O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
IM/RODANTE:
MELHORIAS NO CABEAMENTO
ESTRUTURADO
©2014J.Teixeira
 Cenário
 Execução das melhorias
 Avaliação dos resultados
AGENDA
©2014J.Teixeira
 A IM/Rodante
 Contextualização
 Objetivos
1. INTRODUÇÃO
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
IM TERRAPLENAGEM
IM Terraplenagem
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 Rodovias, estradas e túneis
 Obras públicas
 Energias renov...
IM Terraplenagem
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 Rodovias, estradas e túneis
 Obras públicas
 Energias renov...
IM Terraplenagem
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 Rodovias, estradas e túneis
 Obras públicas
 Energias renov...
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
RODANTE LOCAÇÃO
Rodante Locação
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 Locação de maquinário pesado
 Geradores, betoneiras, guindast...
Rodante Locação
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 Locação de maquinário pesado
 Geradores, betoneiras, guindast...
Rodante Locação
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 Locação de maquinário pesado
 Geradores, betoneiras, guindast...
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
IM/RODANTE:
ATUAÇÃO NO MERCADO
Atuação no mercado
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 8 Escritórios Fixos
 20 Canteiros no Nordeste
 Mais de 70...
Atuação no mercado
1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE
©2014J.Teixeira
 8 Escritórios Fixos
 20 Canteiros no Nordeste
 Mais de 70...
1. INTRODUÇÃO: CONTEXTUALIZAÇÃO
©2014J.Teixeira
CONTEXTUALIZAÇÃO
1. INTRODUÇÃO: CONTEXTUALIZAÇÃO
©2014J.Teixeira
 Suporte de TI: Sobrecarga de chamados
 Problemas recorrentes
 Entrave ...
1. INTRODUÇÃO: CONTEXTUALIZAÇÃO
©2014J.Teixeira
 Suporte de TI: Sobrecarga de chamados
 Problemas recorrentes
 Entrave ...
1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS
©2014J.Teixeira
OBJETIVOS GERAIS
1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS
©2014J.Teixeira
 Expor as origens dos problemas recorrentes
 Tratar a raiz destes problemas
Obj...
1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS
©2014J.Teixeira
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS
©2014J.Teixeira
 Analisar a estrutura existente
 Formular e executar projeto de
reestruturação
...
©2014J.Teixeira
 Panorama inicial
 Estrutura inicial
 Desempenho inicial
2. CENÁRIO
2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL
©2014J.Teixeira
 IM: TOTVS
 RODANTE: SISLOC
 Equipe de suporte: 6 técnicos
2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Monitoração e documentação ausentes
Falhas básicas de gestão
2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Monitoração e documentação ausentes
 Solução de segurança ausente
Falhas b...
2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Monitoração e documentação ausentes
 Solução de segurança ausente
 Contro...
2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Matriz: topologia
©2014J.Teixeira
2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Matriz: topologia
 Filiais: topologia
©2014J.Teixeira
Topologia nas filiais
2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Matriz: topologia
 Filiais: topologia
 Dispositivos finais
Dispositivos ...
2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Matriz: topologia
 Filiais: topologia
 Dispositivos finais
 Servidores ...
2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL
©2014J.Teixeira
 Matriz: topologia
 Filiais: topologia
 Dispositivos finais
 Servidores ...
2. CENÁRIO: DESEMPENHO INICIAL
©2014J.Teixeira
 Chamados de suporte
2. CENÁRIO: DESEMPENHO INICIAL
©2014J.Teixeira
 Chamados de suporte
 Matriz e filiais: a diferença no tratamento
2. CENÁRIO: DESEMPENHO INICIAL
©2014J.Teixeira
 Chamados de suporte
 Matriz e filiais: a diferença no tratamento
 Desem...
©2014J.Teixeira
 Planejamento e estratégias
 Matriz: Ações estruturais
 Filiais: Ações estruturais
4. EXECUÇÃO DAS MELH...
4. MELHORIAS: PLANEJAM. E ESTRATÉGIAS
©2014J.Teixeira
 Preparação
4. MELHORIAS: PLANEJAM. E ESTRATÉGIAS
©2014J.Teixeira
 Preparação
 Prazos
4. MELHORIAS: PLANEJAM. E ESTRATÉGIAS
©2014J.Teixeira
 Preparação
 Prazos
 Desafios e limitações
4. MELHORIAS: AÇÕES NA MATRIZ
©2014J.Teixeira
 Aquisições e remanejamentos
4. MELHORIAS: AÇÕES NA MATRIZ
©2014J.Teixeira
 Aquisições e remanejamentos
 Hierarquia de ativos
4. MELHORIAS: AÇÕES NA MATRIZ
©2014J.Teixeira
 Aquisições e remanejamentos
 Hierarquia de ativos
 Conexões com ISPs
4. MELHORIAS: AÇÕES NAS FILIAIS
©2014J.Teixeira
 Ajustes na rede
4. MELHORIAS: AÇÕES NAS FILIAIS
©2014J.Teixeira
 Ajustes na rede
 Conexões com ISPs e as VPNs
©2014J.Teixeira
 Desempenho da estrutura: Melhorias
 Parque de máquinas: Crescimento
 Chamados de suporte: Redução
 Ob...
5. RESULTADOS: MELHORIAS NO DESEMPENHO
©2014J.Teixeira
DESKTOP LAPTOP TABLET SMARTPHONE IMPRESSORA TOTAL
130 66 22 39 51 308
139 84 27 74 58 382
ABRIL DE 2012
AUMENTO DA QUANTID...
5. RESULTADOS: REDUÇÃO DE CHAMADOS
©2014J.Teixeira
TOTAL POR TIPO DE
CHAMADO
20 33 50 34 67
0 5 10 15 20 25 30 35
ERP: lentidão ou indisponibilidade
REDE: Lentidão ou indisp...
OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS
©2014J.Teixeira
 Redução dos incidentes
OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS
©2014J.Teixeira
 Redução dos incidentes
 Aumento da produtividade
OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS
©2014J.Teixeira
 Redução dos incidentes
 Aumento da produtividade
 Investimentos e...
OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS
©2014J.Teixeira
 Redução dos incidentes
 Aumento da produtividade
 Investimentos e...
CONCLUSÃO
©2014J.Teixeira
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE

