SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 35
Baixar para ler offline
Metodologias de ensino a distância e
desenho de cursos: fatores de sucesso
José Lagarto
Universidade Católica Portuguesa
• Eu ...
– Professor na Universidade Católica /Faculdade de
Ciências Humanas
– Coordenador do Mestrado de Informática
Educacional regido em regime de elearning
– Entusiasta dos modelos de ensino a distância
• Da Idade da Pedra à RV do SL (pelo menos)
Ensino a distância – conceito velho
Como se vê hoje o conceito de EAD ?
- do selo de correio à realidade virtual
• No principio era o texto e o papel
• Hoje é o texto e o papel digital
As gerações
do EaD
O que é… EaD
Palavras
Ensino a
distânciaE-learning
b-learning
Ensino por
correspondência Ensino aberto
e flexível
c-learning
m-learning
Uma base comum…em EaD
O que é elearning?
◦ Formação a distância?
◦ Conteúdos interativos e multimedia?
◦ Realidade Virtual ?
 apenas uma forma de disponibilização da
informação utilizando TCP/IP
(Rosenberg / Horton)
Adequado a que públicos ?
Com níveis elevados de instrução ?
Sem grande nível de escolaridade ?
Todos podem aprender
através do e-learning –
ensino a distância !
Mas há um público preferencial ?
situação favorável
 com hábitos de estudo autónomo
 formação com base em competências pré-
existentes
 grande autodisciplina e motivação pessoal
 habilitação académica média / superior
Que conteúdos?
Exclusivamente teóricos Com muitos conteúdos práticos
Todo o tipo de conteúdo !
Obriga a conceção de
dispositivos adequados
Os modelos de desenvolvimento
Centrados no aluno
muita flexibilidade
Centrados na instituição
limitação da flexibilidade do aluno
Calendário
Flexibilidade curricular
Ritmos de trabalho
Avaliação
• depois do público,
• do tema,
• do nível de desenvolvimento dos
conteúdos
• Nos limites ...
 Aprendizagem autónoma
 Aprendizagem colaborativa
contexto
Definimos o modelo de aprendizagem
Conceção de projetos em eLearning
• Fornecer ensino ao estudante isolado
(ritmos impostos pelo estudante) –
modelos do ensino por correspondência
• Criar grupos turmas para a gestão de
formação (ritmos impostos pela
organização) - modelos das Open
Universities
Como organizar a formação ?
O modelo de
aprendizagem
(Construtivista
/behaviorista)
• Modelo de conceção de
conteúdos
• Escolha da tecnologia
adequada (LMS... ou não)
• Regime tutorial
influencia
Conceção de projetos em eLearning
Os dispositivos de formação
15
Sala de aula tutoria
materiais
Dispositivo -
tecnologia
alunos
Sala de aula
estudo autónomo
& aprendizagem
colaborativa
O design do curso
Tecnologia
Conteúdos
Modelo
pedagógico
Perfil aluno
Duração da formação
Contexto
conteúdo
tecnologia
tutoria
conteúdo
tecnologia
tutoria
conteúdo
tecnologia
tutoria
Conceção de projetos em eLearning
– Beahviouristas
– Cognitivistas
– Construtivistas
– Conectivistas
– Colaborativistas
– …
– Do aprender em auto estudo até à construção de
aprendizagem em grupo
Modelos de construção do aprender
• A comunicação assincrona (fóruns) como
ferramenta de trabalho colaborativo
• Construção coletiva
• Partilha
