Guia do Aluno
Colégio Estadual João Vilas Boas
Livramento de Nossa Senhora - Bahia
Curso: Ensino Médio
Aluno (a) :________...
• Explique suas reflexões e levante as dúvidas que achar pertinentes ao tema.
• Nunca esqueça que você faz parte de um gru...
VI - Colaborar com a Direção da escola na conservação do prédio, do mobiliário
escolar e de todo o material de uso coletiv...
COLÉGIO ESTADUAL JOÃO VILAS BOAS
Nome do autor
TÍTULO DO TRABALHO
Livramento de Nossa Senhora
3.0 Folha de Rosto
Na folha ...
7.0 - Referências
É o conjunto de elementos descritivos destinados à identificação, no todo ou em parte, de
documentos imp...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Guia do aluno cejvb

771 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
771
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Guia do aluno cejvb

  1. 1. Guia do Aluno Colégio Estadual João Vilas Boas Livramento de Nossa Senhora - Bahia Curso: Ensino Médio Aluno (a) :_______________________________________________ Caro Aluno: Este documento foi escrito para orientar sua ação como estudante. Ele explica o que o Colégio Estadual João Vilas Boas espera de você. Seguem procedimentos úteis para se preparar e participar do ano letivo. Leia com atenção e recorra a este texto sempre que estiver com dúvidas. Os professores estão à disposição para ajudá-lo a cumprir seus compromissos e exercer seu ofício de estudante. Sucesso neste Ano Letivo ! Direção e Equipe de professores. NO INÍCIO DE CADA PERÍODO LETIVO: Programe seu tempo e organize sua agenda. • Entre no site www.cejvb.com.br do colégio e conheça a instituição, na qual você está inserido. • Estabeleça seu horário semanal, incluindo todos os seus compromissos, e organize suas atividades de modo a poder estudar todos os dias. • Reserve, pelo menos, duas horas diárias em casa para cumprir seus compromissos de estudante escolar. Organize seu caderno de anotações. • Use o caderno de anotações nas aulas e fora delas. • Crie o hábito de fazer anotações em seu caderno em casa. Há muitas coisas interessantes no cotidiano que poderão ser trazidas para discussão em sala, com os colegas e professor. Busque informações e reflita sobre os assuntos que serão estudados. • Pesquise sobre os assuntos de cada matéria, na internet, em livros e revistas. • Converse sobre esses assuntos com colegas, amigos, parentes e professores. DURANTE CADA AULA: Acompanhe as discussões e explicações do professor. • Não desvie sua atenção para assuntos não relacionados ao tema da aula. Se você relacionar o tema com outros assuntos, contribua, fazendo comentários pertinentes. Use seu caderno de anotações. • Tenha seu caderno de anotações sempre em dia. • Caso você tenha faltado aulas, atualize suas anotações e tarefas. Contribua para a discussão e para o desenvolvimento do grupo.
