Case braslo - arquitetura de sistemas

1.581 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.581
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Case braslo - arquitetura de sistemas

  1. 1. FACULDADE DE INFORMÁTICA E ADMINISTRAÇÃO PAULISTA CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO Gestão de Tecnologia da Informação Arquitetura de Sistemas Alex Batista – RM 34479 Fabio Roberto Pierre – RM 34436 Juliana Maria Lopes – RM 34200 Solange Silva – RM 34404 Estudo de caso solicitado para descrição da arquitetura de sistema da empresa Braslo. Prof. Anderson Tadeu Milochi São Paulo 2005
  2. 2. 1 - INTRODUÇÃO Braslo, a cidade do alimento Em 1999 foi construída, na Rodovia Anhanguera, próximo a São Paulo, uma verdadeira “Cidade do Alimento”. A Braslo, juntamente com outras duas fornecedoras do McDonald's – a Interbakers, distribuidora de pães, e a Martin-Brower, empresa da área de logística e distribuição – foi estimulada a erguer este centro de excelência e qualidade para otimizar a produção e a distribuição de alimentos para a rede de lanchonetes. Durante um ano, mais de cem terrenos foram visitados, até que o espaço de 160 mil metros quadrados, no quilômetro 18 da Rodovia Anhanguera, zona sudeste de São Paulo, foi escolhido para abrigar o grande complexo industrial, em um investimento superior a US$ 70 milhões. O condomínio tem uma única central de utilidades, telefonia, serviços de limpeza, segurança e ambulatório médico, mas a principal vantagem é a otimização dos processos, evidente na redução no tempo e custo de transporte entre o fornecedor e o distribuidor, uma vez localizados lado a lado. As mercadorias da Braslo e da Interbakers são transferidas para a Martin- Brower de modo simples e rápido: cruzando portas que interligam as empresas, o que economiza tempo e frete. A Food Town permite uma produção de 3,5 mil dúzias de pães por hora pela Interbakers e de 100 toneladas de carne (bovina e de frango), por dia, pela Braslo. O McDonald's é mundialmente conhecido por seu rigoroso controle de qualidade. A empresa exige que toda a matéria-prima de seus produtos seja
  3. 3. produzida, estocada, transportada e manuseada de acordo com rígidas normas de segurança alimentar. Por isso, somente cadastra fornecedores que ofereçam padrões de excelência superior à média do mercado. No mundo inteiro, todos os produtos a base de carne bovina, de frango e suína do McDonald's são fornecidos pelas empresas do grupo OSI Industries Inc., do qual a Braslo faz parte. Além de abastecer de carnes a filial brasileira da rede de fast food, atualmente a Braslo exporta produtos para a Europa e Ásia, e está habilitada pelo Ministério da Agricultura a exportar para mais de 30 paises. A empresa também é proprietária das marcas Glenmark, voltada para os mercados de food service, e Bassi, que oferece produtos para o mercado de consumo e é conhecida por fazer o “artesanato da carne”. Grupo OSI O grupo norte-americano OSI tem quase 100 anos de experiência em processamento de alimentos. Sua história começou em 1909, quando Otto Kolschowsky, um pequeno empresário, deu início ao grupo de maneira humilde: abrindo uma pequena loja de produtos de carne em Chicago. Com o tempo, os investimentos em tecnologia transformaram o estabelecimento em uma multinacional que conta hoje com mais de 12.000 funcionários e 75 fábricas pelo mundo, sempre com um só objetivo: fornecer produtos da melhor qualidade por preços justos. No Brasil, a história começa em 1982, quando o OSI criou a Braslo para atender a rede de fast food McDonald's. Vinte anos mais tarde, foi criada a OSI do
  4. 4. Brasil Participações Ltda., com a finalidade de administrar as empresas Braslo e Penasul, empresa avícola localizada no Rio Grande do Sul. Nos dois anos seguintes, a Braslo passou a administrar também as marcas Glenmark e Bassi. Missão da Empresa Oferecer produtos e serviços com elevado nível de qualidade, a um justo valor, que atendam ou excedam as expectativas de nossos clientes e acionistas. 2 - RESUMO TÉCNICO - Segmento de Mercado – Alimentício; - Porte da empresa – Média Empresa; - Número de Funcionários – Aproximadamente 500; - Número de Usuários – 130. 3 - ARQUITETURA DE HARDWARE - Servidores o 02 HP - Citrix MetaFrame; o 01 HP - File Server; o 03 HP - SAP R/3; o 01 Intel – Legado;
  5. 5. - Estações de Trabalho o 20 Dell Pentium IV; o 30 HP Pentium III; - Notebooks o 7 Dell Pentium IV; o 5 HP Pentium IV; - Portáteis o 5 Symbol Pocket PC; o Impressoras Zebra de Código de Barras; - Rede o Ethernet 10/100 Mbps; o Wireless 11 Mbps; o Internet – Diveo 1Mbps SLA 99,8; o Access Point Symbol 11Mbps (Wireless).
