Engenharia na Embraer

1.300 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre a evolução da engenharia da Embraer, realizada na Jornada de Iniciação Científica e de Pós-Graduação da FEG, realizada na UNESP, de 2 a 6 de setembro de 2002.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.300
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902 Embraer has developed an aircraft to meet the needs of this latest trend. The ERJ 145XR has: Increased range Improved field performance including hot & high operations Enhanced single engine ceiling and lower fuel consumption Certification scheduled for April 2002 1 st delivery scheduled for June 2002
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Unesp - 040902
  • Engenharia na Embraer

    1. 1. Engenharia naEmbraerSetembro de 2002
    2. 2. Evolução Origem e Desenvolvimento  O Desfecho da ll Guerra Mundial  Capacitação Aeronáutica ( CTA & ITA )  Fundação em 1969 Tecnológica & Privatização (1994) Industrial  A Integração de duas Culturas + Empresarial ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    3. 3. Aspectos Relevantes  Uma das principais fabricantes de aeronaves comerciais no mundo  Significativa participação de mercado  Base global de clientes  Importantes parceiros de renome mundial  Excelente performance financeira  Maior empresa exportadora do Brasil em 1999, 2000 e 2001Com mais de 30 anos de experiência em projeto, fabricação,comercialização e pós-venda, a empresa já entregou cerca de 5.500aviões, que estão em operação nos diversos pontos do globo. ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    4. 4. Fundamentos Fundamentos da Indústria Aeronáutica Alta Tecnologia Pessoas Qualificadas Atuação Global Intensidade de Capital Flexibilidade ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    5. 5. AltaTecnologia
    6. 6. Alta TecnologiaAmbientes de Engenharia Colaborativa  Visualização da estrutura e dos sistemas do avião durante a fase de projeto, usando modelos eletrônicos em 3D  Redução do ciclo de desenvolvimento de produto ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    7. 7. Evolução do Desenvolvimento de Produto Desenvolvimento Tradicional de Produto ERJ-145 Estudos Viabilidade Concepção Desenvolvimento (até certificação) Preliminares Meses -6 0 6 18 48 Go ahead Desenvolvimento Moderno de Produto Embraer-170 Definição Definição Projeto Detalhado e Certificação Inicial Conjunta EMBRAER+Parceiros+Fornecedores+Clientes Meses -6 0 6 38 Go ahead ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    8. 8. Alta Tecnologia ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    9. 9. Alta Tecnologia Mockup Eletrônico Interatividade Revisões de projeto ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    10. 10. Alta Tecnologia Análise ergonômica Simulações Análise de ferramental ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    11. 11. Alta Tecnologia 3.01+01 2.82+01 2.62+01 2.42+01 2.22+01 2.02+01 1.82+01 Análise Estrutural 1.63+01 1.43+01 1.23+01 Simulações 1.03+01 8.34+00 6.36+00 4.38+00 2.39+00 4.11-01 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    12. 12. Alta Tecnologia Análise Estrutural Análise de Ruído Deformed Model Z XY ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    13. 13. Alta Tecnologia Mecânica dos fluidos Computacional CFD ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    14. 14. Alta Tecnologia Ensaios Estruturais ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    15. 15. Alta TecnologiaEngenharia Baseada no Conhecimento Meta: automatização de processos baseada em regras Output: CATIA model for rib Aplicação em: a) projeto estrutural da asa; b) projeto elétrico c) configuração de cabine de passageiros Resultado Final: garantir o conhecimento tecnológico e prática de lições aprendidasOutput: wing model forstructural analysis Inteligent interface for structural analysis and design ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    16. 16. PessoasQualificadas
