A ajuda Internacional aos países em desenvolvimento                                        Sílvia Pereira                 ...
   Situação subdesenvolvida   Objetivos das ajudas   Tipos de ajuda   Principais recetores
 Destruição de mercados tradicionais e de  autoconsumo. Dependência da variação dos preços nos países  desenvolvidos. D...
   Divisão fronteiriça arbitrada em função das    antigas metrópoles (desde a Conferência de    Berlim, 1884-85)   Front...
 Ajudar a ultrapassar os obstáculos ao seu  Desenvolvimento. Combater a Desigualdade Social. Apoiar ao Desenvolvimento ...
   Fornecida por organismos privados, como Bancos,    Empresas, e outras Instituições Não Governamentais.Estes acabam atu...
http://www.jogocontraapobreza.com.br/http://youtu.be/juitoSiIu2c             http://portuguese.ru                         ...
   Esta Ajuda também pode apoiar as Ajudas Bilaterais e Privadas.   Fornecida pelo Comité de Ajuda ao Desenvolvimento (C...
http://www.undp.org/content/undp/en/home/ourwork/povertyreduction/successstories/agriculture_opens_new_doors_for_young_jam...
   China, Indonésia, Índia, Vietname, Paquistão,    etc.
   Camarões,    Tanzânia,    República    Democrática    do Congo,    Etiópia,    Somália,    Uganda,    Quénia,    Burun...
   Iraque, Nigéria, Afeganistão, Sudão, Palestin    a, Líbano, etc.
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Um mundo policêntrico   as ajudas (1)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Um mundo policêntrico as ajudas (1)

652 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Um mundo policêntrico as ajudas (1)

  1. 1. A ajuda Internacional aos países em desenvolvimento Sílvia Pereira Ruben Saavedra Geografia C
  2. 2.  Situação subdesenvolvida Objetivos das ajudas Tipos de ajuda Principais recetores
  3. 3.  Destruição de mercados tradicionais e de autoconsumo. Dependência da variação dos preços nos países desenvolvidos. Dependência da posição jurídica das grandes transnacionais. Grande dependência estrangeira para reequilibrar a economia. Profundo endividamento externo. Necessidade de importação tecnológica, em produtos tecnológicos e técnicos.
  4. 4.  Divisão fronteiriça arbitrada em função das antigas metrópoles (desde a Conferência de Berlim, 1884-85) Fronteiras desatualizadas e desenquadradas das culturas locais. Conflitos civis e fronteiriços. Novas nações com governos corruptos e autocráticos. Adoção de novas medidas desenquadradas às populações locais. Desrespeito pelos direitos humanos.
  5. 5.  Ajudar a ultrapassar os obstáculos ao seu Desenvolvimento. Combater a Desigualdade Social. Apoiar ao Desenvolvimento Económico. Procurar ajudar na resolução do Elevado Endividamento dos PED. Apoiar as Populações afetadas por Catástrofes Naturais e Humanas. Reduzir a pobreza extrema. Melhorar a qualidade de vida das Populações. Promover a Educação. Melhorar a Assistência Médica.
  6. 6.  Fornecida por organismos privados, como Bancos, Empresas, e outras Instituições Não Governamentais.Estes acabam atuar segundo os seus interesses. Empréstimos Bancários: concedem aos PED taxas de juro comerciais. Doações das Organizações Não Governamentais (ONG): equipamentos técnicos necessários, ajuda alimentar, assistência médica, apoio a refugiados, bolsas de estudo.A) Ajuda Bilateral: Resulta de um acordo entre dois países: opaís doador e industrializado e o país recetor (PED). Asdoações são assentes em estudos de mercados.
  7. 7. http://www.jogocontraapobreza.com.br/http://youtu.be/juitoSiIu2c http://portuguese.ru vr.ru/2012_11_09/po rtugueses-doam-16-http://portuguese.ruvr.ru/2012_11_2 toneladas-de-8/russia-enviou-ajuda-humanitaria-a- roupa-por-dia/guine-bissau/
  8. 8.  Esta Ajuda também pode apoiar as Ajudas Bilaterais e Privadas. Fornecida pelo Comité de Ajuda ao Desenvolvimento (CAD), que define programas como o Programa de Apoio ao Desenvolvimento (APD), entre outros apoios.Por exemplo, este Programa de Apoio ao Desenvolvimento canaliza osseguintes critérios: as doações são atribuídas por organismos públicos, como o CAD ou OCDE. as doações são assentes em estudos de mercados. entre outros.A) Ajuda Multilateral: Resulta do Programa de Instituições Internacionaisou grupos Inter-países, exemplo: ONU, UE, OCDE, ACNUR. O seu apoio nãose baseia em ajudas concretas ou preferências por qualquer país, comoacontece com as Ajudas Bilaterais. Por isso, está dependente da disposiçãoe união dos países desenvolvidos.
  9. 9. http://www.undp.org/content/undp/en/home/ourwork/povertyreduction/successstories/agriculture_opens_new_doors_for_young_jamaicans/ http://www.undp.org/content/undp/en/h ome/ourwork/povertyreduction/successs tories/cote-d_ivoire--improving-water- access-in-former-conflict-areas/http://www.undp.org/content/undp/en/home/ourwork/democraticgovernance/successstories/lao-pdr--revamped-market-creates-brighter-future-for-local-vendo/
  10. 10.  China, Indonésia, Índia, Vietname, Paquistão, etc.
  11. 11.  Camarões, Tanzânia, República Democrática do Congo, Etiópia, Somália, Uganda, Quénia, Burundi, etc.
  12. 12.  Iraque, Nigéria, Afeganistão, Sudão, Palestin a, Líbano, etc.

×