SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Baixar para ler offline
 
História 2 mil anos de XADREZ Criado para curar a depressão de um antigo rei indiano, o jogo simula o confronto de dois exércitos, cujas manobras podem se desdobrar numa infinidade de lances diferentes.
COMO E ONDE SURGIU O XADREZ? ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
JOGO DE XADREZ:  REGRAS E MOVIMENTOS
O TABULEIRO O Tabuleiro é o campo de batalha das peças, é formado por 64 casas com cores brancas e pretas alternadamente;
O tabuleiro
As casas no tabuleiro são nomeadas com letras e números
 
 
TORRE Move-se para  qualquer casa ao longo da coluna ou da linha em que se encontra.
 
CAVALO ,[object Object]
 
BISPO ,[object Object]
 
DAMA ,[object Object]
 
REI ,[object Object]
 
PEÕES ,[object Object],[object Object]
 
 
Xeque : é quando o rei encontra-se ameaçado, mas existe a possibilidade de defender-se.
Xeque-mate : é quando o rei está ameaçado e não existe nenhuma defesa. Ocasionando o término da partida!
Afogamento é aquela posição que o rei não está em xeque e não tem casa para mover ou qualquer outro movimento possível para fazer. Quando esse fato acontece a partida é declarada empatada. Afogamento
 
Sou a peça mais importante no jogo, porque, quando me fazem xeque-mate, perde-se o jogo. Eu ando em todas as direcções, mas avançando só uma casa em cada lance. E nunca posso mover-me para uma casa ameaçada por uma peça de cor contrária.
Sou a peça mais valiosa do jogo porque me movo em todas as direcções e em  tantas casas quantas quiser. Eu ando nas linhas, nas colunas e nas diagonais. Mas não posso saltar por cima de qualquer outra peça.
Movo-me em linhas rectas, tanto na vertical (colunas) como na horizontal (linhas), as casas que quiser, não posso saltar por cima de qualquer outra peça.
Movo-me nas diagonais, mas não posso saltar por cima de qualquer outra peça.
Movo-me na forma de L (duas casas na coluna e uma na linha ou duas casas na linha e uma na coluna) em qualquer direcção, sou a única peça que pode saltar por cima das outras.
Avanço sempre para a frente em linha recta na coluna, uma casa de cada vez, mas quando inicia o primeiro movimento pode andar duas casas se o jogador quiser. Nunca posso andar para trás, nem passar por cima de outras peças. Quando chego à última Linha, transformo-me numa peça da mesma cor à escolha do jogador que chegou comigo à última linha e que pode ser a  Dama, Torre, Bispo ou Cavalo  e o Peão sai do jogo. Chama-se a esta jogada;  Coroação do Peão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (6)

Regra xadrez
Regra xadrezRegra xadrez
Regra xadrez
 
Regras do Jogo de damas
Regras do Jogo de damasRegras do Jogo de damas
Regras do Jogo de damas
 
Damas
DamasDamas
Damas
 
Aprendendo a jogar Xadrez
Aprendendo a jogar XadrezAprendendo a jogar Xadrez
Aprendendo a jogar Xadrez
 
Pequeno tutorial do xadrez
Pequeno tutorial do xadrezPequeno tutorial do xadrez
Pequeno tutorial do xadrez
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escola
 

Destaque

20161030 keynote horizontal_texten
20161030 keynote horizontal_texten20161030 keynote horizontal_texten
20161030 keynote horizontal_textenAX Semantics
 
Riesgos de informacion electronica
Riesgos de informacion electronicaRiesgos de informacion electronica
Riesgos de informacion electronicaCARLOS CUESTA
 
Доступ до публічної інформації
Доступ до публічної інформаціїДоступ до публічної інформації
Доступ до публічної інформаціїMykhailo Kameniev
 
De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...
De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...
De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...Ramon Ribeiro Rabello
 
KKrause Letter of Recommendation
KKrause Letter of RecommendationKKrause Letter of Recommendation
KKrause Letter of RecommendationCheryl Garst
 
Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...
Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...
Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...Alex Primo
 
La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016
La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016
La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016Marta Marchi
 

Destaque (17)

20161030 keynote horizontal_texten
20161030 keynote horizontal_texten20161030 keynote horizontal_texten
20161030 keynote horizontal_texten
 
eureka award_1
eureka award_1eureka award_1
eureka award_1
 
Asdd
AsddAsdd
Asdd
 
Results Rec Letter
Results Rec LetterResults Rec Letter
Results Rec Letter
 
SIMO : Simulação de Operações Marítimas
SIMO : Simulação de Operações MarítimasSIMO : Simulação de Operações Marítimas
SIMO : Simulação de Operações Marítimas
 