• Socialização
• A comunicação síncrona (Chats)
• Organizar trabalho
• Tirar dúvidas
• A utilização do e-mail é frequente (mas deve ser
desencorajado)
Comunicação em EAD
A comunidade de aprendizagem
As tutorias
relação tutorial / tipos de tutoria
Tutoria de tipo activo
Tutoria de tipo passivo
•Interfere
•Motiva
•Dinamiza
•Responde a dúvidas
•Avalia
•Responde a dúvidas
•Avalia
• As tecnologias são importantes...
• Se tiverem as funcionalidades necessárias ao modelo
pedagógico
• Se forem rápidas
• Se forem ergonómicas e transparentes
Se forem fáceis de utilizar
Conceção de projectos em eLearning
Conceção em elearning – Tecnologias
• Que tecnologias?
• Sem custos
– Moodle
– Dokeos
– ...
• Comerciais
– WebCt
– Blackboard
– Formare
– Netforma
– …
1. Escolher uma ...
2. Conhecê-la
3. Dá-la a conhecer (aos utilizadores-tutores e aos
utilizadores-alunos)
4. Explorá-la nos limites ... (tentar)
5. Abandoná-la rapidamente se não servir o modelo
pedagógico.
Algumas questões sobre tecnologia…
• Aprender custa
• Sozinho custa muito
• Em grupo é mais fácil – a rede suporta
• …e os estilos de aprendizagem?
Constatações
De feed back frequente
– Há que pesar esta opção com muito cuidado
(custos)
– Pensar a estratégia de intervenção do tutor
nos fóruns
De avaliação formativa
– A utilização das ferramentas de construção
de instrumentos de avaliação (nos LMS)
como facilitador
Em EaD os alunos gostam…
• Os alunos estão isolados, mas gostam
• Das sessões presenciais
• Dos trabalhos de grupo
– Aprendem e socializam… muito!
Em EaD
• O ensino a distância tem um potencial
formativo enorme
• É acessível a (quase) todos os públicos
• Deve ser planeado com muito rigor, tendo
em conta as características dos contextos
formativos
Em jeito de conclusão
As nossas práticas - Mestrado em Informática
educacional
– 350 horas
equivalente
presencial
Mestrado em Informática Educacional -UCP
jrlagarto
As opções estratégicas
• Formação através da Web
• Aproveitamento do modelo de e/b-learning
• Utilização do suporte papel para garantir o
processo de redundância do sistema
comunicacional
• Aposta num modelo de aprendizagem
colaborativa
• Aposta num modelo de tutoria activa
Mestrado em Informática Educacional -UCP
jrlagarto
Os grandes riscos da 1ª edição
• Taxas de abandono elevadas (valor típico entre
25 a 30%) – problema de custos
•(14,7% e 12,2% em M1 e M2)
• Não existência de antecedentes deste tipo de
curso
• Longa duração curricular (20 meses, agora 16)
• Desconfiança sobre a qualidade de regimes de
formação a distância
jrlagarto
Público preferencial professores
Reforço de
competências
• Instrumentos
comunicacionais
• Pedagogias para novas
aprendizagens
• Metodologias de
Investigação
Mestrado em Informática Educacional -UCP
Licenciatura em Língua Gestual Portuguesa
3 anos
A associação de
ferramentas da web 2.0
Para resolver problemas
comunicacionais
Blogue
Youtube
Slideshare
Resolução de necessidades
específicas
A associação de
ferramentas da web 2.0
Para resolver problemas
comunicacionais
Blogue
Youtube
Slideshare
Obrigado pela vossa atenção
jlagarto@ucp.pt

