Josimar Rodrigues OliveiraBambuí – MG, 2009
O QUE SÃO PLANTAS CARNO QUE SÃO PLANTAS CARNÍÍVORAS?VORAS?
• São plantas pequenas e delicadas;• Capturam insetos pequenos;• Capturam animais aquáticos;• Algumas possuem especialidad...
• Tem a capacidade de atrair, prender edigerir animais;• Absorvem nutrientes das presasdigeridas;• Mecanismo de adaptação ...
• São mais de 500 espécies de plantascarnívoras, espalhadas pelo mundo todo(exceto na Antártida);• Encontradas em regiões ...
• No Brasil, existem mais de 80 espéciesdiferentes;• Elas crescem principalmente nas serrase chapadas, e podem ser encontr...
• As plantas carnívoras crescem em solospobres em nutrientes;• A maioria, em solos encharcados (comobrejos), de pH baixo e...
• Evoluiram a partir de plantas quecapturavam parasitas para se defenderem;• As enzimas que normalmente realizam adigestão...
• As novas carnívoras especializaram suasfolhas;• Distribuiram glândulas colantes por todasua extensão para melhor captura...
• Armadilhas tipo“jaula”;• Armadilhas deSucção;• ArmadilhasColantes;• Armadilhassubterrâneas;• Ascídios.MECANISMO DE CAPTU...
ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
• As armadilhas "jaula" são as maiscomuns;•As folhas são modificadas em duasmetades com gatilhos no interior;• Quando os g...
• Esmaga a presa e digerindo através daação de enzimas.• Esse tipo de armadilha é encontrado nasespécies Dionaea e Aldrova...
ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
ARMADILHA DE SUCARMADILHA DE SUCÇÇÃOÃO
ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
• Armadilhas de sucção são utilizadas portodas as espécies de Utricularia;• Consistem de pequenas vesículas, cadaqual com ...
• Abre devido à diferença de pressãoentre o interior e o exterior da vesícula;• Quando a entrada é repentinamenteaberta, t...
ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
• Armadilhas do tipo folhas colantes são asmais simples, e encontradas em algumasfamílias sem parentesco próximo;• São glâ...
ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
ARMADILHAARMADILHASUBTERRÂNEASUBTERRÂNEA
ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
• As Genliseas possuem armadilhasrelativamente pequenas, localizadas nosubterrâneo ou na água;• Capturam pequenos organism...
ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
ASCASCÍÍDEOSDEOS
ASCASCÍÍDEOSDEOS
• São folhas altamente especializadas,inchadas e ocas;• Possui líquido digestivo no interior;• Novamente, estão presentes ...
• Capturam desde pequenos vertebradosaté diminutos invertebrados;• As presas caem no líquido digestivo,aonde se afogam e s...
ASCASCÍÍDEOSDEOS
• Como qualquer planta, elas realizamfotossíntese;• As presas são nada mais que umcomplemento alimentar, uma fonte denutri...
• A digestão das presas é realizada porenzimas proteolíticas (enzimas quedigerem proteínas);• Quebram as substâncias em mo...
• Essas enzimas são muito fracas, nãocausam dano algum à pele humana ouqualquer animal de médio à grande porte.•Apenas alg...
MMÉÉTODO DE DIGESTÃOTODO DE DIGESTÃO
CULTIVO DE PLANTAS CARNCULTIVO DE PLANTAS CARNÍÍVORASVORAS
• 50% de pó de xaxim;• 25% de musgo (dogênero Sphagnum)• 25% de areia;SUBSTRATO ISUBSTRATO I
• 33 % de pó de xaxim;• 33 % de musgo (dogênero Sphagnum)• 34 % de areia;SUBSTRATO IISUBSTRATO II
• Estes materiais são inertes emnutrientes;• O pó de xaxim acidifica o substrato;• Areia deve ser de rio, ou areia lavada;...
• A maioria necessitam de muita luz solardireta;• Não deve-se intercalar locais meiasombra com insolação direta;• Pode-se ...
• Água de qualidade, livre de minerais;• Necessitam de ambiente úmido paracrescerem;• Devem ficar protegidas de ventos for...
• Temperatura ambiente;• Deve-se usar vasos de plásticos paramanter a temperatura do substrato;• Deve-se deixar os vasos a...
• Nunca adube plantas carnívoras;• Não toleram nutrientes;• Se desejar, faça a nutrição com insetos;ADUBAADUBAÇÇÃOÃO
• Geralmente diminuem metabolismo noinverno;• Deve-se reduzir o número de regas;• Ocorre naturalmente em plantascarnívoras...
• Necessário quando a planta se tornagrande demais para o vaso;• O substrato começa a se decompor;• Para propagar a planta...
