A Cultura na Ditadura Militar

7.627 visualizações

Publicada em

Trabalho de Sociologia - Ditadura Militar

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.627
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
93
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Cultura na Ditadura Militar

  1. 1. A Cultura Na Ditadura Militar
  2. 2. Introdução A ditadura militar é o momento mais conturbado da história brasileira e não à toa gera debates até hoje sobre os motivos que levaram um regime tão antidemocrático a ocorrer. Todavia, esse período também é marcado por ser riquíssimo no campo cultural, trazendo diversos marcos na música, cinema, televisão, teatro e artes plásticas. Sendo um momento para o desenvolvimento tanto de uma arte crítica quanto de um aprimoramento estético nos diversos ramos citados. Durante a Ditadura, mesmo com a censura, a cultura brasileira não deixou de criar e se expalhar e a arte se tornou um instrumento de denúncia da situação do país.
  3. 3. A ditadura militar tentou vetar, ou dificultar, a livre circulação de ideias no Brasil e a censura foi o grande problema do cinema, das artes, da literatura, do teatro e de qualquer forma de manifestação cultural. Nada escapava dos “olhos” da ditadura de impedir o debate no Brasil. O Governo Militar que durou de 1964 a 1985 representou o período de ditadura no Brasil. Um período conturbado e controverso na história do país. Já não era permitida a liberdade de expressão, e a arte tornou-se uma prisioneira dos interesses daqueles que mandavam no país. Houve censura e repressão. Cultura
  4. 4. A criatividade era considerada um crime, um pecado cuja punição era dura demais para se atreverem a cometê-lo. Artistas foram presos, torturados e exilados. Durante a Ditadura, mesmo com a censura, a cultura brasileira não deixou de criar e se espalhar pelo país e a arte se tornou um instrumento de denúncia. O reflexos que a ditadura deixou podemos ver até hoje em músicas, filmes, livros, espetáculos...
  5. 5. Um outro grande exemplo dessa criação cultural foi o movimento Tropicália, um movimento cultural brasileiro que teve influências musicais de artistas de vanguardas e cultura pop nacional e internacional. As manifestações do movimento não se restringiram a música, conhecidas pelos cantores Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Os Mutantes, Tom Zé e Torquato Neto, mas também influenciaram o cinema, teatro e nas artes plásticas. Um grande exemplo do movimento é a música Tropicália de Caetano Veloso. Outras músicas também tiveram sucesso e até hoje são lembradas. Música
  6. 6. Literatura O regime militar além das músicas, filmes e outras manifestações artísticas, também deu origem a vários livros sobre o tema mostrando o que aconteceu, os bastidores, depoimentos, o fato histórico em si, informações importantíssimas para a nossa cultura e história do Brasil. A literatura havia se tornado um meio de denunciar os absurdos cometidos pelo regime militar e de evitar o que houve um “silêncio” absoluto da sociedade. No Brasil, entre 1970 e 1988, mais de 140 livros chegaram a sofrer censura prévia como, por exemplo, “Feliz Ano Novo”, de Rubem Fonseca e “Dez Histórias Imorais”, de Aguinaldo Silva.
  7. 7. A censura aos livros começou em 1964, com o fechamento do Editorial Vitória, ligada ao Partido Comunista Brasileiro (PCB). Desde então, a censura aos livros foi marcada por uma atuação confusa. Houve por conta disso, uma migração para a área infantil, já que a literatura destinada às crianças era pouco visada pela censura. A escritora brasileira, Ana Maria Machado, foi uma das que participaram desse movimento com a utilização de metáforas para questionar o poder misturadas nas histórias infantis.
  8. 8. Neste trabalho foi relatado alguns maiores termos da cultura na época da Ditadura, além da Música e da Literatura, também houve grande parte do cinema, dos filmes, dos livros, que mesmo sem menciona-los em maiores detalhes, foi de fato muito importante na época. A pesquisa realizada no nosso trabalho nos levou a grande gratificação, pois aprendemos um pouco mais daqueles tempos difíceis, e que apesar da dificuldade e luta que a sociedade enfrentava, ainda sim tinham o prazer de desfrutar da cultura daqueles longos anos. Conclusão
  9. 9. Obrigado!
  10. 10. Créditos: Grupo: Aline Rodrigues Ana Keize Helio Bones Marines França Rafaela Mendonça Tainara Nunes Professora: Valeska de Leon – Sociologia Fernando Abbott

×