UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
UFFS - Campus Erechim
PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL
CONEXÕES DE SABERES
PRÁXIS
PESQU...
2
PESQUISA PERFIL DOS CALOUROS 2013
UFFS – ERECHIM
RELATÓRIO FINAL
Equipe responsável
Tutor: Prof. Thiago Ingrassia Pereir...
3
Não há ensino sem pesquisa e pesquisa sem ensino.
Esse que-fazeres se encontram um no corpo do outro.
Enquanto ensino co...
4
SUMÁRIO
1 APRESENTAÇÃO.....................................................................................................
5
1 APRESENTAÇÃO
Este relatório é parte integrante das atividades acadêmicas do Grupo Práxis do Programa
de Educação Tutor...
6
b) Pesquisa
 Conselho Estratégico Social (CES): ESCREVER
 Perfil dos Calouros
c) Extensão
 Oficinas nas escolas: ESCR...
7
2 A PESQUISA COM OS CALOUROS
A Pesquisa Perfil dos Calouros 2013 é continuidade da pesquisa realizada com os calouros
em...
8
Ou seja, buscamos a totalidade dos alunos ingressantes. Cada turma, anualmente, observa
a oferta de 50 vagas. Sabemos qu...
9
3 NOTAS PARA O DEBATE
A partir da “alimentação” do banco de dados e das primeiras frequências extraídas desse
conjunto d...
10
percebemos que a grande maioria vem de cidades da região, próximas a Erechim. Apenas alguns
casos de alunos que vem de ...
11
Tabela 20 – Daqueles que possuem curso superior 14,5% estudaram em escola privada e 4,5% em
escola pública.
Tabela 21 –...
12
Tabela 29 – Quando perguntado se palestras sobre a UFFS nas escolas influenciaram suas decisões
no processo seletivo at...
13
de 289 entrevistados, 145 destes responderam que estão no curso pretendido por questões de
identificação, equivalentes ...
14
Tabela 47- Participação em organizações políticas – grêmio estudantil sim 27,3%, não 56,7%,
NS/NR 15,9%.
Tabela 48 - Qu...
15
Tabela 57 – Qual palavra melhor exprime a primeira impressão que você teve ao começar a cursar
a universidade? Examinan...
16
APÊNDICE – QUESTINÁRIO
17
18
ANEXO 1: FREQUÊNCIAS DO BANCO DE DADOS 2013.
TABELA 1 - DATA DE APLICAÇÃO DOS QUESTIONÁRIOS
Frequency Percent Valid Per...
19
17 39 13,5 13,5 14,5
18 63 21,8 21,8 36,3
19 30 10,4 10,4 46,7
20 16 5,5 5,5 52,2
21 22 7,6 7,6 59,9
22 14 4,8 4,8 64,7...
20
TABELA 5 - AGRUPAMENTO FAIXAS ETÁRIAS
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Percent
Valid ate 20 149 51,6 51,6 51,...
21
Valid branco 239 82,7 82,7 82,7
negro 8 2,8 2,8 85,5
pardo 37 12,8 12,8 98,3
NS 5 1,7 1,7 100,0
Total 289 100,0 100,0
T...
22
CORONEL
FREITAS/SC
1 ,3 ,3 17,3
CRUZ ALTA 1 ,3 ,3 17,6
CRUZALTENSE 2 ,7 ,7 18,3
CURITIBANOS 1 ,3 ,3 18,7
DOIS VIZINHOS/...
23
NOVA PALMA 1 ,3 ,3 73,4
PAIM FILHO 4 1,4 1,4 74,7
PALMEIRA DAS
MISSOES
1 ,3 ,3 75,1
PASSO FUNDO 4 1,4 1,4 76,5
PAULO BE...
24
VIDEIRA 1 ,3 ,3 99,7
XAXIM 1 ,3 ,3 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA 10 - ZONA DE MORADIA
Frequency Percent Valid Perc...
25
MAXIMILIANO DE
ALMEIDA
3 1,0 1,0 90,0
PAIM FILHO 2 ,7 ,7 90,7
PASSO FUNDO 1 ,3 ,3 91,0
PAULO BENTO 2 ,7 ,7 91,7
PONTE P...
26
1995 1 ,3 ,3 5,5
1996 3 1,0 1,0 6,6
1997 1 ,3 ,3 6,9
1998 4 1,4 1,4 8,3
1999 3 1,0 1,0 9,3
2000 12 4,2 4,2 13,5
2001 4 ...
27
BARRA FUNDA 2 ,7 ,7 23,5
BARUERI/SP 1 ,3 ,3 23,9
BAUNEARIO
CAMBORIU
1 ,3 ,3 24,2
BENTO GONÇALVES 2 ,7 ,7 24,9
BLUMENAU ...
28
LUIS EDUARDO
MAGALHÃES
1 ,3 ,3 77,2
LUZEMA/SC 1 ,3 ,3 77,5
MACHADINHO 3 1,0 1,0 78,5
MARAVILHA 1 ,3 ,3 78,9
MARCELINO R...
29
TRES PASSOS 1 ,3 ,3 97,6
TUBARAO 1 ,3 ,3 97,9
VARZEA GRANDE/MT 1 ,3 ,3 98,3
VIADUTOS 4 1,4 1,4 99,7
VIDEIRA 1 ,3 ,3 100...
30
NORMAL 1 ,3 ,3 99,7
REGULAR E
EJA
1 ,3 ,3 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA 18 - ESTUDANTES QUE JÁ POSSUEM CURSO SUPER...
31
DIREITO 1 ,3 ,3 88,6
EDUCAÇAO FISICA 1 ,3 ,3 88,9
EGENHARIA CIVIL 1 ,3 ,3 89,3
ENFERMAGEM 1 ,3 ,3 89,6
ENGENHARIA
AMBIE...
32
TECNOLOGIA EM
NEGÓCIO IMOBILIÁ
1 ,3 ,3 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA 20 - INSTITUIÇÃO DO CURSO SUPERIOR
Frequency ...
33
ADMINISTRADOR 1 ,3 ,3 9,0
AGENTE DE TURISMO 1 ,3 ,3 9,3
AGRICULTOR 86 29,8 29,8 39,1
AGRONOMO 1 ,3 ,3 39,4
APOSENTADO 4...
34
FARMACEÚTICO
BIOQUÍMICO
1 ,3 ,3 77,9
FOTÓGRAFO/MICRO
EMPRESÁRIO
1 ,3 ,3 78,2
FUNCIONARIO
PUBLICO
10 3,5 3,5 81,7
FUNION...
35
SERVENTE SE
ARMAGEM
1 ,3 ,3 95,8
SERVIÇOS GERAIS 2 ,7 ,7 96,5
SERVIDOR PUBLICO 1 ,3 ,3 96,9
TECNICO AGRICOLA 3 1,0 1,0 ...
36
TABELA 24 - OCUPAÇÃO DAS MÃES
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Percent
Valid NS/NR 12 4,2 4,2 4,2
ACOMPANHANT...
37
DIARISTA 4 1,4 1,4 44,6
DO LAR 44 15,2 15,2 59,9
DOMESTICA 3 1,0 1,0 60,9
DONA DE CASA 43 14,9 14,9 75,8
EMPREGADA
DOME...
38
TECNICA EM
ENFERMAGEM
1 ,3 ,3 97,9
TRABALHA EM CASA 1 ,3 ,3 98,3
VENDEDORA 5 1,7 1,7 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA...
39
TABELA 28 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO –
AMIGOS/FAMÍLIA
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Percent
Valid s...
40
TABELA 32 - MOTIVOS QUE LEVARAM A FAZER UM CURSO
SUPERIOR – INFLUÊNCIA FAMILIAR
Frequency Percent Valid Percent
Cumulat...
41
NS/NR 35 12,1 12,1 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA 36 - O ESTUDANTE ESTA NO CURSO PRETENDIDO
Frequency Percent Valid...
42
A POSSIBILIDADE DE
ATUAR COM UMA
LINGUAGEM
ARTÍSTICA INTER-
DISCIPLINAR
1 ,3 ,3 28,4
ACREDITO QUE
POSSO ME TORNAR
UM PR...
43
CURSO QUE ACHEI
MAIS INTERESSANTE
1 ,3 ,3 33,9
E A AREA QUE MAIS
GOSTEI ME
IDENTIFIQUEI
1 ,3 ,3 34,3
É MEU SONHO DE
VID...
44
FAZ PARTE DO MEIO
ONDE VIVO
1 ,3 ,3 38,1
FAZER OQUE GOSTO 1 ,3 ,3 38,4
FIZ TECNICO EM
AGROPECUARIA E
QUERO SEGUIR NA
AR...
45
GOSTO, DESDE CEDO,
PELO DESENHO DE
PLANTAS BAIXAS E
AFINS
1 ,3 ,3 44,3
IDENTIFICAÇAO
PESSOAL DESDE
INFANCIA E POR
OBJET...
46
NÃO SEI . AJUDA DA
FILHA CARINE
1 ,3 ,3 48,4
NO MEU VER ME
IDENTIFICO COM
TUDO LIGADO A
FILOSOFIA E A CADA
DIA ME ENCON...
47
PARA APRENDER A
TRABALHAR DE
FORMA
SUSTENTAVEL E
VITAL PARA
CONSERVAR A
BIOSFERA
1 ,3 ,3 51,6
PARA
COMPLEMENTAR
CONHECI...
48
PELO CRESCIMENTO
PESSOAL
1 ,3 ,3 55,4
PELO DESEJO EM SER
PROFESSORA E PELO
GOSTO POR
HISTORIA
1 ,3 ,3 55,7
PELO FATO DE...
49
POIS SER PEDAGOGO
E MUITO
GRATIFICANTE
1 ,3 ,3 60,6
POLO FATO DO MEU
PAI SER AGRICULTOR
1 ,3 ,3 60,9
POR ACHAR LINDO A
...
50
POR GOSTAR DE
HISTORIA E
PESQUISAS
1 ,3 ,3 66,8
POR GOSTAR MESMO 1 ,3 ,3 67,1
POR GOSTAR MUITO
DE CRIANCAS E POR
TER PE...
51
POR SE IDENTIFICAR
E TER GOSTO PELO
MESMO
1 ,3 ,3 71,3
POR SER DA AREA DO
CONHECIMENO,
ENVOLVENDO
LEITURA E ESCRITA,
E ...
52
POR TER ORIGEM
VOLTADA PARA
AGRICULTURA
1 ,3 ,3 75,1
PORQUE ACREDITO
QUE VOU ME
IDENTIFICAR COM
ESTE CURSO
1 ,3 ,3 75,4...
53
PORQUE É UMA
ÁREA COM DIVERSAS
ÁREAS DE EMPREGO
E PORQUE ME
IDENTIFICO COM ELE
1 ,3 ,3 78,9
PORQUE É UMA
ÁREA EM QUE ME...
54
PORQUE GOSTARIA
DE CONHECER UMA
AREA DIFERENTE
DIFERENTE POIS E
BASTANTE
COMUNICATIVO E EU
GOSTO DE
1 ,3 ,3 82,4
PORQUE...
55
PORQUE GOSTO DE
MATEMATICA E ME
PREOCUPO COM O
MEIO AMBIENTE
1 ,3 ,3 86,2
PORQUE GOSTO DE
ME IDENTIFICO
1 ,3 ,3 86,5
PO...
56
PORQUE ME
IDENTIFIQUEI DESDE
DE CEDO
1 ,3 ,3 90,0
PORQUE MEUS AVOS
SAO DO MEIO RURAL
E ME CRIEI COM ELES
FIZ TECNICO E
...
57
PORQUE TEM UMA
AREA AMPLA DE
TRABALHO
ENVOLVIDO COM
ESSE CURSO
1 ,3 ,3 93,4
PORQUE VAI ME
TRAZER
INFORMAÇOES
CONHECIMEN...
58
SEMPRE GOSTEI, E
NAO ME
INDENTIFIQUEI NO
CURSO ESCOLHIDO
ANTERIORMENTE. SO
AGORA PUDE
ESTUDAR. FALAT
1 ,3 ,3 96,2
SEMPR...
59
TANTO PELA GRADE
QUANTO PELA AREA
1 ,3 ,3 99,7
UMA AREA QUE
SEMPRE GOSTEI E
SOBRE O MEIO QUE
VIVO
1 ,3 ,3 100,0
Total 2...
60
JORNALISMO 2 ,7 ,7 93,8
LETRAS 1 ,3 ,3 94,1
MATEMATICA 2 ,7 ,7 94,8
MEDICINA 3 1,0 1,0 95,8
NUTRIÇAO 2 ,7 ,7 96,5
ODONT...
61
ASSISTENTE DE
CONTRATOS
1 ,3 ,3 67,5
AUTONOMO 1 ,3 ,3 67,8
AUX.
ALMOXARIFADO
1 ,3 ,3 68,2
AUXILIAR
AGROPECUARIA
1 ,3 ,3...
62
EMPREGADA
DOMESTICA
2 ,7 ,7 77,9
EMPRESARIA 2 ,7 ,7 78,5
ENGENHEIRA
AMBIENTAL
1 ,3 ,3 78,9
ESCOLA 1 ,3 ,3 79,2
ESCREVEN...
63
MONTADORA 1 ,3 ,3 88,6
MONTAGEM E
ENTREGA DE MOVEIS
1 ,3 ,3 88,9
MOTORISTA 1 ,3 ,3 89,3
OPERARIO 1 ,3 ,3 89,6
ORIENTADO...
64
TRABALHO NO
CENTRO DE
REGISTRO DE
VEICULOS
1 ,3 ,3 97,6
VENDEDOR 1 ,3 ,3 97,9
VENDEDORA 6 2,1 2,1 100,0
Total 289 100,0...
65
TABELA 42 - RENDA FAMILIAR DO ESTUDANTE
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Percent
Valid ate R$ 678 31 10,7 10,...
66
8 1 ,3 ,3 90,0
NS/NR 29 10,0 10,0 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA 44 - O QUE OS ESTUDANTES ENTENDEM POR UNIVERSIDADE...
67
ACESSO A UM CURSO
SUPERIOR
1 ,3 ,3 14,5
ACREDITO QUE UM
ENSINO DE BOA
QUALIDADE
1 ,3 ,3 14,9
AJUDA DO GOVERNO
DE FORMA
...
68
DE ACESSO A TODOS
E GRATUITA
1 ,3 ,3 18,3
DE CONCEITO, UMA
FORMAÇÃO DE
MAIOR PROJEÇÃO
1 ,3 ,3 18,7
DE GRANDE
IMPORTANCI...
69
E A UNIVERSIDADE
QUE NOS DA MAIS
OPORTUNIDADES DE
BISCAR UMA
CARREIRA E
REALIZAR NOSSOS
SONHOS
1 ,3 ,3 21,5
E COMO QUAL...
70
E UMA INSTITUICAO
PUBLICA MANTIDA
PELO PODER
PUBLICO QUE
OFERECE
OPORTUNIDADES
AJUDANDO TODOS
AQUELES QUE
SONHAM EM TER...
71
E UMA
UNIVERSIDADE PARA
TODOS NAO HA UM
MAIS E UM MENOS
1 ,3 ,3 24,9
E UMA
UNIVERSIDADE QUE
NAO E PAGA E QUE E
PARA TOD...
72
ENSINO DE
QUALIDADE PELA
TRAJETORIA DO
PROFESSORES E
OPORTUNIDADES DE
PESQUISA E BOLSAS
1 ,3 ,3 28,7
ENSINO DE
QUALIDAD...
73
ENTENDO QUE ESSE
MODELO DE
UNIVERSIDADE
SERVE PARA DAR
OPORTUNIDADE AS
PESSOAS MENOS
FAVORECIDAS, QUE
DESEJAM FAZER
UMA...
74
IGUALDADE PARA
TODAS AS PESSOAS
PODEREM OBTER
UMA FORMAÇÃO
PROFISSIONAL
1 ,3 ,3 35,3
INSTITUIÇAO DE
ENSINO ONDE
ATUAM O...
75
NAO POSSUI
MENSALIDADE O
ENSINO DEVE SER
QUALIDADE MESMO
SENDO PUBLICO
1 ,3 ,3 38,1
O DINHEIRO PARA
MANTE-LA VEM DE
IMP...
76
ONDE O GOVERNO
NOS DA A
OPORTUNIDADE DE
EXPANDEI O
CONHECIMENTO E
VÁRIAS OUTRAS
OPORTUNIDADES
COMO DE PESQUISA
PARA TER...
77
OPORTUNIDADE DE
REALIZAR UMA
GRADUAÇÃO DE
FORMA GRATUITA E
COM QUALIDADE
1 ,3 ,3 44,6
OPORTUNIDADE DE
UMA PESSOA SE
FOR...
78
OPORTUNIDADE
PARA TODOS QUE
GOSTARIAM DE
FAZER UM CURSO
SUPERIOR
1 ,3 ,3 47,1
OPORTUNIDADES
MAIORES A TODOS
ENSINO NDE
...
79
PUBLICA ABERTA E
POPULAR PARA AS
CLASSES MAIS
BAIXAS
1 ,3 ,3 50,9
PUBLICA ALUNOS
COM MENOR
CONDIÇOES
ECONOMICAS PARA
TO...
80
PUBLICA NAO SE
PAGA MENSALIDADE
E POPULAR TAMBEM
NAO OU SEJA SO
MUDA O NOME
1 ,3 ,3 52,9
PUBLICA QUALQUER
PESSOA PODE
E...
81
QUALQUER PESSOAS
PODERIA CURSAR DE
GRAÇA
1 ,3 ,3 56,1
QUE A MAIOR PARTE
DA POPULAÇÃO
INTERESSADA
INGRESSA
1 ,3 ,3 56,4
...
82
QUE E UM LUGAR DE
CONQUISTA,
VITORIA. NO QUAL
ESTA INSTITUIÇAO E
PUBLICA E QUE SO
OS MELHORES ESTAO
NESTE LUGAR
1 ,3 ,3...
83
QUE PODE SER
UTILIZADAS POR
ALUNOS DACREDE
PUBLICA E ENSINO
1 ,3 ,3 62,6
QUE TEM ACESSO DE
TODOS DO POVO EM
GERAL INCLU...
84
SIGNIFICA PARA
TODOS E PARA QUEM
NAO POSSUI
CONDIÇOES
FAVORAVEIS PARA
PAGAR UMA
FACULDADE
1 ,3 ,3 66,1
TEMOS A
OPORTUNI...
85
UM LOCAL QUE
LEVA AS PESSOAS
QUE NAO PODEM
PAGAR UMA
INSTITUIÇAO
PRIVADA A
ADQUIRIR
CONHECIMENTO
COM A MESMA
QUALIDADE ...
86
UMA INSTITUIÇÃO
PUBLICA DE SE
CARACTERIZAR
PELA AÇÃO
FINANCEIRA DO
GOVERNO FRENTE
AS DEMANDAS
"SENTIDAS" PELOS
ESTUDANT...
87
UMA INSTITUIÇÃO
QUE OFERECE
CURSOS AMPLOS
PARA A POPULAÇÃO,
SEM NECESSIDADE
DE PAGAMENTO. O
INGRESSANTE
MERECE SUA VAGA...
88
UMA
UNIVERSAIDADE
CRIADA PARA TODOS
E COM A ATUAÇAO
VOLTADA PARA
SETORES MENOS
FAVORECIDOS DA
SOCIEDADE
1 ,3 ,3 74,0
UM...
89
UMA UNIVERSIDADE
FEITA PARA DAR
OPORTUNIDADES
PARA QUEM NAO
TEM CONDICOES DE
PAGAR UMA
UNIVERSIDADE
PARTICULAR
1 ,3 ,3 ...
90
UMA UNIVERSIDADE
ONDE SO AS PESSOAS
DEDICADAS E
INTERESSADAS
ENTAO ONDE O
ENSINO E MELHOR E
OS PROFESSORES
SAO QUALIFIC...
91
UMA UNIVERSIDADE
PARA TODOS
INDEPENDENTES DE
CLASSE SOCIAL
1 ,3 ,3 82,4
UMA UNIVERSIDADE
PARA TODOS SEM
DISTINSAO
1 ,3 ...
92
UMA UNIVERSIDADE
QUE É DE TODOS E
PARA TODOS. TEM O
INTUITO ALÉM DE
QUALIFICAR
PROFISSIONALMENT
E, CONSTRUIR A
CIDADANI...
93
UMA UNIVESIDADE
BOA PARA TODOS
QUE PROCURAM SE
FORMAR E QUE NAO
TENHAM CONDICOES
FINANCEIRAS E COM
BOA QUALIDADE
1 ,3 ,...
94
UNIVERSIDADE
DISPONIBILIZADA
PARA TODOS QUE
MERECEM
DETERMINADA
VAGA POR ESTUDO
ESFORCO E GARRA
1 ,3 ,3 89,3
UNIVERSIDA...