  2. 2. • Explique suas reflexões e levante as dúvidas que achar pertinentes ao tema. • Nunca esqueça que você faz parte de um grupo, e que deve contribuir para o desenvolvimento dele, discutindo suas idéias, orientado pelo professor. • Na discussão, peça a palavra e aguarde sua vez de se manifestar. Lembre-se de que todos têm o direito de falar. DEPOIS DE CADA DIA DE AULA: Releia e aprofunde os assuntos tratados em classe. • Releia as anotações e / ou textos propostos em classe. • Realize todas as tarefas propostas. Nunca deixe acumular tarefas. Calcule o tempo que será necessário para que você cumpra essas tarefas. • Anote dúvidas, para perguntar ao professor em classe. Prepare-se para as aulas do dia seguinte. • Examine o horário de aulas do dia seguinte e arrume seu material. • Verifique se há alguma tarefa ou trabalho a ser entregue no dia seguinte. • Leia, estude e pesquise para participar de cada aula do dia seguinte. Busque outras fontes de informação. • Procure se interessar pelo mundo para além da obrigação escolar. Leia jornais, livros, assista a filmes, pesquise na Internet. • Conscientize-se de que você pertence a uma cultura e interaja, refletindo sobre o que acontece à sua volta. • Continue pensando sobre os assuntos das aulas, refletindo sozinho e conversando com seus colegas, amigos e professores. Reserve um tempo diário para a realização dos trabalhos. • Entre as tarefas propostas, você tem os trabalhos, que ajudam a organizar seu tempo e seu estudo, e devem ser entregues na data prevista. • Organize seu tempo diário e reserve, pelo menos, duas horas diárias em casa para cumprir todas as tarefas que se esperam do estudante escolar. ALÉM DESSAS INFORMAÇÕES É IMPORTANTE QUE VOCÊ TENHA SEMPRE EM MENTE OS SEUS DIREITOS DE ESTUDANTE E TAMBÉM OS SEUS DEVERES. São direitos dos alunos: I – Ser informado sobre programas, calendários, horários e o Regimento da Escola; II - Participar, plena e ativamente do processo pedagógico desenvolvido pela Unidade Escolar; III - Ser considerado e valorizado em sua individualidade sem comparação nem preferência. IV - Ser tratado com respeito, atenção e cortesia pela Direção, Pessoal Técnico- Pedagógico, Professores e Colegas; V - Utilizar os livros da Biblioteca nos termos do regulamento e normas próprias, daquele setor; VI - Utilizar as instalações equipamentos e dependências da Escola que lhes forem necessários, nas formas e nos horários a eles reservados; VII - Ser orientado em suas dificuldades de aprendizagem e sócio-afetivas; VIII - Ser ouvido em, suas queixas ou reclamações; IX - Participar das aulas de recuperação; X - Submeter-se à avaliações correspondentes à verificação do rendimento escolar; XI - Receber devidamente corrigidos e avaliados os trabalhos realizados sob orientação do Professor; XII - Defender-se, quando acusado de qualquer falta, perante a Direção da Escola; XIII - Submeter-se a avaliações quando houver faltado, por motivo justificado dentro do prazo de 48 horas; XIV - Escolher livremente seu representante da classe; XV - Fazer-se representar nas reuniões do Conselho de Classe, quando convocado, através de seus líderes; XVI - Ser informado pelo Professor do conteúdo a ser trabalhado em cada Unidade; XVII - Tomar conhecimento através da Secretaria, de sua freqüência e aproveitamento em cada Unidade; XVIII – Requerer transferência (quando de maior idade) ou através do responsável (quando de menor idade); XIX - Requerer a expedição do Certificado de Conclusão de Curso. São deveres do aluno: I - Acatar respeitosamente a autoridade da Direção, Professores, Funcionários e Pais; II - Freqüentar com assiduidade e pontualidade as aulas e demais atividades escolares e/ou comemorações, culturais e/ou solenidades organizadas pelos Professores ou pela escola; III - Apresentar-se devidamente uniformizados conforme o fardamento exigido pela Escola, mesmo em atividades no turno oposto; IV - Entrar na sala de aula, ao toque do respectivo sinal; V - Em classe, ocupar-se apenas com a matéria, objeto da aula;
