AS TRANSFORMAÇÕES TÉCNICO-CIENTÍFICAS, ECONÔMICAS E POLÍTICAS

8.039 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.039
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
159
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

AS TRANSFORMAÇÕES TÉCNICO-CIENTÍFICAS, ECONÔMICAS E POLÍTICAS

  1. 1. AS TRANSFORMAÇÕES TÉCNICO-CIENTÍFICAS, ECONÔMICAS E POLÍTICAS
  2. 2. REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA: IMPACTOS E PERSPECTIVAS • Inicialmente buscaremos compreender em que consiste as transformações técnico-científicas. • Os estudiosos do assunto mencionam essas transformações com diferentes denominações, tais como: terceira revolução industrial, revolução científica e técnica, revolução informacional, revolução informática, era digital, sociedade técnico-informacional, sociedade do conhecimento ou simplesmente revolução tecnológica.
  3. 3.  Verifica-se nessa compreensão, um determinismo tecnológico que não corresponde inteiramente a realidade. É preciso considerar que as transformações técnico-científicas resultam da ação humana concreta, ou seja, de interesses econômicos conflitantes que se manifestam no estado e no mercado.  Uma tríade revolucionária: a energia termonuclear, a microbiologia e a microeletrônica.
  4. 4.  Para compreendermos mais concretamente as transformações técnico-científicas, é preciso considerarmos os aspectos ou pilares fundamentais da revolução tecnológica. Tal revolução está assentada em uma tríade revolucionária.
  5. 5. A REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA OU TERCEIRA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL  É marcada, entre outras, pela energia termonuclear, assim como a primeira revolução industrial resultou da descoberta e utilização da energia a vapor e a segunda revolução industrial, da energia elétrica.  Com maior ou menor acesso, as novas tecnologias da informação e os diferentes meios de comunicação, estão presentes nos espaços sociais ou incorporados ao cotidiano de vida das pessoas, de maneira que modificam hábitos, costumes e necessidades.
  6. 6. REVOLUÇÕES CIENTÍFICAS E TECNOLÓGICAS DA MODERNIDADE. (DO SÉCULO XVIII AO SÉCULO XXI) PRIMEIRA REVOLUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - (segunda metade do século XVIII) •Nasce na Inglaterra, vinculada ao processo de industrialização, substituição a produção artesanal pela fábrica. •Caracteriza-se pela evolução da tecnologia aplicada à produção de mercadorias, pela fabricação do ferro como matéria prima, pela invenção do tear e pela substituição da força humana pela energia e maquina a vapor, criando as condições objetivas de passagem de uma sociedade agrária para uma sociedade industrial.
  7. 7. SEGUNDA REVOLUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA. (segunda metade do século XIX)  Caracteriza-se pelo surgimento do aço, da energia elétrica, do petróleo e da indústria química e pelo desenvolvimento e pelo desenvolvimento dos meios de transportes e comunicação.  Intensifica ainda mais a divisão técnica do trabalho, ao mesmo tempo em que promove sua padronização e desqualificação.  Faz surgir as escolas industriais e profissionalizantes (escolas técnicas), bem como o operário-padrão.
  8. 8. TERCEIRA REVOLUÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA. (segunda metade do século XX)  Tem por base, sobretudo, a microeletrônica, a cibernética, a tecnotrônica, a microbiologia, a biotecnologia, a engenharia genética, as novas formas de energia, a robótica, a informática, a química fina, a produção de sintéticos, as fibras óticas, os chips.  Acelera e aperfeiçoa os meios de transporte e as comunicações.  Torna a gestão e a organização do trabalho mais flexíveis e integradas globalmente.
  9. 9. A Revolução da Microbiologia  A revolução da microbiologia é responsável por grandes avanços e perigos para a vida humana e do planeta. De um lado, o conhecimento genético promove melhorias para os homens, uma melhor qualidade de vida e longevidade humana. Em oposição existe o risco de produção artificial de seres humanos e possibilidades de guerras bacteriológicas.
  10. 10. A revolução da Microeletrônica  A revolução da microeletrônica é a mais percebida no nosso cotidiano, ela facilitou a vida do ser humano. Melhorou-se a qualidade dos serviços, a velocidade das informações, o mundo diminuiu as suas fronteiras com as telecomunicações, Internet, satélites e outros aparelhos que facilitam a vida do homem moderno.
  11. 11. UM DESTAQUE: A REVOLUÇÃO INFORMACIONAL  Além da tríade revolucionária apontada, é preciso destacar as mudanças e as implicações da revolução informacional emergente. Essa revolução tem por base um espantoso e continuo avanço das telecomunicações, dos meios de comunicação (mídias) e das novas tecnologias da informação.  A internet (a super-rede mundial de computadores) é uma das estrelas principais dessa fase da revolução informacional, pois interliga milhares de computadores, ou melhor, de usuários a um imenso e crescente banco de informações, permitindo-lhes navegar pelo mundo por meio do microcomputador.
  12. 12.  De maneira geral, os veículos jornalísticos informatizam-se e distribuem as informações por diferentes meios (telefone, fibras óticas, satélites, etc.), criando redes de informação online (comunicação instantânea) que conseguem juntar texto, som e imagem.
  13. 13. Caracterizam ainda a revolução informacional:  O surgimento de uma nova linguagem comunicacional, uma vez que circulam e se tornam comuns termos como realidade virtual, ciberespaço, hipermídia, correio eletrônico e outros, expressando novas realidades e possibilidades informacionais.  Os diferentes mecanismos de informação digital, de acesso à informação e de pesquisas e ligações entre matérias sempre atualizadas e qualificadas;
  14. 14.  As novas possibilidades de entretenimento e de educação.  O acúmulo de informações de armazenamento.  Uma característica importante da revolução informacional diz respeito ao papel central da informação na sociedade pós-mercantil ou pós- industrial e a seu tratamento.  A revolução informacional está, portanto, na base de uma nova forma de divisão social e de exclusão.

×