SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 38
Baixar para ler offline
William Bonner - editor chefe do JN
“Constatou-se que ele [o
  espectador médio] tem
  muita dificuldade para
  entender notícias
  complexas ... Na
  redação, foi apelidado
  de Homer Simpson.”

Carta Capital - Dez 2005
Dan Gillmor - jornalista
“Eu tenho como verdade,
  por exemplo, que os
  meus leitores sabem
  mais do que eu - e esse
  é um fato na vida
  jornalística que liberta,
  não que ameaça.”
Rupert Murdoch – News Corp.
“A tecnologia está
  retirando o poder de
  jornalistas, de editoras,
  do estabelecimento e da
  elite da midia. Agora
  são as pessoas que estão
  assumindo o controle.quot;

   Wired - Jul 2006
The Economist – semanário britânico
“O negócio de vender
  palavras para os
  leitores e vender
  leitores para os
  publicitários ... está
  acabando.”

  Ago 2006
WSJ – jornal financeiro
            “O site de classificados
              gratúitos se tornou o
              pesadelo dos
              executivos de
              jornais...”

            The Wall Street Journal
            17 junho 2006
Andrew Keen – historiador
“Reddit é um espelho
  dos nossos interesses
  mais banais. Ele
  ridiculariza os
  veículos tradicionais
  de mídia e torna
  eventos cotidianos em
  um jogo infantilizado
  de Master”.
                  Pag. 6
Mídia sem gargalo
Juliano Spyer – www.naozero.com.br




                                     Três cliques para profissionais 1.0
                                         entenderem melhor sobre
                                              comunicação 2.0.
Roteiro

1. Em que a internet é diferente de outros
   formatos de telecomunicação?
2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se
   entender online?
3. Por que as pessoas oferecem de graça na
   rede o que elas cobram presencialmente?
4. Casos
1. O   que eles têm de
        diferente?

       –Telefone
       –Televisão
       –Rádio amador
       –Internet
Um para um
Um para muitos
Vários com vários
Objeção de Babel
Muitos com muitos
Roteiro

1. Em que a internet é diferente de outros
   formatos de telecomunicação?
2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se
   entender online?
3. Por que as pessoas oferecem de graça na
   rede o que elas cobram presencialmente?
4. Casos
2. Estratégias de processamento de
              informação
Definição:
• Centralizada - top-down
  – hierarquia
  – Governos e empresas
• Descentralizada - bottom-up
  – poder distribuído
  – Emergência - todo mais inteligente que partes
  – Insetos sociais, mercados, cidades, trânsito
Roteiro

1. Em que a internet é diferente de outros
   formatos de telecomunicação?
2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se
   entender online?
3. Por que as pessoas oferecem de graça na
   rede o que elas cobram presencialmente?
4. Casos
3. Motivações para a
            colaboração
Definições:
• Produto Rival (escasso) X Não-rival
  – Exemplos: terra e informação (cola escolar)


• Economia de mercado x de Doação
  – Exemplos: sem vínculo / com vínculo


Alternativa à economia baseada no dinheiro
Reciprocidade
Prestígio
Incentivo social
Incentivo moral
Roteiro

1. Em que a internet é diferente de outros
   formatos de telecomunicação?
2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se
   entender online?
3. Por que as pessoas oferecem de graça na
   rede o que elas cobram presencialmente?
4. Casos
www.pebodycount.com.br
www.digg.com
www.bostonnow.com
www.gothamist.com
www.vivasp.com
www. thisisbroken.com
www.facehunter.blogspot.com
Juliano Spyer




www.naozero.com.br

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Internet Em 3 Cliques

Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...
Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...
Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...Associação Comercial de São Paulo
 
Entrevista Michio Kaku ao jornal Sol de Portugal
Entrevista Michio Kaku ao jornal Sol de PortugalEntrevista Michio Kaku ao jornal Sol de Portugal
Entrevista Michio Kaku ao jornal Sol de PortugalLuis Rasquilha
 
Apresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PE
Apresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PEApresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PE
Apresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PESylvio Micelli
 
Trabalho final powerpoint
Trabalho final powerpointTrabalho final powerpoint
Trabalho final powerpointppfrittella
 
ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?
ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?
ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?Ciro Lopes
 
A Comunicação e Manipulação dos Mass Media
A Comunicação e Manipulação dos Mass MediaA Comunicação e Manipulação dos Mass Media
A Comunicação e Manipulação dos Mass MediaRicardo Dias
 
MMB POA por Fernando Tassinari, Razorfish
MMB POA por Fernando Tassinari, RazorfishMMB POA por Fernando Tassinari, Razorfish
MMB POA por Fernando Tassinari, RazorfishPontomobi
 
Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?
Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?
Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?Galileu Nogueira
 
Free - O futuro dos Preços
Free - O futuro dos PreçosFree - O futuro dos Preços
Free - O futuro dos PreçosRafael Lisboa
 
Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...
Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...
Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...Fernando de Assis Rodrigues
 
Trabalho Sociologia - Tecnologia
Trabalho Sociologia - TecnologiaTrabalho Sociologia - Tecnologia
Trabalho Sociologia - Tecnologiacoideias
 
12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio
12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio
12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio TulioIdeias na Laje
 
Sebrae Ms Com Gil Giardelli
Sebrae Ms Com Gil GiardelliSebrae Ms Com Gil Giardelli
Sebrae Ms Com Gil GiardelliSEBRAE MS
 

Semelhante a Internet Em 3 Cliques (20)

523
523523
523
 
Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...
Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...
Curso para Jornalistas - Jornalista 2.0: Novas ferramentas de comunicação na ...
 
Idea Enrisud
Idea   EnrisudIdea   Enrisud
Idea Enrisud
 
Entrevista Michio Kaku ao jornal Sol de Portugal
Entrevista Michio Kaku ao jornal Sol de PortugalEntrevista Michio Kaku ao jornal Sol de Portugal
Entrevista Michio Kaku ao jornal Sol de Portugal
 
Apresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PE
Apresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PEApresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PE
Apresentação de Sylvio Micelli sobre Comunicação na reunião da CNSP em Recife/PE
 
Trabalho final powerpoint
Trabalho final powerpointTrabalho final powerpoint
Trabalho final powerpoint
 
ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?
ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?
ATÉ QUE PONTO A MÍDIA BRASILEIRA MANIPULA A SOCIEDADE?
 
A Comunicação e Manipulação dos Mass Media
A Comunicação e Manipulação dos Mass MediaA Comunicação e Manipulação dos Mass Media
A Comunicação e Manipulação dos Mass Media
 
MMB POA por Fernando Tassinari, Razorfish
MMB POA por Fernando Tassinari, RazorfishMMB POA por Fernando Tassinari, Razorfish
MMB POA por Fernando Tassinari, Razorfish
 
Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?
Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?
Eu Digital | Eu Pessoal - Somos diferentes mesmo?
 
Free - O futuro dos Preços
Free - O futuro dos PreçosFree - O futuro dos Preços
Free - O futuro dos Preços
 
Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...
Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...
Pontos de contato entre a Esfera Pública e Instituições: reflexões sobre pote...
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
 
O segredo das redes sociais
O segredo das redes sociaisO segredo das redes sociais
O segredo das redes sociais
 
O Globo
O GloboO Globo
O Globo
 
Encontro Setorial - Alimentos & Bebidas
Encontro Setorial - Alimentos & BebidasEncontro Setorial - Alimentos & Bebidas
Encontro Setorial - Alimentos & Bebidas
 
Palestra Mackenzie 24/10/2006
Palestra Mackenzie 24/10/2006Palestra Mackenzie 24/10/2006
Palestra Mackenzie 24/10/2006
 
Trabalho Sociologia - Tecnologia
Trabalho Sociologia - TecnologiaTrabalho Sociologia - Tecnologia
Trabalho Sociologia - Tecnologia
 