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ambientes virtuais de aprendizagem
Ambientes virtuais de aprendizagemAmbientes virtuais de aprendizagem
Ambientes virtuais de aprendizagemJuFRodrigues
 
Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA
Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVAAmbiente Virtual de Aprendizagem - AVA
Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVAcleyccc
 
Plataforma de ensino virtual
Plataforma de ensino virtualPlataforma de ensino virtual
Plataforma de ensino virtualmedisconsultoria
 
Ambientes virtuais de aprendizagem ead
Ambientes virtuais de aprendizagem eadAmbientes virtuais de aprendizagem ead
Ambientes virtuais de aprendizagem eadRada Ead
 
Slide ambientes virtuais de aprendizagem
Slide ambientes virtuais de aprendizagemSlide ambientes virtuais de aprendizagem
Slide ambientes virtuais de aprendizagemLissiane Maria Ribeiro
 
A importância da interação no ava
A importância da interação no avaA importância da interação no ava
A importância da interação no avaCristiane Marinho
 
Ava ambientes virtuais de aprendizagem
Ava ambientes virtuais de aprendizagemAva ambientes virtuais de aprendizagem
Ava ambientes virtuais de aprendizagemRosany Soares
 
Plataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac Colombo
Plataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac ColomboPlataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac Colombo
Plataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac ColomboEDUCATE
 
CPLP Plataformas de Aprendizagem
CPLP Plataformas de AprendizagemCPLP Plataformas de Aprendizagem
CPLP Plataformas de Aprendizagemcplp
 
Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto Gomes
Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto GomesAmbientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto Gomes
Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto GomesLuiz Alberto Gomes Barbosa Neto
 
OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...
OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...
OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...Thiago Reis da Silva
 
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Katia Tavares
 
AVA Ambientes Virtuais de Aprendizagem
AVA Ambientes Virtuais  de AprendizagemAVA Ambientes Virtuais  de Aprendizagem
AVA Ambientes Virtuais de AprendizagemEAD Amazon
 
Artigo - Formação Presencial ou a Distância
Artigo - Formação Presencial ou a DistânciaArtigo - Formação Presencial ou a Distância
Artigo - Formação Presencial ou a DistânciaNatália Caldeira
 
AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?
AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?
AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?ufrj
 

Mais procurados (20)

Ambientes virtuais de aprendizagem
Ambientes virtuais de aprendizagemAmbientes virtuais de aprendizagem
Ambientes virtuais de aprendizagem
 
Ava - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Ava - Ambiente Virtual de AprendizagemAva - Ambiente Virtual de Aprendizagem
Ava - Ambiente Virtual de Aprendizagem
 
Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA
Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVAAmbiente Virtual de Aprendizagem - AVA
Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA
 
Plataforma de ensino virtual
Plataforma de ensino virtualPlataforma de ensino virtual
Plataforma de ensino virtual
 
Ambientes Virtuais de Aprendizagem
Ambientes Virtuais de AprendizagemAmbientes Virtuais de Aprendizagem
Ambientes Virtuais de Aprendizagem
 
Ambientes virtuais de aprendizagem ead
Ambientes virtuais de aprendizagem eadAmbientes virtuais de aprendizagem ead
Ambientes virtuais de aprendizagem ead
 
Ambientes Virtuais de Aprendizagem - Uma Alternativa
Ambientes Virtuais de Aprendizagem - Uma AlternativaAmbientes Virtuais de Aprendizagem - Uma Alternativa
Ambientes Virtuais de Aprendizagem - Uma Alternativa
 
Slide ambientes virtuais de aprendizagem
Slide ambientes virtuais de aprendizagemSlide ambientes virtuais de aprendizagem
Slide ambientes virtuais de aprendizagem
 
A importância da interação no ava
A importância da interação no avaA importância da interação no ava
A importância da interação no ava
 
CVAs
CVAsCVAs
CVAs
 
Ava ambientes virtuais de aprendizagem
Ava ambientes virtuais de aprendizagemAva ambientes virtuais de aprendizagem
Ava ambientes virtuais de aprendizagem
 
A Internet Na Sala De Aula
A Internet Na Sala De AulaA Internet Na Sala De Aula
A Internet Na Sala De Aula
 
Plataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac Colombo
Plataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac ColomboPlataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac Colombo
Plataformas de aprendizagem no ensino Workshop Fnac Colombo
 
CPLP Plataformas de Aprendizagem
CPLP Plataformas de AprendizagemCPLP Plataformas de Aprendizagem
CPLP Plataformas de Aprendizagem
 
Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto Gomes
Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto GomesAmbientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto Gomes
Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs) - Luiz Alberto Gomes
 
OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...
OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...
OBA-MC: um modelo de objeto de aprendizagem centrado no processo de ensino-ap...
 