    17. 17. Pessoas Qualificadas Níveis de Doutorados 0,2% Graduados Educação 29,3% 25% dos quase 12.000 empregados são engenheiros Pós - Colegial Graduados 64,5% 4,7% Mestrado 1,3%PEE ( 5 anos em 1,5 anos )Criado em 2001, o Programa de Especialização em Engenhariaobjetiva suprir as necessidades de mão-de-obra de engenharia. Paraos próximos cinco anos, prevê-se que venha a agregar mais milnovos engenheiros.A Embraer já firmou convênios relativos ao PEE com o ITA e universidades federais de Pernambuco, Paraná, SantaCatarina e com a PUC do Rio de Janeiro, visando estender a capacidade de atendimento do PEE e permitir queestudantes de todas as regiões do país tenham maior facilidade de acesso ao programa. Atualmente, há outrasnegociações. ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    18. 18. Pessoas QualificadasMais de US$ 60 milhõesinvestidos em treinamento e qualificaçãonos últimos 3 anos. 21 24,5 18 1999 2000 2001 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    19. 19. Pessoas Qualificadas Número de Empr egados 11.048 11.977 9.600 Privatização 6.737 8.3026.087 4.494 4.319 3.849 94 95 96 97 98 99 00 01 jul/02 abril / 97: mínimo de 3.200 pessoas BRASIL 10.806 CHINA 15 EUA 518 CINGAPURA 10 EUROPA 204 AUSTRÁLIA 10 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    20. 20. AtuaçãoGlobal
    21. 21. Atuação Global Reino Unido EUA Weybridge Fort Lauderdale, Atlanta, China Dallas França Pequim EAMS-Nashville, Le BourgetPalm Beach Gardens Cingapura Brasil Austrália São José dos Campos Melbourne (Faria Lima e Eleb), Eugênio de Melo Botucatu, Gavião Peixoto ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    22. 22. Intensidadede Capital
    23. 23. Intensidade de Capital (Investimentos - US$ Milhões) 334 296 262 239 227 213 224 147 104 122 98 81 142 1.S 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006Desenvolvimento Realizados de Produtos Previstos Manufatura 40% Aumento da Produtividade 60% ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    24. 24. Intensidade de CapitalQuase dois terços dos custos de desenvolvimento do programaEMBRAER 170/190 foram assumidos por Parceiros de Risco Custos de desenvolvimento da família EMBRAER 170/190: (em US$ milhões) Contribuição dos Parceiros de Risco $ 260 Recursos líquidos de IPO $ 240 Recursos de caixa $ 60 Sub-total $ 560 Custos de desenvolvimento dos Parceiros $ 290 Custo Total do programa EMBRAER 170/190 $ 850 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    25. 25. Flexibilidade
    26. 26. FlexibilidadeEntregas de Aeronaves Comerciaisde acordo com a demanda do mercado 160 161 145 135 96 59 11 / 09 32 4 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    27. 27. Flexibilidade 600° Mai 2002 500° Set 2001 400° Mar 2000 300° Ago 2000 200° Dez 1999 Entregas de JRs 100° 135/140/145 Dez 1998 Nº de meses 24 12 8 7 6 6 8 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    28. 28. FlexibilidadeCiclo de Produção por Aeronave(em meses) 8,0 16 aviões / mês 6,0 6,0 5,5 4,9 5,0 1996 1997 1998 1999 2000 2001 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    29. 29. AviaçãoComercial
    30. 30. ERJ 145 / 140 / 135 37 assentos 44 assentos 50 assentos ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    31. 31. Evolução dos parceiros e fornecedores 90’s:  4 Parceiros (compartilhamento de risco)  350 fornecedores GAMESA (Spain) C & D (USA) • Wings, Nacelles • Interior SONACA (Belgium) ENAER (Chile) • Fuselages • Vertical Fin, Horizontal Stab., Elevator ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    32. 32. Carteira de Pedidos – ERJs Carteira Firmes Opções Total Entregas de Firmes ERJ 135 132 46 178 89 43 ERJ 140 174 45 219 46 128 ERJ 145 577 314 875 435 142 Total 883 405 1.272 570 313 Julho//2002 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    33. 33. EMBRAER 170 / 175 / 190 / 195 70 assentos 78 assentos 98 assentos 108 assentos ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    34. 