12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio
12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio
12º Ideias na Laje - Palestra Principal // Caio Tulio
 
Sebrae Ms Com Gil Giardelli
Sebrae Ms Com Gil GiardelliSebrae Ms Com Gil Giardelli
Sebrae Ms Com Gil Giardelli
 

Mais de juliano spyer

Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...
Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...
Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...juliano spyer
 
Conectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com ela
Conectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com elaConectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com ela
Conectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com elajuliano spyer
 
Eleições 2012: Desafios da comunicação pela internet
Eleições 2012: Desafios da comunicação pela internetEleições 2012: Desafios da comunicação pela internet
Eleições 2012: Desafios da comunicação pela internetjuliano spyer
 
Particpant observation intro_lec_10
Particpant observation intro_lec_10Particpant observation intro_lec_10
Particpant observation intro_lec_10juliano spyer
 
O Futuro do Livro (ele não vai acabar)
O Futuro do Livro (ele não vai acabar)O Futuro do Livro (ele não vai acabar)
O Futuro do Livro (ele não vai acabar)juliano spyer
 
Conceitos e idéias por trás do Twitter
Conceitos e idéias por trás do TwitterConceitos e idéias por trás do Twitter
Conceitos e idéias por trás do Twitterjuliano spyer
 
Verdades e Meias Verdades sobre o Poder da Internet
Verdades e Meias Verdades sobre o Poder da InternetVerdades e Meias Verdades sobre o Poder da Internet
Verdades e Meias Verdades sobre o Poder da Internetjuliano spyer
 
Twitter para o serviço público
Twitter para o serviço públicoTwitter para o serviço público
Twitter para o serviço públicojuliano spyer
 
Here Comes Everybody
Here Comes EverybodyHere Comes Everybody
Here Comes Everybodyjuliano spyer
 
Sobre Comunicacao Online
Sobre Comunicacao OnlineSobre Comunicacao Online
Sobre Comunicacao Onlinejuliano spyer
 

Mais de juliano spyer (16)

Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...
Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...
Making up Art, Videos and Fame: The Creation of Social Order in the Informal ...
 
Conectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com ela
Conectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com elaConectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com ela
Conectado - O que a internet fez com você e o que você pode fazer com ela
 
Manual do Twitter
Manual do TwitterManual do Twitter
Manual do Twitter
 
Eleições 2012: Desafios da comunicação pela internet
Eleições 2012: Desafios da comunicação pela internetEleições 2012: Desafios da comunicação pela internet
Eleições 2012: Desafios da comunicação pela internet
 
Particpant observation intro_lec_10
Particpant observation intro_lec_10Particpant observation intro_lec_10
Particpant observation intro_lec_10
 
Orkut de Bolso
Orkut de BolsoOrkut de Bolso
Orkut de Bolso
 
O Futuro do Livro (ele não vai acabar)
O Futuro do Livro (ele não vai acabar)O Futuro do Livro (ele não vai acabar)
O Futuro do Livro (ele não vai acabar)
 
Conceitos e idéias por trás do Twitter
Conceitos e idéias por trás do TwitterConceitos e idéias por trás do Twitter
Conceitos e idéias por trás do Twitter
 
Verdades e Meias Verdades sobre o Poder da Internet
Verdades e Meias Verdades sobre o Poder da InternetVerdades e Meias Verdades sobre o Poder da Internet
Verdades e Meias Verdades sobre o Poder da Internet
 
O Futuro do Livro
O Futuro do LivroO Futuro do Livro
O Futuro do Livro
 
Twitter para o serviço público
Twitter para o serviço públicoTwitter para o serviço público
Twitter para o serviço público
 
Supr Crunchers
Supr CrunchersSupr Crunchers
Supr Crunchers
 
Here Comes Everybody
Here Comes EverybodyHere Comes Everybody
Here Comes Everybody
 
Sobre Comunicacao Online
Sobre Comunicacao OnlineSobre Comunicacao Online
Sobre Comunicacao Online
 