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
 
AVA Ambientes Virtuais de Aprendizagem
AVA Ambientes Virtuais  de AprendizagemAVA Ambientes Virtuais  de Aprendizagem
AVA Ambientes Virtuais de Aprendizagem
 
Artigo - Formação Presencial ou a Distância
Artigo - Formação Presencial ou a DistânciaArtigo - Formação Presencial ou a Distância
Artigo - Formação Presencial ou a Distância
 
AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?
AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?
AVAs e Moodle - Novos Recursos Pedagógicos somente para EAD?
 

Destaque

Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"
Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"
Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"asscom
 
100 Ferramentas para EaD
100 Ferramentas para EaD100 Ferramentas para EaD
100 Ferramentas para EaDAndré Akagi
 
Gatilhos Mentais: o que são e como aplicar
Gatilhos Mentais: o que são e como aplicarGatilhos Mentais: o que são e como aplicar
Gatilhos Mentais: o que são e como aplicarMateada
 

Destaque (6)

Cte aula cartazes
Cte aula cartazesCte aula cartazes
Cte aula cartazes
 
Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"
Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"
Apresentação de Ana Cristina Suzina sobre "Mural, cartazes e folderes"
 
100 Ferramentas para EaD
100 Ferramentas para EaD100 Ferramentas para EaD
100 Ferramentas para EaD
 
Gatilhos Mentais: o que são e como aplicar
Gatilhos Mentais: o que são e como aplicarGatilhos Mentais: o que são e como aplicar
Gatilhos Mentais: o que são e como aplicar
 
25 maneiras de influenciar pessoas
25 maneiras de influenciar pessoas25 maneiras de influenciar pessoas
25 maneiras de influenciar pessoas
 
10 Estratégias de Manipulação
10 Estratégias de Manipulação10 Estratégias de Manipulação
10 Estratégias de Manipulação
 

Semelhante a Metodologias de ensino a distância: fatores de sucesso

E-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóis
E-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóisE-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóis
E-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóisVitor Gonçalves
 
Rede ead
Rede eadRede ead
Rede eadjcmerij
 
Modelos e sistemas de educação a distância
Modelos e sistemas de educação a distânciaModelos e sistemas de educação a distância
Modelos e sistemas de educação a distânciavinivs
 
Educação a Distância: Panorama e Tendências
Educação a Distância: Panorama e TendênciasEducação a Distância: Panorama e Tendências
Educação a Distância: Panorama e TendênciasMarcelo Sabbatini
 
Sónia Lopes T1 1900357.pptx
Sónia Lopes T1 1900357.pptxSónia Lopes T1 1900357.pptx
Sónia Lopes T1 1900357.pptxSniaLopes51
 
Plataformas Colaborativas e de Aprendizagem
Plataformas Colaborativas e de AprendizagemPlataformas Colaborativas e de Aprendizagem
Plataformas Colaborativas e de AprendizagemCarina Mano
 
Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...
Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...
Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...Universidade de Lisboa
 
Apresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação DigitalApresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação DigitalJoseCicero
 
Diferenças e convergências ead e eol
Diferenças e convergências ead e eolDiferenças e convergências ead e eol
Diferenças e convergências ead e eolcarlapalbuquerque
 
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorOs Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorPaula Peres
 
Responder a um contexto digital nas IES
Responder a um contexto digital nas IESResponder a um contexto digital nas IES
Responder a um contexto digital nas IES Luis Borges Gouveia
 
Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...
Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...
Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...Mariano Pimentel
 

Semelhante a Metodologias de ensino a distância: fatores de sucesso (20)

E-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóis
E-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóisE-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóis
E-learning:estudo de caso na perspetiva dos professores portugueses e espanhóis
 
Rede ead
Rede eadRede ead
Rede ead
 
Modelos e sistemas de educação a distância
Modelos e sistemas de educação a distânciaModelos e sistemas de educação a distância
Modelos e sistemas de educação a distância
 