95
UNIVERSIDADE
ONDE PODEMOS TER
BOAS
OPORTUNIDADES E
NÃO DESPERDICA-
LAS
1 ,3 ,3 91,7
UNIVERSIDADE PARA
TODOS
8 2,8 2,8 9...
96
UNIVERSIDADE
PUBLICA DO
GOVERNO PARA
PESSOAS1UE NÃO
TERIAM CONDIÇOES
DE ESTUDAR EM
UMA PARTICULAR
1 ,3 ,3 97,2
UNIVERSI...
97
UNIVERSIDADE QUE
DA DIREITO DE
TODOS ESTURAEM
INDEPENDENETE DA
CLASSE SOCIAL
1 ,3 ,3 99,0
UNIVERSIDADE QUE
DA OPORTUNID...
98
TABELA 46 - OUTROS PROCESSOS SELETIVOS EM QUE
INSTITUIÇÃO?
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Percent
Valid pub...
99
TABELA 48 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES
POLÍTICAS – PARTIDOS POLÍTICOS
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Perc...
100
Valid sim 59 20,4 20,4 20,4
nao 166 57,4 57,4 77,9
NSNR 64 22,1 22,1 100,0
Total 289 100,0 100,0
TABELA 51 - PARTICIPA...
101
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
Percent
Valid 10 22 7,6 7,6 7,6
100 3 1,0 1,0 8,7
105 1 ,3 ,3 9,0
120 25 8,...
102
TABELA 54 - O QUE O ESTUDANTE PRETANDE FAZER APÓS
O CURSO – PÓS GRADUAÇÃO
Frequency Percent Valid Percent
Cumulative
P...
103
TABELA 57 - PALAVRA QUE EXPRIME A PRIMEIRA IMPRESSÃO DOS
ESTUDANTES SOBRE A UFFS
Frequency Percent Valid Percent
Cumul...
104
CRESCIMENTO
PESSOAL
1 ,3 ,3 25,3
CULTURA 1 ,3 ,3 25,6
CURIOSIDADE 3 1,0 1,0 26,6
CURIOSIDADE DE
CONHECIMENTOS
1 ,3 ,3 ...
105
FAZER O QUE EU
GOSTO
1 ,3 ,3 44,6
FE 1 ,3 ,3 45,0
FELICIDADE 9 3,1 3,1 48,1
FOCO 1 ,3 ,3 48,4
FORMAÇAO PESSOAL 1 ,3 ,3...
106
MUITAS
EXPECTATIVAS, MAS
COM BASTANTE
ESTUDO, E MUITO
TEMPO DE ESTUDO
1 ,3 ,3 60,6
MUITO BOA 2 ,7 ,7 61,2
MUITO ESTUDO...
107
REALIZAÇAO DE UM
SONHO
1 ,3 ,3 85,5
REALIZACAO DO
MEU SONHO
1 ,3 ,3 85,8
REALIZAÇÃO, SONHO
QUE QUALQUER
ESTUDANTE E
PR...
108
VITORIA 2 ,7 ,7 99,0
VONTADE 1 ,3 ,3 99,3
VONTADE DE
APRENDER
1 ,3 ,3 99,7
VONTADE E
DEDICAÇAO
1 ,3 ,3 100,0
Total 289...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Relatório final 2013

576 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
576
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
177
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relatório final 2013

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL UFFS - Campus Erechim PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL CONEXÕES DE SABERES PRÁXIS PESQUISA PERFIL DOS CALOUROS 2013 UFFS – ERECHIM RELATÓRIO FINAL Erechim, 2013
  2. 2. 2 PESQUISA PERFIL DOS CALOUROS 2013 UFFS – ERECHIM RELATÓRIO FINAL Equipe responsável Tutor: Prof. Thiago Ingrassia Pereira Bolsistas: Fernanda May Joviana Vedana da Rosa Daniel Gutierrez Jaqueline Bordin Kosloski Adriele Sielski Rovian Palavicini Assessoria sobre pesquisa quantitativa Prof. Douglas Santos Alves Ciência Política – UFFS/Erechim Apoio: Coordenação Acadêmica – UFFS/Erechim Setor de Assuntos Estudantis (SAE) – UFFS/Erechim Blog: http://petconexoesdesaberes-uffs.blogspot.com.br/
  3. 3. 3 Não há ensino sem pesquisa e pesquisa sem ensino. Esse que-fazeres se encontram um no corpo do outro. Enquanto ensino continuo buscando, reprocurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquisa para constatar, constatando, intervenho, intervindo educo e me educo. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar ou anunciar a novidade. Paulo Freire
  4. 4. 4 SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO.............................................................................................................................05 2 A PESQUISA COM OS CALOUROS..................................................................................................07 3 NOTAS PARA O DEBATE.................................................................................................................11 APÊNDICE: Questionário...................................................................................................................00 ANEXOS: Frequências e Livro Código................................................................................................00
  5. 5. 5 1 APRESENTAÇÃO Este relatório é parte integrante das atividades acadêmicas do Grupo Práxis do Programa de Educação Tutorial (PET) da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) Campus Erechim – RS desenvolvidas no ano de 2013. O Grupo Práxis foi inaugurado em dezembro de 2010 a partir do Edital n. 9/2010 do MEC/SESu/DIFES. Segundo o portal do Ministério da Educação1 , o PET foi criado para apoiar atividades acadêmicas que integram ensino, pesquisa e extensão. Formado por grupos tutoriais de aprendizagem, o PET propicia aos alunos participantes, sob a orientação de um tutor, a realização de atividades extracurriculares que complementem a formação acadêmica do estudante e atendam às necessidades do próprio curso de graduação. Os estudantes e o professor tutor recebem apoio financeiro de acordo com a Política Nacional de Iniciação Científica. Desde seu primeiro planejamento aprovado pela Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD) da UFFS e homologado pelo Comitê Local de Acompanhamento e avaliação (CLAA) do programa tutorial, uma das preocupações do Grupo Práxis foi o estudo do processo de expansão do ensino superior brasileiro, tendo em vista o próprio processo de implantação da UFFS. A partir do tema “Educação Popular na Universidade Pública” e buscando discutir as possibilidades e entraves da democratização do acesso e da permanência na universidade pública das classes populares, o Grupo Práxis estruturou suas ações nos diferentes eixos, ensino, pesquisa e extensão: a) Ensino  Grupo de Estudos: atividade de leitura e discussão a partir de textos de referência das temáticas de educação popular, políticas públicas, universidade e pesquisa participante.  Memorais Formativos: oficinas de produção textual para a construção de memoriais formativos da trajetória de cada bolsista até a universidade. Essa atividade redundou na publicação de uma coletânea2 que procurou dar visibilidade à trajetória escolar e de vida dos bolsistas. 1 http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=12223&Itemid=480. Acesso 21 de julho de 2011. 2 PEREIRA, T. I. (Org.). Há uma universidade no meio do caminho: caminhadas dos bolsistas do PET/Conexões de Saberes da UFFS/Erechim até a universidade. Erechim: Evangraf, 2012.
  6. 6. 6 b) Pesquisa  Conselho Estratégico Social (CES): ESCREVER  Perfil dos Calouros c) Extensão  Oficinas nas escolas: ESCREVER  “Quero entrar na UFFS”: atividade conjunta ao processo de divulgação institucional da UFFS, em especial, do Campus Erechim, nas escolas públicas estaduais de nível médio da área de abrangência da 15ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) da Secretaria Estadual de Educação do Rio Grande do Sul. No início do 1º semestre letivo de 2013, mês de maio, aplicamos questionários com questões fechadas e abertas nas sete turmas ingressantes: Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Pedagogia, Ciências Sociais, História, Geografia e Filosofia. O curso de Engenharia Ambiental possui ingresso apenas no 2º semestre letivo de cada ano, fato que fez com que os questionários nesse curso fossem aplicados no mês de setembro. Dessa forma, este relatório apresenta os principais resultados da pesquisa sobre o perfil dos calouros da UFFS/Erechim 2013, destacando os seus pressupostos metodológicos. Anexamos as frequências originadas a partir de banco de dados criado em SPSS, bem como o questionário que orientou a coleta de dados junto aos estudantes ingressantes na UFFS/Erechim.
  7. 7. 7 2 A PESQUISA COM OS CALOUROS A Pesquisa Perfil dos Calouros 2013 é continuidade da pesquisa realizada com os calouros em 2012, buscando construir uma série histórica dos dados do perfil. Manteve como problema de pesquisa central conhecer quem está chegando à universidade. Assim, esta pesquisa busca construir um cenário acerca da população que chega ao Campus Erechim da UFFS. Quem são esses estudantes? De que cidades provêm? Qual sua idade? Sua etnia/raça? Estudaram em escola pública ou privada? Precisam exercer atividade remunerada junto ao curso de graduação? Reelaboramos o questionário aplicado em 2012 acrescentando mais uma questão, portanto ficando composto por 27 questões dividas em fechadas (com indução de resposta) e abertas (de livre abordagem dos respondentes) – vide apêndice. Os questionários mantêm a metodologia de ser auto-aplicáveis, o que significa que os entrevistadores não fazem as perguntas, entregando o questionário para a marcação do entrevistado. Os questionários foram aplicados nas salas de aulas das turmas ingressantes, a partir de agenda previamente acordada com as coordenações dos cursos de graduação do Campus, bem como com os docentes responsáveis pelas respectivas disciplinas. Essa atividade foi realizada pela equipe de bolsistas e tutor do Grupo Práxis e contou com o apoio da Coordenação Acadêmica e do Setor de Assuntos Estudantis (SAE) do Campus Erechim. Ressaltamos que esta pesquisa com os calouros foi aprovada no planejamento 2013 do Grupo Práxis. Após a aplicação dos questionários no mês de maio em turmas de alunos ingressantes (disciplinas obrigatórias de 1º semestre), passamos a construir o banco de dados em SPSS e PSPP para a digitação dos dados coletados. Esse é um importante exercício de pesquisa social quantitativa, apresentando aos bolsistas, sob supervisão do tutor e de professor especialista convidado, noções básicas de estatística aplicada às ciências sociais e tratamento de dados a partir do software SPSS e software livre PSPP. Os encontros semanais de discussão e estudo sobre a técnica quantitativa transcorreram nos meses de junho e julho, visando à construção do “espelho” do banco de dados. Após essa fase, os bolsistas assumiram o processo de digitação dos questionários. Com a aplicação na turma ingressante do curso de Engenharia Ambiental em setembro, finalizamos o banco de dados com 289 questionários aplicados nesta pesquisa com propósitos censitários.
  8. 8. 8 Ou seja, buscamos a totalidade dos alunos ingressantes. Cada turma, anualmente, observa a oferta de 50 vagas. Sabemos que nem todas as vagas são preenchidas e que, mesmo nas primeiras semanas de aula, há evasão de alguns calouros. Assim, de um total possível de 400 alunos, atingimos 289. Esse número, considerando a evasão das duas primeiras semanas (aplicamos na segunda semana de aula nos ingressantes do 1º semestre e na terceira semana de aula com a turma ingressante no 2º semestre), é expressivo e nos permite inferir os resultados da pesquisa ao conjunto dos calouros 2013 dos oito (8) cursos de graduação da UFFS/Erechim. Ressaltamos que dados preliminares desta pesquisa foram apresentados em eventos de iniciação científica: Acesso á universidade e educação das classes populares VII Seminário Nacional Diálogos com Paulo Freire FURG - Rio grande/RS Daniel Gutierrez e Joviana Quem quer ser professor? Influências na escolha pela licenciatura na UFFS/Erechim III Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFFS- SEPE Erechim - RS Fernanda May, Jaqueline Bordin, Adriele Sielski e Rovian Palavicini Dessa forma, a pesquisa com os calouros oportunizou ao Grupo Práxis o exercício da pesquisa social quantitativa, importante na formação do licenciado na área de ciências sociais e história, cursos dos atuais bolsistas vinculados ao programa tutorial. Todas as etapas da pesquisa contaram com a efetiva participação de todo o grupo, fato que ratifica a aposta no protagonismo dos estudantes em sua formação. No planejamento 2014, há previsão de novo levantamento do perfil do ingressante, E DOS EGRESSANTES permitindo traçarmos análises longitudinais em relação à população pesquisada. Além disso, os resultados da pesquisa 2013 continuarão subsidiando intervenção do Grupo Práxis em espaços acadêmicos, tanto em apresentações em eventos de iniciação científica, como em publicação de livros, capítulos e artigos em periódicos especializados. Para além disso, os resultados desta pesquisa permitem aos gestores da UFFS subsídios importantes para a definição de estratégias tanto de acesso como de permanência na universidade.
  9. 9. 9 3 NOTAS PARA O DEBATE A partir da “alimentação” do banco de dados e das primeiras frequências extraídas desse conjunto de informações que pudemos coletar, cabe agora ao grupo analisar os mesmos. De forma que em nossa análise tentamos identificar alguns aspectos que convergem com os objetivos do nosso grupo de estudos, assim podendo ofertar possibilidades de leitura sobre a realidade e o perfil dos ingressantes da UFFS/2013. Seguindo a ordem das tabelas (T’s) as descrições dos dados ficaram da seguinte forma: Tabela 1 – a aplicação dos questionários ocorreu em duas etapas; a primeira no mês de maio, na qual foram aplicados 253 (87,5%) questionários e a segunda etapa no mês de setembro, na qual foram aplicados 36 (12,5%) questionários. Tabela 2 – a pesquisa foi aplicada nas oito (8) turmas ingressantes, distribuídas em relação ao numero de alunos, da seguinte forma: Agronomia 40 alunos (13,8%). Arquitetura e Urbanismo 42 alunos (14,5%). Engenharia Ambiental 36 alunos (12,5%). História 32 alunos (11,1%). Geografia 36 alunos (12,5%). Filosofia 25 alunos (8,7%). Pedagogia 48 alunos (16,6%). Ciências Sociais 30 alunos (10,4%). Correspondendo a um total de 289 alunos. Tabela 3 – a proporção de alunos distribuídos por turnos corresponde à; 40,8% são do diurno (118 alunos) e 59,2% são do noturno (171 alunos). Tabela 4 e 5 – em relação à idade, optamos por agrupá-las em faixas etárias, ficando a distribuição da seguinte forma: 51,6% têm até 20 anos; 23,9% tem entre 21 a 25 anos; 0,3% tem entre 26 e 30 anos; 17,6% tem entre 31 e 40 anos; 5,9% tem acima de 40 anos. Tabela 6 – a distribuição dos alunos por sexo demonstra que; 63% são do sexo feminino (182 alunos) e 37% são do sexo masculino (107 alunos). Tabela 7 – em relação ao estado civil dos estudantes; 14,9% são casados. 79,2% são solteiros. 3,1% são divorciados. 2,4% têm união estável. Tabela 8 – em relação à raça e etnia, os estudantes definiram-se; 82,7% brancos. 2,8% negros. 12,8% pardos. 1,7% não souberam responder a questão. Tabela 9 – em relação a cidade natural dos estudantes, devido ao grande número de cidades diferentes, ficou inviável a categorização ou uma discrição individual da questão. Porém,
  10. 10. 10 percebemos que a grande maioria vem de cidades da região, próximas a Erechim. Apenas alguns casos de alunos que vem de outros estados. Tabela 10 – em relação à zona de moradia; 31,8% são da zona rural e 66,4% são da zona urbana. 1,7% dos estudantes não sabe ou não respondeu a questão. Tabela 11 – As cidades de residência dos estudantes ingressos no ano de 2013 encontram-se próximas a Erechim, localizadas na área que compreende a 15ª Coordenadoria Regional de Educação3 (CRE), com exceção do município de Passo Fundo onde residem 0,3% dos estudantes. Tabela 12 – 28,7% dos estudantes responderam que se mudaram para Erechim devido à universidade; 22,5% responderam que não; 23,9% já moravam em Erechim; e 12,8% não sabiam ou não responderam; e 12,1% das respostas não se aplicavam. Tabela 13 – Com relação ao ano de conclusão do ensino médio agrupando-se os dados tem-se: 12,8% concluíram o ensino médio antes de 1999; 14,88% entre 2000 a 2005; 21,11% entre 2006 e 2010; e 51,21% em 2011 a 2013. Tabela 14 – Com relação à cidade de conclusão do ensino médio 76,47% são municípios do Rio Grande do Sul, sendo 68,86% da região da 15ª CRE; 4,84% do estado de Santa Catarina; 0,69% Paraná; 2,10% de outros estados, como Minas Gerais, São Paulo, Ceará, Distrito Federal e Mato Grosso; 15,92% dos estudantes não sabem ou não responderam. Tabela 15 – 91,3% dos estudantes concluíram o ensino médio em escola pública; 8% em escola privada; e 0,7% NS/NR. Tabela 16 – 81,7% dos estudantes concluíram o ensino médio regularmente; 6,2% por EJA; 9,3% ensino técnico; 2,46% outras modalidades e 0,3% NS/NR. Tabela 17 – Relacionado a outras modalidades de conclusão do ensino médio destacaram-se: aceleração, 0,3%; ENEM, 0,3%; e Magistério, 2,1%. Tabela 18 – Os estudantes que não possuem curso superior são 80,3%; curso superior completo 8% e incompleto 10,7%; NS/NR, 1%. Tabela 19 – Daqueles que possuem formação superior, os cursos são variados, destacam-se com maior percentual administração, 2,1%; e Ciências Contábeis, 1,4%; NS/NR, 4,5%. 3 A Região da 15ª CRE corresponde a 41 municípios, são eles: Aratiba, Áurea, Barão de Cotegipe, Barra do Rio Azul, Barracão, Benjamin Constant do Sul, Cacique Doble, Campinas do Sul, Carlos Gomes, Centenário, Charrua, Cruzaltense, Entre Rios do Sul, Erebango, Erechim, Erval Grande, Estação, Faxinalzinho, Floriano Peixoto, Gaurama, Getúlio Vargas, Ipiranga do Sul, Itatiba do Sul, Jacutinga, Machadinho, Marcelino Ramos, Mariano Moro, Maximiliano de Almeida, Paim Filho, Paulo Bento, Ponte Preta, Quatro Irmãos, Sananduva, Santo Expedito do Sul, São João da Urtiga, São José do Ouro, São Valentim, Severiano de Almeida, Três Arroios, Tupanci do Sul e Viadutos.
  11. 11. 11 Tabela 20 – Daqueles que possuem curso superior 14,5% estudaram em escola privada e 4,5% em escola pública. Tabela 21 – Analisando os dados referentes ao grau de escolaridade dos pais dos alunos, os dados mostram as seguintes porcentagens: não alfabetizado 3,1%, alfabetizado 4,5%, ensino fundamental incompleto 39,8%, ensino fundamental completo 13,5%, ensino medio incompleto 7,3%, ensino médio completo 19,4%, ensino superior incompleto 3,1%, ensino superior completo 4,5%, pós – graduação 1,7% e NS/NR – 3,1%. Tabela 22 – Os dados referentes a ocupação que os pais exercem nos mostram que na maioria das respostas se deram entre as seguintes respostas: agricultor, aposentado, falecido, autônomo e funcionário público e NS/NR 8,3%. As ademais ocupações citadas foram casos isolados em diversas outras áreas. Tabela 23 – Analisando os dados referentes ao grau de escolaridade das mães dos alunos, os dados mostram as seguintes porcentagens: não alfabetizado 3,5%, alfabetizado 2,4%, ensino fundamental incompleto 37%, ensino fundamental completo 12,1%, ensino médio incompleto 5,9%, ensino médio completo 20,1%, ensino superior incompleto 4,5%, ensino superior completo 7,3%, pós – graduação 5,5% e NS/NR – 1,7%. Tabela 24 - Os dados referentes a ocupação que as mães exercem nos mostram que na maioria das respostas se deram entre as seguintes respostas: agricultora, aposentada, falecida, dona de casa, autônoma, professora e funcionário público. As ademais ocupações citadas foram casos isolados em diversas outras áreas. Tabela 25 – Quando perguntado se a televisão influenciou suas decisões no processo seletivo através de informações, as respostas se deram da seguinte forma: 30,4% SIM, 40,8% NÃO e 28,7% NS/NR. Tabela 26 – Quando perguntado se jornais ou revistas influenciaram suas decisões no processo seletivo através de informações, as respostas se deram da seguinte forma: 23,2% SIM, 39,8% NÃO e 37% NS/NR. Tabela 27 – Quando perguntado se a internet influenciou suas decisões no processo seletivo através de informações, as respostas se deram da seguinte forma: 81,3% SIM, 6,9% NÃO e 11,8% NS/NR. Tabela 28 - Quando perguntado se amigos e família influenciaram suas decisões no processo seletivo através de informações, as respostas se deram da seguinte forma: 72,3% SIM, 11,4% NÃO e 16,3% NS/NR.