332 visualizações

Publicada em

Trabalho de Conclusão de Curso Superior de Redes de Computadores do IFRN. Realizado na IM Engenharia e Rodante Locação por Judá Teixeira entre 2012 e 2013.

Publicada em: Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Melhorias no Cabeamento Estruturado de Redes da IM/RODANTE

  1. 1. IM/RODANTE: MELHORIAS NO CABEAMENTO ESTRUTURADO
  2. 2. ©2014J.Teixeira  Cenário  Execução das melhorias  Avaliação dos resultados AGENDA
  3. 3. ©2014J.Teixeira  A IM/Rodante  Contextualização  Objetivos 1. INTRODUÇÃO
  4. 4. 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira IM TERRAPLENAGEM
  5. 5. IM Terraplenagem 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  Rodovias, estradas e túneis  Obras públicas  Energias renováveis
  6. 6. IM Terraplenagem 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  Rodovias, estradas e túneis  Obras públicas  Energias renováveis
  7. 7. IM Terraplenagem 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  Rodovias, estradas e túneis  Obras públicas  Energias renováveis
  8. 8. 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira RODANTE LOCAÇÃO
  9. 9. Rodante Locação 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  Locação de maquinário pesado  Geradores, betoneiras, guindastes
  10. 10. Rodante Locação 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  Locação de maquinário pesado  Geradores, betoneiras, guindastes
  11. 11. Rodante Locação 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  Locação de maquinário pesado  Geradores, betoneiras, guindastes
  12. 12. 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira IM/RODANTE: ATUAÇÃO NO MERCADO
  13. 13. Atuação no mercado 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  8 Escritórios Fixos  20 Canteiros no Nordeste  Mais de 700 colaboradores
  14. 14. Atuação no mercado 1. INTRODUÇÃO: IM/RODANTE ©2014J.Teixeira  8 Escritórios Fixos  20 Canteiros no Nordeste  Mais de 700 colaboradores
  15. 15. 1. INTRODUÇÃO: CONTEXTUALIZAÇÃO ©2014J.Teixeira CONTEXTUALIZAÇÃO
  16. 16. 1. INTRODUÇÃO: CONTEXTUALIZAÇÃO ©2014J.Teixeira  Suporte de TI: Sobrecarga de chamados  Problemas recorrentes  Entrave à inovação e crescimento
  17. 17. 1. INTRODUÇÃO: CONTEXTUALIZAÇÃO ©2014J.Teixeira  Suporte de TI: Sobrecarga de chamados  Problemas recorrentes  Entrave à inovação e crescimento
  18. 18. 1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS ©2014J.Teixeira OBJETIVOS GERAIS
  19. 19. 1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS ©2014J.Teixeira  Expor as origens dos problemas recorrentes  Tratar a raiz destes problemas Objetivos Gerais
  20. 20. 1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS ©2014J.Teixeira OBJETIVOS ESPECÍFICOS
  21. 21. 1. INTRODUÇÃO: OBJETIVOS ©2014J.Teixeira  Analisar a estrutura existente  Formular e executar projeto de reestruturação  Analisar os resultados Objetivos Específicos
  22. 22. ©2014J.Teixeira  Panorama inicial  Estrutura inicial  Desempenho inicial 2. CENÁRIO
  23. 23. 2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL ©2014J.Teixeira  IM: TOTVS  RODANTE: SISLOC  Equipe de suporte: 6 técnicos
  24. 24. 2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL ©2014J.Teixeira  Monitoração e documentação ausentes Falhas básicas de gestão
  25. 25. 2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL ©2014J.Teixeira  Monitoração e documentação ausentes  Solução de segurança ausente Falhas básicas de gestão
  26. 26. 2. CENÁRIO: PANORAMA INICIAL ©2014J.Teixeira  Monitoração e documentação ausentes  Solução de segurança ausente  Controle de chamados ausente Falhas básicas de gestão