Capacitação docente
Capacitação docenteCapacitação docente
Capacitação docente
 
Educação a Distância: Panorama e Tendências
Educação a Distância: Panorama e TendênciasEducação a Distância: Panorama e Tendências
Educação a Distância: Panorama e Tendências
 
Sónia Lopes T1 1900357.pptx
Sónia Lopes T1 1900357.pptxSónia Lopes T1 1900357.pptx
Sónia Lopes T1 1900357.pptx
 
Plataformas Colaborativas e de Aprendizagem
Plataformas Colaborativas e de AprendizagemPlataformas Colaborativas e de Aprendizagem
Plataformas Colaborativas e de Aprendizagem
 
Guia Curso
Guia CursoGuia Curso
Guia Curso
 
Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...
Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...
Desenvolvimento profissional e docência no ensino superior: a oportunidade da...
 
Educação a distância estratégias e condições de implementação
Educação a distância estratégias e condições de implementaçãoEducação a distância estratégias e condições de implementação
Educação a distância estratégias e condições de implementação
 
Pub 1291082475
Pub 1291082475Pub 1291082475
Pub 1291082475
 
Apresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação DigitalApresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação Digital
 
Modulo 1
Modulo 1Modulo 1
Modulo 1
 
Diferenças e convergências ead e eol
Diferenças e convergências ead e eolDiferenças e convergências ead e eol
Diferenças e convergências ead e eol
 
Ead com ivana
Ead com ivanaEad com ivana
Ead com ivana
 
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorOs Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
 
Fast ead 2o-semestre_de_2007
Fast ead 2o-semestre_de_2007Fast ead 2o-semestre_de_2007
Fast ead 2o-semestre_de_2007
 
Responder a um contexto digital nas IES
Responder a um contexto digital nas IESResponder a um contexto digital nas IES
Responder a um contexto digital nas IES
 
Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...
Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...
Educação a Distância (EAD) e Educação Online (EOL): notas de um pesquisador-d...
 
O uso das NTICs na EAD
O uso das NTICs na EADO uso das NTICs na EAD
O uso das NTICs na EAD
 

Mais de Universidade Católica Portuguesa

Mais de Universidade Católica Portuguesa (20)

Ensinar e aprender online teip 2
Ensinar e aprender online teip 2Ensinar e aprender online teip 2
Ensinar e aprender online teip 2
 
Redondo sessão 1
Redondo sessão 1Redondo sessão 1
Redondo sessão 1
 
As grandes marcas apresentação (1)
As grandes marcas   apresentação (1)As grandes marcas   apresentação (1)
As grandes marcas apresentação (1)
 
Apresentação COIED 2015
Apresentação COIED 2015Apresentação COIED 2015
Apresentação COIED 2015
 
Os desafios prementes da educação ...no Sec XXI
Os desafios prementes da educação ...no Sec XXIOs desafios prementes da educação ...no Sec XXI
Os desafios prementes da educação ...no Sec XXI
 
Estás a desafiar me - indisciplina jcp
Estás a desafiar me - indisciplina jcpEstás a desafiar me - indisciplina jcp
Estás a desafiar me - indisciplina jcp
 
Mestrados UCP 2015/2016
Mestrados UCP 2015/2016Mestrados UCP 2015/2016
Mestrados UCP 2015/2016
 
Os mestrados da educação
Os mestrados da educaçãoOs mestrados da educação
Os mestrados da educação
 
Marketing cartaz v2
Marketing cartaz v2Marketing cartaz v2
Marketing cartaz v2
 
Inovação, TIC e Sala de Aula
Inovação, TIC e Sala de AulaInovação, TIC e Sala de Aula
Inovação, TIC e Sala de Aula
 
