Ontem o mundo rodou e eu tambem,<br />Um momento, o telefone toca<br />Eu: alô<br />Ela: oi Zé, tudo bem?<br />Eu: tudo be...
Os últimos dias de marte
Os últimos dias de marte
Os últimos dias de marte
Os últimos dias de marte
Os últimos dias de marte
Os últimos dias de marte
Os últimos dias de marte
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Os últimos dias de marte

252 visualizações

Publicada em

teste do slide

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
252
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
84
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os últimos dias de marte

  1. 1. Ontem o mundo rodou e eu tambem,<br />Um momento, o telefone toca<br />Eu: alô<br />Ela: oi Zé, tudo bem?<br />Eu: tudo bem<br />Ela: é a Lúcia, deixa a chave que vou arrumar sua casa, estou querendo ir mais vezes, posso ir duas vezes por semana<br />............................<br />É a Lúcia, ela é uma pessoa muito boa, spin evangélica, faxineira, humana<br />>>>>><br />Aliás,<br />.......................<br />Quero perdir minhas desculpas aos spin evangélicos,<br />Sei que vocês são pessoas muitos boas, apesar de que existe uns ruins, mas isto independe de religião, há ateus bons e ruins, há religiosos bons e ruins, sei muito bem disso, a minha família é apinhada de todos os credos<br />Às vezes solto os cachorros mas isto se deve a lideranças larapias, bando de ladrões que roubam os pobres.<br />A Lúcia é uma santa, como também a Lucimara, estas são spin faxineiras, elas se preocupam muito comigo, com a limpeza, a Lucimara sempre rezando por mim, ela não é spin racista nem pré-conceituosa, tem um tio velhinho, ela adora abraça-lo, ele anda com um chapéu de um metro de circunferência para proteger-se do sol e ela não se importa com isso, fica sentada na avenida Goiás, leva café para ele, esqueço-me do nome dele, já conversamos, quando ele me contou que já fugiu do hospital uma vez.<br />Eu: você fugiu do hospital por que = porque = por quê = por que?<br />Ele: eu tava deitado numa maca para operar de uma coisa e tentaram me operar de outra coisa. Eu ouvi uma enfermeira dizer que eu iria operar de cesariana como se eu estivesse ali para parir um nenê. Foi quando arranquei todos os fios que me prendiam (neste momento ele fez um gesto com os braços de quem arranca coisas do corpo) e sai correndo, nunca mais voltei.<br />Eu (pensando): De fato ele tem a barriga muito grande, deve ter sido este o engano.<br />e Uma delícia escrever assim, no word,<br />Como tirar isso, estas palavras sublinhadas, Que que isso, o texto bagunçou de vez<br />Outro curso que preciso fazer é de edição<br />( ) edição de vídeo<br />O meu texto está sendo riscado pelo pc, um momento vou ver o que ocorre<br />A frase riscada do mapa foi “não posso escrever se o sorriso não brota”<br />Ah sim, agora entendi, realmente isto está errado, muito obrigado robô, de fato, a escrita é que me faz brotar o sorriso, <br />Escrevo para morrer de rir<br />Grato,<br />Mar Feliz<br />Segue abaixo o texto = canto anterior, agora retificado = consertado<br />E se o sorriso não brota = desabroca?<br />Se o M.A.R. não desembucha, que tal fazer outra coisa que não escrever, <br />( ) dançar<br />( ) tomar água, nada de álcool, tenho alergia, nem vinho posso<br />Os últimos dias de marte<br />Você viu no canto anterior os erros que cometi<br />Onde está escrito “delete” eu quis dizer “deleite”<br />Leite também não posso, tenho alergia a lactase, a não ser leite de soja<br />( ) A soja está acabando com o mundo, muito veneno, muitos prantos de pássaros, insetos<br />E quem disse que inseto não chora?<br />Os últimos dias de marte<br />2010<br />Março = Marte<br />01.........................54<br />02.........................55<br />03.........................56<br />04.........................57<br />05..........................58<br />06..........................59<br />07...........................60<br />08...........................61<br />09...........................62<br />10...........................63<br />11...........................64<br />12...........................65<br />13...........................66<br />14...........................67<br />15...........................68<br />16...........................69<br />17...........................70<br />18...........................71<br />19...........................72<br />20...........................73<br />uvi<br />Uma delícia escrever assim, no word,<br />Como tirar isso, estas palavras sublinhadas,<br />Não posso escrever se o sorriso não brota, Que que isso, o texto bagunçou de vez<br />Outro curso que preciso fazer é de edição<br />( ) edição de vídeo<br />O meu texto está sendo riscado pelo pc, um momento vou ver o que ocorre<br />A frase riscada do mapa foi “não posso escrever se o sorriso não brota”<br />Ah sim, agora entendi, realmente isto está errado, muito obrigado robô, de fato, a escrita é que me faz brotar o sorriso, <br />Escrevo para morrer de rir<br />Grato,<br />Mar Feliz<br />Segue abaixo o texto = canto anterior, agora retificado = consertado<br />E se o sorriso não brota = desabroca?