  27. 27. 2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL ©2014J.Teixeira  Matriz: topologia
  28. 28. ©2014J.Teixeira
  29. 29. 2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL ©2014J.Teixeira  Matriz: topologia  Filiais: topologia
  30. 30. ©2014J.Teixeira Topologia nas filiais
  31. 31. 2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL ©2014J.Teixeira  Matriz: topologia  Filiais: topologia  Dispositivos finais Dispositivos finais
  32. 32. 2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL ©2014J.Teixeira  Matriz: topologia  Filiais: topologia  Dispositivos finais  Servidores antes Servidores
  33. 33. 2. CENÁRIO: ESTRUTURA INICIAL ©2014J.Teixeira  Matriz: topologia  Filiais: topologia  Dispositivos finais  Servidores antes  Problemas físicos Problemas físicos
  34. 34. 2. CENÁRIO: DESEMPENHO INICIAL ©2014J.Teixeira  Chamados de suporte
  35. 35. 2. CENÁRIO: DESEMPENHO INICIAL ©2014J.Teixeira  Chamados de suporte  Matriz e filiais: a diferença no tratamento
  36. 36. 2. CENÁRIO: DESEMPENHO INICIAL ©2014J.Teixeira  Chamados de suporte  Matriz e filiais: a diferença no tratamento  Desempenho da rede antes da reestruturação
  37. 37. ©2014J.Teixeira  Planejamento e estratégias  Matriz: Ações estruturais  Filiais: Ações estruturais 4. EXECUÇÃO DAS MELHORIAS
  38. 38. 4. MELHORIAS: PLANEJAM. E ESTRATÉGIAS ©2014J.Teixeira  Preparação
  39. 39. 4. MELHORIAS: PLANEJAM. E ESTRATÉGIAS ©2014J.Teixeira  Preparação  Prazos
  40. 40. 4. MELHORIAS: PLANEJAM. E ESTRATÉGIAS ©2014J.Teixeira  Preparação  Prazos  Desafios e limitações
  41. 41. 4. MELHORIAS: AÇÕES NA MATRIZ ©2014J.Teixeira  Aquisições e remanejamentos
  42. 42. 4. MELHORIAS: AÇÕES NA MATRIZ ©2014J.Teixeira  Aquisições e remanejamentos  Hierarquia de ativos
  43. 43. 4. MELHORIAS: AÇÕES NA MATRIZ ©2014J.Teixeira  Aquisições e remanejamentos  Hierarquia de ativos  Conexões com ISPs
  44. 44. 4. MELHORIAS: AÇÕES NAS FILIAIS ©2014J.Teixeira  Ajustes na rede
  45. 45. 4. MELHORIAS: AÇÕES NAS FILIAIS ©2014J.Teixeira  Ajustes na rede  Conexões com ISPs e as VPNs
  46. 46. ©2014J.Teixeira  Desempenho da estrutura: Melhorias  Parque de máquinas: Crescimento  Chamados de suporte: Redução  Objetivos alcançados e consequências 5. AVALIAÇÃO DOS RESULTADOS
  47. 47. 5. RESULTADOS: MELHORIAS NO DESEMPENHO ©2014J.Teixeira
  48. 48. DESKTOP LAPTOP TABLET SMARTPHONE IMPRESSORA TOTAL 130 66 22 39 51 308 139 84 27 74 58 382 ABRIL DE 2012 AUMENTO DA QUANTIDADE DE DISPOSITIVOS JANEIRO DE 2013 0 20 40 60 80 100 120 140 160 DESKTOP LAPTOP TABLET SMARTPHONE IMPRESSORA ABRIL DE 2012 JANEIRO DE 2013 5. RESULTADOS: CRESCIMENTO DO PARQUE ©2014J.Teixeira
  49. 49. 5. RESULTADOS: REDUÇÃO DE CHAMADOS ©2014J.Teixeira
  50. 50. TOTAL POR TIPO DE CHAMADO 20 33 50 34 67 0 5 10 15 20 25 30 35 ERP: lentidão ou indisponibilidade REDE: Lentidão ou indisponibilidade COMPUTADORES: Falhas/outros EQUIPAMENTOS: Falhas/outros OUTROS (Dúvidas etc.) Chamados/Semana SEMANA 4 SEMANA 3 SEMANA 2 SEMANA 1 5. RESULTADOS: REDUÇÃO DE CHAMADOS ©2014J.Teixeira
  51. 51. OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS ©2014J.Teixeira  Redução dos incidentes
  52. 52. OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS ©2014J.Teixeira  Redução dos incidentes  Aumento da produtividade
  53. 53. OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS ©2014J.Teixeira  Redução dos incidentes  Aumento da produtividade  Investimentos em TI: crescimento
  54. 54. OBJETIVOS ALCANÇADOS E CONSEQUÊNCIAS ©2014J.Teixeira  Redução dos incidentes  Aumento da produtividade  Investimentos em TI: crescimento  Integração: TI > Negócios
  55. 55. CONCLUSÃO ©2014J.Teixeira

×