  12. 12. 12 Tabela 29 – Quando perguntado se palestras sobre a UFFS nas escolas influenciaram suas decisões no processo seletivo através de informações, as respostas se deram da seguinte forma: 14,5% SIM, 48,1% NÃO e 37,4% NS/NR. Tabela 30 - Perguntamos: sobre o processo seletivo – outras formas, num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 288, 99,7% do total, não sabem e/ou não respondeu e a outra 1, 0,3% do total, responderam que tiveram informações do processo seletivo da UFFS através de professores das escolas. Tabela 31 – Perguntamos: dos estudantes, quantos haviam recebido em sua escola atividades com o pessoal da UFFS, num total de 289 pessoas, 32 pessoas responderam positivamente à questão, 11,1% do total. 241 pessoas, do total, responderam que não receberam nenhuma atividade da UFFS em suas respectivas escolas, totalizando 83,4% do total de entrevistados. 8 pessoas responderam que não sabiam, 2,8% do total e outras 8 pessoas não responderam. Tabela 32 – Perguntamos: Motivos que levaram o estudante a fazer um curso superior – influencia familiar, num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 133 destas responderam que foram influenciados por algum familiar, totalizando 46% dos entrevistados. 64 destes estudantes responderam que não, 22,1% do total e outras 92 pessoas não sabem e/ou não responderam, 31,8% do total. Tabela 33 – Perguntamos: dos motivos – trajetória escolar, num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 178 destas responderam que sim, 61,6% do total. 28 destas responderam que não, 9,7% do total e 83 destas não souberam e/ou não responderam, 28,7% do total. Tabela 34 – Perguntamos: dos motivos –expectativa com o curso, num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 236 destas responderam que sim, 81,7% do total. 7 destas responderam que não, 2,4% do total e 46 destas não souberam e/ou não responderam, 15,9% do total. Tabela 35 – Perguntamos: dos motivos – expectativas com o futuro, num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 245 responderam que sim, 84,8% do total. 9 destas responderam que não tem nenhuma expectativa com o futuro, 3.1% do total e outras 35 pessoas não souberam e/ou não responderam à questão, 12,1% do total. Tabela 36 – Perguntamos: se os estudantes estão em seus cursos pretendidos, num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 231 destas responderam que sim, 79,9% do total. 36 responderam que não, 12,5% do total e 22 pessoas não souberam e/ou não responderam, 7,6% do total. Tabela 37 – Perguntamos: na opção de curso pretendido, se sim, o por quê? Como as respostas foram múltiplas e diferentes referentes a este questionamento, resolvemos fazer um agrupamento em algumas variáveis que se encaixavam melhor as respectivas respostas. Num total
  13. 13. 13 de 289 entrevistados, 145 destes responderam que estão no curso pretendido por questões de identificação, equivalentes a 50,2% do total. Outros 24 dos entrevistados responderam que estão no curso pretendido por suas trajetórias de vida, equivalentes a 8,3% do total. Destes, 39 estão no curso pretendido devido às expectativas com o futuro, trabalho e renda. 3 dos entrevistados escolheram por outros motivos além dos citados, 1% do total e 78 destes não estavam em seus cursos pretendidos portanto o questionário não se aplicava a eles, 27% do total. Tabela 38 – Perguntamos: curso pretendido, não? Porque. Num total de 289 pessoas que participaram da pesquisa, 212 destas não se aplicaram a esta pergunta, pois estão em seus cursos pretendidos, 73,4% do total. 32 destas não sabem e/ou não responderam, 11,1% do total e os demais, 15,6% do total, variaram de Administração, Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Assistência Social, Comunicação, Direito, Engenharia de Aeronáutica, Engenharia, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia de Bioprocessos, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, História, Jornalismo, Letras, Matemática, Medicina, Nutrição, Odontologia, Pedagogia, Psicologia, Veterinária, Zootecnia e uma pessoa respondeu estar indecisa ainda. Tabela 39- Na questão sobre se o aluno exerce atividade remunerada, observa-se que 59,5%, sendo a grande maioria exercem, 38,8% não exercem, 3% NSA e 1,4% NS/NR. Tabela 40- Quando questionado o tipo de atividade remunerada responderam com 54,3% NSA, 11,4%, NS/NR e os outros 34,3% citaram as atividades em diversas áreas. Tabela 41- Em relação a quantidade de horas trabalhadas diariamente 52,2% NSA, 5,9% NS/NR, 23,9% trabalham oito horas, e 18% trabalham nos mais diversos tempos/dia. Tabela 42- Na questão qual a renda familiar do estudante? As repostas foram, até um salário mínimo 10,7%, de um a dois salários 36,3%, de dois a três salários 22,1%, de três a quatro a salários 9,0%, de quatro a cinco salários 5,9%, de cinco a seis salários 8,7%, acima de seis salários 0,6%, NS 3,8% e NR 3,1%. Tabela 43- Pessoas que dependem desta renda? uma 11,1%, duas 19,0%, três 20,8% , quatro 26,6% , cinco 10,0%, seis 14%, sete 0,7%, oito0,3% , NS/NR 10,0%. Tabela 44- Quando questionado sobre o que entendiam sobre Universidade pública e popular as respostas foram muitas, então foi agrupado da seguinte forma: a) público e gratuito 34,9%, b) qualidade no ensino 10,0%, c) fator escola publica e classes populares 15,2%, d) diversidade cultural e inclusão 20,1% , e)outros 7,6 f) NS/NR 12.1%. Tabela 45- Se o estudante participou de outro processo seletivo, em outras instituições de ensino, foi relatado que 53,3% dos estudantes sim, 45,7% não, 1,0% NS/NR . Tabela 46- Quando realizado Outros processos seletivos e em que instituição em instituição publica 11,4%, privada 23,5%, ambas 19,0%, NSA 38,8%, NSR 7,3%.
  14. 14. 14 Tabela 47- Participação em organizações políticas – grêmio estudantil sim 27,3%, não 56,7%, NS/NR 15,9%. Tabela 48 - Questão; Você já teve contato com organizações políticas? A participação em partidos políticos é bastante baixa, ou seja, 61,9% dos alunos nunca tiveram envolvimento em partidos políticos, enquanto apenas 17% dos alunos tiveram contato com partidos. 21,1% não responderam a questão. Tabela 49 - Questão; Você já teve contato com organizações políticas? A igreja esteve presente para apenas 30,4% dos alunos, enquanto 52,6% nunca participaram. Tabela 50 - Questão; Você já teve contato com organizações políticas? A participação em movimentos sociais fica em 20,4% dos alunos que participaram enquanto 57,4% dos que nunca tiveram contato algum com qualquer movimento. 22,1% não responderam a questão. Tabela 51 – Questão; Você já teve contato com organizações políticas? A participação em Ongs fica em 12,5% dos alunos que participaram, enquanto 61,6% dos alunos nunca tiveram contato com Ongs e 26% não responderam a questão. Tabela 52 – Questão; Você já teve contato com organizações políticas? Em outras possibilidades de participação em organizações políticas há residuais participações em diretórios acadêmicos, grupos de estudos, UJS Tubarão e voluntariado LCT. Tabela 53 – Questão; Questão; Qual o tempo gasto no seu deslocamento de ida e volta da residência ou do trabalho para a universidade?O tempo em minutos gasto no deslocamento até a universidade, em média, é de 50 minutos e 33 segundos. Tabela 54 - Questão; O que pretende fazer após a conclusão do curso universitário? Entre as expectativas com o curso a que tem um maior percentual é a Pós - graduação, com 82% dos alunos. Tabela 55 – Questão; O que pretende fazer após a conclusão do curso universitário? Entre os alunos que desejam trabalhar na área de formação é de 81,7%. Tabela 56 - Questão; O que pretende fazer após a conclusão do curso universitário? Entre os alunos que pretendem ingressar no mercado de trabalho é de 17,6%.
  15. 15. 15 Tabela 57 – Qual palavra melhor exprime a primeira impressão que você teve ao começar a cursar a universidade? Examinando as respostas foram criadas categorias que abrangem as respostas que mais se aproximam. 35,9% dos estudantes vêem a universidade como oportunidade e desenvolvimento pessoal. 28% sentem-se desafiados ou motivados ao ingressar na universidade. 7,9% observam como empenho, esforço e trabalho. 4,8% sentem algum tipo de insegurança, receio ou medo. 7% dos alunos identificam uma universidade com qualidade. 2,4% vêem na universidade função de inclusão social. Outros 1,7% identificam problemas de organização e falta de estrutura. 10,7% não sabem ou não responderam a questão.
  16. 16. 16 APÊNDICE – QUESTINÁRIO
  17. 17. 17
  18. 18. 18 ANEXO 1: FREQUÊNCIAS DO BANCO DE DADOS 2013. TABELA 1 - DATA DE APLICAÇÃO DOS QUESTIONÁRIOS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Maio 253 87,5 87,5 87,5 setembro 36 12,5 12,5 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 2 - DISTRIBUIÇÃO POR CURSOS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Agronomia 40 13,8 13,8 13,8 Arquitetura 42 14,5 14,5 28,4 engenharia ambiental 36 12,5 12,5 40,8 Historia 32 11,1 11,1 51,9 Geografia 36 12,5 12,5 64,4 Filosofia 25 8,7 8,7 73,0 Pedagogia 48 16,6 16,6 89,6 ciencias sociais 30 10,4 10,4 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 3 - DISTRIBUIÇÃO DE ALUNOS POR TURNO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid diurno 118 40,8 40,8 40,8 noturno 171 59,2 59,2 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 4 – IDADE Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NR 2 ,7 ,7 ,7 16 1 ,3 ,3 1,0
  19. 19. 19 17 39 13,5 13,5 14,5 18 63 21,8 21,8 36,3 19 30 10,4 10,4 46,7 20 16 5,5 5,5 52,2 21 22 7,6 7,6 59,9 22 14 4,8 4,8 64,7 23 12 4,2 4,2 68,9 24 7 2,4 2,4 71,3 25 14 4,8 4,8 76,1 26 4 1,4 1,4 77,5 27 6 2,1 2,1 79,6 28 4 1,4 1,4 81,0 29 7 2,4 2,4 83,4 30 4 1,4 1,4 84,8 31 4 1,4 1,4 86,2 32 3 1,0 1,0 87,2 33 3 1,0 1,0 88,2 34 4 1,4 1,4 89,6 35 1 ,3 ,3 90,0 36 5 1,7 1,7 91,7 37 3 1,0 1,0 92,7 39 2 ,7 ,7 93,4 40 2 ,7 ,7 94,1 41 3 1,0 1,0 95,2 42 2 ,7 ,7 95,8 43 2 ,7 ,7 96,5 45 1 ,3 ,3 96,9 46 2 ,7 ,7 97,6 48 1 ,3 ,3 97,9 49 3 1,0 1,0 99,0 51 1 ,3 ,3 99,3 55 1 ,3 ,3 99,7 65 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0
  20. 20. 20 TABELA 5 - AGRUPAMENTO FAIXAS ETÁRIAS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid ate 20 149 51,6 51,6 51,6 21 a 25 69 23,9 23,9 75,4 26 a 30 1 ,3 ,3 75,8 31 a 40 51 17,6 17,6 93,4 acima de 40 17 5,9 5,9 99,3 NSA 2 ,7 ,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 6 - DISTRIBUIÇÃO DOS ESTUDANTES POR SEXO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid feminino 182 63,0 63,0 63,0 masculino 107 37,0 37,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 7 - ESTADO CIVIL DOS ESTUDANTES Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid casado 43 14,9 14,9 14,9 solteiro 229 79,2 79,2 94,1 divorciado 9 3,1 3,1 97,2 União estável 7 2,4 2,4 99,7 NS/NR 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 8 - RAÇA E ETNIA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent
  21. 21. 21 Valid branco 239 82,7 82,7 82,7 negro 8 2,8 2,8 85,5 pardo 37 12,8 12,8 98,3 NS 5 1,7 1,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 9 - CIDADE NATURAL DOS ESTUDANTES Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 3 1,0 1,0 1,0 AGUA-BOA 1 ,3 ,3 1,4 ALTO ALEGRE 1 ,3 ,3 1,7 ALTO GARÇAS 1 ,3 ,3 2,1 ARATIBA 5 1,7 1,7 3,8 AUREA 2 ,7 ,7 4,5 BANTO GONCALVES 1 ,3 ,3 4,8 BARAO DE COTEGIPE 6 2,1 2,1 6,9 BARRA DO RIO AZUL 1 ,3 ,3 7,3 BARRA FUNDA 1 ,3 ,3 7,6 BARREIRAS 1 ,3 ,3 8,0 BENTO GONÇALVES 1 ,3 ,3 8,3 BOA VISTA DA APARECIDA –PR 1 ,3 ,3 8,7 BRAGA 1 ,3 ,3 9,0 CACIQUE DOBLE 2 ,7 ,7 9,7 CAMPESTRE DO MARANHAO 1 ,3 ,3 10,0 CAMPINAS DO SUL 5 1,7 1,7 11,8 CARAZINHO 1 ,3 ,3 12,1 CARLOS GOMES 4 1,4 1,4 13,5 CAXIAS DO SUL 1 ,3 ,3 13,8 CENTENARIO 2 ,7 ,7 14,5 CHAPECÓ 5 1,7 1,7 16,3 CONCORDIA 1 ,3 ,3 16,6 CONSTANTINA 1 ,3 ,3 17,0
  22. 22. 22 CORONEL FREITAS/SC 1 ,3 ,3 17,3 CRUZ ALTA 1 ,3 ,3 17,6 CRUZALTENSE 2 ,7 ,7 18,3 CURITIBANOS 1 ,3 ,3 18,7 DOIS VIZINHOS/PR 1 ,3 ,3 19,0 ERECHIM 78 27,0 27,0 46,0 ERVAL GRANDE 5 1,7 1,7 47,8 ESTACAO 4 1,4 1,4 49,1 ESTANCIA VELHA 1 ,3 ,3 49,5 FARROUPILHA 1 ,3 ,3 49,8 FONTOURA XAVIER 1 ,3 ,3 50,2 FORTALEZA 1 ,3 ,3 50,5 GAURAMA 6 2,1 2,1 52,6 GETULIO VARGAS 8 2,8 2,8 55,4 GUARANI DAS MISSOES 1 ,3 ,3 55,7 HORIZONTINA 1 ,3 ,3 56,1 IBIRACARAS 1 ,3 ,3 56,4 IBIRUBÁ 1 ,3 ,3 56,7 IJUI 1 ,3 ,3 57,1 IPIRANGA DO SUL 1 ,3 ,3 57,4 ITA/SC 1 ,3 ,3 57,8 ITAPEVA 2 ,7 ,7 58,5 ITATIBA DO SUL 5 1,7 1,7 60,2 JACUTINGA 10 3,5 3,5 63,7 JOAÇABA 2 ,7 ,7 64,4 LAGOA VERMELHA 1 ,3 ,3 64,7 LARANJEIRAS DO SUL 2 ,7 ,7 65,4 MACHADINHO 5 1,7 1,7 67,1 MARCELINO RAMOS 7 2,4 2,4 69,6 MARIANO MORO 3 1,0 1,0 70,6 MAXIMILIANO DE ALMEIDA 5 1,7 1,7 72,3 MODELO 1 ,3 ,3 72,7 NONOAI 1 ,3 ,3 73,0
