Revolta contra o Censo Geral do Impérioe o Registro Civil de nascimentos e Óbitos
Revolta do Ronco da Abelha (nome dado devido aosom que os revoltosos faziam em meio a um grandeburburinho feito em dias de...
O decreto imperial que obrigava todo e qualquer brasileiroa se apresentar a juízes para fornecer dados pessoais paraa real...
Decreto 797Censo Geral do Império, para realizar a contagem da populaçãoOs incidentes foram provocados por dois decretos i...
Foi então quando homens, mulheres e até meninosarmados invadiram a igreja Matriz Pau D’Alho emPernambuco e devastaram todo...
O governo então reagiu movendo mais demil soldados integrantes da polícia, convocando a guardanacional e também se utiliza...
Revolta do ronco da abelha
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revolta do ronco da abelha

152 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Revolta do ronco da abelha

  1. 1. Revolta contra o Censo Geral do Impérioe o Registro Civil de nascimentos e Óbitos
  2. 2. Revolta do Ronco da Abelha (nome dado devido aosom que os revoltosos faziam em meio a um grandeburburinho feito em dias de feira e que se assemelhavaa zoada de uma abelha). Esse foi um movimentopopular, o qual lutava contra o governo e suas medidasque desagradavam a população.Dezembro de 1851 até por volta de fevereiro de 1852Envolveu cidades e vilas de cinco províncias nordestinas, sendo estas:Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco e Sergipe. O reboliço causado nascidades da Paraíba e Pernambuco foram os mais fortes.
  3. 3. O decreto imperial que obrigava todo e qualquer brasileiroa se apresentar a juízes para fornecer dados pessoais paraa realização de um censo demográfico –assim criando oRegistro Civil de Nascimento– foi um dos motivos quegerou os incidentes, pois, o real intuito do Estado erasistematizar o recrutamento de homens para atender aoserviço militar.A implementação do decreto gerou boatos entre apopulação de que o governo pretendia submeter oscidadãos mais pobres à condição de escravos, assim,afetando inclusive a população de brancos.
  4. 4. Decreto 797Censo Geral do Império, para realizar a contagem da populaçãoOs incidentes foram provocados por dois decretos imperiais, de junho de 1851, o 797e o 798, cujo propósito era instituir o Registro Civil dos Nascimentos e Óbitos.Decreto 798Obrigava todo brasileiro a se apresentar nas paróquias e à frente de juízes depaz das diferentes localidades, para fornecer os dados pessoais, data e local denascimento, filiação, estado civil e cor da pele.
  5. 5. Foi então quando homens, mulheres e até meninosarmados invadiram a igreja Matriz Pau D’Alho emPernambuco e devastaram todos os papéis de avisosobre tal decreto. Esse acontecimento influenciououtros movimentos em diferentes províncias ondetambém se contestava as medidas decretadas. Asdemais reações eram sempre à base de foices, enxadase espingardas e os ataques eram feitos principalmenteem prédios, com gritos de ‘’Abaixo a lei, morra ogoverno’’.
  6. 6. O governo então reagiu movendo mais demil soldados integrantes da polícia, convocando a guardanacional e também se utilizando da ordem de padreCapuchinhos. Esta última conclamou os fiéis a respeitar a ordempública, caso contrário estariam se submetendo ao fogo doinferno.Então, no final de janeiro de 1852 a paz se restabeleceu e osdecretos foram suspensos. O primeiro censo brasileiro só foi enfimrealizado vinte anos depois, mas ainda sem registro civil, que foisomente adotado no período de república do país.

×