<br />Se o M.A.R. não desembuchas, que tal fazer outra coisa que não escrever, <br />( ) dançar<br />( ) tomar água, nada de álcool, tenho alergia, nem vinho posso<br />Os últimos dias de marte<br />Você viu no canto anterior os erros que cometi<br />Onde está escrito “delete” eu quis dizer “deleite”<br />Leite também não posso, tenho alergia a lactase, a não ser leite de soja<br />( ) A soja está acabando com o mundo, muito veneno, muitos prantos de pássaros, insetos<br />E quem disse que inseto não chora?<br />Os últimos dias de marte<br />2010<br />Março = Marte<br />01.........................54<br />02.........................55<br />03.........................56<br />04.........................57<br />05..........................58<br />06..........................59<br />07...........................60<br />08...........................61<br />09...........................62<br />10...........................63<br />11...........................64<br />12...........................65<br />13...........................66<br />14...........................67<br />15...........................68<br />16...........................69<br />17...........................70<br />18...........................71<br />19...........................72<br />20...........................73<br />E por acaso não vistes, em vídeo, a borboleta de asas rasgadas permitindo-me que nós nos abraçássemos?<br />E por acaso há alguma diferença entre as coisas grandes e pequenas?<br />Triste dia quando, acocado por muriçocas, joguei baygon = veneno no ar, isto faz mais de 10 anos mas até hoje me lembro dos gritos daquele inseto que, de tão estridentes, achei que fosse um bebê chorando, foi a noite toda de prantos, não dormi com os prantos daquele inseto, por isso não uso mais veneno contra eles, sou amigo de todos, inclusive das moscas, quanto às baratas, destas tenho medo, isto por uma questão de cultura = costume, e por acaso não há países onde elas são devoradas por gente?<br />Mato-as com muita dó, sei que isto é pecado = atrofia, mas como conviver com tantas baratas dentro de casa, outros insetos tudo bem, mas barata...<br />Os últimos dias de marte<br />2010<br />Março = Marte<br />01.........................54<br />02.........................55<br />03.........................56<br />04.........................57<br />05..........................58<br />06..........................59<br />07...........................60<br />08...........................61<br />09...........................62<br />10...........................63<br />11...........................64<br />12...........................65<br />13...........................66<br />14...........................67<br />15...........................68<br />16...........................69<br />17...........................70<br />18...........................71<br />19...........................72<br />20...........................73<br />Hoje, 55 de marte, 02 de marte no calendário velho = revogado, estou escrevendo no Word, já enjoei de enviar emails para Bento 16, spin papa, representante jurídi co, o endereço dele é bentovi@vatican.va, não sei se mudou, talvez sim, para não mais receber minhas cartas<br />( ) o Papa fechou as portas para o M.A.R.<br />Pois está fora do M.A.R., não por minha vontade mas ele mesmo fechou-se em seu mundo racionalista = perfeccionista<br />Dois mundos em disputa, o dos autistas = artistas e o deles, estes que estão fora do M.A.R.<br />Um momento, vou desligar meu celular, não quero ouvir gente me ligando para me roubar, um tal de Emerson, não gosto desse nome, por isso eu não poderia tê-lo escrito<br />No lugar dos nomes próprios ruins, só posso escrever a primeira letra do nome seguido do spin que o indivíduo é, mais se se trata de animal, humano ou jurídico.<br />Portanto...<br />EF, spin corredor, pertencente à raça humana. Este é spin corredor. Adora correr, não com asas do espírito mas em carros, que nem o outro, o AS, spin corredor, pertencente à raça humana.<br />H, spin governante, pertencente à raça humana. Este, não sabendo desenhar a não ser de forma acadêmica, não converteu-se ao M.A.R. e quase acabou com o mundo durante a Segunda Guerra Mundial, milhões de pessoas foram mortas por causa do perfeccionismo espiritual, sexual e material desta besta.<br />Não entendestes o significado deste ponto negro = grande, parecido com um brinco de colocar na intersecção do y da orelha?<br />O riso?<br />Esta obra foi feita para meu próprio delete<br />Adoro sorrir de mim mesmo, não me interessas se não achas a menor graça<br />Kakakakakakakakakakaka<br />. . . . . . . . . . .]<br />Vários risos no céu<br />(Colar no email e enviar para o M.A.R.)<br />Grato,<br />Mar Feliz<br />

×