculares da Educação do Campo.Questionamos:1) Os materiais disponibilizados foram adequados e suficientes para a realizaçãodas atividades?2) Conseguiram ver possibilidades de alcançar nosso objetivo para essa atividade?3) Quais as possibilidades de atividades de lazer, físicas e pedagógicas vocêconseguiu pensar em realizar de acordo com o seu espaço;Ao finalizarem...Convidamos vocês a persistirem.A caminhada pode ser íngreme, cheia de obstáculos, mas com certeza lhesproporcionará prazer, crescimento e integração.
  5. 5. Saudações dos(as) trilheiros(as)ArleteAldairKetheleyLuizMárcia

×