SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Europa no século XIX
• População cresceu 43%

•Segunda Revolução Industrial

• Migração para América e Ásia

• Urbanização
   • Problemas urbanos: falta de água, esgoto, sujeira
   acumulada nas ruas, poluição etc.
   • Epidemias

• Sindicatos e greves dos trabalhadores
Europa no século XIX
LIBERALISMO

• Liberalismo Político: defende a divisão dos
poderes, direitos a vida, propriedade e liberdade de
expressão.

• Liberalismo Econômico: favorável a não-intervenção
do Estado na economia, trabalho como fonte de
riqueza, livre comércio e livre concorrência. Estado não
deve interferir nas relações entre patrões e empregados.
Europa no século XIX
SOCIALISMO UTÓPICO

• Pregavam uma sociedade igualitária, mas não
indicavam como isso iria ocorrer.

• Charles Fourrier: defendia a criação de falanstérios.

• Robert Owen defendia a melhoria nas condições de
vida e trabalho do operário (redução da jornada de
trabalho, , construção de escolas, creches, divisão dos
lucros etc)
Europa no século XIX




Owen           Fourier
Europa no século XIX
Socialismo Científico

• Karl Marx e Friederich Engels

• Manifesto Comunista e O Capital

• Reconheciam a Luta de Classes: Burguesia X Proletariado.
    • Mais-Valia

• Defendiam a Revolução Socialista seguida da Ditadura do
Proletariado

• Com o fim da desigualdade inicia o Comunismo, uma sociedade
sem classes, sem moeda e sem Estado.
Europa no século XIX




Marx             Engels
Europa no século XIX
ANARQUISMO

• Mikhail Bakunin e Josep Proudhon

•eram contra a exploração e pobreza do proletariado

•Defendiam uma sociedade sem classes e sem Estado

• Deveria ocorrer a passagem imediata do capitalismo
para o comunismo.
Europa no século XIX




Bakunin           Proudhon
Europa no século XIX
UNIFICAÇÃO ITALIANA
Pelo Norte: Reino de
Piemonte e
Sardenha, liderada pelo
Primeiro Ministro Camilo
Cavour e pelo Rei Vítor
Emanuel II

Pelo Sul: Giuseppe Garibaldi
e os camisas vermelhas
tomam o Reino das Duas
Sicílias.

“Fizemos a Itália, agora
façamos os Italianos.”
Europa no século XIX
                Garibaldi
Europa no século XIX
UNIFICAÇÃO ALEMÃ




  Bismark
Europa no século XIX
UNIFICAÇÃO ALEMÃ
• 1834 – A Prússia cria o Zollverein, a união alfandegária entre os
países germânicos.

• 1862 – Oto Von Bismark se torna primairo Ministro do Kaiser
Guilherme I.
    • Incentivou a industria.
    • Modernizou o exército
        • Conquistou territórios vizinhos.
            • Alsácia-Lorena

• 1870 – Unificação Alemã

• 1871 – Alemanha supera a Inglaterra e se torna a maior
potência industrial da Europa

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

2.8.2 Visitas espiritas entre pessoas vivas
2.8.2   Visitas espiritas entre pessoas vivas2.8.2   Visitas espiritas entre pessoas vivas
2.8.2 Visitas espiritas entre pessoas vivasMarta Gomes
 
Justiça divina e justiça dos homens 2014
Justiça divina e justiça dos homens   2014Justiça divina e justiça dos homens   2014
Justiça divina e justiça dos homens 2014grupodepaisceb
 
Vencendo a morte
Vencendo a morteVencendo a morte
Vencendo a morteLisete B.
 