Quatro Questoes
Quatro QuestoesQuatro Questoes
Quatro Questoes
 
Evangelistas
EvangelistasEvangelistas
Evangelistas
 

Último

Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADOactivIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADOcarolinacespedes23
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfAdrianaCunha84
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfmirandadudu08
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesMary Alvarenga
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Bullying - Texto e cruzadinha
Bullying        -     Texto e cruzadinhaBullying        -     Texto e cruzadinha
Bullying - Texto e cruzadinhaMary Alvarenga
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBCRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBAline Santana
 

Último (20)

Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADOactivIDADES CUENTO  lobo esta  CUENTO CUARTO GRADO
activIDADES CUENTO lobo esta CUENTO CUARTO GRADO
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdf
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
Bullying - Texto e cruzadinha
Bullying        -     Texto e cruzadinhaBullying        -     Texto e cruzadinha
Bullying - Texto e cruzadinha
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASBCRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
CRÔNICAS DE UMA TURMA - TURMA DE 9ºANO - EASB
 

Internet Em 3 Cliques

  • 1. William Bonner - editor chefe do JN “Constatou-se que ele [o espectador médio] tem muita dificuldade para entender notícias complexas ... Na redação, foi apelidado de Homer Simpson.” Carta Capital - Dez 2005
  • 2. Dan Gillmor - jornalista “Eu tenho como verdade, por exemplo, que os meus leitores sabem mais do que eu - e esse é um fato na vida jornalística que liberta, não que ameaça.”
  • 3. Rupert Murdoch – News Corp. “A tecnologia está retirando o poder de jornalistas, de editoras, do estabelecimento e da elite da midia. Agora são as pessoas que estão assumindo o controle.quot; Wired - Jul 2006
  • 4. The Economist – semanário britânico “O negócio de vender palavras para os leitores e vender leitores para os publicitários ... está acabando.” Ago 2006
  • 5. WSJ – jornal financeiro “O site de classificados gratúitos se tornou o pesadelo dos executivos de jornais...” The Wall Street Journal 17 junho 2006
  • 6. Andrew Keen – historiador “Reddit é um espelho dos nossos interesses mais banais. Ele ridiculariza os veículos tradicionais de mídia e torna eventos cotidianos em um jogo infantilizado de Master”. Pag. 6
  • 7. Mídia sem gargalo Juliano Spyer – www.naozero.com.br Três cliques para profissionais 1.0 entenderem melhor sobre comunicação 2.0.
  • 8. Roteiro 1. Em que a internet é diferente de outros formatos de telecomunicação? 2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se entender online? 3. Por que as pessoas oferecem de graça na rede o que elas cobram presencialmente? 4. Casos
  • 9. 1. O que eles têm de diferente? –Telefone –Televisão –Rádio amador –Internet
  • 15.
  • 16. Roteiro 1. Em que a internet é diferente de outros formatos de telecomunicação? 2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se entender online? 3. Por que as pessoas oferecem de graça na rede o que elas cobram presencialmente? 4. Casos
  • 17. 2. Estratégias de processamento de informação Definição: • Centralizada - top-down – hierarquia – Governos e empresas • Descentralizada - bottom-up – poder distribuído – Emergência - todo mais inteligente que partes – Insetos sociais, mercados, cidades, trânsito
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24. Roteiro 1. Em que a internet é diferente de outros formatos de telecomunicação? 2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se entender online? 3. Por que as pessoas oferecem de graça na rede o que elas cobram presencialmente? 4. Casos
  • 25. 3. Motivações para a colaboração Definições: • Produto Rival (escasso) X Não-rival – Exemplos: terra e informação (cola escolar) • Economia de mercado x de Doação – Exemplos: sem vínculo / com vínculo Alternativa à economia baseada no dinheiro
  • 30. Roteiro 1. Em que a internet é diferente de outros formatos de telecomunicação? 2. Como 1 bilhão de pessoas conseguem se entender online? 3. Por que as pessoas oferecem de graça na rede o que elas cobram presencialmente? 4. Casos