  23. 23. 23 NOVA PALMA 1 ,3 ,3 73,4 PAIM FILHO 4 1,4 1,4 74,7 PALMEIRA DAS MISSOES 1 ,3 ,3 75,1 PASSO FUNDO 4 1,4 1,4 76,5 PAULO BENTO 2 ,7 ,7 77,2 PELOTAS 1 ,3 ,3 77,5 PERNANBUCO 1 ,3 ,3 77,9 PLANALTO 2 ,7 ,7 78,5 PONTE PRETA 1 ,3 ,3 78,9 PORTO ALEGRE 5 1,7 1,7 80,6 QUATRO IRMÃOS 1 ,3 ,3 81,0 RIO GRANDE 1 ,3 ,3 81,3 ROMELÂNDIA 1 ,3 ,3 81,7 SANANDUVA 3 1,0 1,0 82,7 SANTA MARIA 1 ,3 ,3 83,0 SANTA ROSA 1 ,3 ,3 83,4 SANTO ÂNGELO 1 ,3 ,3 83,7 SANTO CRISTO 1 ,3 ,3 84,1 SAO GABRIEL 1 ,3 ,3 84,4 SAO JOAO DA URTIGA 5 1,7 1,7 86,2 SAO JOSE DO OURO 2 ,7 ,7 86,9 SAO LEOPOLDO 1 ,3 ,3 87,2 SAO LUIZ GONZAGA 3 1,0 1,0 88,2 SÃO PAULO 1 ,3 ,3 88,6 SAO VALENTIM 7 2,4 2,4 91,0 SARANDI 1 ,3 ,3 91,3 SEDA 1 ,3 ,3 91,7 SEVERIANO DE ALMEIDA 7 2,4 2,4 94,1 TRACEMINHA/SC 1 ,3 ,3 94,5 TRES ARROIOS 4 1,4 1,4 95,8 TRINDADE DO SUL 1 ,3 ,3 96,2 TUBARAO 1 ,3 ,3 96,5 TUCUMA 1 ,3 ,3 96,9 VIADUTOS 7 2,4 2,4 99,3
  24. 24. 24 VIDEIRA 1 ,3 ,3 99,7 XAXIM 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 10 - ZONA DE MORADIA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Rural 92 31,8 31,8 31,8 Urbano 192 66,4 66,4 98,3 NS/NR 5 1,7 1,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 11 - CIDADE ATUAL DOS ESTUDANTES Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 2 ,7 ,7 ,7 ARATIBA 6 2,1 2,1 2,8 AUREA 1 ,3 ,3 3,1 BARAO DE COTEGIPE 4 1,4 1,4 4,5 CAMPINAS DO SUL 5 1,7 1,7 6,2 CENTENARIO 3 1,0 1,0 7,3 CRUZALTENSE 1 ,3 ,3 7,6 ENTRE RIOS DO SUL 2 ,7 ,7 8,3 EREBANGO 1 ,3 ,3 8,7 ERECHIM 200 69,2 69,2 77,9 ESTACAO 2 ,7 ,7 78,5 GAURAMA 7 2,4 2,4 81,0 GETULIO VARGAS 6 2,1 2,1 83,0 IPIRANGA DO SUL 1 ,3 ,3 83,4 ITATIBA DO SUL 1 ,3 ,3 83,7 JACUTINGA 4 1,4 1,4 85,1 MACHADINHO 5 1,7 1,7 86,9 MARCELINO RAMOS 4 1,4 1,4 88,2 MARIANO MORO 2 ,7 ,7 88,9
  25. 25. 25 MAXIMILIANO DE ALMEIDA 3 1,0 1,0 90,0 PAIM FILHO 2 ,7 ,7 90,7 PASSO FUNDO 1 ,3 ,3 91,0 PAULO BENTO 2 ,7 ,7 91,7 PONTE PRETA 4 1,4 1,4 93,1 RIO TOLDO 1 ,3 ,3 93,4 SANANDUVA 2 ,7 ,7 94,1 SAO VALENTIM 4 1,4 1,4 95,5 SEVERIANO DE ALMEIDA 5 1,7 1,7 97,2 TRES ARROIOS 3 1,0 1,0 98,3 VIADUTOS 5 1,7 1,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 12 - MUDANÇA PARA ERECHIM Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Sim 83 28,7 28,7 28,7 Não 65 22,5 22,5 51,2 sou de erechim 69 23,9 23,9 75,1 NSA 35 12,1 12,1 87,2 NS/NR 37 12,8 12,8 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 13 - ANO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid 1978 3 1,0 1,0 1,0 1980 1 ,3 ,3 1,4 1984 2 ,7 ,7 2,1 1987 1 ,3 ,3 2,4 1988 1 ,3 ,3 2,8 1990 1 ,3 ,3 3,1 1992 1 ,3 ,3 3,5 1993 2 ,7 ,7 4,2 1994 3 1,0 1,0 5,2
  26. 26. 26 1995 1 ,3 ,3 5,5 1996 3 1,0 1,0 6,6 1997 1 ,3 ,3 6,9 1998 4 1,4 1,4 8,3 1999 3 1,0 1,0 9,3 2000 12 4,2 4,2 13,5 2001 4 1,4 1,4 14,9 2002 2 ,7 ,7 15,6 2003 10 3,5 3,5 19,0 2004 5 1,7 1,7 20,8 2005 10 3,5 3,5 24,2 2006 5 1,7 1,7 26,0 2007 7 2,4 2,4 28,4 2008 17 5,9 5,9 34,3 2009 22 7,6 7,6 41,9 2010 10 3,5 3,5 45,3 2011 58 20,1 20,1 65,4 2012 84 29,1 29,1 94,5 2013 5 1,7 1,7 96,2 2066 1 ,3 ,3 96,5 NS/NR 10 3,5 3,5 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 14 - CIDADE DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 44 15,2 15,2 15,2 AGUA DOCE 1 ,3 ,3 15,6 ALEGRETE 1 ,3 ,3 15,9 ALVORADA 1 ,3 ,3 16,3 ARATIBA 7 2,4 2,4 18,7 ARVOREDO 1 ,3 ,3 19,0 AUREA 3 1,0 1,0 20,1 BARAO DE COTEGIPE 7 2,4 2,4 22,5 BARRA DO RIO AZUL 1 ,3 ,3 22,8
  27. 27. 27 BARRA FUNDA 2 ,7 ,7 23,5 BARUERI/SP 1 ,3 ,3 23,9 BAUNEARIO CAMBORIU 1 ,3 ,3 24,2 BENTO GONÇALVES 2 ,7 ,7 24,9 BLUMENAU 1 ,3 ,3 25,3 BRAGA 1 ,3 ,3 25,6 BRASÍLIA 1 ,3 ,3 26,0 CACIQUE DOBLE 1 ,3 ,3 26,3 CAMPESTRE DO MARANHAO 1 ,3 ,3 26,6 CAMPINAS DO SUL 6 2,1 2,1 28,7 CARLOS GOMES 2 ,7 ,7 29,4 CAXIAS DO SUL 1 ,3 ,3 29,8 CENTENARIO 2 ,7 ,7 30,4 CHAPECÓ 2 ,7 ,7 31,1 CONCORDIA 1 ,3 ,3 31,5 CORONEL FREITAS 1 ,3 ,3 31,8 CRUZALTENSE 1 ,3 ,3 32,2 DOIS VIZINHOS 1 ,3 ,3 32,5 ENTRE RIOS DO SUL 3 1,0 1,0 33,6 EREBANGO 1 ,3 ,3 33,9 ERECHIM 91 31,5 31,5 65,4 ERVAL GRANDE 1 ,3 ,3 65,7 ESTACAO 1 ,3 ,3 66,1 FAXINALZINHO 1 ,3 ,3 66,4 FORTALEZA 1 ,3 ,3 66,8 GAURAMA 8 2,8 2,8 69,6 GETULIO VARGAS 5 1,7 1,7 71,3 IBIRUBÁ 1 ,3 ,3 71,6 IJUÍ 1 ,3 ,3 72,0 ITAPEVA 1 ,3 ,3 72,3 ITATIBA DO SUL 5 1,7 1,7 74,0 JACUTINGA 5 1,7 1,7 75,8 LAGOA VERMELHA 2 ,7 ,7 76,5 LARANJEIRAS DO SUL 1 ,3 ,3 76,8
  28. 28. 28 LUIS EDUARDO MAGALHÃES 1 ,3 ,3 77,2 LUZEMA/SC 1 ,3 ,3 77,5 MACHADINHO 3 1,0 1,0 78,5 MARAVILHA 1 ,3 ,3 78,9 MARCELINO RAMOS 4 1,4 1,4 80,3 MARIANO MORO 3 1,0 1,0 81,3 MAXIMILIANO DE ALMEIDA 5 1,7 1,7 83,0 MODELO 1 ,3 ,3 83,4 PAIM FILHO 4 1,4 1,4 84,8 PALMEIRA DAS MISSOES 1 ,3 ,3 85,1 PASSO FUNDO 1 ,3 ,3 85,5 PAULO BENTO 1 ,3 ,3 85,8 PELOTAS 1 ,3 ,3 86,2 PONTE PRETA 3 1,0 1,0 87,2 PORTO ALEGRE 1 ,3 ,3 87,5 QUATRO IRMAOS 1 ,3 ,3 87,9 RIO GRANDE 1 ,3 ,3 88,2 SANANDUVA 3 1,0 1,0 89,3 SANTA MARIA 1 ,3 ,3 89,6 SANTA ROSA 1 ,3 ,3 90,0 SANTO EXPEDITO DO SUL 1 ,3 ,3 90,3 SAO JOAO DA URTIGA 2 ,7 ,7 91,0 SAO JOSE DO OURO 1 ,3 ,3 91,3 SÃO LUIZ GONZAGA 1 ,3 ,3 91,7 SÃO MIGUEL DO OESTE 1 ,3 ,3 92,0 SAO VALENTIM 5 1,7 1,7 93,8 SERTAO 2 ,7 ,7 94,5 SEVERIANO DE ALMEIDA 4 1,4 1,4 95,8 TRACEMINHA 1 ,3 ,3 96,2 TRES ARROIOS 3 1,0 1,0 97,2
  29. 29. 29 TRES PASSOS 1 ,3 ,3 97,6 TUBARAO 1 ,3 ,3 97,9 VARZEA GRANDE/MT 1 ,3 ,3 98,3 VIADUTOS 4 1,4 1,4 99,7 VIDEIRA 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 15 - ESCOLA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid publica 264 91,3 91,3 91,3 privada 23 8,0 8,0 99,3 NR/NS 2 ,7 ,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 16 - MODALIDADE DE ENSINO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid regular 236 81,7 81,7 81,7 eja 18 6,2 6,2 87,9 tecnico 27 9,3 9,3 97,2 outros 7 2,4 2,4 99,7 NS/NR 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 17 - OUTRAS MODALIDADES DE ENSINO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NSA 279 96,5 96,5 96,5 ACELERACAO 1 ,3 ,3 96,9 ENEM 1 ,3 ,3 97,2 MAGISTERIO 6 2,1 2,1 99,3
  30. 30. 30 NORMAL 1 ,3 ,3 99,7 REGULAR E EJA 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 18 - ESTUDANTES QUE JÁ POSSUEM CURSO SUPERIOR Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Não 232 80,3 80,3 80,3 sim, completo 23 8,0 8,0 88,2 sim, incompleto 31 10,7 10,7 99,0 NS/NR 3 1,0 1,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 19 - QUAL CURSO SUPERIOR Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid 7 223 77,2 77,2 77,2 9 13 4,5 4,5 81,7 ADMINISTRACAO 6 2,1 2,1 83,7 ADMINISTRACAO COMERCIO EXTERIOR 1 ,3 ,3 84,1 ADMINISTRACAO DE EMPRESAS 2 ,7 ,7 84,8 ARQUITETURA E URBANISMO 2 ,7 ,7 85,5 CIÊNCIAS BIOLÓGICAS 1 ,3 ,3 85,8 CIÊNCIAS CONTÁBEIS 4 1,4 1,4 87,2 CIENCIAS SOCIAIS 1 ,3 ,3 87,5 DESIGN 1 ,3 ,3 87,9 DESIGN E EANALISES DE SISTEMAS 1 ,3 ,3 88,2
  31. 31. 31 DIREITO 1 ,3 ,3 88,6 EDUCAÇAO FISICA 1 ,3 ,3 88,9 EGENHARIA CIVIL 1 ,3 ,3 89,3 ENFERMAGEM 1 ,3 ,3 89,6 ENGENHARIA AMBIENTAL E ENGENHA 1 ,3 ,3 90,0 ENGENHARIA CIVIL 3 1,0 1,0 91,0 ENGENHARIA CIVIL/GASTRONOMIA 1 ,3 ,3 91,3 ENGENHARIA MECÂNICA 1 ,3 ,3 91,7 FARMACIA 1 ,3 ,3 92,0 FILOSOFIA 1 ,3 ,3 92,4 GESTAO AMBIENTAL 1 ,3 ,3 92,7 GESTAO IMOBILIARIA 1 ,3 ,3 93,1 HISTORIA 3 1,0 1,0 94,1 LETRAS 3 1,0 1,0 95,2 MATEMATICA 3 1,0 1,0 96,2 PEDAGOGIA 1 ,3 ,3 96,5 PEDAGOGIA EMPRESARIAL 1 ,3 ,3 96,9 PSICOLOGIA 1 ,3 ,3 97,2 PUBLICIDADE E PROPAGANDA 1 ,3 ,3 97,6 QUIMICA BAICHARELADO E ADMINIS 1 ,3 ,3 97,9 TECNICO EM AGROPECUARIA 1 ,3 ,3 98,3 TECNOLOGA EM CONFECÇÃO TEXTIL 1 ,3 ,3 98,6 TECNOLOGIA EM ALIMENTOS 1 ,3 ,3 99,0 TECNOLOGIA EM MEIO AMBIENTE 2 ,7 ,7 99,7
  32. 32. 32 TECNOLOGIA EM NEGÓCIO IMOBILIÁ 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 20 - INSTITUIÇÃO DO CURSO SUPERIOR Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid publica 13 4,5 4,5 4,5 privada 42 14,5 14,5 19,0 NSA 234 81,0 81,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 21 - ESCOLARIDADE DOS PAIS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid nao alfabetizado 9 3,1 3,1 3,1 alfabetizado 13 4,5 4,5 7,6 ensino fundamental incompleto 115 39,8 39,8 47,4 ensino funadamental completo 39 13,5 13,5 60,9 ensino medio incompleto 21 7,3 7,3 68,2 ensino medio completo 56 19,4 19,4 87,5 ensino superior incompleto 9 3,1 3,1 90,7 ensino superior completo 13 4,5 4,5 95,2 pos - graduação 5 1,7 1,7 96,9 NS/NR 9 3,1 3,1 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 22 - OCUPAÇÃO DOS PAIS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 24 8,3 8,3 8,3 AÇOUGUEIRO 1 ,3 ,3 8,7
  33. 33. 33 ADMINISTRADOR 1 ,3 ,3 9,0 AGENTE DE TURISMO 1 ,3 ,3 9,3 AGRICULTOR 86 29,8 29,8 39,1 AGRONOMO 1 ,3 ,3 39,4 APOSENTADO 46 15,9 15,9 55,4 ARMADOR 1 ,3 ,3 55,7 AUTONOMO 12 4,2 4,2 59,9 AUXILIAR DE MOTORISTA 1 ,3 ,3 60,2 AUXILIAR DE PRODUCAO 1 ,3 ,3 60,6 AUXILIAR EM PROTESES DENTARIAS 1 ,3 ,3 60,9 BANCARIO 1 ,3 ,3 61,2 CAMINHONEIRO 1 ,3 ,3 61,6 CAMIONEIRO 1 ,3 ,3 61,9 CARPINTEIRO 1 ,3 ,3 62,3 CARTEIRO 1 ,3 ,3 62,6 CINEGRAFISTA 1 ,3 ,3 63,0 COBRADOR 1 ,3 ,3 63,3 COMERCIANTE 4 1,4 1,4 64,7 COMUNICADOR COOPERATIVA 1 ,3 ,3 65,1 CONSTRUTOR 2 ,7 ,7 65,7 CONSTRUTOR CIVIL 1 ,3 ,3 66,1 CORRETOR DE IMÓVEIS 1 ,3 ,3 66,4 DESEMPREGADO 1 ,3 ,3 66,8 DIARISTA 2 ,7 ,7 67,5 ECONOMISTA E ADMINISTRADOR 1 ,3 ,3 67,8 ELETRICISTA 2 ,7 ,7 68,5 ELETRICO 1 ,3 ,3 68,9 EMPRESARIO 4 1,4 1,4 70,2 ESTOFADOR 1 ,3 ,3 70,6 FALECIDO 20 6,9 6,9 77,5
  34. 34. 34 FARMACEÚTICO BIOQUÍMICO 1 ,3 ,3 77,9 FOTÓGRAFO/MICRO EMPRESÁRIO 1 ,3 ,3 78,2 FUNCIONARIO PUBLICO 10 3,5 3,5 81,7 FUNIONARIO PUBLICO 1 ,3 ,3 82,0 GERENTE 2 ,7 ,7 82,7 GERENTE ADMINISTRATIVO 1 ,3 ,3 83,0 GERENTE COMERCIAL 1 ,3 ,3 83,4 GERENTE DE LOJA 1 ,3 ,3 83,7 HIGIENIZADOR 1 ,3 ,3 84,1 LABORATORISTA 1 ,3 ,3 84,4 LAVRADOR 1 ,3 ,3 84,8 MARCENEIRO 1 ,3 ,3 85,1 MECANICO 4 1,4 1,4 86,5 MECÂNICO 2 ,7 ,7 87,2 MESTRE DE OBRAS 2 ,7 ,7 87,9 MILITAR 2 ,7 ,7 88,6 MOTORISTA 6 2,1 2,1 90,7 OPERADOR DE CORTE 1 ,3 ,3 91,0 OPERADOR DE CORTE E VINCO 1 ,3 ,3 91,3 OPERADOR DE MAQUINA 1 ,3 ,3 91,7 PASTOR 1 ,3 ,3 92,0 PEDREIRO 5 1,7 1,7 93,8 POLICIA MILITAR 1 ,3 ,3 94,1 POLICIAL 1 ,3 ,3 94,5 PROFESSOR 1 ,3 ,3 94,8 REPRESENTANTE DE VENDAS 1 ,3 ,3 95,2 SAPATEIRO 1 ,3 ,3 95,5
  35. 35. 35 SERVENTE SE ARMAGEM 1 ,3 ,3 95,8 SERVIÇOS GERAIS 2 ,7 ,7 96,5 SERVIDOR PUBLICO 1 ,3 ,3 96,9 TECNICO AGRICOLA 3 1,0 1,0 97,9 TÉCNICO EM ELETRÔNICA 1 ,3 ,3 98,3 TORNEIRO MECANICO 1 ,3 ,3 98,6 TRABALHADOR ASSALARIADO 1 ,3 ,3 99,0 VENDEDOR 1 ,3 ,3 99,3 VENDEDOR AMBULANTE 1 ,3 ,3 99,7 VENDEDOR DE PERFUMARIA 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 23 - ESCOLARIDADE DAS MÃES Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid nao alfabetizado 10 3,5 3,5 3,5 Alfabetizado 7 2,4 2,4 5,9 ensino fundamental incompleto 107 37,0 37,0 42,9 ensino fundamental completo 35 12,1 12,1 55,0 ensino medio incompleto 17 5,9 5,9 60,9 ensino medio completo 58 20,1 20,1 81,0 ensino superior incompleto 13 4,5 4,5 85,5 ensino superior completo 21 7,3 7,3 92,7 pos- graduaçao 16 5,5 5,5 98,3 NS/NR 5 1,7 1,7 100,0 Total 289 100,0 100,0
  36. 36. 36 TABELA 24 - OCUPAÇÃO DAS MÃES Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 12 4,2 4,2 4,2 ACOMPANHANTE 1 ,3 ,3 4,5 ADMINISTRADORA 1 ,3 ,3 4,8 AGENTE DE SAUDE 1 ,3 ,3 5,2 AGRICULTOR 2 ,7 ,7 5,9 AGRICULTORA 52 18,0 18,0 23,9 AGRICULTORA DONA DE CASA 1 ,3 ,3 24,2 APOSENTADA 23 8,0 8,0 32,2 ASSISTENTE TÉCNICA PADAGOGICO 1 ,3 ,3 32,5 ATENDENTE DE PADARIA 1 ,3 ,3 32,9 AUTONOMA 5 1,7 1,7 34,6 AUTONOMO 1 ,3 ,3 34,9 AUXILIAR DE COZINHA 1 ,3 ,3 35,3 AUXILIAR DE PRODUCAO 1 ,3 ,3 35,6 AUXILIAR DE SERVICOS GERAIS 1 ,3 ,3 36,0 BALCONISTA 1 ,3 ,3 36,3 BANCARIA 1 ,3 ,3 36,7 CAIXA 1 ,3 ,3 37,0 CHEFE DE COZINHA 1 ,3 ,3 37,4 COMERCIANTE 5 1,7 1,7 39,1 CONCURSADA 1 ,3 ,3 39,4 CORRETORA DE IMÓVEIS 1 ,3 ,3 39,8 COSTUREIRA 3 1,0 1,0 40,8 COZINHEIRA 3 1,0 1,0 41,9 CUIDADORA DE IDOSOS 2 ,7 ,7 42,6 DESEMPREGADA 2 ,7 ,7 43,3