34. Evolução dos parceiros e fornecedores 00’s:  16 Parceiros (compartilhamento de risco)  22 fornecedores HAMILTON SUNDSTRAND GAMESA Empennages & Rear Fuselage Tail Cone & APU EMBRAER( LEADER) KAWASAKI / SONACASystem Partners: Wing, Stub, Control Surfaces & PylonHAMILTONSUNDSTRAND Air Management LATECOERE Center Fuselage Electrical System LATECOEREPARKER Center Hydraulics Fuselage III Flight Controls Fuel SystemC&D InteriorsLIEBHERR EMBRAER / AKROS Landing Gear Center Fuselage IIHONEYWELL EMBRAER EMBR0AER / AKROS GE Avionics Forward Wing to Fuselage Fairing Engine/ Nacelles Fuselage ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    35. 35. Pedidos – EMBRAER 170 /195 Firmes Opções Total EMBRAER 170 82 130 212 EMBRAER 195 30 72 102 Total 112 202 314 Julho/2002 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    36. 36. 1º Vôo do EMBRAER 170 19 de fevereiro de 2002 9 de abril 25 de maio 19 de junho 14 de julho ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    37. 37. EMB 170 / 190 - Disposição de Assentos ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    38. 38. Faixas de CapacidadeA ssentos 160 A eronaves de Gr ande 120 Por te 70 a 98 A ssentos 80 EMBRAER 170/ 190 50 A ssentos 37 - 44 ERJ 145 40 A ssentos ERJ 135/140 30 A ssentos “Turbo- props” 0 200 400 600 800 1000 1200 1400 A utonomia (mn) ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    39. 39. Faixas de Capacidade B737-600120 A318 B717-200110 BRJ-X ERJ 190-200100 928 JET RJX 100 ERJ 190-1009080 CRJ 900 728 JET70 ERJ 170 CRJ 700 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    40. 40. Pedidos - Jatos Comerciais Pedidos Firmes 995 Opções 607 Total de Pedidos 1.602 Entregas 559 Total de Pedidos em Carteira 1.043 (Junho/ 02) ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    41. 41. Aviaçãode Defesa ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    42. 42. Aviação de Defesa Inteligência, Sistemas Transporte Treinamento Monitor amento e Combate e Serviços ReconhecimentoComando e ALX / Super Tucano EMB 145 AEW&C ALX / Super TucanoControle Integrado EMB 135/145 em SoloSistema Integrado AMX-T EMB 145 MP / ASW AMX / AMX-T Legacy Sistemas“Link” de Dados de Treinamento EMB 145 AGS F-5 BR EMB 120K ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    43. 43. Super Tucano (ALX) • Modelo sucessor do EMB-312 -Tucano • Sistemas e equipamentos de navegação de última geração • Utilizado tanto para treinamento avançado, quanto em missões de defesa • 726 aviões vendidos, operando em 15 Forças Aéreas (Tucano e Super Tucano) ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    44. 44. EMB 145 AEW&C O AEW&C (“Airborne Early Warning and Control”) - aeronave para monitoramento do espaço aéreo Aeronave utilizada no programa SIVAM na região amazônica Modelo derivado desta versão foi encomendado pela Força Aérea da Grécia ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    45. 45. EMB 145 RS/AGSO EMB 145 RS/AGS (Remote Sensing/Airborne Ground Surveillance) -projetado especificamente para missões de vigilância territorial eproteção ambiental na região amazônicaPossui avançado radar de abertura sintética (SAR), capaz de fornecerimagens diurnas/noturnas de amplas áreas terrestres em quaisquercondições meteorológicas ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    46. 46. EMB 145 MP/ASWO EMB 145 MP/ASW (Maritime Patrol / Anti-submarine Warfare), aeronavepara missões de patrulhamento marítimo e guerra anti-submarino e missõesde vigilância e inteligência, baseada no jato regional ERJ 145.Equipado com radar de vigilância terrestre / marítima e outros sofisticadossensores. ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    47. 47. AviaçãoCorporativa