  3. 3. VI - Colaborar com a Direção da escola na conservação do prédio, do mobiliário escolar e de todo o material de uso coletivo; VII – Cumprir seus deveres escolares, e quando solicitados, entregá-los pontualmente; VIII - Responsabilizar-se pela conservação do patrimônio escolar, estando sujeito a ser penalizado e a indenizar os prejuízos a que der causa por ação deliberada, negligências ou imprudência; IX - Indenizar também os danos a que der causa tanto para os funcionários da Escola, como para os colegas; X - Possuir e conservar o material escolar necessário ao desenvolvimento de suas atividades estudantis; XI - Zelar pela conservação dos livros da Biblioteca, devolvendo-os em perfeito estado, no devido tempo, quando retirado para consultas; XII- Manter-se informado das normas e portarias baixadas pela Direção; XIII - Respeitar a propriedade alheia; XIV - Justificar sua ausência; XV - Atender a convocação do Diretor e dos Professores; XVI - Entregar ao responsável o boletim escolar e demais correspondências e responsabilizar-se pelo retorno família-escola, quando necessário no prazo determinado; XVII - Justificar suas faltas no prazo de 48 (quarenta e oito) horas, através de atestado médico ou a presença de seu responsável na Direção, caso contrario, perderá o direito a avaliação; XVIII - Portar-se com dignidade, contribuindo para elevação moral do Colégio Estadual João Vilas-Boas em qualquer lugar onde estiver; IXI - Respeitar as normas disciplinares do Estabelecimento; Enquanto estudante do Colégio João Vilas Boas, é vedado ao aluno: I - Causar danos, de qualquer natureza ao prédio, patrimônio da Escola ou dos colegas, Professores ou funcionários, ficando ele, ou seu responsável, obrigado a indenizar eventuais prejuízos que causar; II - Ocupar-se, durante as aulas, de assuntos a elas estranhos; III - Perturbar as aulas ou trabalhos escolares, interrompendo o silêncio ou desviando a atenção do Professor e alunos; IV - Trazer para a Escola livros, revistas, gravuras ou impressos considerados inconvenientes que atentem contra a integridade da comunidade escolar; V - O uso de drogas nocivas à saúde, tais como: cigarro, bebidas alcoólicas, entre outras; VI - Permanecer fora da classe no horário de aula; VII - Portar armas ou objetos cortantes de qualquer espécie, no ambiente escolar; VIII - Afixar cartazes e/ou noticias, boletins avisos, convites ou jornais envolvendo o nome da Escola,.do Corpo Técnico-Administrativo, sem a permissão do Diretor; IX - Impedir sob qualquer pretexto, que seus colegas participem das atividades escolares; X - Promover, sem autorização da Diretoria coleta de fundos dentro ou fora do Estabelecimento; XI - Faltar coletivamente às aulas, às avaliações e a qualquer atividade escolar; XII - Formar grupos e promover algazarras ou distúrbios nas aéreas de circulação e salas, bem como nas imediações do estabelecimento, durante e após as aulas. XIII - Participar, dentro da Escola, de manifestações ofensivas ao Corpo Técnico- Pedagógico, Administrativo, Docente, Discente ou Autoridade, bem como de reuniões não autorizadas pela Direção; XIV - Usar, nas dependências da Escola, termos de baixo calão ou ofensivos; XV - Usar indevidamente o nome da Escola ou qualquer símbolo que com ele se relacione em beneficio próprio; XVI - Entrar na sala de aula ou dela sair, sem permissão do professor; XVII - Ausentar-se da Escola sem o prévio conhecimento da Direção ou de pessoas legalmente autorizadas. XVIII - Os alunos que não cumprirem as normas determinadas, estarão sujeitos às penalidades previstas neste Regimento. Para realização de seus trabalhos, você deverá se pautar nas orientações que se seguem. Normas para apresentação de trabalhos científicos (ABNT) 1.0 Formato Os textos deverão ser apresentados impressos por impressoras do tipo jato de tinta ou laser em cor preta, sobre papel branco em formato A-4 (210 X 297 mm). A impressão será feita apenas no anverso da folha. O corpo do texto deverá ser justificado. A digitação deve ser feita com fontes tamanho 12, do tipo Times New Roman ou Arial. 1.1 Margem A marginação deverá obedecer às seguintes medidas: Margem esquerda 3 cm Margem direita 2 cm Margem superior 3 cm Margem inferior 2 cm 1.2 Espacejamento As seções que compõem o texto do trabalho (introdução, desenvolvimento e conclusão) devem ser digitadas com espaço duplo de entrelinhas. Em casos de citações diretas com mais de três linhas e legendas de tabelas e ilustrações, usa-se espaço simples. Os títulos de seções devem ser separados do texto que os precede ou que os sucede por dois espaços duplos. 2.4 Paginação Todas as folhas deverão ser contadas consecutivamente a partir da folha de rosto. Porém, somente a partir da primeira folha da parte textual (Introdução) serão colocados os números correspondentes e, daí, em todas as folhas, em algarismos arábicos. O número da folha deve vir no canto superior direito, a 2 cm da borda superior da folha e o último algarismo a 2 cm da borda direita da folha, digitado em tamanho menor que a do texto. 2.0 Capa A impressão da capa deverá ser feita em preto, utilizando-se os tipos Times New Roman ou Arial, e obedecer a ordem do exemplo mostrado no modelo. Observe-se que não se usa ponto final após o título do trabalho. Os elementos devem ser Centralizados.