  37. 37. 37 DIARISTA 4 1,4 1,4 44,6 DO LAR 44 15,2 15,2 59,9 DOMESTICA 3 1,0 1,0 60,9 DONA DE CASA 43 14,9 14,9 75,8 EMPREGADA DOMESTICA 1 ,3 ,3 76,1 EMPREGADA DOMÉSTICA 1 ,3 ,3 76,5 EMPRESARIA 3 1,0 1,0 77,5 ENFERMEIRA 1 ,3 ,3 77,9 ESTUDANTE 1 ,3 ,3 78,2 FALECIDA 9 3,1 3,1 81,3 FUNCIONARIA PUBLICA 10 3,5 3,5 84,8 GERENTE DE BANCO 1 ,3 ,3 85,1 GERENTE DE ESTABELECIMENTO COMERCIAL 1 ,3 ,3 85,5 GERENTE DE VENDAS 1 ,3 ,3 85,8 MASSOTERAPEUTA E DEPILADORA 1 ,3 ,3 86,2 MOTORISTA 1 ,3 ,3 86,5 OPERADORA 1 ,3 ,3 86,9 PADEIRA/CONFETEIR A 1 ,3 ,3 87,2 PEDAGOGA 1 ,3 ,3 87,5 PEDAGOGA INDUSTRIAL 1 ,3 ,3 87,9 PINTORA INDUSTRIAL 1 ,3 ,3 88,2 PORTEIRO 1 ,3 ,3 88,6 PROFESSORA 19 6,6 6,6 95,2 RECEPCIONISTA 1 ,3 ,3 95,5 SERVICOS GERAIS 4 1,4 1,4 96,9 SERVIDORA PUBLICA 1 ,3 ,3 97,2 SETOR FINANCEIRO 1 ,3 ,3 97,6
  38. 38. 38 TECNICA EM ENFERMAGEM 1 ,3 ,3 97,9 TRABALHA EM CASA 1 ,3 ,3 98,3 VENDEDORA 5 1,7 1,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 25 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO - TELEVISÃO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 88 30,4 30,4 30,4 nao 118 40,8 40,8 71,3 NS/NR 83 28,7 28,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 26 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO – JORNAL/REVISTAS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 67 23,2 23,2 23,2 nao 115 39,8 39,8 63,0 NS/NR 107 37,0 37,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 27 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO - INTERNET Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 235 81,3 81,3 81,3 nao 20 6,9 6,9 88,2 NS/NR 34 11,8 11,8 100,0 Total 289 100,0 100,0
  39. 39. 39 TABELA 28 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO – AMIGOS/FAMÍLIA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 209 72,3 72,3 72,3 nao 33 11,4 11,4 83,7 NS/NR 47 16,3 16,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 29 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO – PALESTRA NA ESCOLA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 42 14,5 14,5 14,5 nao 139 48,1 48,1 62,6 NS/NR 108 37,4 37,4 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 30 - INFORMAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO – OUTRAS FORMAS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 288 99,7 99,7 99,7 PROFESSORES DA ESCOLA 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 31 - ESTUDANTES QUE TIVERAM ATIVIDADE COM EQUIPE DA UFFS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 32 11,1 11,1 11,1 nao 241 83,4 83,4 94,5 NS 8 2,8 2,8 97,2 NR 8 2,8 2,8 100,0 Total 289 100,0 100,0
  40. 40. 40 TABELA 32 - MOTIVOS QUE LEVARAM A FAZER UM CURSO SUPERIOR – INFLUÊNCIA FAMILIAR Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Sim 133 46,0 46,0 46,0 Não 64 22,1 22,1 68,2 NS/NR 92 31,8 31,8 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 33 - MOTIVOS QUE LEVARAM A FAZER UM CURSO SUPERIOR – TRAJETÓRIA ESCOLAR Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Sim 178 61,6 61,6 61,6 Não 28 9,7 9,7 71,3 NS/NR 83 28,7 28,7 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 34 - MOTIVOS QUE LEVARAM A FAZER UM CURSO SUPERIOR – EXPECTATIVA COM O CURSO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Sim 236 81,7 81,7 81,7 Não 7 2,4 2,4 84,1 NS/NR 46 15,9 15,9 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 35 - MOTIVOS QUE LEVARAM A FAZER UM CURSO SUPERIOR – EXPECTATIVA COM O FUTURO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Sim 245 84,8 84,8 84,8 Não 9 3,1 3,1 87,9
  41. 41. 41 NS/NR 35 12,1 12,1 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 36 - O ESTUDANTE ESTA NO CURSO PRETENDIDO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid Sim 231 79,9 79,9 79,9 Não 36 12,5 12,5 92,4 NS/NR 22 7,6 7,6 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 37 - CURSO PRETENDIDO, SIM PORQUE. Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid PORQUE SEMPRE QUIS CURSAS ARQUITETURA 1 ,3 ,3 ,3 NSA 33 11,4 11,4 11,8 NS/NR 45 15,6 15,6 27,3 A FILOSOFIA É UM CURSO QUE ME ATRAI OELA OPORTUNIDADE DO DESENVOLVIMENTO DE IDEIAS ESPECULATIVAS 1 ,3 ,3 27,7 A FILOSOFIA TRATA DE QUESTOES IMPORTANTE. EX: ETICA E EU PRETENDO PASSAR A OUTROS 1 ,3 ,3 28,0
  42. 42. 42 A POSSIBILIDADE DE ATUAR COM UMA LINGUAGEM ARTÍSTICA INTER- DISCIPLINAR 1 ,3 ,3 28,4 ACREDITO QUE POSSO ME TORNAR UM PROFISSIONAL BEM SUCEDIDO 1 ,3 ,3 28,7 AFINIDADE 3 1,0 1,0 29,8 AFINIDADE COM A GRADE CURRICULAR E POR SER UMA AREA QUE ESTA SE EXPANDINDO 1 ,3 ,3 30,1 AMO GEOGRAFIA 1 ,3 ,3 30,4 AMOR POR ENSINAR 1 ,3 ,3 30,8 AMPLIAR CONHECIMENTOS COM RELAÇAO A SOCIEDADE EM QUE VIVEMOS 1 ,3 ,3 31,1 APROFUNDAR MEUS CONHECIMENTOS 1 ,3 ,3 31,5 APTIDÕES E GOTO PESSOAL 1 ,3 ,3 31,8 ÁREA DE ATUAÇÃO 1 ,3 ,3 32,2 ARQUITETURA É A ÁREA QUE MAIS DE ENCAIXA ÀS MINHAS APTIDÕES 1 ,3 ,3 32,5 BASE DE CONHECIMENTO HISTORICO E TAMBEM POLITICO 1 ,3 ,3 32,9 CONHECER O MEIO EM QUE SE VIVE , A SOCIEDADE E FASCINATE 1 ,3 ,3 33,2 CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 33,6
  43. 43. 43 CURSO QUE ACHEI MAIS INTERESSANTE 1 ,3 ,3 33,9 E A AREA QUE MAIS GOSTEI ME IDENTIFIQUEI 1 ,3 ,3 34,3 É MEU SONHO DE VIDA 1 ,3 ,3 34,6 E O QUE EU SEMPRE ME IDENTIFIQUEI 1 ,3 ,3 34,9 E O QUE MAIS ME IDENTIFICO 1 ,3 ,3 35,3 E O QUE MAIS ME IDENTIFICO NOS CURSOS OFERECIDOS PELA UFFS 1 ,3 ,3 35,6 É UMA ÁREA PELA QUAL SINTO VONTADE EM TRABALHAR, PELA AFINIDADE 1 ,3 ,3 36,0 ESTOU EM DÚVIDA 1 ,3 ,3 36,3 ESTUDO CULTURAL SOCIAL VEM AO ENCONTRO DA MINHA BUSCA PESSOAL 1 ,3 ,3 36,7 EU GOSTO DE FOLOSOFIA E QUERO ADQUIRIR MAIS CONHECIMENTO SOBRE ELA 1 ,3 ,3 37,0 EU GOSTO, E PODE OBTER CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 37,4 EU PASSEI EM ENGENHARIA DE ALIMENTOS , MAS PREFERI FAZER FILOSOFIA POR OPÇAO. 1 ,3 ,3 37,7
  44. 44. 44 FAZ PARTE DO MEIO ONDE VIVO 1 ,3 ,3 38,1 FAZER OQUE GOSTO 1 ,3 ,3 38,4 FIZ TECNICO EM AGROPECUARIA E QUERO SEGUIR NA AREA 1 ,3 ,3 38,8 FOI MINHA ESCOLHA COMO FUTURO 1 ,3 ,3 39,1 FOI O CURSO QUE ME IDENTIFIQUEI 1 ,3 ,3 39,4 GOSTO DA AREA 2 ,7 ,7 40,1 GOSTO DA AREA DE CLIMATOLOGIA E MEIO AMBIENTE 1 ,3 ,3 40,5 GOSTO DA NATUREZA 1 ,3 ,3 40,8 GOSTO DE CRIAR 1 ,3 ,3 41,2 GOSTO DE ESTUDAR OQUE ACONTECEU NO PASSADO 1 ,3 ,3 41,5 GOSTO DE LER E ME INTERESSO PELA AREA 1 ,3 ,3 41,9 GOSTO DE PESSOAS 1 ,3 ,3 42,2 GOSTO DE POLITICA E CAUSAS SOCIAIS 1 ,3 ,3 42,6 GOSTO DESSA AREA E ADMIRO MUITO 1 ,3 ,3 42,9 GOSTO DOS ASSUNTOS TRATADOS NO CURSO 1 ,3 ,3 43,3 GOSTO MUITO DA DISCIPLINA 1 ,3 ,3 43,6 GOSTO PESSOAL 1 ,3 ,3 43,9
  45. 45. 45 GOSTO, DESDE CEDO, PELO DESENHO DE PLANTAS BAIXAS E AFINS 1 ,3 ,3 44,3 IDENTIFICAÇAO PESSOAL DESDE INFANCIA E POR OBJETIVOS POR A SEREM CONQUISTADOS 1 ,3 ,3 44,6 INFLUENCIA FAMILIAR E POR GOSTAR DA PROFISSAO 1 ,3 ,3 45,0 MAIOR VARIEDADE DE INFORMAÇÕES, CURSO AMPLO 1 ,3 ,3 45,3 ME DESCOBRI NA PEDAGOGIA 1 ,3 ,3 45,7 ME IDENTIFICA 1 ,3 ,3 46,0 ME IDENTIFICO COM A AREA 1 ,3 ,3 46,4 ME IDENTIFICO COM O CURSO 1 ,3 ,3 46,7 ME IDENTIFICO E POSSUI VASTO CAMPO DE TRABALHO 1 ,3 ,3 47,1 ME IDENTIFICO JA QUE A FAMILIA E DA AGRICULTURA 1 ,3 ,3 47,4 ME IDENTIFICO PELO CURSO TENHO AMOR PELO AMBIENTE E CIENCIAS POR ISSO ESCOLHI ENTRAR NA ENGENHARIA A 1 ,3 ,3 47,8 ME IDENTIFIQUEI COM ELE 1 ,3 ,3 48,1
  46. 46. 46 NÃO SEI . AJUDA DA FILHA CARINE 1 ,3 ,3 48,4 NO MEU VER ME IDENTIFICO COM TUDO LIGADO A FILOSOFIA E A CADA DIA ME ENCONTRO MAIS NA AREA 1 ,3 ,3 48,8 O CURSO QUE MAIS SE APROXIMA DA ATIVIDADE PROFISSIONAL 1 ,3 ,3 49,1 O QUE MAIS SE ENCAIXA COM MINHAS PRETENSÕES PROFISSIONAIS 1 ,3 ,3 49,5 OPTEI PELO CURSO PORQUE GOSTO DA AREA 1 ,3 ,3 49,8 OPTEI POR CAUSA DA ABRANGENCIA E CURIOSIDADE DE SABER MAIS DO QUE EU SABIA 1 ,3 ,3 50,2 OPTEI POR ELE POR GOSTAR DE CRIANCAS 1 ,3 ,3 50,5 OPTEI POR GEOGRAFIA PORQUE PRETENDO APRENDER UM POUCO MAIS SOBRE O ESPAÇO QUE OCUPO ALEM DISSO TRANS 1 ,3 ,3 50,9 OPTEI POR GOSTAR E SEGUIR A CARREIRA DO MEU PAI 1 ,3 ,3 51,2
  47. 47. 47 PARA APRENDER A TRABALHAR DE FORMA SUSTENTAVEL E VITAL PARA CONSERVAR A BIOSFERA 1 ,3 ,3 51,6 PARA COMPLEMENTAR CONHECIMENTO PREVIO 1 ,3 ,3 51,9 PARA CONTINUAR NA PEOFISSAO QUE ESCOLHI 1 ,3 ,3 52,2 PARA DESPERTAR O SENSO CRITICO 1 ,3 ,3 52,6 PARA MELHORAR O SALARIO 1 ,3 ,3 52,9 PELA FALTA DE ENGENHEIROS NO MERCADO 1 ,3 ,3 53,3 PELA FALTA DE PROFESSORES NO MERCADO DE TRABALHO 1 ,3 ,3 53,6 PELA GRADE CURRICULAR 1 ,3 ,3 54,0 PELA IDENTIFICAÇÃO COM O CURSO E O CONHECIMENTO QUE PROPICIA 1 ,3 ,3 54,3 PELA MINHA TRAJETORIA DE VIDA E ATUAÇÃO EM MOVIEMNTOS SOCIAIS 1 ,3 ,3 54,7 PELAS QUESTOES CITADAS NA 18 1 ,3 ,3 55,0
  48. 48. 48 PELO CRESCIMENTO PESSOAL 1 ,3 ,3 55,4 PELO DESEJO EM SER PROFESSORA E PELO GOSTO POR HISTORIA 1 ,3 ,3 55,7 PELO FATO DE GOSTAR DA MATERIAS DO CURSO 1 ,3 ,3 56,1 PELO GOSTO DA CRIAÇÃO 1 ,3 ,3 56,4 PELOS CONTEUDOS QUE SAO ABORDADOS 1 ,3 ,3 56,7 POE QUE É MEU SONHO SER PEDAGOGA 1 ,3 ,3 57,1 POIS E A AREA QUE MAIS ME IDENTIFICO 1 ,3 ,3 57,4 POIS E O CURSO QUE MAIS TEM A VER COMIGO 1 ,3 ,3 57,8 POIS É UM CURSO QUE ME CHAMOU MAIS ATENÇÃO PELA GRADE CURRICULAR 1 ,3 ,3 58,1 POIS É UMA ÁREA DE ATUAÇÃO AMPLA 1 ,3 ,3 58,5 POIS GOSTO DE ARQUITETURA(CRIA R) 1 ,3 ,3 58,8 POIS GOSTO DE CRIAÇÃO 1 ,3 ,3 59,2 POIS ME IDENTIFICO COM O CURSO 1 ,3 ,3 59,5 POIS NO FUTURO PRETENDO SEGUIR PARA A ARQUEOLOGIA 1 ,3 ,3 59,9 POIS SEMPRE GOSTEI 1 ,3 ,3 60,2
  49. 49. 49 POIS SER PEDAGOGO E MUITO GRATIFICANTE 1 ,3 ,3 60,6 POLO FATO DO MEU PAI SER AGRICULTOR 1 ,3 ,3 60,9 POR ACHAR LINDO A ARTE DE ENSINAR 1 ,3 ,3 61,2 POR ACHAR QUE SEMPRE DA TEMPO DE MUDAR A PRÓPRIA HISTORIA 1 ,3 ,3 61,6 POR AFINIDADE COM AS MATÉRIAS TRABALHADAS 1 ,3 ,3 61,9 POR APTIDAO E PORQUE GOSTO DE CRIANCAS 1 ,3 ,3 62,3 POR APTIDOES PESSOAIS 1 ,3 ,3 62,6 POR GASTAR DA AREA 1 ,3 ,3 63,0 POR GOSTAR 2 ,7 ,7 63,7 POR GOSTAR BASTANTE DE CRIANCA 1 ,3 ,3 64,0 POR GOSTAR DA MATERIA 1 ,3 ,3 64,4 POR GOSTAR DAS CIENCIAS EXATAS E ME PREOCUPAR COM A NATUREZA 1 ,3 ,3 64,7 POR GOSTAR DAS MATERIAS QUE O CURSO OFERECE 1 ,3 ,3 65,1 POR GOSTAR DE EDUCACAO INFANTIL 1 ,3 ,3 65,4 POR GOSTAR DE HISTORIA 3 1,0 1,0 66,4
  50. 50. 50 POR GOSTAR DE HISTORIA E PESQUISAS 1 ,3 ,3 66,8 POR GOSTAR MESMO 1 ,3 ,3 67,1 POR GOSTAR MUITO DE CRIANCAS E POR TER PEDAGOGOS NA FAMILIA 1 ,3 ,3 67,5 POR GOSTO E AFINIDADE 1 ,3 ,3 67,8 POR INFLUÊNCIA FAMILIAR, SONHO, APTIDÕES. 1 ,3 ,3 68,2 POR ME IDENTIFICAR COM ENERGIAS SUSTENTÁVEIS E PRESERVAÇÃO DO MEIO EM QUE VIVEMOS 1 ,3 ,3 68,5 POR ME IDENTIFICAR COM O CURSO 1 ,3 ,3 68,9 POR QUE AMO SER PROFESSORA 1 ,3 ,3 69,2 POR QUE E O CURSO QUE MAIS ME IDENTIFICO 1 ,3 ,3 69,6 POR QUE E UMA AREA QUE ME REALIZA PROFISSIONALMENT E 1 ,3 ,3 69,9 POR QUE GOSTO 1 ,3 ,3 70,2 POR QUERER ENTENDER MAIS A SOCIEDADE E SEU TODO E SER UMA APAIXONADA POR POLITICA 1 ,3 ,3 70,6 POR QUESTOES DE APTIDAO 1 ,3 ,3 70,9
  51. 51. 51 POR SE IDENTIFICAR E TER GOSTO PELO MESMO 1 ,3 ,3 71,3 POR SER DA AREA DO CONHECIMENO, ENVOLVENDO LEITURA E ESCRITA, E POR SER MINHA PRIMEIRA OPÇAO 1 ,3 ,3 71,6 POR SER MEU SONHO 1 ,3 ,3 72,0 POR SER NAS AREAS QUE EU GOSTO 1 ,3 ,3 72,3 POR SER O PROSPECTO DO MEU FUTURO TRABA 1 ,3 ,3 72,7 POR SER UM CURSO DE NOME BEM VISTO E POR ESTAR EM ALTA AS QUESTOES AMBIENTAIS E PORQUE GOSTO DA AREA 1 ,3 ,3 73,0 POR SER UM CURSO DINÂMICO, PRÁTICO. COM MERCADO DE TRABALHO AMPLO 1 ,3 ,3 73,4 POR SER UM CURSO NOTURNO E POR SER UM SONHO MEU 1 ,3 ,3 73,7 POR SUA VASTA AREA DE TRABALHO 1 ,3 ,3 74,0 POR TER EM MENTE QUE NO FUTURO UM PROFESSOR SERA MAIS VALORIZADO 1 ,3 ,3 74,4 POR TER MAIS AFINIDADE COM A GRADE CURRICULAR 1 ,3 ,3 74,7
  52. 52. 52 POR TER ORIGEM VOLTADA PARA AGRICULTURA 1 ,3 ,3 75,1 PORQUE ACREDITO QUE VOU ME IDENTIFICAR COM ESTE CURSO 1 ,3 ,3 75,4 PORQUE ADORO ESTUDAR AS FORMAS DO RELEVO 1 ,3 ,3 75,8 PORQUE ADORO GEOGRAFIA DESDE O ENSINO MEDIO 1 ,3 ,3 76,1 PORQUE AMO LECIONAR 1 ,3 ,3 76,5 PORQUE ATENDE MINHAS EXPECTAVTIVAS E AMNIÇAO 1 ,3 ,3 76,8 PORQUE É A PROFISSÃO DO FUTURO 1 ,3 ,3 77,2 PORQUE É A PROFISSÃO QUE QUERO SEGUIR 1 ,3 ,3 77,5 PORQUE E GRATIFICANTE SER PROFESSOR E ME IDENTIFICO MAIS COM HISTORIA 1 ,3 ,3 77,9 PORQUE É UM CURSO QUE SEMPRE ME IDENTIFIQUEI 1 ,3 ,3 78,2 PORQUE E UM SONHO MEU TRABALHAR COM EDUCACAO 1 ,3 ,3 78,5
  53. 53. 53 PORQUE É UMA ÁREA COM DIVERSAS ÁREAS DE EMPREGO E PORQUE ME IDENTIFICO COM ELE 1 ,3 ,3 78,9 PORQUE É UMA ÁREA EM QUE ME IDENTIFICO MUITO 1 ,3 ,3 79,2 PORQUE É UMA AREA QUE ME CHAMA MUITA ATENÇÃO 1 ,3 ,3 79,6 PORQUE ESSE CURSO SINTETIZA TODA EXPECTATIVA NO POBTO DE VISTA DA VALORIZAÇAO PESSOAL 1 ,3 ,3 79,9 PORQUE ESTA LIGADO A AGRICULTURA 1 ,3 ,3 80,3 PORQUE EU ACHO UMA ARTE ENSINAR E PASSAR CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 80,6 PORQUE EU GOSTO 1 ,3 ,3 81,0 PORQUE EU GOSTO DA AREA DAS EXATAS 1 ,3 ,3 81,3 PORQUE EU IMAGINO QUE TENHA UM FUTURO PROMISSOR 1 ,3 ,3 81,7 PORQUE EU SEMPRE GOSTEI E E O QUE MEU PAI FAZ 1 ,3 ,3 82,0
