2. introdução ao n.t

127 visualizações

Publicada em

introdução ao N.T.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
127
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2. introdução ao n.t

  1. 1. CURSO DE PREPARAÇÃO DE LÍDERES INTRODUÇÃO AO N.T. O templo Aula 2.
  2. 2. O QUE É O TEMPLO “espaços sagrados”, ou seja, locais estreitamente associados com a realização dos atos de culto, e que, por essa razão, adquirem um valor especial para os seus fiéis.
  3. 3. Importância do Templo O templo sempre teve muita importância para o povo de Deus, pelo fato de representar a presença de Deus no meio do seu povo de forma misteriosa e sublime. Em suma o templo representava o Ser Divino, simbolizados pelo Santo dos Santos e pela arca.
  4. 4. Na história de Israel existiram três templos 1. o primeiro foi construído por Salomão e foi destruído entre 587 a 586 a. C por Nabucodonosor. 2. O segundo. Este é conhecido como o templo de Zorobabel. teve sua reconstrução iniciada sob a pregação de Ageu e Zacarias em 537 a.C. e sua conclusão deu-se entre 516 a 520 a.C
  5. 5. 3. O terceiro é conhecido como o templo de Herodes. Em 37 a.C. o próprio Herodes reconstituiu o templo em 20 a.C. e de fato só veio a ser concluído entre 62 a 65 d.C. e nos anos 70 foi destruído pelos Romanos.
  6. 6. O Talmude este é o livro sagrado dos judeus o Talmude consiste de porções estritamente legais, e não legais em forma narrativa, lendas, e, contos explicativos. É um registro das discussões rabínicas com respeito a Lei, a ética e aos costumes rabínicos
  7. 7. Essas traduções eram informações passadas de pai para filhos que em muitos casos distorciam a lei de Deus.
  8. 8. Contexto cultural do Talmude O talmude possui dois componentes básicos em sua constituição: • 1. a Mishná (200 d.c.) estes escritos eram um compendio escrito da lei oral judaica. • O Guemará (500 d.C.) é uma discussão da Mishná
  9. 9. 6. Classes religiosas 1. Os fariseus. Este era o maior e mais importante grupo do judaísmo também conhecidos como separatistas que na verdade é a interpretação da palavra fariseu.
  10. 10. A)Características dos fariseus* • Pouco se interessavam no poder político • Controlavam a sinagoga • Opuseram-se à introdução das ideias gregas * (Extraído de: Hale, 1993 pg.14)
  11. 11. b) Teologia dos fariseus. Altíssima estima pela lei Mosaica A Escritura e a tradição eram para os tais normas de fé e vida Davam muita importância as particularidades e sutilezas do culto, dos sacrifícios e do templo. Acreditavam na morte e no julgamento final Acreditavam na doutrina dos anjos
  12. 12. 2.Saduceus surgiram precisamente no período neo-testamentário e estão envolvidos continuamente com problemas políticos.
  13. 13. a)Teologia dos saduceus Gabavam-se por serem fieis a letra da lei e não a tradição oral Não procuravam prosélitos como faziam os fariseus Rejeitavam a doutrina da ressurreição
  14. 14. Não acreditavam em demônios, anjos ou espíritos (Lc. 20:27-40) Advogavam a vontade livre em lugar da providência Divina Não acreditavam na doutrina da predestinação Acreditavam que o homem prospera pelo bem ou mal que fizer (Mt.3:7-9; At.4:1-4)
  15. 15. 3. Os Escribas Os escribas que encontramos nos dias de Jesus aparecem como uma classe de peritos profissionais, que copiavam, interpretava e aplicava as Escrituras.
  16. 16. 4. Os zelotes Este era o partido de esquerda entre os fariseus. Seu interesse maior era a independência da nação judaica a) Suas crenças Suas doutrinas coincidiam com as dos fariseus com a seguinte exceção: defendiam o uso da força. Os zelotes perseguiam os judeus que apoiavam os romanos e não pagavam impostos (Mt.10:1-4).
  17. 17. 6. O sinédrio Este era o colégio dos mais altos magistrados do povo judeu. Este grupo era composto de três partes: 1. Os anciãos 2. Os pontífices (Os sumos sacerdotes) 3. Os escribas • Este conselho era formado por pelo menos setenta e um membros e era liderado por um sumo sacerdote.
  18. 18. O cânon e o texto do novo testamento

×