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deusCapítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deusEduardo Ottonelli Pithan
 
O centro espírita
O centro espíritaO centro espírita
O centro espíritanelmarvoc
 
Cinqüenta perguntas sobre o livro Nosso Lar
Cinqüenta perguntas sobre o livro Nosso LarCinqüenta perguntas sobre o livro Nosso Lar
Cinqüenta perguntas sobre o livro Nosso LarEduardo Henrique Marçal
 
Primeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificação
Primeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificaçãoPrimeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificação
Primeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificaçãoCeiClarencio
 
Alianca da ciencia com a religiao
Alianca da ciencia com a religiaoAlianca da ciencia com a religiao
Alianca da ciencia com a religiaoHenrique Vieira
 
2.7.7 Simpatias e antipatias terrestres
2.7.7   Simpatias e antipatias terrestres2.7.7   Simpatias e antipatias terrestres
2.7.7 Simpatias e antipatias terrestresMarta Gomes
 
Letargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismoLetargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismomarjoriestavismeyer
 
A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092
A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092
A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092Daniel de Melo
 
Suicidio na visão espirita
Suicidio  na visão espiritaSuicidio  na visão espirita
Suicidio na visão espiritaLisete B.
 
FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"
FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"
FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"Jorge Luiz dos Santos
 
Slides autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parte
Slides   autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parteSlides   autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parte
Slides autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parteCélio Alves de Moura
 
Apresentação a missão da casa espírita
Apresentação a missão da casa espíritaApresentação a missão da casa espírita
Apresentação a missão da casa espíritaDaniela Azevedo
 

Mais procurados (20)

2.8.2 Visitas espiritas entre pessoas vivas
2.8.2   Visitas espiritas entre pessoas vivas2.8.2   Visitas espiritas entre pessoas vivas
2.8.2 Visitas espiritas entre pessoas vivas
 
Justiça divina e justiça dos homens 2014
Justiça divina e justiça dos homens   2014Justiça divina e justiça dos homens   2014
Justiça divina e justiça dos homens 2014
 
Vencendo a morte
Vencendo a morteVencendo a morte
Vencendo a morte
 
Espírito E Matéria
Espírito E MatériaEspírito E Matéria
Espírito E Matéria
 
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deusCapítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
Capítulo 4 ese ninguém pode ver o reino de deus
 
O centro espírita
O centro espíritaO centro espírita
O centro espírita
 
Os tres reinos
Os tres reinosOs tres reinos
Os tres reinos
 
Cinqüenta perguntas sobre o livro Nosso Lar
Cinqüenta perguntas sobre o livro Nosso LarCinqüenta perguntas sobre o livro Nosso Lar
Cinqüenta perguntas sobre o livro Nosso Lar
 
Primeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificação
Primeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificaçãoPrimeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificação
Primeiro Módulo - Aula 1 - Espiritismo - antecedentes da codificação
 
Alianca da ciencia com a religiao
Alianca da ciencia com a religiaoAlianca da ciencia com a religiao
Alianca da ciencia com a religiao
 
Estudos do evangelho 8
Estudos do evangelho 8Estudos do evangelho 8
Estudos do evangelho 8
 
2.7.7 Simpatias e antipatias terrestres
2.7.7   Simpatias e antipatias terrestres2.7.7   Simpatias e antipatias terrestres
2.7.7 Simpatias e antipatias terrestres
 
Letargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismoLetargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismo
 
Apresentaoacredita nos seres elementais
Apresentaoacredita nos seres elementaisApresentaoacredita nos seres elementais
Apresentaoacredita nos seres elementais
 
A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092
A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092
A066 EAE DM - JUSTIFICAÇÃO DOS PECADOS - 2018092
 
Suicidio na visão espirita
Suicidio  na visão espiritaSuicidio  na visão espirita
Suicidio na visão espirita
 
FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"
FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"
FLORENCE COOK "Mediunidade e Ciência"
 
Lei de destruição
Lei de destruiçãoLei de destruição
Lei de destruição
 
Slides autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parte
Slides   autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parteSlides   autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parte
Slides autodescobrimento e a psicologia espírita - primeira parte
 
Apresentação a missão da casa espírita
Apresentação a missão da casa espíritaApresentação a missão da casa espírita
Apresentação a missão da casa espírita
 

Destaque

Palestra 01 contexto histórico do século xix na europa
Palestra 01 contexto histórico do século xix na europaPalestra 01 contexto histórico do século xix na europa
Palestra 01 contexto histórico do século xix na europaJose Ferreira Almeida
 
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 1ª parte
Roteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 1ª parteRoteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 1ª parte
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 1ª parteBruno Cechinel Filho
 
