Mitos gregos adap.

3.093 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.093
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
523
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
73
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mitos gregos adap.

  1. 1.
  2. 2. Mito<br /> Os mitos são narrativas que possuem um forte componente simbólico. Como os povos da antiguidade não conseguiam explicar os fenômenos da natureza, através de explicações científicas, criavam mitos com este objetivo: dar sentido as coisas do mundo. Os mitos também serviam como uma forma de passar conhecimentos e alertar as pessoas sobre perigos ou defeitos e qualidades do ser humano. Deuses, heróis e personagens sobrenaturais se misturam com fatos da realidade para dar sentido a vida e ao mundo.<br />
  3. 3. Mitos brasileiros<br />Lobisomem<br />Saci<br />Curupira<br />
  4. 4. Mitos brasileiros<br />Iara<br />Mula-sem-cabeça<br />
  5. 5. Mitologia Grega<br />Mitologia grega é o estudo dos conjuntos de narrativas relacionadas aos mitos dos gregos antigos, de seus significados e da relação entre eles e os países ou povos — consideradas, com o advindo do Cristianismo, como meras ficções.<br />
  6. 6. Genealogia dos deuses<br />
  7. 7.
  8. 8. A Grécia Antiga<br />Grécia Antiga é o termo geralmente usado para descrever, em seu período clássico antigo, o mundo grego e áreas próximas (como Chipre, Anatólia, sul da Itália, da França e costa do mar Egeu, além de assentamentos gregos no litoral de outros países —; como o Egito.<br />
  9. 9. Mulheres de Atenas<br />Mirem-se no exemploDaquelas mulheres de AtenasVivem pros seus maridosOrgulho e raça de Atenas<br />Quando amadas se perfumamSe banham com leite, se arrumamSuas melenasQuando fustigadas não choramSe ajoelham, pedem imploramMais duras penas, cadenas<br />Mirem-se no exemploDaquelas mulheres de AtenasSofrem pros seus maridosPoder e força de Atenas<br />
  10. 10. Mulheres de Atenas<br />Quando eles embarcam soldadosElas tecem longos bordadosMil quarentenasE quando eles voltam, sedentosQuerem arrancar, violentosCarícias plenas, obscenas<br />Mirem-se no exemploDaquelas mulheres de AtenasDespem-se pros maridosBravos guerreiros de Atenas<br />Quando eles se entopem de vinhoCostumam buscar um carinhoDe outras falenasMas no fim da noite, aos pedaçosQuase sempre voltam pros braçosDe suas pequenas, Helenas<br />
  11. 11. Mulheres de Atenas<br />Mirem-se no exemploDaquelas mulheres de AtenasGeram pros seus maridosOs novos filhos de Atenas<br />Elas não têm gosto ou vontadeNem defeito, nem qualidadeTêm medo apenasNão tem sonhos, só tem presságiosO seu homem, mares, naufrágiosLindas sirenas, morenas<br />Mirem-se no exemploDaquelas mulheres de AtenasTemem por seus maridosHeróis e amantes de Atenas<br />
  12. 12. Mulheres de Atenas<br />As jovens viúvas marcadasE as gestantes abandonadas, não fazem cenasVestem-se de negro, se encolhemSe conformam e se recolhemAs suas novenasSerenas<br />Mirem-se no exemploDaquelas mulheres de AtenasSecam por seus maridosOrgulho e raça de Atenas<br />Chico Buarque de Holanda<br />
  13. 13. A Caixa de Pandora<br />
  14. 14. Arion e os Golfinhos<br />
  15. 15. Orfeu e Eurídice<br />
  16. 16. Os doze trabalhos de Hércules<br />
  17. 17. Dédalo e Ícaro<br />
  18. 18. Perseu e a cabeça de Górgona<br />
  19. 19. Teseu e o Minotauro<br />
  20. 20. Aracne contra Atena<br />
  21. 21.
  22. 22. Fim<br />

×