  6. 6. 4 - LANDSCAPE - SERVIDORES Servidor SAP 01- Produção: Servidor SAP 02 – Dev/Test: Servidor SAP 03- Desaster Recovery: Marca: HP Marca: Intel S.O. : Windows 2000 Server S.O. : Windows 2000 Server Marca: Intel Processador: 2 Xeon Processador: 2 Xeon S.O. : Windows 2000 Server HD : 700 GB HD : 500 GB Processador: 2 Xeon Memória: 4 GB Memória: 2 GB HD : 700 GB Tolerância Falha: Tolerância Falha: Memória: 2 GB Fonte Redundante; Fonte Redundante; Tolerância Falha: HD Hot Swap; Backup Full diário em unidade Fonte Redundante; Raid 10; de fita ULTRION Raid 5; Backup Full diário em unidade Restore dos Backups de LOG de fita ULTRION e mais 3 do Servidor SAP 01 Servidor MF 01: Servidor MF 02: Servidor File Server: Marca: HP Marca: HP Marca: HP S.O. : Windows 2000 Server S.O. : Windows 2000 Server S.O. : Windows 2000 Server Processador: 1 Xeon Processador: 1 Xeon Processador: 2 Pentium PRO HD : 100 GB HD : 100 GB HD : 500 GB Memória: 1 GB Memória: 1 GB Memória: 1 GB Tolerância Falha: Tolerância Falha: Tolerância Falha: Fonte Redundante; Fonte Redundante; Fonte Redundante; Raid 5; Raid 5; HD Hot Swap; Backup Full diário em unidade Backup Full diário em unidade Raid 5; de fita DLT de fita DLT Backup Full diário em unidade Fonte: Braslo de fita DLT
  7. 7. 5 - ARQUITETURA DE SOFTWARE – SISTEMAS LEGADO - AICF – Automação da Informação do chão de fábrica; - Loyal – Documentações; - Centenium – Inventário da Rede; - FootPrints – Help Desk. 6 - AICF – AUTOMAÇÃO DA INFORMAÇÃO DO CHÃO DE FÁBRICA Descrição do Sistema - Arquitetura – 3 Tier – Client/Middle/Server. - 4 Tier – Client/Middle/Server/Database. O sistema AICF foi desenvolvido para atender necessidade do apontamento de produção na fábrica. Desenvolvido em 1999, pela área de TI da empresa, o AICF encontra-se atualmente na versão 3.0. Sua principal funcionalidade é gerar etiquetas de código de barras para empacotamento de lotes de carne, verificação de pedidos, baixa no módulo de vendas do SAP e envio de informações para o departamento financeiro e cobrança (Impressão de NF e Boleto). Funciona conectado aos módulos SAP PP (Produção), SD (Vendas), FI (Faturamento). Sua implantação foi feita no final da linha de produção.
  8. 8. Funcionalidades do Sistema - Criação e impressão de Etiquetas com código de barras para lotes; - Controle de Estoque; - Controle de rendimentos da produção em real-time; - Reconciliação de pedidos e estoque. No sistema AICF, os arquivos de pedidos originados do módulo SAP são importados para controle de estoque. Após a importação, o usuário envia uma requisição para a geração de etiquetas com dados como “Data de Produção”, “Número de Lote” e “Validade”.O sistema cria e envia para a impressão o lote de etiquetas. O usuário verifica as etiquetas e cola nas caixas respectivas para composição do lote e estocagem. Na fase seguinte, o usuário utiliza um leitor de código de barras para informar ao AICF dados para a composição da ordem de venda. O sistema gera uma ordem de venda para o cliente, baixa no estoque o lote e envia as informações de cobrança necessárias para a área financeira.