Fatos que antecederam a codificação do espiritismo
Fatos que antecederam a codificação do espiritismoFatos que antecederam a codificação do espiritismo
Fatos que antecederam a codificação do espiritismoMárcia Albuquerque
 
2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa
2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa
2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na EuropaGeead Abu Dhabi
 
Europa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto históricoEuropa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto históricoColégio Nova Geração COC
 
Surgimento do espiritismo
Surgimento do espiritismoSurgimento do espiritismo
Surgimento do espiritismoGraça Maciel
 
01.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_2014
01.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_201401.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_2014
01.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_2014Euzebio Medrado
 
Aula 1 avanços do século xviii e xix
Aula 1  avanços do século xviii e xixAula 1  avanços do século xviii e xix
Aula 1 avanços do século xviii e xixbioalvarenga
 
Primeiro centro espirita do planeta
Primeiro centro espirita do planetaPrimeiro centro espirita do planeta
Primeiro centro espirita do planetaCláudio Stegun
 
Semestral século xix até nom
Semestral século xix até nomSemestral século xix até nom
Semestral século xix até nomCarlos Glufke
 
Eua no século xix
Eua no século xixEua no século xix
Eua no século xixAuxiliadora
 
Revolução Espanhola
Revolução EspanholaRevolução Espanhola
Revolução EspanholaJoão Marcelo
 
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 2ª parte
Roteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 2ª parteRoteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 2ª parte
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 2ª parteBruno Cechinel Filho
 
Espanha: formação e unificação dos reinos católicos
Espanha: formação e unificação dos reinos católicosEspanha: formação e unificação dos reinos católicos
Espanha: formação e unificação dos reinos católicosCarmem Rodrigues
 
Contexto histórico - Espiritismo - Governantes
Contexto histórico - Espiritismo - GovernantesContexto histórico - Espiritismo - Governantes
Contexto histórico - Espiritismo - GovernantesDenise Aguiar
 
Precursores da doutrina espírita no brasil
Precursores da doutrina espírita no brasilPrecursores da doutrina espírita no brasil
Precursores da doutrina espírita no brasilcontatodoutrina2013
 

Destaque (20)

Palestra 01 contexto histórico do século xix na europa
Palestra 01 contexto histórico do século xix na europaPalestra 01 contexto histórico do século xix na europa
Palestra 01 contexto histórico do século xix na europa
 
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 1ª parte
Roteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 1ª parteRoteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 1ª parte
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 1ª parte
 
Fatos que antecederam a codificação do espiritismo
Fatos que antecederam a codificação do espiritismoFatos que antecederam a codificação do espiritismo
Fatos que antecederam a codificação do espiritismo
 
2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa
2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa
2011_05_18 - Espiritismo e o Contexto Histórico do século XIX na Europa
 
Europa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto históricoEuropa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto histórico
 
Europa slides
Europa slidesEuropa slides
Europa slides
 
Surgimento do espiritismo
Surgimento do espiritismoSurgimento do espiritismo
Surgimento do espiritismo
 
01.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_2014
01.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_201401.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_2014
01.[2014] fund i-mod i-rot 1-euzebio aula-revisa_19_09_2014
 
Aula 1 avanços do século xviii e xix
Aula 1  avanços do século xviii e xixAula 1  avanços do século xviii e xix
Aula 1 avanços do século xviii e xix
 
Primeiro centro espirita do planeta
Primeiro centro espirita do planetaPrimeiro centro espirita do planeta
Primeiro centro espirita do planeta
 
Os 10 melhores filmes.
Os 10 melhores filmes.Os 10 melhores filmes.
Os 10 melhores filmes.
 
