Mensagem toponímia

174 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
174
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mensagem toponímia

  1. 1. TOPONÍMIA DE GUIA LOPES DA LAGUNA Toponímia - GUIA + LOPES + LAGUNA É uma referência a JOSÉ FRANCISCO LOPES Guia = Que da rumo, direção, da o norte, é uma bússola. Lopes = Sobrenome, nome de guerra. Originário dos HEBREUS que significa lobo. José Francisco LOPES era da descendência portuguesa, era neto de portugueses. Não confundir com os LOPEZ de origem espanhola que também ocuparam as colônias espanhola, Assim o nosso mineiro Português José Francisco Lopes era brasileiro e diferente do Francisco Solano Lopez que era descendente de famílias espanholas e que era o presidente da Republica do Paraguai O nosso José Francisco Lopes era um sertanista, aventureiro, um desbravador das terras sul mato-grossenses, um Bandeirante, que junto com os seus outros irmãos Gabriel, Joaquim, Manoel percorreram estas terras quando somente os índios habitavam. Falarei do nosso Lopes: Tinha suas posse na fazenda Jardim, onde estão assentadas as cidades de Jardim e Guia Lopes da Laguna, Na ocasião da invasão Paraguaia encontrava-se na região de Miranda negociando, enquanto isso os Paraguaios fizeram prisioneiros todos os seus familiares. Agregou-se as tropas militar comandada por Camisão em fevereiro de 1867. Seguiram para colônia Militar de Miranda, em seguida chegaram a fronteira. Da Fronteira marcharam para a fazenda Laguna. Decepção, não encontraram o gado esperado e começam a retirada da Fazenda Laguna até chegaram de volta a Nioaque e ao Porto de Aquidauana. Com os paraguaios contra atacando. No trecho entre Bela Vista Paraguai, a cidade brasileira de Bela Vista não existia nesta época, o Guia Lopes, José Francisco Lopes, Guiou as tropas por caminho que só ele conhecia para fugirem dos paraguaio. Foi o Caus, a martirização, o sacrifico das tropas, a epopéia da Retirada da Laguna. Lopes guiou por caminhos onde tudo era mata e cerrado fechado, trecho que ceifou a vida de muitos componentes entre ele o Guia Lopes, Camisão, Juvêncio e outros Na ocasião da construção da ponte velha, também resolveram fundar um patrimônio, com o nome de “Patrimônio Guia Lopes” Ato realizado em 12 de fevereiro e oficializado em 19 de março, 1938 José Vicenete Dalmolin
  2. 2. TOPONÍMIA DE GUIA LOPES DA LAGUNA Até 1948 havia três localidade com o nome Guia Lopes, uma em Minas Gerais(hoje são Roque de Minas), a outra era uma estação de trem próximo a Aquidauana (desativada) e a outra do sul de Mato Grosso. Em 30 de setembro de 1948 foi criado o Distrito de Paz e acrescentando ao nosso Patrimônio Laguna. O Distrito em terras Nioaquense passou a ser denominado – G u i a Lo p e s da L a g u n a, Guia Lopes da Laguna Nossa gente, Nossa terra e Nossa historia Em breve será publicado um livro de historia com esta denominação.     Guia Lopes da Laguna é uma homenagem entre outros ao José Francisco Lopes que participou da guerra e faleceu de Colera Morbus em 27 de Maio 1867. Hoje seu restos mortais estão no rio de Janeiro. Nossa Gente – somos uma mistura de etnias, tem os próprios filhos da terra e muitos migrantes e imigrante. Vive-se em harmonia. Nossa terra é o espaço delimitado do território municipal onde os filhos da terra fazem sua exploração com cultivo de produtos e criação de gado. Nossa História – são as memórias, as lembrança, as produções culturais e socias que os grupo nela vivendo constrói e reconstrói a cada dia a sua própria história Somos uma terra abençoada; Necessita que tenhamos a fé; Da fé transformar em trabalho positivo; Agindo positivamente atrairemos as coisas positivas; Do contrário “os lamentos”negativos; Criarão uma gente, uma terra, uma história negativa. A Geografia estuda a paisagem natural; a paisagem humanizada São as transformações que os homem realizam modificando a natural através dos desmatamentos o e a extração da riqueza do solo e subsolo. Com a interferência na paisagem natural é um dos ramos da geografia. Quando paramos para analisar as relações dos homens na transformação da paisagem ele cria uma interação entre os homens em sim mesmo e nos grupos através do trabalho criam relações sociais, políticas, econômicas José Vicenete Dalmolin
  3. 3. TOPONÍMIA DE GUIA LOPES DA LAGUNA culturais, a estas inter-relações e interdependência é um ramo da ciência, a História. José Vicenete Dalmolin

×