Aula capoeira processo histórico

2.090 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.090
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula capoeira processo histórico

  1. 1. Secretaria de Educação do Estado de São Paulo Diretoria de Ensino da Região de Bragança Paulista Escola Estadual José Pires Alvim – Atibaia/SP.PERCURSO HISTÓRICO DA CAPOEIRA Prof. Junior Oliveira CREF. 033634-G/SP
  2. 2. Código Penal da República dosEstados Unidos do Brasil.Decreto n. 847, 11 de outubro de 1890.Capítulo 13.Dos vadios e capoeiras.Artigo. 402Fazer nas ruas e praças públicas,exercícios de agilidade e destreza corporalconhecida pela denominação Capoeiragem.Andar em correriascom armas ou instrumentos capazes deproduzir lesão corporal,provocando tumulto ou desordem,ameaçando pessoa certa ou incertaou incurtindo o temor de algum mal.Pena: prisão celular de 02 a 06 meses.Parágrafo Único: é considerada acircunstância agravantePertencer o capoeira a algum bando oumaltaAos chefes ou cabeças se imporá a pena emdobro.
  3. 3. Dona Isabel que história é essa, Dona Isabel que história é essa, de ter feito aDona Isabel abolição. De ser princesa boazinha, Que libertou a escravidão. Eu “to” cansado de conversa, “to” cansado de ilusão,Autor: Abolição se fez com sangue, que inundava esse país. Que o negro transformou em luta cansado de serMestre Toni Vargas infeliz. Abolição se fez bem antes, E ainda por si fazer agora, Com a verdade da favela e não com a mentira da escola. Dona Isabel chegou a hora de se acabar com essa maldade, De se ensinar aos nossos filhos, o quanto custa a liberdade. Viva Zumbi nosso rei negro! Que fez em herói lá em Palmares, Viva a cultura desse povo, A liberdade verdadeira. Que já corria nos quilombos, Que já jogava a capoeira. Iê viva Zumbi Iê Rei de Palmares Iê libertador Iê viva meu mestre Iê quem me ensinou Iê a Capoeira
  4. 4. •É brasileira, africana ou afro-brasileira?•Como e porque surgiu?•Tem envolvimento com religião?•É coisa de “vagabundo”?•É praticada só no Brasil?
  5. 5. Processo HistóricoDIFICULDADE RUI BARBOSA
  6. 6.  Nestor Capoeira, 2001.BIMBA E PASTINHA SE DIVERGIAM Ferreira 1988. Genuinamente Brasileira  Câmara Cascudo, 1987. Danças litúrgicas x Lutas
  7. 7. AFRO - BRASILEIRA
  8. 8. “CAPOEIRA” Tupi-guarani Caá + puéra = mato ralo, mato que foi cortado
  9. 9. NECESSIDADE RITUAL
  10. 10. 1621, 1630 - 1654 DESVIO DA ATENÇÃO FUGA EM MASSA “GERMINAÇÃO” DA CAPOEIRA FORTALECIMENTO DE PALMARES
  11. 11. 1595 - 1695
  12. 12. 1655 - 1695
  13. 13. 1865 - 1870BATALHÃO DOS ZUAVOS
  14. 14. Capoeiragem do RioBrinquedo de Salvador Frevo de Recife
  15. 15. Rio de Janeiro GUAIAMUNS NAGÔASMANDUCA DA PRAIA
  16. 16. Fim do Século XIXSURGIMENTO DO FREVO NASCIMENTO GRANDE
  17. 17. BESOURO MANGANGÁ
  18. 18. E outros mais...
  19. 19. E outros mais...
  20. 20. E outros mais...
  21. 21. CREF. 033634-G/SPwww.blogjunioroliveira.blogspot.com junioraoliveira@gmail.com

×