Semestral século xix até nom
Semestral século xix até nomSemestral século xix até nom
Semestral século xix até nom
 
Eua no século xix
Eua no século xixEua no século xix
Eua no século xix
 
Revolução Espanhola
Revolução EspanholaRevolução Espanhola
Revolução Espanhola
 
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 2ª parte
Roteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 2ª parteRoteiro 1   contexto hist. século xix - europa - 2ª parte
Roteiro 1 contexto hist. século xix - europa - 2ª parte
 
Espanha: formação e unificação dos reinos católicos
Espanha: formação e unificação dos reinos católicosEspanha: formação e unificação dos reinos católicos
Espanha: formação e unificação dos reinos católicos
 
Hct trab
Hct trabHct trab
Hct trab
 
Contexto histórico - Espiritismo - Governantes
Contexto histórico - Espiritismo - GovernantesContexto histórico - Espiritismo - Governantes
Contexto histórico - Espiritismo - Governantes
 
Precursores da doutrina espírita no brasil
Precursores da doutrina espírita no brasilPrecursores da doutrina espírita no brasil
Precursores da doutrina espírita no brasil
 
Migrações
MigraçõesMigrações
Migrações
 

Semelhante a Europa no século xix

Nacionalismo, neocolonialismo e imperialismo
Nacionalismo, neocolonialismo e imperialismoNacionalismo, neocolonialismo e imperialismo
Nacionalismo, neocolonialismo e imperialismoMunis Pedro
 
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismoLiberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismoDenis Gasco
 
Historia9ano 2
Historia9ano 2Historia9ano 2
Historia9ano 2Elisa Dias
 
slideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptx
slideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptxslideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptx
slideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptxFranciscoFlorencio6
 
Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01
Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01
Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01Daniel Alves Bronstrup
 
A EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIXA EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIXIsabel Aguiar
 
Ideias sociais e políticas do século xix
Ideias sociais e políticas do século xixIdeias sociais e políticas do século xix
Ideias sociais e políticas do século xixAna Paula Silva
 
1.1.a europa do século xix
1.1.a europa do século xix1.1.a europa do século xix
1.1.a europa do século xixvaldeck1
 
Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...
Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...
Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...missaodiplomatica
 
Imperialismo e industrialização - 9º Ano
Imperialismo e industrialização - 9º AnoImperialismo e industrialização - 9º Ano
Imperialismo e industrialização - 9º AnoItalo Colares
 
EUA E EUROPA NO SÉCULO XIX
EUA E EUROPA NO SÉCULO  XIXEUA E EUROPA NO SÉCULO  XIX
EUA E EUROPA NO SÉCULO XIXIsabel Aguiar
 
Unidade 8 burgueses proletários classes medias e camponeses
Unidade 8 burgueses proletários classes medias e camponesesUnidade 8 burgueses proletários classes medias e camponeses
Unidade 8 burgueses proletários classes medias e camponesesVítor Santos
 
História linha de produção 2º médio
História linha de produção 2º médioHistória linha de produção 2º médio
História linha de produção 2º médioGilberto Pires
 
Aula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo defAula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo defCarlosNazar1
 
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.Daniel Alves Bronstrup
 

Semelhante a Europa no século xix (20)

Nacionalismo, neocolonialismo e imperialismo
Nacionalismo, neocolonialismo e imperialismoNacionalismo, neocolonialismo e imperialismo
Nacionalismo, neocolonialismo e imperialismo
 
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismoLiberalismo, socialismo, nacionalismo
Liberalismo, socialismo, nacionalismo
 
O IMPERIALISMO
O IMPERIALISMOO IMPERIALISMO
O IMPERIALISMO
 
Historia9ano 2
Historia9ano 2Historia9ano 2
Historia9ano 2
 
slideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptx
slideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptxslideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptx
slideeuropasculoxix-IIII161024230153.pptx
 
Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01
Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01
Pré vestibular Murialdo - Idade Contemporânea - aula 01
 
A EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIXA EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIX
 
Século xix
Século xixSéculo xix
Século xix
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Ideias sociais e políticas do século xix
Ideias sociais e políticas do século xixIdeias sociais e políticas do século xix
Ideias sociais e políticas do século xix
 
1.1.a europa do século xix
1.1.a europa do século xix1.1.a europa do século xix
1.1.a europa do século xix
 
Revoluções de 1830 e 1848 2020
Revoluções de 1830 e 1848 2020Revoluções de 1830 e 1848 2020
Revoluções de 1830 e 1848 2020
 
Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...
Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...
Estudos CACD Missão Diplomática: História Mundial Aula Resumo 04 - (1848 a 18...
 