• Sementes: Colha as sementes quando ahaste floral e a flor ficarem bem secas;• Para alguns gêneros, semeie logo apóscolhi...
• Sementes: para semear, jogue assementes sobre um substrato úmido;• Forneça bastante luz e umidade;• Folhas: Retire uma f...
• Armadilhas: Corta-se armadilhas ecoloca-se para brotar em substrato úmido;• Raízes: Retira-se um pedaço das raízese colo...
• Divisão de Rizoma: Divide o rizoma oua planta inteira em duas e coloca emsubstrato úmido;• Brotos Laterais: Retira-se os...
• Alguns insetos podem predar sem serempredados;• Pulgões e Ácaros;• Mosca-Branca;• Larvas e lagartas;• Lesmas e cochonilh...
• Não deve-se aplicar inseticidasde forma direta;• Não deve-se fornecer insetosmortos por produtos químicos;• Pode-se imer...
• Pode-se retirar tecido atacado pela pragaou doença;• Remover pragas manualmente;• Inseticida para este tipo de planta éu...
• Fungos podem atacar as plantas devidoambiente úmido;• Deve-se evitar o uso de fungicidascúpricos;• Recomenda-se o uso de...
• Usar luvas de poliestireno para manejode inseticidas e fungicidas;• Utilizar máscara monofiltro paraaplicação;• Aplicar ...
OBRIGADO!Josimar Rodrigues Oliveirajosimarodrigues@yahoo.com.br
Plantas carnívoras
Plantas carnívoras
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Plantas carnívoras

1.531 visualizações

Publicada em

Curso sobre plantas carnívoras apresentado no Grupo de Estudos em Genética, Fisiologia e Botânica Vegetal (GEFIB) do Instituto Federal Minas Gerais - Campus Bambuí

Publicada em: Tecnologia, Diversão e humor
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.531
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
294
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plantas carnívoras

  1. 1. Josimar Rodrigues OliveiraBambuí – MG, 2009
  2. 2. O QUE SÃO PLANTAS CARNO QUE SÃO PLANTAS CARNÍÍVORAS?VORAS?
  3. 3. • São plantas pequenas e delicadas;• Capturam insetos pequenos;• Capturam animais aquáticos;• Algumas possuem especialidade decapturar animais maiores;• Suas folhas parecem floresO QUE SÃO PLANTAS CARNO QUE SÃO PLANTAS CARNÍÍVORAS?VORAS?
  4. 4. • Tem a capacidade de atrair, prender edigerir animais;• Absorvem nutrientes das presasdigeridas;• Mecanismo de adaptação a solos pobresem nutrientes;• A maioria capturam insetos.O QUE SÃO PLANTAS CARNO QUE SÃO PLANTAS CARNÍÍVORAS?VORAS?
  5. 5. • São mais de 500 espécies de plantascarnívoras, espalhadas pelo mundo todo(exceto na Antártida);• Encontradas em regiões desde asquentes e úmidas florestas tropicais, atéas tundras gélidas da Sibéria, ou osdesertos esturricantes da Austrália.PLANTAS CARNPLANTAS CARNÍÍVORAS NO MUNDOVORAS NO MUNDO
  6. 6. • No Brasil, existem mais de 80 espéciesdiferentes;• Elas crescem principalmente nas serrase chapadas, e podem ser encontradas emquase todos os estados, sendo maisabundantes em Goiás, Minas Gerais eBahia.PLANTAS CARNPLANTAS CARNÍÍVORAS NO BRASILVORAS NO BRASIL
  7. 7. • As plantas carnívoras crescem em solospobres em nutrientes;• A maioria, em solos encharcados (comobrejos), de pH baixo e pedregosos;• Adaptaram-se a extrair nutrientes atravésda digestão de animais, principalmentenitrogênio.HABITAT NATURALHABITAT NATURAL
  8. 8. • Evoluiram a partir de plantas quecapturavam parasitas para se defenderem;• As enzimas que normalmente realizam adigestão de proteínas em sementes teriamsido transferidas para outras regiões daplanta;EVOLUEVOLUÇÇÃO DAS PLANTAS CARNÃO DAS PLANTAS CARNÍÍVORASVORAS
  9. 9. • As novas carnívoras especializaram suasfolhas;• Distribuiram glândulas colantes por todasua extensão para melhor capturar aspresas;• Evoluíram para atrair presas também.EVOLUEVOLUÇÇÃO DAS PLANTAS CARNÃO DAS PLANTAS CARNÍÍVORASVORAS
  10. 10. • Armadilhas tipo“jaula”;• Armadilhas deSucção;• ArmadilhasColantes;• Armadilhassubterrâneas;• Ascídios.MECANISMO DE CAPTURA DAS PRESASMECANISMO DE CAPTURA DAS PRESAS