  54. 54. 54 PORQUE GOSTARIA DE CONHECER UMA AREA DIFERENTE DIFERENTE POIS E BASTANTE COMUNICATIVO E EU GOSTO DE 1 ,3 ,3 82,4 PORQUE GOSTO 1 ,3 ,3 82,7 PORQUE GOSTO DA AGRICULTURA 1 ,3 ,3 83,0 PORQUE GOSTO DA AREA E DAS QUESTOES AMBIENTAIS 1 ,3 ,3 83,4 PORQUE GOSTO DA GEOGRAFIA, CLIMA, TEMPO E OUTROS 1 ,3 ,3 83,7 PORQUE GOSTO DE ARQUITETURA 1 ,3 ,3 84,1 PORQUE GOSTO DE CRIANCAS 1 ,3 ,3 84,4 PORQUE GOSTO DE DESENHO E PORQUE MINHA MÃE ME INFLUENCIOU, PORÉM NÃO ERA MINHA PRIMEIRA OPÇÃP 1 ,3 ,3 84,8 PORQUE GOSTO DE HISTORIA E QUERO SER PROFESSORA 1 ,3 ,3 85,1 PORQUE GOSTO DE INTERAGIR COM A TURMA E ESSA LICENCIATURA CONTRIBUIRA PARA O MEU CRESIMENTO 1 ,3 ,3 85,5 PORQUE GOSTO DE LIDAR COM O MEIO AMBIENTE 1 ,3 ,3 85,8
  55. 55. 55 PORQUE GOSTO DE MATEMATICA E ME PREOCUPO COM O MEIO AMBIENTE 1 ,3 ,3 86,2 PORQUE GOSTO DE ME IDENTIFICO 1 ,3 ,3 86,5 PORQUE GOSTO DESSA AREA DO CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 86,9 PORQUE GOSTO DO RAMO DA FILOSOFIA, TENHO PRAZER EM BUSCAR UM PORQUE A TUDO QUE ME RODEIA 1 ,3 ,3 87,2 PORQUE GOSTO DOS CONHECIMENTOS QUE O CURSO POSSIBILITA 1 ,3 ,3 87,5 PORQUE GOSTO E QUERO SER PROFESSORA 1 ,3 ,3 87,9 PORQUE GOSTO MUITO DE CRIANCAS E GOSTO DESTA AREA DA EDUCACAO 1 ,3 ,3 88,2 PORQUE JA TRABALHO EM ESCOLA 1 ,3 ,3 88,6 PORQUE ME IDENTIFICO 1 ,3 ,3 88,9 PORQUE ME IDENTIFICO COM A AREA 1 ,3 ,3 89,3 PORQUE ME IDENTIFICO MAIS COM ELE NA QUESTAO DO NOSSO SISTEMA 1 ,3 ,3 89,6
  56. 56. 56 PORQUE ME IDENTIFIQUEI DESDE DE CEDO 1 ,3 ,3 90,0 PORQUE MEUS AVOS SAO DO MEIO RURAL E ME CRIEI COM ELES FIZ TECNICO E QUERIA IR MAIS ALEM 1 ,3 ,3 90,3 PORQUE QUERO SER PROFESSORA 1 ,3 ,3 90,7 PORQUE QUERO SER PROFESSORA E PORQUE SE APROXIMA DA PSICOLOGIA 1 ,3 ,3 91,0 PORQUE SEMPRE ADMIREI A CARREIRA DE PROFESSOR 1 ,3 ,3 91,3 PORQUE SEMPRE FOI MEU SONHO LECIONAR PARA CRIANCAS 1 ,3 ,3 91,7 PORQUE SEMPRE FOI UM SONHO SER PROFESSORA 1 ,3 ,3 92,0 PORQUE SEMPRE ME INTERESSEI PELO PASSADO 1 ,3 ,3 92,4 PORQUE SEMPRE VIVI NO MEIO RURAL E GOSTARIA DE CONTINUAR NO CAMPO 1 ,3 ,3 92,7 PORQUE SOU DO INTERIOR E ME IDENTIFICO 1 ,3 ,3 93,1
  57. 57. 57 PORQUE TEM UMA AREA AMPLA DE TRABALHO ENVOLVIDO COM ESSE CURSO 1 ,3 ,3 93,4 PORQUE VAI ME TRAZER INFORMAÇOES CONHECIMENTOS GERAIS E PORQUE VAI ME PREPARAR COMO UM BOM PROFISSIO 1 ,3 ,3 93,8 QUERO TRABALHAR NESSA AREA DEPOIS DE APOSENTADA 1 ,3 ,3 94,1 REALIZAÇÃO PROFISSIONAL, RENDA, APTIDÃO 1 ,3 ,3 94,5 SEGUIR O CAMINHO DO PAI 1 ,3 ,3 94,8 SEMPRE DESEJEI SER PROFESSORA TRANSMITIR CONHECIMENTO PRA MIM E A PROFISSAO MAIS GRATIFICANTE 1 ,3 ,3 95,2 SEMPRE GOSTEI DA QUESTÃO "AMBIENTE" E TAMBÉM A EDUCAÇÃO AMBIENTAL, É CERTAMENTE A PROFISSÃO DO FUTUR 1 ,3 ,3 95,5 SEMPRE GOSTEI DE HISTORIA, GEOGRAFIA E CIENCIAS HUMANAS 1 ,3 ,3 95,8
  58. 58. 58 SEMPRE GOSTEI, E NAO ME INDENTIFIQUEI NO CURSO ESCOLHIDO ANTERIORMENTE. SO AGORA PUDE ESTUDAR. FALAT 1 ,3 ,3 96,2 SEMPRE GOSTEI. NASCI PARA TER ESTA FORMAÇÃO 1 ,3 ,3 96,5 SEMPRE MOREI NO INTERIOR E GOSTO DA AREA 1 ,3 ,3 96,9 SEMPRE QUIS CURSAR ENGENHARIA 1 ,3 ,3 97,2 SEMPRE QUIS CURSAR PEDAGOGIA ME IDENTIFICO COM ISSO 1 ,3 ,3 97,6 SEMPRE QUIS DAR AULAS E ALFABETIZAR 1 ,3 ,3 97,9 SEMPRE QUIS FAZER ARQUITETURA MAS NÃO HAVIAM AS POSSIBILIDADES DE HOJE COM A FEDERAL 1 ,3 ,3 98,3 SEMPRE QUIS FAZER PEDAGOGIA E SER PROFE 1 ,3 ,3 98,6 SEMPRE TIVE CONTATO COM A AREA 1 ,3 ,3 99,0 SOU FILHO DE AGRICULTOR E SEMPRE GOSTEI DESSE CAMPO DE TRABALHO 1 ,3 ,3 99,3
  59. 59. 59 TANTO PELA GRADE QUANTO PELA AREA 1 ,3 ,3 99,7 UMA AREA QUE SEMPRE GOSTEI E SOBRE O MEIO QUE VIVO 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 38 - CURSO PRETENDIDO, NÃO, QUAL SERIA? Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NSA 212 73,4 73,4 73,4 NS/NR 32 11,1 11,1 84,4 ADMINISTRAÇÃO 1 ,3 ,3 84,8 AGRONOMIA 2 ,7 ,7 85,5 AINDA ESTOU INDECISA A RELACAO A ISSO 1 ,3 ,3 85,8 ARQUITETURA E URBANISMO 1 ,3 ,3 86,2 ASSISTENCIA SOCIAL 1 ,3 ,3 86,5 COMUNICAÇAO 1 ,3 ,3 86,9 DIREITO 2 ,7 ,7 87,5 ENGENHAIA AERONÁUTICA 1 ,3 ,3 87,9 ENGENHARIA 1 ,3 ,3 88,2 ENGENHARIA AMBIENTAL 4 1,4 1,4 89,6 ENGENHARIA CIVIL 5 1,7 1,7 91,3 ENGENHARIA DE BIOPROCESSOS 1 ,3 ,3 91,7 ENGENHARIA ELETRICA 1 ,3 ,3 92,0 ENGENHARIA MECANICA 2 ,7 ,7 92,7 HISTORIA 1 ,3 ,3 93,1
  60. 60. 60 JORNALISMO 2 ,7 ,7 93,8 LETRAS 1 ,3 ,3 94,1 MATEMATICA 2 ,7 ,7 94,8 MEDICINA 3 1,0 1,0 95,8 NUTRIÇAO 2 ,7 ,7 96,5 ODONTOLOGIA 1 ,3 ,3 96,9 PEDAGOGIA 5 1,7 1,7 98,6 PSICOLOGIA 2 ,7 ,7 99,3 VETERINARIA 1 ,3 ,3 99,7 ZOOTECNIA 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 39 - SE O ESTUDANTE EXERCE ATIVIDADE REMUNERADA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NÃO 172 59,5 59,5 59,5 SIM 112 38,8 38,8 98,3 NSA 1 ,3 ,3 98,6 NS/NR 4 1,4 1,4 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 40 - ATIVIDADE REMUNERADA, QUAL? Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NSA 157 54,3 54,3 54,3 NS/NR 33 11,4 11,4 65,7 ADMINISTRADORA 1 ,3 ,3 66,1 AGENTE DE SAUDE 1 ,3 ,3 66,4 ANALISTA DE CREDITO 1 ,3 ,3 66,8 ASSESSOR LEGISLATIVO 1 ,3 ,3 67,1
  61. 61. 61 ASSISTENTE DE CONTRATOS 1 ,3 ,3 67,5 AUTONOMO 1 ,3 ,3 67,8 AUX. ALMOXARIFADO 1 ,3 ,3 68,2 AUXILIAR AGROPECUARIA 1 ,3 ,3 68,5 AUXILIAR DE ESCRITORIO 2 ,7 ,7 69,2 AUXILIAR DE ESTOQUE 1 ,3 ,3 69,6 AUXILIAR DE EXPEDIÇAO 1 ,3 ,3 69,9 AUXILIAR DE MOINHO 1 ,3 ,3 70,2 AUXILIAR DE PROFESSORA 1 ,3 ,3 70,6 AUXILIAR NA ESCOLA 1 ,3 ,3 70,9 BABA 1 ,3 ,3 71,3 BALCONISTA EM UMA LIVRARIA 1 ,3 ,3 71,6 BOMBEIRO 1 ,3 ,3 72,0 CAIXA 1 ,3 ,3 72,3 CAIXA EM SUPERMERCADO 1 ,3 ,3 72,7 COMERCIANTE 1 ,3 ,3 73,0 COMERCIARIA 1 ,3 ,3 73,4 COMERCIO 2 ,7 ,7 74,0 CONFEITEIRA 1 ,3 ,3 74,4 CONSELHIRA TUTELAR 1 ,3 ,3 74,7 COSTUREIRA 2 ,7 ,7 75,4 CREDIARISTA 1 ,3 ,3 75,8 DOMESTICA 2 ,7 ,7 76,5 EDITORA DE FOTOS E VIDEOS 1 ,3 ,3 76,8 EM ESCOLA 1 ,3 ,3 77,2
  62. 62. 62 EMPREGADA DOMESTICA 2 ,7 ,7 77,9 EMPRESARIA 2 ,7 ,7 78,5 ENGENHEIRA AMBIENTAL 1 ,3 ,3 78,9 ESCOLA 1 ,3 ,3 79,2 ESCREVENTE 1 ,3 ,3 79,6 ESTAGIARIA 2 ,7 ,7 80,3 ESTÁGIO 1 ,3 ,3 80,6 ESTOFADOR 1 ,3 ,3 81,0 ESTOU AFASTADA DO TRABALHO MAS RECEBO BENEFICIO 1 ,3 ,3 81,3 FARMACIA 1 ,3 ,3 81,7 FIANCEIRO 1 ,3 ,3 82,0 FUCIONARIA PUBLICA 1 ,3 ,3 82,4 FUNCIONARIA PUBLICA 4 1,4 1,4 83,7 FUNCIONARIA PUBLICA MINICIPAL 1 ,3 ,3 84,1 FUNCIONARIO PUBLICO 2 ,7 ,7 84,8 FUNIONÁRIA PÚBLICA 1 ,3 ,3 85,1 IMOBILIARIA 1 ,3 ,3 85,5 INDUSTRIA ALIMENTICIA 1 ,3 ,3 85,8 INSTRUTORA DO CFC 1 ,3 ,3 86,2 LOCUÇAO EM RADIO 1 ,3 ,3 86,5 MANUTENÇÃO HOSPITALAR 1 ,3 ,3 86,9 MARKETING 1 ,3 ,3 87,2 MENOR APRENDIZ SENAI 1 ,3 ,3 87,5 METALURGICO 1 ,3 ,3 87,9 MONTADOR MECANICO 1 ,3 ,3 88,2
  63. 63. 63 MONTADORA 1 ,3 ,3 88,6 MONTAGEM E ENTREGA DE MOVEIS 1 ,3 ,3 88,9 MOTORISTA 1 ,3 ,3 89,3 OPERARIO 1 ,3 ,3 89,6 ORIENTADOR ESTACIONAMENTO 1 ,3 ,3 90,0 PROFESSORA 4 1,4 1,4 91,3 PROFESSORA DE BIOLOGIA E CIÊNCIAS 1 ,3 ,3 91,7 PROFESSORA DE DANÇA 1 ,3 ,3 92,0 PROMOTORA DE VENDAS 1 ,3 ,3 92,4 RECEPCIONISTA 2 ,7 ,7 93,1 SECRETARIA 2 ,7 ,7 93,8 SENAI 1 ,3 ,3 94,1 SOLDADOR 1 ,3 ,3 94,5 SUPERIOR OPERACIONAL 1 ,3 ,3 94,8 SUPERMERCADO 1 ,3 ,3 95,2 SUPERVISAO DO PESSOAL 1 ,3 ,3 95,5 TECNICA EM ELETRONICA 1 ,3 ,3 95,8 TECNICA EM ENFERFAGEM 1 ,3 ,3 96,2 TECNICO ENFERMAGEM 1 ,3 ,3 96,5 TÉCNICO SEGURANÇA DO TRABALHO 1 ,3 ,3 96,9 TRABALHO NA INSPETORIA VETERINARIA 1 ,3 ,3 97,2
  64. 64. 64 TRABALHO NO CENTRO DE REGISTRO DE VEICULOS 1 ,3 ,3 97,6 VENDEDOR 1 ,3 ,3 97,9 VENDEDORA 6 2,1 2,1 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 41 - HORAS DIÁRIAS DE TRABALHO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid 1 ,3 ,3 ,3 10 4 1,4 1,4 1,7 12 1 ,3 ,3 2,1 2 1 ,3 ,3 2,4 3 1 ,3 ,3 2,8 4 6 2,1 2,1 4,8 4:30 1 ,3 ,3 5,2 40 1 ,3 ,3 5,5 6 11 3,8 3,8 9,3 7 4 1,4 1,4 10,7 7,5 1 ,3 ,3 11,1 NSA 151 52,2 52,2 63,3 8 69 23,9 23,9 87,2 8,5 1 ,3 ,3 87,5 8H 48 1 ,3 ,3 87,9 9 18 6,2 6,2 94,1 NS/NR 17 5,9 5,9 100,0 Total 289 100,0 100,0
  65. 65. 65 TABELA 42 - RENDA FAMILIAR DO ESTUDANTE Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid ate R$ 678 31 10,7 10,7 10,7 de R$ 678 a R$ 1356 105 36,3 36,3 47,1 de R$ 1356 a R$ 2034 64 22,1 22,1 69,2 de R$ 2034 a R$ 2712 26 9,0 9,0 78,2 de R$ 2712 a R$ 3390 17 5,9 5,9 84,1 de R$ 3390 a R$ 4068 25 8,7 8,7 92,7 acima de R$ 4068 1 ,3 ,3 93,1 NS 11 3,8 3,8 96,9 NR 9 3,1 3,1 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 43 - PESSOAS QUE DEPENDEM DA RENDA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid 1 32 11,1 11,1 11,1 2 55 19,0 19,0 30,1 3 60 20,8 20,8 50,9 4 77 26,6 26,6 77,5 5 29 10,0 10,0 87,5 6 4 1,4 1,4 88,9 7 2 ,7 ,7 89,6
  66. 66. 66 8 1 ,3 ,3 90,0 NS/NR 29 10,0 10,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 44 - O QUE OS ESTUDANTES ENTENDEM POR UNIVERSIDADE POPULAR Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NS/NR 35 12,1 12,1 12,1 A OPORTUNIDADE DE ACESSO AO ENSINO 1 ,3 ,3 12,5 A UNIVERSIDADE PUBLICA DA OPORTUNIDADE PARA OS ESTUDANTES DE BAIXA RENDA QUE NAO TEM COMO PAGAR UMA FACULDADE 1 ,3 ,3 12,8 A UNIVERSIDADE PUBLICA É UMA MANEIRA DE OPORTUNIZAR PESSOAS QUE PRETENDE SEGUIR UMA CARREIRA ACADEMICA MAS QUE NAO PODERIAM COM UMA RENDA BAIXA ALEM DISSO É UMA UTILIZAÇÃO DO DINHEIRO PUBLICO 1 ,3 ,3 13,1 ACESSIVEL A TODOS 1 ,3 ,3 13,5 ACESSO A TODOS SEM CUSTO 1 ,3 ,3 13,8 ACESSO A TODOS SEM DISTINÇAO DE ETNIAS E RENDA 1 ,3 ,3 14,2
  67. 67. 67 ACESSO A UM CURSO SUPERIOR 1 ,3 ,3 14,5 ACREDITO QUE UM ENSINO DE BOA QUALIDADE 1 ,3 ,3 14,9 AJUDA DO GOVERNO DE FORMA GRATUITA 1 ,3 ,3 15,2 ALGO GRATUITO E PARA TODOS 1 ,3 ,3 15,6 ALGO QUE DISPONIBILIZA CONHECIMENTO E FORMAÇAO GRATUITA 1 ,3 ,3 15,9 ALGO SEM CUSTO E DE BOA QUALIDADE 1 ,3 ,3 16,3 AMBIENTE DE OPORTUNIDADES PARA TODOS 1 ,3 ,3 16,6 AONDE O ALUNO QUE CURSOU A ESCOLA PUBLICA TEM ACESSO 1 ,3 ,3 17,0 CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 17,3 CRESCIMENTO CULTURAL E EXERCER A PROFISSAO DO CURSO 1 ,3 ,3 17,6 DA OPORTUNIDADE DE ENSINO A TODOS DE QUALQUER CLASSE SOCIAL ALEM DE INTEGRAR A COMUNIDADE ACADEMICA COM A EXTERNA POR MEIO DE PROJETOS 1 ,3 ,3 18,0
  68. 68. 68 DE ACESSO A TODOS E GRATUITA 1 ,3 ,3 18,3 DE CONCEITO, UMA FORMAÇÃO DE MAIOR PROJEÇÃO 1 ,3 ,3 18,7 DE GRANDE IMPORTANCIA E O ENSINO E MELHOR QUE EM MUITAS UNIVERSIDADES PRIVADAS 1 ,3 ,3 19,0 DESTINADA PARA EQUILIBRAR AS CHANCES DE QUEM TEM CONDICOES DE PAGAR UMA PARTICULAR E QUEM NAO TEM 1 ,3 ,3 19,4 DIREITO DE TODOS 1 ,3 ,3 19,7 DIREITO IGUAL A TODOS QUE QUEREM ESTUDAR E NAO TEM CONDIÇOES 1 ,3 ,3 20,1 DO GOVERNO 1 ,3 ,3 20,4 É A UNIVERSIDADE ONDE A POPULAÇÃO COM POUCA RENDA OU MENOR RENDA E ASSIM NAO PODENDO INGRESSAR EM UMA PARTICULAR OPTA POR ESTA 1 ,3 ,3 20,8 E A UNIVERSIDADE PARA ALUNOS QUE NAO TEM COMO PAGAR 1 ,3 ,3 21,1
  69. 69. 69 E A UNIVERSIDADE QUE NOS DA MAIS OPORTUNIDADES DE BISCAR UMA CARREIRA E REALIZAR NOSSOS SONHOS 1 ,3 ,3 21,5 E COMO QUALQUER OUTRA O ENSINO E ATE MELHOR A UNICA DIFERENÇA E QUE NAO PAGA MENSALIDADE 1 ,3 ,3 21,8 E DE TODOS E TODOS POSSUEM DIREITOS DE CURSOS 1 ,3 ,3 22,1 É UM DIREITO DE TODOS A UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 22,5 E UMA FORMA DE TODOS TEREM O DIREITO DE ESTUDAR MESMO NAO TENDO CONDICOES FINANCEIRAS E PODENDO TER UMA PROFISSAO 1 ,3 ,3 22,8
  70. 70. 70 E UMA INSTITUICAO PUBLICA MANTIDA PELO PODER PUBLICO QUE OFERECE OPORTUNIDADES AJUDANDO TODOS AQUELES QUE SONHAM EM TER UMA GRADUACAO E NAO TEM CONDICOES FINCANCEIRAS 1 ,3 ,3 23,2 É UMA INSTITUIÇAO QUE ABRANGE A COMUNIDADE COMO UM TODO E COM VAGAS DESTINADAS A ESCOLA NO QUAL NÃO É NECESSARIO PAGAR 1 ,3 ,3 23,5 E UMA OPORTUNIDADE PARA PESSOAS QUE NAO TEM ALTA RENDA ESTUDAREM E TER UMA PROFISSAO 1 ,3 ,3 23,9 É UMA UNIVERSIDADE ÓTIMA E GRATUITA 1 ,3 ,3 24,2 E UMA UNIVERSIDADE PARA PESSOAS QUE NAO TEM CONDICOES FINANCEIRAS PARA CURSAR UM CURSO SUPERIOR 1 ,3 ,3 24,6