As tic em teip
As tic em teip As tic em teip
As tic em teip
 
Apresentação AFIRSE
Apresentação AFIRSEApresentação AFIRSE
Apresentação AFIRSE
 
Moodle pedagogia
Moodle pedagogiaMoodle pedagogia
Moodle pedagogia
 
Desenvolvimento profissional docente
Desenvolvimento profissional docenteDesenvolvimento profissional docente
Desenvolvimento profissional docente
 
User generated content
User generated contentUser generated content
User generated content
 
Ugc edmedia2012
Ugc edmedia2012Ugc edmedia2012
Ugc edmedia2012
 
etraining of teachers and trainers
etraining of teachers and trainersetraining of teachers and trainers
etraining of teachers and trainers
 
Evaluating elearning
Evaluating elearningEvaluating elearning
Evaluating elearning
 
Quando a Internet (in) tranquiliza
Quando a Internet (in) tranquilizaQuando a Internet (in) tranquiliza
Quando a Internet (in) tranquiliza
 
As Tic, o ensino e a aprendizagem
As Tic, o ensino e a aprendizagemAs Tic, o ensino e a aprendizagem
As Tic, o ensino e a aprendizagem
 

Último

Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzAlexandrePereira818171
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 

Último (20)

Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 

Metodologias de ensino a distância: fatores de sucesso

  • 1. Metodologias de ensino a distância e desenho de cursos: fatores de sucesso José Lagarto Universidade Católica Portuguesa
  • 2. • Eu ... – Professor na Universidade Católica /Faculdade de Ciências Humanas – Coordenador do Mestrado de Informática Educacional regido em regime de elearning – Entusiasta dos modelos de ensino a distância
  • 3. • Da Idade da Pedra à RV do SL (pelo menos) Ensino a distância – conceito velho
  • 4. Como se vê hoje o conceito de EAD ? - do selo de correio à realidade virtual • No principio era o texto e o papel • Hoje é o texto e o papel digital As gerações do EaD
  • 6. Palavras Ensino a distânciaE-learning b-learning Ensino por correspondência Ensino aberto e flexível c-learning m-learning Uma base comum…em EaD
  • 7. O que é elearning? ◦ Formação a distância? ◦ Conteúdos interativos e multimedia? ◦ Realidade Virtual ?  apenas uma forma de disponibilização da informação utilizando TCP/IP (Rosenberg / Horton)
  • 8. Adequado a que públicos ? Com níveis elevados de instrução ? Sem grande nível de escolaridade ? Todos podem aprender através do e-learning – ensino a distância !
  • 9. Mas há um público preferencial ? situação favorável  com hábitos de estudo autónomo  formação com base em competências pré- existentes  grande autodisciplina e motivação pessoal  habilitação académica média / superior
  • 10. Que conteúdos? Exclusivamente teóricos Com muitos conteúdos práticos Todo o tipo de conteúdo ! Obriga a conceção de dispositivos adequados
  • 11. Os modelos de desenvolvimento Centrados no aluno muita flexibilidade Centrados na instituição limitação da flexibilidade do aluno Calendário Flexibilidade curricular Ritmos de trabalho Avaliação
  • 12. • depois do público, • do tema, • do nível de desenvolvimento dos conteúdos • Nos limites ...  Aprendizagem autónoma  Aprendizagem colaborativa contexto Definimos o modelo de aprendizagem Conceção de projetos em eLearning
  • 13. • Fornecer ensino ao estudante isolado (ritmos impostos pelo estudante) – modelos do ensino por correspondência • Criar grupos turmas para a gestão de formação (ritmos impostos pela organização) - modelos das Open Universities Como organizar a formação ?
  • 14. O modelo de aprendizagem (Construtivista /behaviorista) • Modelo de conceção de conteúdos • Escolha da tecnologia adequada (LMS... ou não) • Regime tutorial influencia Conceção de projetos em eLearning