  9. 9. 7 – FRAMEWORK – AICF Fonte: Braslo
  10. 10. 8 – BCDR – Business Continuity and Disaster Recovery Servidor SAP Produção - Tolerância a Falhas o Fonte redundante o Discos Hot Swap o RAID 10 - Backup full: o backup full do banco de dados é feito com SQL Server 2000 em unidade de fita Ultrium e ocorre de terça a sábado às 02h00. No dia seguinte, a fita é levada para um outro local fora da empresa e as fitas das semanas anteriores retornam para empresa e são armazenadas em um cofre. É utilizada para o backup uma fita para cada dia do mês, a fita do ultimo dia, vira a fita de fechamento do mês que também vai para o cofre. As outras fitas voltam a serem utilizadas no mês seguinte. - Backup de Log: feito em uma unidade de disco da rede. Ele ocorre três vezes durante o dia, às 12h00, 16h00 e 20h00. O backup do log é restaurado no Servidor de Desaster Recovery automaticamente através de uma aplicação. Servidor SAP Desenvolvimento - Tolerância a Falhas o Fonte redundante o RAID 5
  11. 11. - Backup full: o backup full do banco de dados é feito com SQL Server 2000 em unidade de fita Ultrium e ocorre de terça a sábado às 02h00. No dia seguinte, a fita é levada para um outro local fora da empresa e as fitas das semanas anteriores retornam para empresa e são armazenadas em um cofre. É utilizada para o backup uma fita para cada dia da semana, as fitas voltam a serem utilizadas na semana seguinte. Servidor SAP/AICF Disaster Recovery - Tolerância a Falhas o Fonte redundante o RAID 5 - O servidor tem Banco de dados SQL Server 2000 e dois Banco de dados criados, um para o SAP e outro para o AICF. Neste servidor são restaurados os logs dos servidores SAP e AICF através de uma aplicação que ocorre durante o dia às 132h00, 17h00 e 21h00. Servidor AICF - Tolerância a Falhas o Fonte redundante o RAID 5
  12. 12. - Backup full: o backup full do banco de dados é feito com SQL Server 2000 em unidade de fita DLT e ocorre de terça a sábado às 01h00. No dia seguinte, a fita é levada para um outro local fora da empresa e as fitas das semanas anteriores retornam para empresa e são armazenadas em um cofre. É utilizada para o backup uma fita para cada dia do mês, a fita da ultimo dia, vira a fita de fechamento do mês que também vai para o cofre. As outras fitas voltam a serem utilizadas no mês seguinte. - Backup de Log: feito em uma unidade de disco da rede. Ele ocorre três vezes durante o dia, às 12h00, 16h00 e 20h00. O backup do log é restaurado no Servidor de Disaster Recovery automaticamente através de uma aplicação. Servidores Metaframe - Tolerância a Falhas o Fonte redundante o RAID 5 - Backup full: o backup full dos Servidores é feito com Acserver 2000 em unidade de fita DLT e ocorre de terça a sábado às 01h00. No dia seguinte, a fita é levada para um outro local fora da empresa e as fitas das semanas anteriores retornam para empresa e são armazenadas em um cofre. É utilizada para o backup uma fita para cada dia da semana, e voltam a serem utilizadas na semana seguinte.
  13. 13. Servidores File Server - Tolerância a Falhas o Fonte redundante o Discos Hot Swap o RAID 5 - Backup full: o backup full do Servidor é feito com Acserver 2000 em unidade de fita DLT e ocorre de terça a sábado às 01h00. No dia seguinte, a fita é levada para um outro local fora da empresa e as fitas das semanas anteriores retornam para empresa e são armazenadas em um cofre. É utilizada para o backup uma fita para cada dia do mês, a fita da ultimo dia, vira a fita de fechamento do mês que também vai para o cofre. As outras fitas voltam a serem utilizadas no mês seguinte.