  11. 11. ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
  12. 12. ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
  13. 13. • As armadilhas "jaula" são as maiscomuns;•As folhas são modificadas em duasmetades com gatilhos no interior;• Quando os gatilhos são tocados porpresas potenciais, as metades da folha sefecham em incríveis frações de segundo;ARMADILHAS TIPO JAULAARMADILHAS TIPO JAULA
  14. 14. • Esmaga a presa e digerindo através daação de enzimas.• Esse tipo de armadilha é encontrado nasespécies Dionaea e Aldrovanda.ARMADILHAS TIPO JAULAARMADILHAS TIPO JAULA
  15. 15. ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
  16. 16. ARMADILHA TIPO JAULAARMADILHA TIPO JAULA
  17. 17. ARMADILHA DE SUCARMADILHA DE SUCÇÇÃOÃO
  18. 18. ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
  19. 19. • Armadilhas de sucção são utilizadas portodas as espécies de Utricularia;• Consistem de pequenas vesículas, cadaqual com uma diminuta entrada cercadapor gatilhos que, quando estimulados,provocam a abertura desta entrada;ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
  20. 20. • Abre devido à diferença de pressãoentre o interior e o exterior da vesícula;• Quando a entrada é repentinamenteaberta, tudo ao redor é sugado paradentro, incluindo a presa que estimulou ogatilho.ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
  21. 21. ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
  22. 22. ARMADILHAS DE SUCARMADILHAS DE SUCÇÇÃOÃO
  23. 23. ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
  24. 24. ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
  25. 25. • Armadilhas do tipo folhas colantes são asmais simples, e encontradas em algumasfamílias sem parentesco próximo;• São glândulas colantes espalhadas pelasfolhas ou até pela planta toda;• Esse tipo de armadilha é encontrado emByblis, Drosera, Drosophyllum, Ibicella eTriphyophyllum.ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
  26. 26. ARMADILHAS COLANTESARMADILHAS COLANTES
  27. 27. ARMADILHAARMADILHASUBTERRÂNEASUBTERRÂNEA
  28. 28. ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
  29. 29. • As Genliseas possuem armadilhasrelativamente pequenas, localizadas nosubterrâneo ou na água;• Capturam pequenos organismos quenadam para dentro delas, provavelmenteatraídos por alguma substância liberadapela planta.ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
  30. 30. ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
  31. 31. ARMADILHAS SUBTERRÂNEAARMADILHAS SUBTERRÂNEA
  32. 32. ASCASCÍÍDEOSDEOS
  33. 33. ASCASCÍÍDEOSDEOS
  34. 34. • São folhas altamente especializadas,inchadas e ocas;• Possui líquido digestivo no interior;• Novamente, estão presentes em algumasfamílias sem parentesco próximo:Cephalotus, Darlingtonia, Heliamphora,Nepenthes, Sarracenia, etc.ASCASCÍÍDEOSDEOS
  35. 35. • Capturam desde pequenos vertebradosaté diminutos invertebrados;• As presas caem no líquido digestivo,aonde se afogam e são digeridas;• Seus restos se acumulam no fundo, àsvezes enchendo a armadilha até o topo.ASCASCÍÍDEOSDEOS
  36. 36. ASCASCÍÍDEOSDEOS
  37. 37. • Como qualquer planta, elas realizamfotossíntese;• As presas são nada mais que umcomplemento alimentar, uma fonte denutrientes para compensar o que as raízesnão obtêm do solo;• Essas plantas nem sequer toleram solosricos em nutrientes.MMÉÉTODO DE DIGESTÃOTODO DE DIGESTÃO
  38. 38. • A digestão das presas é realizada porenzimas proteolíticas (enzimas quedigerem proteínas);• Quebram as substâncias em moléculasmenores, estas últimas podem serabsorvidas pelas folhas.MMÉÉTODO DE DIGESTÃOTODO DE DIGESTÃO
  39. 39. • Essas enzimas são muito fracas, nãocausam dano algum à pele humana ouqualquer animal de médio à grande porte.•Apenas algumas espécies não produzemsuas próprias enzimas. Elas dependem debactérias para a digestão de suas presas,um processo bem mais lento.MMÉÉTODO DE DIGESTÃOTODO DE DIGESTÃO
  40. 40. MMÉÉTODO DE DIGESTÃOTODO DE DIGESTÃO
