SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
AF5- Aplicações Multimédia
                             José Manuel Alho
                                  Maio/2011
PONTO FINAL

   Indico o fim duma frase ou o fecho dum
   pensamento, com uma entoação de voz que
   marca uma pausa total.
    Colocam-me ainda nas abreviaturas:
    Sr. (por Senhor); Dr. (por Doutor); D. (por
   Dom ou Dona); V. Ex.ª (por Vossa Excelência);
   m.to (por muito).


Ex.:O ferro é um dos metais mais úteis.
DOIS PONTOS



                      Somos usados antes de uma
                    citação ou de uma enumeração.


Ex.1:Lá diz o ditado: “ Mais vale um vizinho à mão do que longe um
irmão”
Ex.2:Os principais deveres do homem para consigo são: conservar-se,
instruir-se, melhorar-se.
PONTO E VÍRGULA


                     Usam-me para separar orações
                     coordenadas; obrigo a uma
                     pausa mas não termino a frase.


Ex1: O ar das montanhas é esplêndido para os doentes; mas em Portugal
poucos podem aproveitá-lo, principalmente por falta de comodidades e boas
estradas de acesso.
Ex2. :Encontrei esse meu amigo, há anos, por uma tarde calma de Agosto; e
nunca mais o vi.
VÍRGULA



             Separo os elementos da frase;
              marco uma pequena pausa.



Ex. :O ouro, a prata, o ferro, o chumbo, são metais.
PONTO DE EXCLAMAÇÃO



      Estou presente quando se deseja
      exprimir
      surpresa, receio, admiração, etc.;



  Ex. : Oh! é horrível! Não posso mais!
PONTO DE INTERROGAÇÃO



       Sirvo para fazer perguntas.




     Ex. : Como te chamas?
RETICÊNCIAS



    Indicamos que a frase está
    incompleta; assinalamos uma
    hesitação ou uma pausa.


Ex. :Quem o feio ama...
    Queres então dizer...
TRAVESSÃO



       Sou utilizado nos diálogos para
       indicar a fala das personagens.



Ex. : O professor perguntou :

  - Quem quer ler o texto?
ASPAS



                             Introduzimos palavras ou
                             citações de outros textos.




Ex:“Diz-me com quem andas, e dir-te-ei as manhas que tens.“ ,disse
Camões.
PARÊNTESIS

                    Servimos    para    separar
                    palavras ou frases que se
                    dispensam,     mas     que
                    explicam ou esclarecem um
                    assunto.



Ex. :O pai (é bom dizê-lo) não ficou satisfeito com a notícia.
A FUNÇÃO DOS SINAIS DE PONTUAÇÃO




     http://videos.sapo.pt/vEFziSvZ53diZs0mijNM
DIÁLOGO ENTRE SINAIS
       O ponto final, o ponto de exclamação, o ponto de
    interrogação e a vírgula encontraram-se num texto onde
    estavam a trabalhar.
       - OLÁ!!!- disseram todos em conjunto.
    Iam começar a trabalhar, quando o ponto de exclamação
    disse:
       - Eu, ponto de exclamação, ponho as pessoas
    admiradas com o meu charme!
       - Eu, ponto de interrogação, faço as pessoas perguntar
    "Será que sou um astronauta?" - explicou o ponto de
    interrogação.
       -Eu, vírgula, faço as pessoas darem tempo para
    pensarem melhor e para respirarem quando lêem.
    Por último o ponto final disse.
       - Eu, sou o Ponto final. Sirvo para dar fim às vossas
    frases. Ah! Ah! Ah! Ah!
                                        Rita Carvalho Alves

in:
http://viveraescrever.blogspot.com/2009/10/os-sinais-de-pontuacao.html
Sinais de pontuação

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerenciasilnog
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAMarcelo Cordeiro Souza
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textualISJ
 
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTOAULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTOMarcelo Cordeiro Souza
 
Tipos de sujeito
Tipos de sujeitoTipos de sujeito
Tipos de sujeitoIedaSantana
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaLucilene Barcelos
 
Figuras de linguagem slide
Figuras de linguagem   slideFiguras de linguagem   slide
Figuras de linguagem slideJaciara Mota
 
Formação das palavras
Formação das palavrasFormação das palavras
Formação das palavrascolveromachado
 
Compreensão e Interpretação de Textos
Compreensão e Interpretação de Textos Compreensão e Interpretação de Textos
Compreensão e Interpretação de Textos Professor Rômulo Viana
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoClaudiaAdrianaSouzaS
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaismarlospg
 

Mais procurados (20)

