Um mundo policêntrico as ajudas (1)

597 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
597
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
34
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Um mundo policêntrico as ajudas (1)

  1. 1. A ajuda Internacional aos países em desenvolvimento Sílvia Pereira Ruben Saavedra Geografia C
  2. 2.  Situação subdesenvolvida Objetivos das ajudas Tipos de ajuda Principais recetores
  3. 3.  Destruição de mercados tradicionais e de autoconsumo. Dependência da variação dos preços nos países desenvolvidos. Dependência da posição jurídica das grandes transnacionais. Grande dependência estrangeira para reequilibrar a economia. Profundo endividamento externo. Necessidade de importação tecnológica, em produtos tecnológicos e técnicos.
  4. 4.  Divisão fronteiriça arbitrada em função das antigas metrópoles (desde a Conferência de Berlim, 1884-85) Fronteiras desatualizadas e desenquadradas das culturas locais. Conflitos civis e fronteiriços. Novas nações com governos corruptos e autocráticos. Adoção de novas medidas desenquadradas às populações locais. Desrespeito pelos direitos humanos.
  5. 5.  Ajudar a ultrapassar os obstáculos ao seu Desenvolvimento. Combater a Desigualdade Social. Apoiar ao Desenvolvimento Económico. Procurar ajudar na resolução do Elevado Endividamento dos PED. Apoiar as Populações afetadas por Catástrofes Naturais e Humanas. Reduzir a pobreza extrema. Melhorar a qualidade de vida das Populações. Promover a Educação. Melhorar a Assistência Médica.
  6. 6.  Fornecida por organismos privados, como Bancos, Empresas, e outras Instituições Não Governamentais.Estes acabam atuar segundo os seus interesses. Empréstimos Bancários: concedem aos PED taxas de juro comerciais. Doações das Organizações Não Governamentais (ONG): equipamentos técnicos necessários, ajuda alimentar, assistência médica, apoio a refugiados, bolsas de estudo.A) Ajuda Bilateral: Resulta de um acordo entre dois países: opaís doador e industrializado e o país recetor (PED). Asdoações são assentes em estudos de mercados.
  7. 7. http://www.jogocontraapobreza.com.br/http://youtu.be/juitoSiIu2c http://portuguese.ru vr.ru/2012_11_09/po rtugueses-doam-16-http://portuguese.ruvr.ru/2012_11_2 toneladas-de-8/russia-enviou-ajuda-humanitaria-a- roupa-por-dia/guine-bissau/
  8. 8.  Esta Ajuda também pode apoiar as Ajudas Bilaterais e Privadas. Fornecida pelo Comité de Ajuda ao Desenvolvimento (CAD), que define programas como o Programa de Apoio ao Desenvolvimento (APD), entre outros apoios.Por exemplo, este Programa de Apoio ao Desenvolvimento canaliza osseguintes critérios: as doações são atribuídas por organismos públicos, como o CAD ou OCDE. as doações são assentes em estudos de mercados. entre outros.A) Ajuda Multilateral: Resulta do Programa de Instituições Internacionaisou grupos Inter-países, exemplo: ONU, UE, OCDE, ACNUR. O seu apoio nãose baseia em ajudas concretas ou preferências por qualquer país, comoacontece com as Ajudas Bilaterais. Por isso, está dependente da disposiçãoe união dos países desenvolvidos.
  9. 9. http://www.undp.org/content/undp/en/home/ourwork/povertyreduction/successstories/agriculture_opens_new_doors_for_young_jamaicans/ http://www.undp.org/content/undp/en/h ome/ourwork/povertyreduction/successs tories/cote-d_ivoire--improving-water- access-in-former-conflict-areas/http://www.undp.org/content/undp/en/home/ourwork/democraticgovernance/successstories/lao-pdr--revamped-market-creates-brighter-future-for-local-vendo/
  10. 10.  China, Indonésia, Índia, Vietname, Paquistão, etc.
  11. 11.  Camarões, Tanzânia, República Democrática do Congo, Etiópia, Somália, Uganda, Quénia, Burundi, etc.
  12. 12.  Iraque, Nigéria, Afeganistão, Sudão, Palestin a, Líbano, etc.

×