  41. 41. CULTIVO DE PLANTAS CARNCULTIVO DE PLANTAS CARNÍÍVORASVORAS
  42. 42. • 50% de pó de xaxim;• 25% de musgo (dogênero Sphagnum)• 25% de areia;SUBSTRATO ISUBSTRATO I
  43. 43. • 33 % de pó de xaxim;• 33 % de musgo (dogênero Sphagnum)• 34 % de areia;SUBSTRATO IISUBSTRATO II
  44. 44. • Estes materiais são inertes emnutrientes;• O pó de xaxim acidifica o substrato;• Areia deve ser de rio, ou areia lavada;• Nunca deixe o substrato secar.CARACTERCARACTERÍÍSTICAS DOS SUBSTRATOSSTICAS DOS SUBSTRATOS
  45. 45. • A maioria necessitam de muita luz solardireta;• Não deve-se intercalar locais meiasombra com insolação direta;• Pode-se fornecer iluminação artificial.LUMINOSIDADELUMINOSIDADE
  46. 46. • Água de qualidade, livre de minerais;• Necessitam de ambiente úmido paracrescerem;• Devem ficar protegidas de ventos fortes;• Pode-se acrescentar vermiculita paraaumentar umidade;ÁÁGUA E UMIDADE RELATIVAGUA E UMIDADE RELATIVA
  47. 47. • Temperatura ambiente;• Deve-se usar vasos de plásticos paramanter a temperatura do substrato;• Deve-se deixar os vasos ao nível do solo;• Não toleram geadas, nem temperaturasextremas;• Colocar vasos sobre bandejas com água.TEMPERATURATEMPERATURA
  48. 48. • Nunca adube plantas carnívoras;• Não toleram nutrientes;• Se desejar, faça a nutrição com insetos;ADUBAADUBAÇÇÃOÃO
  49. 49. • Geralmente diminuem metabolismo noinverno;• Deve-se reduzir o número de regas;• Ocorre naturalmente em plantascarnívoras;• Após esse período florescem de formavigorosa.DORMÊNCIADORMÊNCIA
  50. 50. • Necessário quando a planta se tornagrande demais para o vaso;• O substrato começa a se decompor;• Para propagar a planta.REPLANTIOREPLANTIO
  51. 51. • Sementes: Colha as sementes quando ahaste floral e a flor ficarem bem secas;• Para alguns gêneros, semeie logo apóscolhidas;• Algumas necessitam de um período dealta umidade e baixas temperaturas(chamado de "estratificação") para simularo inverno;PROPAGAPROPAGAÇÇÃOÃO
  52. 52. • Sementes: para semear, jogue assementes sobre um substrato úmido;• Forneça bastante luz e umidade;• Folhas: Retire uma folha saudável,coloque sobre substrato úmido, apósalgum tempo brotaram mudas;PROPAGAPROPAGAÇÇÃOÃO
  53. 53. • Armadilhas: Corta-se armadilhas ecoloca-se para brotar em substrato úmido;• Raízes: Retira-se um pedaço das raízese coloca para brotar em substrato úmido;• Estacas: Corte um pedaço do caule comduas folhas, corte um terço das folhas,colocar em substrato úmido;PROPAGAPROPAGAÇÇÃOÃO
  54. 54. • Divisão de Rizoma: Divide o rizoma oua planta inteira em duas e coloca emsubstrato úmido;• Brotos Laterais: Retira-se os brotoslaterais e coloca em outros vasos.• OBS: Os métodos de propagação variamde acordo com a espécie.PROPAGAPROPAGAÇÇÃOÃO
  55. 55. • Alguns insetos podem predar sem serempredados;• Pulgões e Ácaros;• Mosca-Branca;• Larvas e lagartas;• Lesmas e cochonilhas;PRAGAS E DOENPRAGAS E DOENÇÇASAS
  56. 56. • Não deve-se aplicar inseticidasde forma direta;• Não deve-se fornecer insetosmortos por produtos químicos;• Pode-se imergir as plantas emágua para matar insetos deforma ecológica;PRAGAS E DOENPRAGAS E DOENÇÇASAS
  57. 57. • Pode-se retirar tecido atacado pela pragaou doença;• Remover pragas manualmente;• Inseticida para este tipo de planta éultimo recurso;• Diazinon é o princípio ativo que menosafeta a planta carnívora;PRAGAS E DOENPRAGAS E DOENÇÇASAS
  58. 58. • Fungos podem atacar as plantas devidoambiente úmido;• Deve-se evitar o uso de fungicidascúpricos;• Recomenda-se o uso de fungicidas abase de Benomil;PRAGAS E DOENPRAGAS E DOENÇÇASAS
  59. 59. • Usar luvas de poliestireno para manejode inseticidas e fungicidas;• Utilizar máscara monofiltro paraaplicação;• Aplicar com pulverizadores de gotamédia;• Aplicar em períodos mais frescos.CUIDADOS NA APLICACUIDADOS NA APLICAÇÇÃO DEÃO DEDEFENSIVOSDEFENSIVOS
  60. 60. OBRIGADO!Josimar Rodrigues Oliveirajosimarodrigues@yahoo.com.br

×