  4. 4. COLÉGIO ESTADUAL JOÃO VILAS BOAS Nome do autor TÍTULO DO TRABALHO Livramento de Nossa Senhora 3.0 Folha de Rosto Na folha de rosto, os elementos devem figurar na seguinte ordem: a) nome do autor (responsável intelectual do trabalho); b) título principal do trabalho; subtítulo, se houver – precedido do título por dois pontos; c) natureza, objetivo, nome da instituição a que é submetido, área de concentração (esses elementos devem ser alinhados do meio da mancha para a margem direita); e) local (cidade) da instituição onde deve ser apresentado; f) ano de depósito 4.0-Sumário O Sumário (consultar NBR 6027, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2003) é a enumeração das principais divisões do documento, na mesma grafia (estilo e tamanho da fonte e destaque tipográfico) e seqüência em que aparecem no texto. Usa-se o termo Sumário (e não as palavras índice ou lista) para designar esta parte. A palavra Sumário, no título desta folha, é colocada sem número, centralizada e com o mesmo tipo e tamanho de fonte das seções primárias. O espaçamento entre linhas deverá ser simples. Deve figurar para cada seção a numeração de cada parte, bem como o número da primeira folha. Os elementos pré-textuais não devem constar no sumário. 5.0 Texto Essa é a parte do trabalho onde é exposta a matéria. Deve ter três partes principais: introdução, desenvolvimento e conclusão. 5.1 Introdução A introdução é a parte inicial do texto, na qual devem constar a formulação e delimitação do assunto tratado, bem como os objetivos da pesquisa. Tem por finalidade fornecer ao leitor os antecedentes que justificam o trabalho, assim como enfocar o assunto a ser abordado. A partir da página inicial da introdução, todas as páginas devem ser numeradas. 5.2 Desenvolvimento. Parte principal do texto, que contém a exposição ordenada e pormenorizada do assunto. 5.3 Conclusão Parte final do texto, a seção Conclusão ou Conclusões constitui o epílogo do corpo do trabalho. Deve ter por base o texto e expressar com lógica e simplicidade o que foi demonstrado ou deduzido com a pesquisa. 6.0 – Citações Citação direta no texto (até 3 linhas) EX : Para Piaget (2001, p.26) “ a escola deve atender as necessidades básicas do aluno (...)”. Citação direta no texto (Mais de 3 linhas – recuo de 4 cm à margem esquerda – fonte 10 espaço simples) EX.: Sendo assim, a escola deve atender as necessidades básicas do aluno, levando em consideração seu conhecimento prévio sobre a realidade, seu processo de socialização[...]. (PIAGET,2001,pag.26) COLÉGIO ESTADUAL JOÃO VILAS BOAS Nome do autor TÍTULO DO TRABALHO Livramento de Nossa Senhora 2008 Letra tamanho (14 a 16) Negrito Letra tamanho (16 a 20) Negrito Letra tamanho (14 a 16) Negrito Trabalho apresentado para avaliação parcial da ____ Unidade da disciplina ___________ ministrada pela Professor (a)________ Letra tamanho (10) Negrito espaço simples Letra tamanho (14 a 16) Negrito Letra tamanho (16 a 20) Negrito Letra tamanho (14 a 16) Negrito
  5. 5. 7.0 - Referências É o conjunto de elementos descritivos destinados à identificação, no todo ou em parte, de documentos impressos ou registrados em diversos tipos de material. Essa seção será elaborada baseada no disposto na NBR 6023 (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2002). As Referências deverão ser apresentadas em lista ordenada alfabeticamente por autor (sistema autor-data). Nesta seção o título deve ser centralizado e sem indicativo numérico. As referências devem ser digitadas em espaços simples, separadas entre