  • 15. Os dispositivos de formação 15 Sala de aula tutoria materiais Dispositivo - tecnologia alunos Sala de aula estudo autónomo & aprendizagem colaborativa
  • 16. O design do curso Tecnologia Conteúdos Modelo pedagógico Perfil aluno Duração da formação Contexto
  • 18. – Beahviouristas – Cognitivistas – Construtivistas – Conectivistas – Colaborativistas – … – Do aprender em auto estudo até à construção de aprendizagem em grupo Modelos de construção do aprender
  • 19. • A comunicação assincrona (fóruns) como ferramenta de trabalho colaborativo • Construção coletiva • Partilha • Socialização • A comunicação síncrona (Chats) • Organizar trabalho • Tirar dúvidas • A utilização do e-mail é frequente (mas deve ser desencorajado) Comunicação em EAD
  • 20. A comunidade de aprendizagem
  • 21. As tutorias relação tutorial / tipos de tutoria Tutoria de tipo activo Tutoria de tipo passivo •Interfere •Motiva •Dinamiza •Responde a dúvidas •Avalia •Responde a dúvidas •Avalia
  • 22. • As tecnologias são importantes... • Se tiverem as funcionalidades necessárias ao modelo pedagógico • Se forem rápidas • Se forem ergonómicas e transparentes Se forem fáceis de utilizar Conceção de projectos em eLearning
  • 23. Conceção em elearning – Tecnologias • Que tecnologias? • Sem custos – Moodle – Dokeos – ... • Comerciais – WebCt – Blackboard – Formare – Netforma – …
  • 24. 1. Escolher uma ... 2. Conhecê-la 3. Dá-la a conhecer (aos utilizadores-tutores e aos utilizadores-alunos) 4. Explorá-la nos limites ... (tentar) 5. Abandoná-la rapidamente se não servir o modelo pedagógico. Algumas questões sobre tecnologia…
  • 25. • Aprender custa • Sozinho custa muito • Em grupo é mais fácil – a rede suporta • …e os estilos de aprendizagem? Constatações
  • 26. De feed back frequente – Há que pesar esta opção com muito cuidado (custos) – Pensar a estratégia de intervenção do tutor nos fóruns De avaliação formativa – A utilização das ferramentas de construção de instrumentos de avaliação (nos LMS) como facilitador Em EaD os alunos gostam…
  • 27. • Os alunos estão isolados, mas gostam • Das sessões presenciais • Dos trabalhos de grupo – Aprendem e socializam… muito! Em EaD
  • 28. • O ensino a distância tem um potencial formativo enorme • É acessível a (quase) todos os públicos • Deve ser planeado com muito rigor, tendo em conta as características dos contextos formativos Em jeito de conclusão
  • 29. As nossas práticas - Mestrado em Informática educacional – 350 horas equivalente presencial
  • 30. Mestrado em Informática Educacional -UCP jrlagarto As opções estratégicas • Formação através da Web • Aproveitamento do modelo de e/b-learning • Utilização do suporte papel para garantir o processo de redundância do sistema comunicacional • Aposta num modelo de aprendizagem colaborativa • Aposta num modelo de tutoria activa
  • 31. Mestrado em Informática Educacional -UCP jrlagarto Os grandes riscos da 1ª edição • Taxas de abandono elevadas (valor típico entre 25 a 30%) – problema de custos •(14,7% e 12,2% em M1 e M2) • Não existência de antecedentes deste tipo de curso • Longa duração curricular (20 meses, agora 16) • Desconfiança sobre a qualidade de regimes de formação a distância
  • 32. jrlagarto Público preferencial professores Reforço de competências • Instrumentos comunicacionais • Pedagogias para novas aprendizagens • Metodologias de Investigação Mestrado em Informática Educacional -UCP
  • 33. Licenciatura em Língua Gestual Portuguesa 3 anos A associação de ferramentas da web 2.0 Para resolver problemas comunicacionais Blogue Youtube Slideshare
  • 34. Resolução de necessidades específicas A associação de ferramentas da web 2.0 Para resolver problemas comunicacionais Blogue Youtube Slideshare
  • 35. Obrigado pela vossa atenção jlagarto@ucp.pt