  14. 14. 9 – CUSTOS ANUAIS Gasto Anual jan/04 fev/04 mar/04 abr/04 mai/04 jun/04 Fitas de Backup ULTRIM R$ 13.800,00 R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Fitas de Backup DLT R$ 9.000,00 R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Licenças SAP R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Contrato de Manunteção dos Servidores / Desktops R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 Manutenção AICF R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 Manutenção das Impressoras Zebras R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Manutenção de Balanças e Pocket PC R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ 43.400,00 R$ 20.600,00 R$ 28.100,00 R$ 20.600,00 R$ 20.600,00 R$ 28.100,00 jan/05 fev/05 mar/05 abr/05 mai/05 jun/05 Fitas de Backup ULTRIM R$ 4.600,00 R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Fitas de Backup DLT R$ 3.600,00 R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Licenças SAP R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Contrato de Manunteção dos Servidores / Desktops R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 Manutenção AICF R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 Manutenção das Impressoras Zebras R$ - R$ 8.000,00 R$ - R$ - R$ 4.000,00 R$ - Manutenção de Balanças e Pocket PC R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ - R$ - R$ 7.500,00 Total R$ 27.200,00 R$ 27.000,00 R$ 26.500,00 R$ 19.000,00 R$ 23.000,00 R$ 26.500,00
  15. 15. Gasto Anual jul/04 ago/04 set/04 out/04 nov/04 dez/04 Total Fitas de Backup ULTRIM R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Fitas de Backup DLT R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Licenças SAP R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ 180.000,00 R$ 180.000,00 Contrato de Manunteção dos Servidores / Desktops R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 13.600,00 R$ 81.600,00 Manutenção AICF R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 7.000,00 R$ 42.000,00 Manutenção das Impressoras Zebras R$ 4.000,00 R$ - R$ - R$ - R$ 6.000,00 R$ - R$ 10.000,00 Manutenção de Balanças e Pocket PC R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ 15.000,00 R$ 24.600,00 R$ 20.600,00 R$ 28.100,00 R$ 20.600,00 R$ 26.600,00 R$ 208.100,00 jul/05 ago/05 set/05 out/05 nov/05 dez/05Total Fitas de Backup ULTRIM R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Fitas de Backup DLT R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - Licenças SAP R$ - R$ - R$ - R$ - R$ - R$ 240.000,00 R$ 240.000,00 Contrato de Manunteção dos Servidores / Desktops R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 R$ 90.000,00 Manutenção AICF R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 4.000,00 R$ 24.000,00 Manutenção das Impressoras Zebras R$ - R$ 6.000,00 R$ - R$ - R$ 6.000,00 R$ - R$ 12.000,00 Manutenção de Balanças e Pocket PC R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ - R$ - R$ 7.500,00 R$ 15.000,00 Total R$ 19.000,00 R$ 25.000,00 R$ 26.500,00 R$ 19.000,00 R$ 25.000,00 R$ 266.500,00 Fonte: Braslo
  16. 16. 10 - RESULTADOS E ESTATÍSTICAS Estatísticas de utilização - Redução de 4 horas para 30 minutos no processo de piking (empacotamento do lote) utilizando o sistema AICF. Totalizando uma redução mensal do processo em aproximadamente 87,5% . - Redução de 10 pessoas para 2 utilizando o sistema AICF, ou seja, uma redução mensal aproximada de R$ 4.800,00. Estatística de vida útil do sistema - Estimativa de vida útil – 2 anos. A empresa Braslo está analisando a possibilidade da implantação dos módulos SAP de Warehouse Management e Pisheet. Portanto, o sistema poderá ser inutilizado devido ás novas aplicações. 11 – CONCLUSÃO O case mostra a solução adotada pela empresa Braslo que possui vários processos na sua cadeia logística, onde foi desenvolvido um sistema que automatiza sua cadeia de apontamento de produção de fabrica. Por ser um sistema desenvolvido pela empresa, foi construído sob medida e está totalmente ligado à Arquitetura de Sistemas Computacionais da empresa de
  17. 17. forma inteligente, gerando uma redução de custos e aumento considerável em seu desempenho. A utilização desta solução só foi possível graças às informações estarem armazenadas em uma arquitetura de bancos de dados segura e que possui seus dados sempre atualizados de forma real time. 12 – REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BRASLO, Disponível em http://www.braslo.com.br, Outubro de 2005. STOCCO,ANTÔNIO, Entrevista com Gerente da área de Tecnologia da Informação da Empresa Braslo, Outubro de 2005.

×