si por espaço duplo e alinhadas à esquerda. EX: BERTONHA, João Fábio. Fascismo, nazismo, integralismo. São Paulo: Ática, 2003. (Livro) EX.: ALVES, Castro. Navio Negreiro. Disponível em < http:// WWW.terra.com.br Acesso em 10 de Nov.2002 ( material eletrônico ) Técnica para resumir Um resumo é uma apresentação breve, concisa e seletiva de um texto que permite ao destinatário tomar conhecimento de um documento sem a necessidade de ler as partes componentes. Nele destacam-se os elementos de maior interesse e importância, identificando as idéias principais da obra. Normas para Resumir a) Evitar começar a resumir antes de levantar o esquema do texto ou de preparar as anotações da leitura; b) Apresentar de maneira sucinta, o assunto da obra; c) Respeitar a ordem das idéias e fatos apresentados; d) Empregar linguagem clara e objetiva; e) Evitar a transcrição de frases do original; f) Apontar as conclusões do autor; g) Dispensar a consultar ao original para compreensão do assunto. Portfólio O portfólio se constitui em um conjunto organizado de trabalhos produzidos por um aluno ao longo de um período de tempo. Tem como finalidade proporcionar um diálogo entre os envolvidos no processo avaliativo sobre aprendizagem e o desenvolvimento de cada um. É importante esclarecer que a caracterização do portfólio como instrumento de avaliação não está especificamente em seu formato físico, que pode ser uma pasta, uma caixa, um CD- ROM ou outro que os organizadores considerarem eficiente. A elaboração do portfólio é de responsabilidade do aluno, mas tem a supervisão direta do professor, que auxilia na organização e na seleção das informações a serem utilizadas, estimula seu uso, prevê momentos de trabalho com a documentação, usa o portfólio no processo de avaliação e auto-avaliação. Cada aluno vai organizar um índice para o seu portfólio, uma apresentação e mesmo uma classificação que demonstre como as idéias estão sendo organizadas, trabalhadas etc. Relatório de aulas práticas Formatação Fonte: Arial e Times New Roman; b) Corpo do trabalho : Tamanho da fonte 12; c) Configuração do papel: A4, margens superior e esquerda 3,0; margens inferior e direita 2,0. OBS: A capa, a folha de rosto e o sumário não deverão apresentar numeração de página. Somente a partir da folha de apresentação a numeração deverá estar visível nas páginas. Organização do Trabalho Capa Folha de Rosto Sumário Apresentação É a descrição do trabalho realizado durante a atividade prática: o seu objetivo, a que ou quem se destina, quando e onde foram realizadas as atividades. Normalmente, é redigida após a finalização do trabalho, o que permite uma releitura do seu relatório, possibilitando uma visão panorâmica de sua produção. Descrição das Atividades desenvolvidas Neste item você irá discorrer sobre as atividades propostas e executadas no desenvolvimento da aula prática. Apresentação dos Resultados Este item deve apresentar as dificuldades encontradas para o desenvolvimento das atividades práticas da aula, assim como desenvolver uma análise e interpretação dos resultados obtidos, considerando a fundamentação teórica utilizada durante as aulas teóricas da disciplina e as intervenções realizadas. Referências Anexos Observação: Os professores de todas as disciplinas não receberão trabalhos após o prazo estipulado para entrega. Salvo nos casos previstos no regimento escolar. A saber: A ausência do aluno deverá ser justificada, mediante apresentação de atestado médico ou requerimento assinado pelo responsável, no prazo de 48 horas.

×