Imperialismo e industrialização - 9º Ano
Imperialismo e industrialização - 9º AnoImperialismo e industrialização - 9º Ano
Imperialismo e industrialização - 9º Ano
 
Revisional pism II
Revisional pism IIRevisional pism II
Revisional pism II
 
EUA E EUROPA NO SÉCULO XIX
EUA E EUROPA NO SÉCULO  XIXEUA E EUROPA NO SÉCULO  XIX
EUA E EUROPA NO SÉCULO XIX
 
Unidade 8 burgueses proletários classes medias e camponeses
Unidade 8 burgueses proletários classes medias e camponesesUnidade 8 burgueses proletários classes medias e camponeses
Unidade 8 burgueses proletários classes medias e camponeses
 
História linha de produção 2º médio
História linha de produção 2º médioHistória linha de produção 2º médio
História linha de produção 2º médio
 
Aula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo defAula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo def
 
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E IDEOLOGIAS DO SEC. XIX.
 

Último

cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesMary Alvarenga
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniCassio Meira Jr.
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfmirandadudu08
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologiaAula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologiaaulasgege
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 

Último (20)

cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdf
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologiaAula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
Aula - 1º Ano - Émile Durkheim - Um dos clássicos da sociologia
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 

Europa no século xix

  • 1. Europa no século XIX • População cresceu 43% •Segunda Revolução Industrial • Migração para América e Ásia • Urbanização • Problemas urbanos: falta de água, esgoto, sujeira acumulada nas ruas, poluição etc. • Epidemias • Sindicatos e greves dos trabalhadores
  • 2. Europa no século XIX LIBERALISMO • Liberalismo Político: defende a divisão dos poderes, direitos a vida, propriedade e liberdade de expressão. • Liberalismo Econômico: favorável a não-intervenção do Estado na economia, trabalho como fonte de riqueza, livre comércio e livre concorrência. Estado não deve interferir nas relações entre patrões e empregados.
  • 3. Europa no século XIX SOCIALISMO UTÓPICO • Pregavam uma sociedade igualitária, mas não indicavam como isso iria ocorrer. • Charles Fourrier: defendia a criação de falanstérios. • Robert Owen defendia a melhoria nas condições de vida e trabalho do operário (redução da jornada de trabalho, , construção de escolas, creches, divisão dos lucros etc)
  • 4. Europa no século XIX Owen Fourier
  • 5. Europa no século XIX Socialismo Científico • Karl Marx e Friederich Engels • Manifesto Comunista e O Capital • Reconheciam a Luta de Classes: Burguesia X Proletariado. • Mais-Valia • Defendiam a Revolução Socialista seguida da Ditadura do Proletariado • Com o fim da desigualdade inicia o Comunismo, uma sociedade sem classes, sem moeda e sem Estado.
  • 6. Europa no século XIX Marx Engels
  • 7. Europa no século XIX ANARQUISMO • Mikhail Bakunin e Josep Proudhon •eram contra a exploração e pobreza do proletariado •Defendiam uma sociedade sem classes e sem Estado • Deveria ocorrer a passagem imediata do capitalismo para o comunismo.
  • 8. Europa no século XIX Bakunin Proudhon
  • 9. Europa no século XIX UNIFICAÇÃO ITALIANA Pelo Norte: Reino de Piemonte e Sardenha, liderada pelo Primeiro Ministro Camilo Cavour e pelo Rei Vítor Emanuel II Pelo Sul: Giuseppe Garibaldi e os camisas vermelhas tomam o Reino das Duas Sicílias. “Fizemos a Itália, agora façamos os Italianos.”
  • 10. Europa no século XIX Garibaldi
  • 11. Europa no século XIX UNIFICAÇÃO ALEMÃ Bismark
  • 12. Europa no século XIX UNIFICAÇÃO ALEMÃ • 1834 – A Prússia cria o Zollverein, a união alfandegária entre os países germânicos. • 1862 – Oto Von Bismark se torna primairo Ministro do Kaiser Guilherme I. • Incentivou a industria. • Modernizou o exército • Conquistou territórios vizinhos. • Alsácia-Lorena • 1870 – Unificação Alemã • 1871 – Alemanha supera a Inglaterra e se torna a maior potência industrial da Europa