    48. 48. Aviação Corporativa Legacy Versões  Executive Shuttle Transporte de Autoridades ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    49. 49. Aviação CorporativaLegacy: Versão Executive ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    50. 50. Aviação Corporativa Legacy: Versão Shuttle ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    51. 51. Serviçosao Cliente ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    52. 52. Suporte ao Cliente O objetivo é satisfazer o cliente, através da elevada disponibilidade de seus aviões, baixos custos operacionais e serviços de alta qualidade a preços competitivos, sem comprometer a segurança. ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    53. 53. eMarketplace Missão Transformar o modo de realizar negócios e de se comunicar na indústria da aviação. Objetivos Conectar a indústria da aviação através da internet. Tornar factível a colaboração e o comércio eletrônico dentro da cadeia de fornecimento, e entre a Embraer, fabricantes, fornecedores e clientes. Oferecer aos clientes acesso fácil a uma ampla gama de serviços técnicos e de logística, com efetivo valor agregado, incluindo o gerenciamento de frotas, planejamento da manutenção, rastreamento de peças e serviços para aeronaves, treinamento, gerenciamento da garantia e planejamento de peças sobressalentes.   ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    54. 54. DadosFinanceiros ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    55. 55. Capital Votante ON: 242.544.448 34,10% 20% 63,75% Acionistas Grupo Europeu Controladores 1,45% Governo Brasileiro 14,80% Outros 1,45% 20% Grupo Europeu 63,75% Acionistas ControladoresGoverno Brasileiro Dassault Aviation 5,67% PREVI (Fundo de Pensão) 23,75 % Thales 5,67% SISTEL (Fundo de Pensão) 20,00 % EADS 5,67% Cia. Bozano 20,00 % 14,80% Snecma 2,99% Outros ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    56. 56. Ações Preferenciais PN: 468.800.645 65.90% Bozano BB - Bco de Sistel Holdings, Ltd Investimentos 4.02% 5.10% S.A. Cia Bozano 0.62% 5.49% Previ NYSE13.00% 38.92% BNDESPar 12.83%% BOVESPA 20.02% ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    57. 57. Receita Bruta (R$ Milhões) 6.989 5.231 3.379 2.918 Privatização 1.581 392 833176 29994 95 96 97 98 99 00 01 1º S/02 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    58. 58. Lucro Líquido (R$ Milhões) 1.101 645 412 Privatização 343 132 -33-161 -123 -221 94 95 96 97 98 99 00 01 1.S/02 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    59. 59. Retorno sobre Ativos 15% 15% 17% 8% -3% -12% -25% 95 96 97 98 99 00 01 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    60. 60. Retorno s/ Patrimônio Líquido 74% 58% 55% 35% -14% -93% -169% 95 96 97 98 99 00 01 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    61. 61. Receita por Empregado Receita por Empregado em milhares de US$ 307 242 247 254 254 172 101 1996 1997 1998 1999 2000 2001 1 S /02 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    62. 62. Balança Comercial (US$ Milhões) 2.702 2.640 1.844 1.692 1.352 1.173 1.178 1.051 881 634 607 469193 147 264 220 1995 1996 1997 1998 1999 (*) 2000 (*) 2001 (*) 1.S/02 (*) Exportação Importação 98% da receita oriunda da exportação Maior exportador do País em 1999, 2000 e 2001 (*) fonte: Decex. ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    63. 63. Segmentação de Vendas Receitas por Segmento Receitas por Mercado Mercado Internacional Mercado 97% Nacional 3% ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    64. 64. Balanço Social Benefícios aos Empregados – 2000: Benefícios aos Empregados – 2001: R$ 124,1 Milhões R$ 170,3 Milhões Desp. Desp. Farma- Plano de Farma- Desp. cêuticas Desp. Plano de Previdência cêuticas Médicas 1% 7% Seguro de Médicas Previdência 1% 12% Vida em 10% 6% Seguro de Grupo Vida em 1% Grupo Transporte Transporte 1% 5% 6% AlimentaçãoParticipação 9% nos Lucros Alimentação Participação Outros e 8% nos Lucros e 6% Resultados Resultados Outros 59% 65% 3% ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    65. 65. Balanço SocialImpostos e Contribuições Sociais (R$ Milhões) 492 361 160 137 90 103 39 7 94 95 96 97 98 99 00 01 ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA
    66. 66. Obrigado ! Jose Ricardo Patelli Junior patellijr@embraer.com.br ESTAS INFORMAÇÕES SÃO PROPRIEDADE DA EMBRAER S.A. E NÃO PODEM SER UTILIZADAS OU REPRODUZIDAS SEM AUTORIZAÇÃO ESCRITA DA MESMA

    ×