  71. 71. 71 E UMA UNIVERSIDADE PARA TODOS NAO HA UM MAIS E UM MENOS 1 ,3 ,3 24,9 E UMA UNIVERSIDADE QUE NAO E PAGA E QUE E PARA TODOS 1 ,3 ,3 25,3 E UNIVERSIDADE PUBLICA ONDE QUALQUER PESSOA PODE ESTUDAR E TER UM FUTURO MELHOR 1 ,3 ,3 25,6 ENSINO ACESSIVEL E DEMOCRATICO 1 ,3 ,3 26,0 ENSINO DE CLASSE 1 ,3 ,3 26,3 ENSINO DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 26,6 ENSINO DE QUALIDADE AO ALCANCE DE TODOS 1 ,3 ,3 27,0 ENSINO DE QUALIDADE E SEM CUSTOS COM O CURSO 1 ,3 ,3 27,3 ENSINO DE QUALIDADE GRATUITO 1 ,3 ,3 27,7 ENSINO DE QUALIDADE MAIS OPORTUNIDADES APOS SE FORMAR 1 ,3 ,3 28,0 ENSINO DE QUALIDADE MELHOR ACESSO AO MERCADO DE TRABALHO PROFESSORES CONCEITUADOS 1 ,3 ,3 28,4
  72. 72. 72 ENSINO DE QUALIDADE PELA TRAJETORIA DO PROFESSORES E OPORTUNIDADES DE PESQUISA E BOLSAS 1 ,3 ,3 28,7 ENSINO DE QUALIDADE QUE E DE GRAÇA 1 ,3 ,3 29,1 ENSINO GRATUITO E COM QUALIDADE 1 ,3 ,3 29,4 ENSINO GRATUITO E DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 29,8 ENSINO GRATUITO E DE QUALIDADE A TODOS 1 ,3 ,3 30,1 ENSINO GRATUITO E QUALIDADE 1 ,3 ,3 30,4 ENSINO MAIS QUALIFICADO POIS EXIGE MAIS 1 ,3 ,3 30,8 ENTENDO POR SER PENSANDA PARA AS PESSOAS QUE PROCURAM FORMAÇAO E NAO TEM CONDIÇOES DE PAGAR POR ELA 1 ,3 ,3 31,1 ENTENDO QUE E UMA UNIVERSIDADE CUSTEADA PELOS IMPOSTOS PAGOS PELA SOCIEDADE, POPULAR DEVE ESTAR LIGADO AS CLASSES MAIS POBRES 1 ,3 ,3 31,5
  73. 73. 73 ENTENDO QUE ESSE MODELO DE UNIVERSIDADE SERVE PARA DAR OPORTUNIDADE AS PESSOAS MENOS FAVORECIDAS, QUE DESEJAM FAZER UMA GRADUAÇAO. 1 ,3 ,3 31,8 ESTABELECIMENTO DE ENSINO ONDE NAO PRECISA PAGAR E MANTIDO PELO ESTADO 1 ,3 ,3 32,2 FACULDADE PARA TODOS OS TIPOS DE CLASSES SOCIAIS 1 ,3 ,3 32,5 FINANCIADA PELO DINHEIRO PUBLICO 1 ,3 ,3 32,9 GERIDA COM RECURSSOS DO POVO E FEITA PARA SER GRATUITA 1 ,3 ,3 33,2 GRATUITA E DE DIREITO DE TODOS 1 ,3 ,3 33,6 GRATUITA, MAIS OPORTUNIDQADES 1 ,3 ,3 33,9 GRATUITA, QUALIDADE, IGUALDADE, CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 34,3 GRATUITO E PARA TODOS 1 ,3 ,3 34,6 IGUALDADE A TODOS SEM DIFERENÇAS. E UM DIREITO QUE TODOS DEVERIAM TER 1 ,3 ,3 34,9
  74. 74. 74 IGUALDADE PARA TODAS AS PESSOAS PODEREM OBTER UMA FORMAÇÃO PROFISSIONAL 1 ,3 ,3 35,3 INSTITUIÇAO DE ENSINO ONDE ATUAM OS MELHORES PROFESSORES E DIFICIL PROCESSO SELETIVO 1 ,3 ,3 35,6 INSTITUIÇÃO MANTIDA PELO ESTADO E QUE DEVE SER DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 36,0 INSTITUIÇAO MANTIDA PELO GOVERNO QUE PROPORCIONA EDUCAÇÃO E ENSINO DE FORMA GRATUITA 1 ,3 ,3 36,3 INSTITUIÇÃO QUE BUSCA ATENDER AS NECESSIDADES EDUCACIONAIS DA SOCIEDADE 1 ,3 ,3 36,7 LUGAR DE APRENDIZADO E DIREITO DE TODO CIDADAO 1 ,3 ,3 37,0 LUGAR DE ESTUDO DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 37,4 MELHOR QUALIDADE DE ENSINO 1 ,3 ,3 37,7
  75. 75. 75 NAO POSSUI MENSALIDADE O ENSINO DEVE SER QUALIDADE MESMO SENDO PUBLICO 1 ,3 ,3 38,1 O DINHEIRO PARA MANTE-LA VEM DE IMPOSTOS E DEVE SER PARA PESSOAS DE BAIXA RENDA 1 ,3 ,3 38,4 O ENSINO DA UNIVERSIDADE PUBLICA E MELHOR 1 ,3 ,3 38,8 OFERECE VARIAS OPORTUNIDADES A TODAS AS PESSOAS 1 ,3 ,3 39,1 ONDE EU NAO TENHO MENSALIDADE PARA PAGAR 1 ,3 ,3 39,4 ONDE INDEPENDENTE DE CULTURA, POSIÇÃO SOCIAL, COR, RAÇA, ENFIM O QUE NOS TORNA DIFERENTES APESAR DE SERMOS IGUAIS, PODEMOS INGRESSAR IGUALMENTE, PENSAR E DISCUTIR O QUE A SOCIEDADE É E TAMBÉM TER UMA ÓTIMA FORMAÇÃO 1 ,3 ,3 39,8
  76. 76. 76 ONDE O GOVERNO NOS DA A OPORTUNIDADE DE EXPANDEI O CONHECIMENTO E VÁRIAS OUTRAS OPORTUNIDADES COMO DE PESQUISA PARA TERMOS UMA BOA FORMAÇÃO 1 ,3 ,3 40,1 ONDE PESSOAS DESFAVORECIDAS PODEM SESTUDAR SEM PAGAR 1 ,3 ,3 40,5 ONDE TEM OPORTUNIDADE DE ESTUDAR SEM ALTOS CUSTOS 1 ,3 ,3 40,8 ONDE TODOS PODEM TER ACESSO 1 ,3 ,3 41,2 ONDE TODOS TEM OS MESMOS DIREITOS 1 ,3 ,3 41,5 OPORTINIDADE DE GRADUACAO PARA TODOS 1 ,3 ,3 41,9 OPORTUNIDADE 2 ,7 ,7 42,6 OPORTUNIDADE A TODOS PARA ESTUDAR 1 ,3 ,3 42,9 OPORTUNIDADE DE ACESSO AO ENSINO 1 ,3 ,3 43,3 OPORTUNIDADE DE ALUNOS INTERESSADOS 1 ,3 ,3 43,6 OPORTUNIDADE DE FORMAÇAO DE BOA QUALIDADE 1 ,3 ,3 43,9 OPORTUNIDADE DE GRADUAÇÃO GRATUITA 1 ,3 ,3 44,3
  77. 77. 77 OPORTUNIDADE DE REALIZAR UMA GRADUAÇÃO DE FORMA GRATUITA E COM QUALIDADE 1 ,3 ,3 44,6 OPORTUNIDADE DE UMA PESSOA SE FORMAR E ASSIM TRABALHAR NA AREA QUE REALAMENTE GOSTA, COM ALGO GRATIFICANTE 1 ,3 ,3 45,0 OPORTUNIDADE DE VIDA E DE CONHECIMENTOS PARA TODOS QUE SAO INTERESSADOS 1 ,3 ,3 45,3 OPORTUNIDADE PARA CURSAR ENSINO SUPERIOR SEM CUSTOS 1 ,3 ,3 45,7 OPORTUNIDADE PARA TODOS 1 ,3 ,3 46,0 OPORTUNIDADE PARA TODOS COM IGUALDADE DE CONDIÇÕES, ME RETIRO COM CAPACIDADE E NOTA. 1 ,3 ,3 46,4 OPORTUNIDADE PARA TODOS QUE DESEJAM ESTUDAR SEM SE PREOCUPAR EM PAGAR 1 ,3 ,3 46,7
  78. 78. 78 OPORTUNIDADE PARA TODOS QUE GOSTARIAM DE FAZER UM CURSO SUPERIOR 1 ,3 ,3 47,1 OPORTUNIDADES MAIORES A TODOS ENSINO NDE QUALIDADE 1 ,3 ,3 47,4 OPORUTNIDADE, VALORIZAÇÃO, COMPROMETIMENTO 1 ,3 ,3 47,8 PAGA PELO GOVERNO E DE GRACA PARA ESTUDANTES 1 ,3 ,3 48,1 PARA AS PESSOAS QUE NAO PODEM PAGAR TER UM ESTUDO DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 48,4 PARA TODOS 2 ,7 ,7 49,1 PARA TODOS, GRATUITA E IGUALITARIA 1 ,3 ,3 49,5 POLITICA PUBLICA DE GOVERNO PARA O ACESSO A EDUCACAO DANDO OPORTUNIDADE A TODOS 1 ,3 ,3 49,8 POR NAO PRECISAR PAGAR MENSALIDADE, E SER UMA UNIVERSIDADE QUE DA OPORTUNIDADE PARA TODOS 1 ,3 ,3 50,2 POSSIBILIDADE DE INGRESSO A TODOS 1 ,3 ,3 50,5
  79. 79. 79 PUBLICA ABERTA E POPULAR PARA AS CLASSES MAIS BAIXAS 1 ,3 ,3 50,9 PUBLICA ALUNOS COM MENOR CONDIÇOES ECONOMICAS PARA TODAS AS PESSOAS POPULAR PESSOAS COM MENOS CONDIÇOES ECONOMICAS PARA TODAS AS PESSOAS 1 ,3 ,3 51,2 PUBLICA DO GOVERNO POPULAR DE TODOS 1 ,3 ,3 51,6 PUBLICA É UMA INTITUIÇÃO NA QUAL PESSOAS NAO TEM OPORTUNIDADE DE PAGAR PELO CURSO PODE INGRESSAR E COM O AUXILIO DO GOVERNO PODE OBTER UMA FORMAÇÃO ACADEMICA 1 ,3 ,3 51,9 PUBLICA ESCOLAS DO ESTADO POPULAR PARA TODAS AS ETNIAS SOCIAIS 1 ,3 ,3 52,2 PUBLICA ESCOLAS ESTADUAIS E MUNICIPAIS POPULAR PARA TODAS AS CLASSES 1 ,3 ,3 52,6
  80. 80. 80 PUBLICA NAO SE PAGA MENSALIDADE E POPULAR TAMBEM NAO OU SEJA SO MUDA O NOME 1 ,3 ,3 52,9 PUBLICA QUALQUER PESSOA PODE ESTUDAR E POPULAR É CONHECIDA POR QUALQUER PESSOA 1 ,3 ,3 53,3 PUBLICA: ONDE E PUBLICA QUALQUER DEPENDENDO DA RENDA PODE SE MATRICULAR E ESTUDAR. POPULAR: E APENAS CONHECIDA POR PESSOAS. 1 ,3 ,3 53,6 PUBLICO = GRATIS POPULAR = TEM QUE PAGAR 1 ,3 ,3 54,0 PUBLICO EU ENTENDO GRATUITO E POPULAR QUE JA ESTA NO COTIDIANO 1 ,3 ,3 54,3 PUBLICO MANTIDO PELO GOVERNO E POPULAR SO CONHECO POR NOME NA PRATICA NAO E POPULAR 1 ,3 ,3 54,7 QUALIDADE DE ENSINO 1 ,3 ,3 55,0 QUALIDADE DE ENSINO DISPONÍVEL Á TODA A COMUNIDADE 1 ,3 ,3 55,4 QUALIDADE DE ENSINO GRATUITO 1 ,3 ,3 55,7
  81. 81. 81 QUALQUER PESSOAS PODERIA CURSAR DE GRAÇA 1 ,3 ,3 56,1 QUE A MAIOR PARTE DA POPULAÇÃO INTERESSADA INGRESSA 1 ,3 ,3 56,4 QUE AJUDA QUE NAO TEM CONDICOES FINANCEIRAS E É BEM CONHECIDA 1 ,3 ,3 56,7 QUE DEPENDE DO GOVERNO SENDO GRATUITA 1 ,3 ,3 57,1 QUE É DE GRAÇA 1 ,3 ,3 57,4 QUE É DE GRAÇA E TEM BOM CONCEITO 1 ,3 ,3 57,8 QUE É DE GRAÇA PARA TODOS QUE TEM VONTADE DE FAZER UM CURSO SUPERIOR 1 ,3 ,3 58,1 QUE E DO POVO 1 ,3 ,3 58,5 QUE E GRATUITO E ACESSIVEL A TODOS QUE QUEREM FAZER UM CURSO SUPERIOR 1 ,3 ,3 58,8 QUE É PARA TODOS 1 ,3 ,3 59,2 QUE E PARA TODOS POIS E GRATUITO 1 ,3 ,3 59,5 QUE E UM CURSO DE GRADUACAO 1 ,3 ,3 59,9 QUE E UM DIREITO DE TODOS 1 ,3 ,3 60,2
  82. 82. 82 QUE E UM LUGAR DE CONQUISTA, VITORIA. NO QUAL ESTA INSTITUIÇAO E PUBLICA E QUE SO OS MELHORES ESTAO NESTE LUGAR 1 ,3 ,3 60,6 QUE E UMA OPORTUNIDADE PARA AS PESSOAS QUE GOSTARIAM DE CONTINUAR ESTUDANDO E NAO POSSUEM CONDIÇOES FINANCEIRAS NECESSARIAS 1 ,3 ,3 60,9 QUE NAO E NECESSARIO O DESPRENDIMENTO FINANCEIRO E NAO RESTRINGE CLASSES 1 ,3 ,3 61,2 QUE NAO PRECISA PAGAR POIS MUITOS NAO TEM CONDICOES DE PAGAR UMA PARTICULAR E ESTAO AQUI 1 ,3 ,3 61,6 QUE OFERECE ENSINO DE QUALIDADE PARA ATENDER TODAS AS PARCELAS DA POPULAÇÃO 1 ,3 ,3 61,9 QUE OFERECE ENSINO GRATUITO E DE QUALIDADE AO ESTUDANTE DE BAIXA RENDA 1 ,3 ,3 62,3
  83. 83. 83 QUE PODE SER UTILIZADAS POR ALUNOS DACREDE PUBLICA E ENSINO 1 ,3 ,3 62,6 QUE TEM ACESSO DE TODOS DO POVO EM GERAL INCLUINDO TODAS AS CLASSES SOCIAIS 1 ,3 ,3 63,0 QUE TODOS PODEM INGRESSAR NELA INDEPENDENTE DE QUALQUER DIFERENÇA 1 ,3 ,3 63,3 QUE TODOS PODEM TER ACESSO 1 ,3 ,3 63,7 QUE TODOS TEM DIREITO DE CURSAR, APROVEITAR O MAXIMO POSSIVEL QUE E UMA POSSIBILIDADE DE QUEM NAO TEM RENDA CURSAR UM CURSO 1 ,3 ,3 64,0 QUE TODOS TEM OS MESMOS DIREITOS DE ACESSO 1 ,3 ,3 64,4 QUE TODOS TENHAM OPORTUNIDADES NELA 1 ,3 ,3 64,7 QUE UM MEIO DE TODAS AS PESSOAS POSSAM FAZER UM CURSO SUPERIOR SEM PAGAR 1 ,3 ,3 65,1 QUE VOCE NAO PAGA 1 ,3 ,3 65,4 SEM CUSTO E DE ACESSO A TODOS 1 ,3 ,3 65,7
  84. 84. 84 SIGNIFICA PARA TODOS E PARA QUEM NAO POSSUI CONDIÇOES FAVORAVEIS PARA PAGAR UMA FACULDADE 1 ,3 ,3 66,1 TEMOS A OPORTUNIDADE DE CONCLUIR OS ESTUDOS SEM PAGAR NADA POR ISSO 1 ,3 ,3 66,4 TER MAIS CHANCE DE CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 66,8 TODOS TEM O DIREITO DE ESTUDAR GRATUITAMENTE SEM QUE A QUALIDADE DO ENSINO SEJA AFETADA 1 ,3 ,3 67,1 UM DIREITO AO ENSINO PARA 1 ,3 ,3 67,5 UM ENSINO DE QUALIDADE QUE ATENDE AS EXPECTATIVAS DAS PESSOAS QUE TEM UMA RENDA MENOR. 1 ,3 ,3 67,8 UM INVESTIMENTO POLITICO QUE SAI DOS NOSSOS IMPOSTOS 1 ,3 ,3 68,2
  85. 85. 85 UM LOCAL QUE LEVA AS PESSOAS QUE NAO PODEM PAGAR UMA INSTITUIÇAO PRIVADA A ADQUIRIR CONHECIMENTO COM A MESMA QUALIDADE OU MELHOR 1 ,3 ,3 68,5 UM LUGAR PARA TODOS 1 ,3 ,3 68,9 UMA FORMA DE ESTUDO SEM MENSALIDADE 1 ,3 ,3 69,2 UMA GRANDE OPORTUNIDADE 1 ,3 ,3 69,6 UMA INSTITUIÇÃO DE ALTO PADRA TECNICO 1 ,3 ,3 69,9 UMA INSTITUIÇÃO ONDE PESSOAS QUE TEM VONTADE DE ESTUDAR MAS NAO TEM CONDICOES REALIZAM SEUS SONHOS DE INGRESSAR NA UNIVERSIDADE 1 ,3 ,3 70,2
  86. 86. 86 UMA INSTITUIÇÃO PUBLICA DE SE CARACTERIZAR PELA AÇÃO FINANCEIRA DO GOVERNO FRENTE AS DEMANDAS "SENTIDAS" PELOS ESTUDANTES, PODENDO ESTUDAR MESMO MEDIANTE PROBLEMAS FINANCEIROS 1 ,3 ,3 70,6 UMA INSTITUIÇÃO QUE ATENDA AS NECESSIDADES ACADÊMICAS DE TODAS AS CAMADAS SOCIAIS PROVENDO UM ENSINO DE QUALIDADE E UM SALTO QUALITATIVO NO NÍVEL ESTRUTURAL DA POPULAÇÃO 1 ,3 ,3 70,9 UMA INSTITUIÇÃO QUE ATENDA TODAS AS CAMADAS SOCIAIS 1 ,3 ,3 71,3 UMA INSTITUIÇÃO QUE ATENDA TODAS CAMADAS DA SOCIEDADE 1 ,3 ,3 71,6 UMA INSTITUIÇÃO QUE DA VAGAS NO ENSINO SUPERIOR 1 ,3 ,3 72,0
  87. 87. 87 UMA INSTITUIÇÃO QUE OFERECE CURSOS AMPLOS PARA A POPULAÇÃO, SEM NECESSIDADE DE PAGAMENTO. O INGRESSANTE MERECE SUA VAGA POR SEU INTELECTO 1 ,3 ,3 72,3 UMA INSTITUICAO VOLTADA PARA A POPULACAO QUE NAO TEM CONDICOES DE PAGAR 1 ,3 ,3 72,7 UMA OPORTNIDADE PARA TODOS QUE QUEREM ADQUIRIR CONHECIMENTO OU PROFISSAO 1 ,3 ,3 73,0 UMA OPORTUNIDADE DE CRESCIMENTO INTELECTUAL TECNICO DESTINADA A UMA PARCELA EXCLUSIVA 1 ,3 ,3 73,4 UMA OPORTUNIDADE DE ENTRAR NO ENSINO SUPERIOR PARA AQUELES QUE NAO TEM CONDICOES DE CURSAR UMA UNIVERSIDADE PARTICULAR 1 ,3 ,3 73,7
  88. 88. 88 UMA UNIVERSAIDADE CRIADA PARA TODOS E COM A ATUAÇAO VOLTADA PARA SETORES MENOS FAVORECIDOS DA SOCIEDADE 1 ,3 ,3 74,0 UMA UNIVERSIDADE ABERTA COM TODOS TENDO CHANCE DE ESTUDAR E TODOS TEM CONDIÇOES DE PAGAR 1 ,3 ,3 74,4 UMA UNIVERSIDADE ABERTA SEM CUSTOS AOS ACADEMICOS 1 ,3 ,3 74,7 UMA UNIVERSIDADE ACESSIVEL A TODOS PRINCIPALMENTE PARA QUEM NAO PODE PAGAR 1 ,3 ,3 75,1 UMA UNIVERSIDADE ACESSÍVEL E DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 75,4 UMA UNIVERSIDADE ACESSÍVEL PARA TODOS 1 ,3 ,3 75,8 UMA UNIVERSIDADE EM QUE A POPULAÇÃO LOCAL TAMBÉM SEJA CONTEMPLADA COM PROJETOS SOCIAIS 1 ,3 ,3 76,1 UMA UNIVERSIDADE EM QUE TODOS SAO ACEITOS INDEPENDENTEMENT E DE CONDIÇAO FINANCEIRA 1 ,3 ,3 76,5
  89. 89. 89 UMA UNIVERSIDADE FEITA PARA DAR OPORTUNIDADES PARA QUEM NAO TEM CONDICOES DE PAGAR UMA UNIVERSIDADE PARTICULAR 1 ,3 ,3 76,8 UMA UNIVERSIDADE FEITA PARA TODOS 1 ,3 ,3 77,2 UMA UNIVERSIDADE GRATUITA COM GRAU DE ENSINO MAIOR E COM PROFESSORES MAIS QUALIFICADOS (MAIS TÍTULOS) 1 ,3 ,3 77,5 UMA UNIVERSIDADE GRATUITA QUE DEVE ATENDER Á UMA COMUNIDADE CORENTE 1 ,3 ,3 77,9 UMA UNIVERSIDADE GRATUITA QUE PROPORCIONE CONHECIMENTO PRINCIPALMENTE PARA AS CLASSES MENOS REMUNERADAS DAS SOCIEDADES 1 ,3 ,3 78,2 UMA UNIVERSIDADE MELHOR PARA O ESTUDANTE EM AMBOS ASPECTOS 1 ,3 ,3 78,5
  90. 90. 90 UMA UNIVERSIDADE ONDE SO AS PESSOAS DEDICADAS E INTERESSADAS ENTAO ONDE O ENSINO E MELHOR E OS PROFESSORES SAO QUALIFICADOS E QUE E O SONHO DE 99% DAS PESSOAS 1 ,3 ,3 78,9 UMA UNIVERSIDADE ONDE TODOS TENHAM ACESSO E QUE PRIORIZE ACESSO DE PESSOAS ORIUNDAS DE DESIGUALDADES SOCIAIS 1 ,3 ,3 79,2 UMA UNIVERSIDADE ONDE VOCE NAO PRECISA PAGAR PARA APRENDER POIS É UM DIREITO NOSSO 1 ,3 ,3 79,6 UMA UNIVERSIDADE ONDE VOCE NAO PRECISA PAGAR PARA ESTUDAR 1 ,3 ,3 79,9 UMA UNIVERSIDADE PARA PESSOAS DE BAIXA RENDA 1 ,3 ,3 80,3 UMA UNIVERSIDADE PARA TODOS 4 1,4 1,4 81,7 UMA UNIVERSIDADE PARA TODOS AQUELA QUE NAO PRIVA NINGUEM DO ESTUDO E DA OPORTUNIDADE IGUALMENTE 1 ,3 ,3 82,0