Jh tlv ....te amo mi bebe
Jh tlv ....te amo mi bebeJh tlv ....te amo mi bebe
Jh tlv ....te amo mi bebe
 
Riesgos de informacion electronica
Riesgos de informacion electronicaRiesgos de informacion electronica
Riesgos de informacion electronica
 
La Valla
La VallaLa Valla
La Valla
 
Доступ до публічної інформації
Доступ до публічної інформаціїДоступ до публічної інформації
Доступ до публічної інформації
 
Vik 09-09-2016 (3)
Vik 09-09-2016 (3)Vik 09-09-2016 (3)
Vik 09-09-2016 (3)
 
De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...
De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...
De idealista à empreendedor - como desenvolver aplicações em android que conq...
 
KKrause Letter of Recommendation
KKrause Letter of RecommendationKKrause Letter of Recommendation
KKrause Letter of Recommendation
 
Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...
Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...
Hipertexto Cooperativo: uma análise da escrita coletiva a partir dos Blogs e ...
 
PRINCE2Certificate
PRINCE2CertificatePRINCE2Certificate
PRINCE2Certificate
 
La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016
La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016
La famiglia nella Letteratura per l'infanzia 20_ott_2016
 
order of merit_1
order of merit_1order of merit_1
order of merit_1
 
Cultura afro-brasileira
Cultura afro-brasileira Cultura afro-brasileira
Cultura afro-brasileira
 

Semelhante a História e regras do xadrez

Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - GratuitoApostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuitoxomesix405
 
Xadrez é fácil com o aluno eterno
Xadrez é fácil   com o aluno eternoXadrez é fácil   com o aluno eterno
Xadrez é fácil com o aluno eternoCarlos Elson Cunha
 
Xadrez parte 1
Xadrez parte 1Xadrez parte 1
Xadrez parte 1lino66jr
 
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZE.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZAEC-Inglês
 
Itinerante xadrez 2
Itinerante xadrez 2Itinerante xadrez 2
Itinerante xadrez 2profluli
 
Educação física asg
Educação física asgEducação física asg
Educação física asgFoz
 
Vivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrezVivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrezcacaurosseto
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escolaevandrolhp
 
Projeto "X" Movimentação das peças1
Projeto "X" Movimentação das peças1Projeto "X" Movimentação das peças1
Projeto "X" Movimentação das peças1josealcione
 
XADREZ - Parte 1
XADREZ - Parte 1XADREZ - Parte 1
XADREZ - Parte 1Jonasblog
 
Xadrez apresentação minicurso
Xadrez apresentação minicursoXadrez apresentação minicurso
Xadrez apresentação minicursoXadrezEscolar
 

Semelhante a História e regras do xadrez (20)

Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - GratuitoApostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
 
Seminário sobre xadrez
Seminário sobre xadrezSeminário sobre xadrez
Seminário sobre xadrez
 
Aprender xadrez
Aprender xadrezAprender xadrez
Aprender xadrez
 
Xadrez é fácil com o aluno eterno
Xadrez é fácil   com o aluno eternoXadrez é fácil   com o aluno eterno
Xadrez é fácil com o aluno eterno
 
Xadrez parte 1
Xadrez parte 1Xadrez parte 1
Xadrez parte 1
 
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZE.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
 
Xadrez éLcio
Xadrez éLcioXadrez éLcio
Xadrez éLcio
 
Itinerante xadrez 2
Itinerante xadrez 2Itinerante xadrez 2
Itinerante xadrez 2
 
Arquivo para atividade 5
Arquivo para atividade 5Arquivo para atividade 5
Arquivo para atividade 5
 
Aprenda xadrez com o instrutor willian
Aprenda xadrez com o instrutor willianAprenda xadrez com o instrutor willian
Aprenda xadrez com o instrutor willian
 
Xadrez
XadrezXadrez
Xadrez
 
Xadrez.pdf
Xadrez.pdfXadrez.pdf
Xadrez.pdf
 
Regra xadrez
Regra xadrezRegra xadrez
Regra xadrez
 
Educação física asg
Educação física asgEducação física asg
Educação física asg
 
Vivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrezVivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrez
 
Apostila de xadrez
Apostila de xadrezApostila de xadrez
Apostila de xadrez
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escola
 
Projeto "X" Movimentação das peças1
Projeto "X" Movimentação das peças1Projeto "X" Movimentação das peças1
Projeto "X" Movimentação das peças1
 