  91. 91. 91 UMA UNIVERSIDADE PARA TODOS INDEPENDENTES DE CLASSE SOCIAL 1 ,3 ,3 82,4 UMA UNIVERSIDADE PARA TODOS SEM DISTINSAO 1 ,3 ,3 82,7 UMA UNIVERSIDADE PARA TODOS, SEM VER CLASSE SOCIAL, OU RAÇA, OPORTUNIDADE 1 ,3 ,3 83,0 UMA UNIVERSIDADE PUBLICA 1 ,3 ,3 83,4 UMA UNIVERSIDADE QUE ABRE PORTAS PARA QUEM NAO TEM CONDIÇOES DE PAGAR UM ENSINO PARTICULAR 1 ,3 ,3 83,7 UMA UNIVERSIDADE QUE ATENDA VARIAS CLASSES SOCIAIS SEM MENSALIDADE 1 ,3 ,3 84,1 UMA UNIVERSIDADE QUE CHEGOU PARA DAR OPORTUNIDADE PARA AQUELES QUE ANTES NÃO CONSEGUIAM SE DESLOCAR PARA OUTRAS CIDADES OU PAGAR SEUS ESTUDOS 1 ,3 ,3 84,4 UMA UNIVERSIDADE QUE DA OPORTUNIDADE A TODOS INDIFERENTE DE RENDA 1 ,3 ,3 84,8
  92. 92. 92 UMA UNIVERSIDADE QUE É DE TODOS E PARA TODOS. TEM O INTUITO ALÉM DE QUALIFICAR PROFISSIONALMENT E, CONSTRUIR A CIDADANIA 1 ,3 ,3 85,1 UMA UNIVERSIDADE QUE PERMITA AS PESSOAS A ESTUDAREM, POIS A DESIGUALDADE FINANCEIRA ACABA DESESTIMULAR AS PESSOAS A ESTUDAR 1 ,3 ,3 85,5 UMA UNIVERSIDADE QUE PODE DAR A TODOS A CHANCE DE TER ENSINO SUPERIOR 1 ,3 ,3 85,8 UMA UNIVERSIDADE QUE TEM CUSTO 1 ,3 ,3 86,2 UMA UNIVERSIDADE QUE TODOS PODEM TER ACESSO E GRATUITA 1 ,3 ,3 86,5 UMA UNIVERSIDADE SEM MENSALIDADE 1 ,3 ,3 86,9 UMA UNIVERSIDADE, BANCADA POR NOSSOS IMPOSTOS E A MELHOR FORMA DE ESTUDO 1 ,3 ,3 87,2
  93. 93. 93 UMA UNIVESIDADE BOA PARA TODOS QUE PROCURAM SE FORMAR E QUE NAO TENHAM CONDICOES FINANCEIRAS E COM BOA QUALIDADE 1 ,3 ,3 87,5 UNIVERSIDADE COM PROPOSITOS PARA PESSOAS COM POUCA RENDA PODEREM ESTUDAR E SE FORMAR 1 ,3 ,3 87,9 UNIVERSIDADE COM UMA ALTA QUALIDADE DE ENSINO E OPORTUNIDADE PARA PESSOAS COM BAIXA RENDA. ALÉM DE INDUZIR O INTELECTUAL E ATIVIDADES DE PESQUISA E EXTENSÃO 1 ,3 ,3 88,2 UNIVERSIDADE DE GRAÇA PAGA PELO GOVERNO 1 ,3 ,3 88,6 UNIVERSIDADE DESTINADA À POPULAÇÃO EM GERAL, MAS VISANDO ATENDER AQUELES QUE NÃO POSSUEM CONDIÇÕES DE PAGAR UMA PARTICULAR 1 ,3 ,3 88,9
  94. 94. 94 UNIVERSIDADE DISPONIBILIZADA PARA TODOS QUE MERECEM DETERMINADA VAGA POR ESTUDO ESFORCO E GARRA 1 ,3 ,3 89,3 UNIVERSIDADE GRATUITA 1 ,3 ,3 89,6 UNIVERSIDADE GRATUITA E DE FACIL ACESSO A POPULACAO COM ENSINO DE QUALIDADE 1 ,3 ,3 90,0 UNIVERSIDADE GRATUITA E PARA TODOS INDEPENDENTE DE RAÇA, CONDIÇOES DFINANCEIRAS ETC 1 ,3 ,3 90,3 UNIVERSIDADE GRATUITA ONDE PRECISA TER BOA VONTADE 1 ,3 ,3 90,7 UNIVERSIDADE GRATUITA, QUE SE PREOCUPA COM O SOCIAL, CULTURAL E AMBIENTE 1 ,3 ,3 91,0 UNIVERSIDADE MANTIDA PELO GOVERNO PARA ATENDER A POPULACAO COM ALTO NIVEL DE ENSINO FEITA PARA O POVO 1 ,3 ,3 91,3
  95. 95. 95 UNIVERSIDADE ONDE PODEMOS TER BOAS OPORTUNIDADES E NÃO DESPERDICA- LAS 1 ,3 ,3 91,7 UNIVERSIDADE PARA TODOS 8 2,8 2,8 94,5 UNIVERSIDADE PARA TODOS DIREITO DOS ALUNOS 1 ,3 ,3 94,8 UNIVERSIDADE PARA TODOS E POPULAR DE FORMA A TODA POPULAÇÃO ATÉ DE BAIXA RENDA TER ACESSO 1 ,3 ,3 95,2 UNIVERSIDADE PARA TODOS INDEPENDE DE RACA COR OU POSICAO SOCIAL 1 ,3 ,3 95,5 UNIVERSIDADE PARA TODOS ONDE NAO E NECESSARIO PAGAMENTO DE MENSALIDADES 1 ,3 ,3 95,8 UNIVERSIDADE PARA TODOS OS QUE QUISEREM, PARA TODOS 1 ,3 ,3 96,2 UNIVERSIDADE PARA TODOS, PRINCIPALMENTE PARA OS MAIS CARENTES 1 ,3 ,3 96,5 UNIVERSIDADE PARA TODOS. DIREITOS IGUAIS 1 ,3 ,3 96,9
  96. 96. 96 UNIVERSIDADE PUBLICA DO GOVERNO PARA PESSOAS1UE NÃO TERIAM CONDIÇOES DE ESTUDAR EM UMA PARTICULAR 1 ,3 ,3 97,2 UNIVERSIDADE PUBLICA E O DIREITO DE NOS ESTUDANTES. ABERTA A POPULAÇAO TODOS PODEM PARTICVIPAR BASTA RTEALIZAREM A PROVA DO ENEM. 1 ,3 ,3 97,6 UNIVERSIDADE PUBLICA E POPULAR MUITOS APRENDIZADOS E CONHECIMENTOS SEM A PRECISÃO DE PAGAR 1 ,3 ,3 97,9 UNIVERSIDADE PUBLICA E POPULAR TEM COMO OBJETIVO LEVAR O ENSINO SUPERIOR PARA AS MAIS VARIADAS CULTURAS E CLASSES GARANTINDO AS OPORTUNIDADE 1 ,3 ,3 98,3 UNIVERSIDADE PUBLICA O GOVERNO QUE PAGA 1 ,3 ,3 98,6
  97. 97. 97 UNIVERSIDADE QUE DA DIREITO DE TODOS ESTURAEM INDEPENDENETE DA CLASSE SOCIAL 1 ,3 ,3 99,0 UNIVERSIDADE QUE DA OPORTUNIDADE AS PESSOAS QUE NÃO POSSUEM CONDIÇOES FINANCEIRAS PARA INGRESSAR EM UMA UNIVERSIDADE PRIVADA 1 ,3 ,3 99,3 UNIVERSIDADE QUE PROCURA INTEGRAR TODAS AS PESSOAS 1 ,3 ,3 99,7 UNIVERSIDADE QUE TEM UM ENSINO GRATUITO E RECONHECIDO 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 45 - SE O ESTUDANTE PARTICIPOU DE OUTRO PROCESSO SELETIVO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 154 53,3 53,3 53,3 nao 132 45,7 45,7 99,0 NSNR 3 1,0 1,0 100,0 Total 289 100,0 100,0
  98. 98. 98 TABELA 46 - OUTROS PROCESSOS SELETIVOS EM QUE INSTITUIÇÃO? Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid publica 33 11,4 11,4 11,4 privada 68 23,5 23,5 34,9 ambas 55 19,0 19,0 54,0 NSA 112 38,8 38,8 92,7 NSNR 21 7,3 7,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 47 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS – GRÊMIO ESTUDANTIL Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 79 27,3 27,3 27,3 nao 164 56,7 56,7 84,1 NSNR 46 15,9 15,9 100,0 Total 289 100,0 100,0
  99. 99. 99 TABELA 48 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS – PARTIDOS POLÍTICOS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 49 17,0 17,0 17,0 nao 179 61,9 61,9 78,9 NSNR 61 21,1 21,1 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 49 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS – IGREJA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 88 30,4 30,4 30,4 nao 152 52,6 52,6 83,0 NSNR 49 17,0 17,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 50 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS – MOVIMENTOS SOCIAIS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent
  100. 100. 100 Valid sim 59 20,4 20,4 20,4 nao 166 57,4 57,4 77,9 NSNR 64 22,1 22,1 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 51 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS – ONGs Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 36 12,5 12,5 12,5 nao 178 61,6 61,6 74,0 NSNR 75 26,0 26,0 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 52 - PARTICIPAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES POLÍTICAS –OUTRAS INSTITUIÇÕES Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid NSNR 285 98,6 98,6 98,6 DIRETÓRIO ACADÊMICO 1 ,3 ,3 99,0 GRUPOS DE ESTUDOS 1 ,3 ,3 99,3 UJS TUBARAO 1 ,3 ,3 99,7 VOLUNTARIADO LCT APOIO AS CRIANÇAS COM CANCER HUSM 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 53 - TEMPO DE IDA E VOLTA NO DESLOCAMENTO PARA A UFFS
  101. 101. 101 Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid 10 22 7,6 7,6 7,6 100 3 1,0 1,0 8,7 105 1 ,3 ,3 9,0 120 25 8,7 8,7 17,6 125 1 ,3 ,3 18,0 140 1 ,3 ,3 18,3 15 34 11,8 11,8 30,1 16 1 ,3 ,3 30,4 160 1 ,3 ,3 30,8 180 2 ,7 ,7 31,5 1H 20 1 ,3 ,3 31,8 20 33 11,4 11,4 43,3 210 2 ,7 ,7 43,9 240 5 1,7 1,7 45,7 25 6 2,1 2,1 47,8 260 1 ,3 ,3 48,1 3 2 ,7 ,7 48,8 30 42 14,5 14,5 63,3 35 3 1,0 1,0 64,4 38 1 ,3 ,3 64,7 4 3 1,0 1,0 65,7 40 27 9,3 9,3 75,1 45 11 3,8 3,8 78,9 5 7 2,4 2,4 81,3 50 9 3,1 3,1 84,4 60 28 9,7 9,7 94,1 7 1 ,3 ,3 94,5 70 2 ,7 ,7 95,2 75 1 ,3 ,3 95,5 80 1 ,3 ,3 95,8 85 1 ,3 ,3 96,2 NS/NR 3 1,0 1,0 97,2 90 8 2,8 2,8 100,0 Total 289 100,0 100,0
  102. 102. 102 TABELA 54 - O QUE O ESTUDANTE PRETANDE FAZER APÓS O CURSO – PÓS GRADUAÇÃO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 237 82,0 82,0 82,0 nao 11 3,8 3,8 85,8 NS/NR 41 14,2 14,2 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 55 - O QUE O ESTUDANTE PRETANDE FAZER APÓS O CURSO – TRABALHAR NA AREA Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 236 81,7 81,7 81,7 nao 13 4,5 4,5 86,2 NS/NR 40 13,8 13,8 100,0 Total 289 100,0 100,0 TABELA 56 - O QUE O ESTUDANTE PRETANDE FAZER APÓS O CURSO – MERCADO DE TRABALHO Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid sim 51 17,6 17,6 17,6 nao 139 48,1 48,1 65,7 NS/NR 99 34,3 34,3 100,0 Total 289 100,0 100,0
  103. 103. 103 TABELA 57 - PALAVRA QUE EXPRIME A PRIMEIRA IMPRESSÃO DOS ESTUDANTES SOBRE A UFFS Frequency Percent Valid Percent Cumulative Percent Valid 1 ,3 ,3 ,3 NS/NR 30 10,4 10,4 10,7 ACOLHEDORA 1 ,3 ,3 11,1 ACOLHIMENTO 1 ,3 ,3 11,4 ACONCHEGANTE 1 ,3 ,3 11,8 AINDA NÃO SEI 1 ,3 ,3 12,1 ALEGRIA 4 1,4 1,4 13,5 ALEM DA EXPECTATIVA 1 ,3 ,3 13,8 AMPLIAÇAO 1 ,3 ,3 14,2 AMPLIAR HORIZONTES 1 ,3 ,3 14,5 ANSIEDADE 1 ,3 ,3 14,9 AUMENTO DE CONHECIMENTO 1 ,3 ,3 15,2 BOA 3 1,0 1,0 16,3 BOM 2 ,7 ,7 17,0 CLAREZA 1 ,3 ,3 17,3 COLEGAS FACIL DE INTERAGIR E PROFESSORES LEGAIS E AULAS PUXADAS 1 ,3 ,3 17,6 COMPROMETIMENTO 1 ,3 ,3 18,0 COMPROMISSO 2 ,7 ,7 18,7 CONCORRENCIA 1 ,3 ,3 19,0 CONFIANCA 1 ,3 ,3 19,4 CONHECIMENTO 10 3,5 3,5 22,8 CONHECIMENTOS 2 ,7 ,7 23,5 CONQUISTA 2 ,7 ,7 24,2 CORAGEM 1 ,3 ,3 24,6 CRESCIMENTO E SUCESSO 1 ,3 ,3 24,9
  104. 104. 104 CRESCIMENTO PESSOAL 1 ,3 ,3 25,3 CULTURA 1 ,3 ,3 25,6 CURIOSIDADE 3 1,0 1,0 26,6 CURIOSIDADE DE CONHECIMENTOS 1 ,3 ,3 27,0 DEDICACAO 2 ,7 ,7 27,7 DEDICAÇAO 1 ,3 ,3 28,0 DEDICAÇÃO 1 ,3 ,3 28,4 DESENVOLVIMENTO 1 ,3 ,3 28,7 DESLUMBRADA COM A QUALIDADE DA EUIPE DOS PROFESSORES 1 ,3 ,3 29,1 DESORGANIZAÇAO 3 1,0 1,0 30,1 DETERMINACAO 1 ,3 ,3 30,4 DIFICULDADE 2 ,7 ,7 31,1 DIVERSIDADE 2 ,7 ,7 31,8 EMPENHO 1 ,3 ,3 32,2 ENFIM ESTOU AQUI 1 ,3 ,3 32,5 ENTUSIASMO 5 1,7 1,7 34,3 ERA EXATAMETE ISSO QUE EU QUERIA 1 ,3 ,3 34,6 ESFORÇO 1 ,3 ,3 34,9 ESPANTO 2 ,7 ,7 35,6 ESTIMULO PARA CONTINUAR 1 ,3 ,3 36,0 ESTUDAR BASTANTE 1 ,3 ,3 36,3 ESTUDO 1 ,3 ,3 36,7 EVOLUÇAO 1 ,3 ,3 37,0 EXPECTATIVA 14 4,8 4,8 41,9 EXPECTATIVAS 1 ,3 ,3 42,2 EXPECTIVA 2 ,7 ,7 42,9 EXPERIENCIA 1 ,3 ,3 43,3 EXPRESSAO /COMUNICAÇAO 1 ,3 ,3 43,6 FANTASTICA 1 ,3 ,3 43,9 FANTASTICO 1 ,3 ,3 44,3
  105. 105. 105 FAZER O QUE EU GOSTO 1 ,3 ,3 44,6 FE 1 ,3 ,3 45,0 FELICIDADE 9 3,1 3,1 48,1 FOCO 1 ,3 ,3 48,4 FORMAÇAO PESSOAL 1 ,3 ,3 48,8 FRUSTRAÇAO 1 ,3 ,3 49,1 FUNIONALIDADE 1 ,3 ,3 49,5 FUTURO 9 3,1 3,1 52,6 FUTURO PROMISSOR 1 ,3 ,3 52,9 GOSTEI 1 ,3 ,3 53,3 GRATIFICAÇAO 1 ,3 ,3 53,6 GRATIFICAÇÃO 1 ,3 ,3 54,0 IGUALDADE 1 ,3 ,3 54,3 INCRIVEL 1 ,3 ,3 54,7 INDESISAO, SE GOSTARIA OU NAO 1 ,3 ,3 55,0 INSEGURANCA 1 ,3 ,3 55,4 INTEGRACAO 1 ,3 ,3 55,7 INTERESSANTE 1 ,3 ,3 56,1 INTERESSE 2 ,7 ,7 56,7 LEGAL 1 ,3 ,3 57,1 MAIS VONTADE DE APRENDER 1 ,3 ,3 57,4 MARAVILHOSO 1 ,3 ,3 57,8 MEDO 2 ,7 ,7 58,5 MEDO E INSEGURANÇA 1 ,3 ,3 58,8 MEU SONHO REALIZADO 1 ,3 ,3 59,2 MOTIVACAO 1 ,3 ,3 59,5 MUDAR DA VIDA 1 ,3 ,3 59,9 MUITA RESPONSABILIDADE COM O CURSO E UM DEVER SOCIAL 1 ,3 ,3 60,2
  106. 106. 106 MUITAS EXPECTATIVAS, MAS COM BASTANTE ESTUDO, E MUITO TEMPO DE ESTUDO 1 ,3 ,3 60,6 MUITO BOA 2 ,7 ,7 61,2 MUITO ESTUDO NOVAMENTE 1 ,3 ,3 61,6 MUNDANÇAS E SURPRESA 1 ,3 ,3 61,9 NENHUMA 1 ,3 ,3 62,3 NOVIDADE 4 1,4 1,4 63,7 NOVOS CONHECIMENTOS 1 ,3 ,3 64,0 NOVOS HORIZONTES 1 ,3 ,3 64,4 OPORTUNIDADE 21 7,3 7,3 71,6 OPORTUNIDADES 2 ,7 ,7 72,3 ORGANIZAÇAO 1 ,3 ,3 72,7 ORGULHO 2 ,7 ,7 73,4 ORIGINAL 1 ,3 ,3 73,7 OTIMA 2 ,7 ,7 74,4 OTIMO ENSINO 1 ,3 ,3 74,7 OTIMOS PROFESSORES 1 ,3 ,3 75,1 PANICO, ASSUSTADA 1 ,3 ,3 75,4 POSSIBILIDADES 1 ,3 ,3 75,8 PRIORIDADES 1 ,3 ,3 76,1 PRIVILEGIO 1 ,3 ,3 76,5 PROFISSIONALISMO 2 ,7 ,7 77,2 QUALIDADE 1 ,3 ,3 77,5 QUALIDADE DE ENSINO 1 ,3 ,3 77,9 QUALIDADE DOS PROFESSORES 1 ,3 ,3 78,2 REALIZACAO 8 2,8 2,8 81,0 REALIZAÇAO 3 1,0 1,0 82,0 REALIZAÇÃO 9 3,1 3,1 85,1
  107. 107. 107 REALIZAÇAO DE UM SONHO 1 ,3 ,3 85,5 REALIZACAO DO MEU SONHO 1 ,3 ,3 85,8 REALIZAÇÃO, SONHO QUE QUALQUER ESTUDANTE E PRODFESSOR 1 ,3 ,3 86,2 REALIZADA 1 ,3 ,3 86,5 RECOMPENCA 1 ,3 ,3 86,9 REGULAR 1 ,3 ,3 87,2 RENDA 1 ,3 ,3 87,5 RESPONSABILIDADE 2 ,7 ,7 88,2 RETORNO 1 ,3 ,3 88,6 RIGOROSA 1 ,3 ,3 88,9 SATISFACAO 2 ,7 ,7 89,6 SATISFAÇAO 3 1,0 1,0 90,7 SATISFAÇÃO 4 1,4 1,4 92,0 SONHO 4 1,4 1,4 93,4 SONHO SE REALIZANDO 1 ,3 ,3 93,8 SUCESSO 1 ,3 ,3 94,1 SUPERAÇAO 1 ,3 ,3 94,5 SUPERIOR 1 ,3 ,3 94,8 SUPIMPA 1 ,3 ,3 95,2 SURPREENDENTE 1 ,3 ,3 95,5 SURPREENDEU 1 ,3 ,3 95,8 SURPRESA 3 1,0 1,0 96,9 SURPRESA E EXPECTATIVA 1 ,3 ,3 97,2 UMA BOA UNIVERSIDADE 1 ,3 ,3 97,6 UMA MANEIRA DE REALIZAR MEU SONHO DE CURSAR UMA UNIVERSIDADE 1 ,3 ,3 97,9 UNIVERSIDADE FEDERAL 1 ,3 ,3 98,3
  108. 108. 108 VITORIA 2 ,7 ,7 99,0 VONTADE 1 ,3 ,3 99,3 VONTADE DE APRENDER 1 ,3 ,3 99,7 VONTADE E DEDICAÇAO 1 ,3 ,3 100,0 Total 289 100,0 100,0

×