XADREZ - Parte 1
XADREZ - Parte 1XADREZ - Parte 1
XADREZ - Parte 1
 
Xadrez apresentação minicurso
Xadrez apresentação minicursoXadrez apresentação minicurso
Xadrez apresentação minicurso
 

Mais de jwfb

2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricasjwfb
 
Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2jwfb
 
Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1jwfb
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureojwfb
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureojwfb
 
Energia cinética
Energia cinéticaEnergia cinética
Energia cinéticajwfb
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrezjwfb
 
Arquivo 77
Arquivo 77Arquivo 77
Arquivo 77jwfb
 
Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1jwfb
 
Obmep2010n1 final
Obmep2010n1 finalObmep2010n1 final
Obmep2010n1 finaljwfb
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematicajwfb
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematicajwfb
 
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]jwfb
 
Funçoes2
Funçoes2Funçoes2
Funçoes2jwfb
 
Arquivo 60
Arquivo 60Arquivo 60
Arquivo 60jwfb
 
Arquivo 60
Arquivo 60Arquivo 60
Arquivo 60jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2jwfb
 

Mais de jwfb (20)

2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas
 
Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2
 
Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureo
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureo
 
Energia cinética
Energia cinéticaEnergia cinética
Energia cinética
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
 
Arquivo 77
Arquivo 77Arquivo 77
Arquivo 77
 
Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1
 
Obmep2010n1 final
Obmep2010n1 finalObmep2010n1 final
Obmep2010n1 final
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematica
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematica
 
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
 
Funçoes2
Funçoes2Funçoes2
Funçoes2
 
Arquivo 60
Arquivo 60Arquivo 60
Arquivo 60
 
Arquivo 60
Arquivo 60Arquivo 60
Arquivo 60
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 

História e regras do xadrez

  • 1.  
  • 2. História 2 mil anos de XADREZ Criado para curar a depressão de um antigo rei indiano, o jogo simula o confronto de dois exércitos, cujas manobras podem se desdobrar numa infinidade de lances diferentes.
  • 3.
  • 4. JOGO DE XADREZ: REGRAS E MOVIMENTOS
  • 5. O TABULEIRO O Tabuleiro é o campo de batalha das peças, é formado por 64 casas com cores brancas e pretas alternadamente;
  • 7. As casas no tabuleiro são nomeadas com letras e números
  • 8.  
  • 9.  
  • 10. TORRE Move-se para qualquer casa ao longo da coluna ou da linha em que se encontra.
  • 11.  
  • 12.
  • 13.  
  • 14.
  • 15.  
  • 16.
  • 17.  
  • 18.
  • 19.  
  • 20.
  • 21.  
  • 22.  
  • 23. Xeque : é quando o rei encontra-se ameaçado, mas existe a possibilidade de defender-se.
  • 24. Xeque-mate : é quando o rei está ameaçado e não existe nenhuma defesa. Ocasionando o término da partida!
  • 25. Afogamento é aquela posição que o rei não está em xeque e não tem casa para mover ou qualquer outro movimento possível para fazer. Quando esse fato acontece a partida é declarada empatada. Afogamento
  • 26.  
  • 27. Sou a peça mais importante no jogo, porque, quando me fazem xeque-mate, perde-se o jogo. Eu ando em todas as direcções, mas avançando só uma casa em cada lance. E nunca posso mover-me para uma casa ameaçada por uma peça de cor contrária.
  • 28. Sou a peça mais valiosa do jogo porque me movo em todas as direcções e em tantas casas quantas quiser. Eu ando nas linhas, nas colunas e nas diagonais. Mas não posso saltar por cima de qualquer outra peça.
  • 29. Movo-me em linhas rectas, tanto na vertical (colunas) como na horizontal (linhas), as casas que quiser, não posso saltar por cima de qualquer outra peça.
  • 30. Movo-me nas diagonais, mas não posso saltar por cima de qualquer outra peça.
  • 31. Movo-me na forma de L (duas casas na coluna e uma na linha ou duas casas na linha e uma na coluna) em qualquer direcção, sou a única peça que pode saltar por cima das outras.
  • 32. Avanço sempre para a frente em linha recta na coluna, uma casa de cada vez, mas quando inicia o primeiro movimento pode andar duas casas se o jogador quiser. Nunca posso andar para trás, nem passar por cima de outras peças. Quando chego à última Linha, transformo-me numa peça da mesma cor à escolha do jogador que chegou comigo à última linha e que pode ser a Dama, Torre, Bispo ou Cavalo e o Peão sai do jogo. Chama-se a esta jogada; Coroação do Peão

Notas do Editor

  1. Curso de xadrez prof. Wilame Félix