Slides aula verbos
Slides   aula verbosSlides   aula verbos
Slides aula verbos
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
 
Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerencia
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textual
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
 
Verbos
VerbosVerbos
Verbos
 
1.3 ortografia
1.3   ortografia1.3   ortografia
1.3 ortografia
 
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTOAULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
 
Adjetivos
AdjetivosAdjetivos
Adjetivos
 
Tipos de sujeito
Tipos de sujeitoTipos de sujeito
Tipos de sujeito
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
 
Figuras de linguagem slide
Figuras de linguagem   slideFiguras de linguagem   slide
Figuras de linguagem slide
 
Formação das palavras
Formação das palavrasFormação das palavras
Formação das palavras
 
Compreensão e Interpretação de Textos
Compreensão e Interpretação de Textos Compreensão e Interpretação de Textos
Compreensão e Interpretação de Textos
 
Notícia gênero textual
Notícia gênero textualNotícia gênero textual
Notícia gênero textual
 
Conto
ContoConto
Conto
 
Tipologia textual
Tipologia textualTipologia textual
Tipologia textual
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuais
 

Semelhante a Sinais de pontuação

Aula iii.ugs.tce.2010
Aula iii.ugs.tce.2010Aula iii.ugs.tce.2010
Aula iii.ugs.tce.2010LeYa
 
regras de pontuação
regras de pontuaçãoregras de pontuação
regras de pontuaçãocarvalho31
 
Sinais de pontuação add - celina medeiros
Sinais de pontuação   add - celina medeirosSinais de pontuação   add - celina medeiros
Sinais de pontuação add - celina medeirosCelina Medeiros
 
AULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdf
AULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdfAULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdf
AULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdfJessicaLinhares6
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Português - Pontuação
www.videoaulagratisapoio.com.br - Português -  Pontuaçãowww.videoaulagratisapoio.com.br - Português -  Pontuação
www.videoaulagratisapoio.com.br - Português - PontuaçãoVideo Aulas Apoio
 
Sinais sem som
Sinais sem somSinais sem som
Sinais sem somdidsoak
 
Sinais de Pontuação (André Godinho)
Sinais de Pontuação (André Godinho)Sinais de Pontuação (André Godinho)
Sinais de Pontuação (André Godinho)André Godinho
 
Português para concursos públicos - Pontuação
Português para concursos públicos - PontuaçãoPortuguês para concursos públicos - Pontuação
Português para concursos públicos - PontuaçãoPreOnline
 
Maria corda sinais sem som-1
Maria corda sinais sem som-1Maria corda sinais sem som-1
Maria corda sinais sem som-1tejinha
 
PontuaçãO
PontuaçãOPontuaçãO
PontuaçãOblocas
 
PontuaçãO
PontuaçãOPontuaçãO
PontuaçãOblocas
 

Semelhante a Sinais de pontuação (20)

Aula iii.ugs.tce.2010
Aula iii.ugs.tce.2010Aula iii.ugs.tce.2010
Aula iii.ugs.tce.2010
 
Sinais sem som
Sinais sem somSinais sem som
Sinais sem som
 
regras de pontuação
regras de pontuaçãoregras de pontuação
regras de pontuação
 
Sinais sem som
Sinais sem somSinais sem som
Sinais sem som
 
Sinais semsom
Sinais semsomSinais semsom
Sinais semsom
 
Pontuação
PontuaçãoPontuação
Pontuação
 
Sinais de pontuação add - celina medeiros
Sinais de pontuação   add - celina medeirosSinais de pontuação   add - celina medeiros
Sinais de pontuação add - celina medeiros
 
PontuaçãO Aa I
PontuaçãO Aa IPontuaçãO Aa I
PontuaçãO Aa I
 
Aula 9
Aula 9Aula 9
Aula 9
 
Pontuação
PontuaçãoPontuação
Pontuação
 
SINAIS DE PONTUAÇÃO: APOSTILA EM "PDF".
SINAIS DE PONTUAÇÃO: APOSTILA EM "PDF".SINAIS DE PONTUAÇÃO: APOSTILA EM "PDF".
SINAIS DE PONTUAÇÃO: APOSTILA EM "PDF".
 
AULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdf
AULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdfAULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdf
AULA DE PONTUAÇÃO NA LÍNGUA PORTUGUESA.pdf
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Português - Pontuação
www.videoaulagratisapoio.com.br - Português -  Pontuaçãowww.videoaulagratisapoio.com.br - Português -  Pontuação
www.videoaulagratisapoio.com.br - Português - Pontuação
 
Sinais sem som
Sinais sem somSinais sem som
Sinais sem som
 
Sinais de Pontuação (André Godinho)
Sinais de Pontuação (André Godinho)Sinais de Pontuação (André Godinho)
Sinais de Pontuação (André Godinho)
 
Gramática - Pontuação
Gramática - PontuaçãoGramática - Pontuação
Gramática - Pontuação
 
Português para concursos públicos - Pontuação
Português para concursos públicos - PontuaçãoPortuguês para concursos públicos - Pontuação
Português para concursos públicos - Pontuação
 
Maria corda sinais sem som-1
Maria corda sinais sem som-1Maria corda sinais sem som-1
Maria corda sinais sem som-1
 
PontuaçãO
PontuaçãOPontuaçãO
PontuaçãO
 
PontuaçãO
PontuaçãOPontuaçãO
PontuaçãO
 

Mais de Jose Manuel Alho

Mais de Jose Manuel Alho (7)

Biblio. municipal
Biblio. municipalBiblio. municipal
Biblio. municipal
 
Biblioteca Municipal Guilherme
Biblioteca Municipal GuilhermeBiblioteca Municipal Guilherme
Biblioteca Municipal Guilherme
 
Sub ferias natal_a
Sub ferias natal_aSub ferias natal_a
Sub ferias natal_a
 
Sub ferias natal_a
Sub ferias natal_aSub ferias natal_a
Sub ferias natal_a
 
Eça+Queirós
Eça+QueirósEça+Queirós
Eça+Queirós
 
Proposta ME ADD
Proposta ME ADDProposta ME ADD
Proposta ME ADD
 
Fenprof ADD
Fenprof ADDFenprof ADD
Fenprof ADD
 

Último

DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 

Último (20)

DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Em tempo de Quaresma .
Em tempo de Quaresma                            .Em tempo de Quaresma                            .
Em tempo de Quaresma .
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 

Sinais de pontuação

  • 1. AF5- Aplicações Multimédia José Manuel Alho Maio/2011
  • 2. PONTO FINAL Indico o fim duma frase ou o fecho dum pensamento, com uma entoação de voz que marca uma pausa total. Colocam-me ainda nas abreviaturas: Sr. (por Senhor); Dr. (por Doutor); D. (por Dom ou Dona); V. Ex.ª (por Vossa Excelência); m.to (por muito). Ex.:O ferro é um dos metais mais úteis.
  • 3. DOIS PONTOS Somos usados antes de uma citação ou de uma enumeração. Ex.1:Lá diz o ditado: “ Mais vale um vizinho à mão do que longe um irmão” Ex.2:Os principais deveres do homem para consigo são: conservar-se, instruir-se, melhorar-se.
  • 4. PONTO E VÍRGULA Usam-me para separar orações coordenadas; obrigo a uma pausa mas não termino a frase. Ex1: O ar das montanhas é esplêndido para os doentes; mas em Portugal poucos podem aproveitá-lo, principalmente por falta de comodidades e boas estradas de acesso. Ex2. :Encontrei esse meu amigo, há anos, por uma tarde calma de Agosto; e nunca mais o vi.
  • 5. VÍRGULA Separo os elementos da frase; marco uma pequena pausa. Ex. :O ouro, a prata, o ferro, o chumbo, são metais.
  • 6. PONTO DE EXCLAMAÇÃO Estou presente quando se deseja exprimir surpresa, receio, admiração, etc.; Ex. : Oh! é horrível! Não posso mais!
  • 7. PONTO DE INTERROGAÇÃO Sirvo para fazer perguntas. Ex. : Como te chamas?
  • 8. RETICÊNCIAS Indicamos que a frase está incompleta; assinalamos uma hesitação ou uma pausa. Ex. :Quem o feio ama... Queres então dizer...
  • 9. TRAVESSÃO Sou utilizado nos diálogos para indicar a fala das personagens. Ex. : O professor perguntou : - Quem quer ler o texto?
  • 10. ASPAS Introduzimos palavras ou citações de outros textos. Ex:“Diz-me com quem andas, e dir-te-ei as manhas que tens.“ ,disse Camões.
  • 11. PARÊNTESIS Servimos para separar palavras ou frases que se dispensam, mas que explicam ou esclarecem um assunto. Ex. :O pai (é bom dizê-lo) não ficou satisfeito com a notícia.
  • 12. A FUNÇÃO DOS SINAIS DE PONTUAÇÃO http://videos.sapo.pt/vEFziSvZ53diZs0mijNM
  • 13. DIÁLOGO ENTRE SINAIS O ponto final, o ponto de exclamação, o ponto de interrogação e a vírgula encontraram-se num texto onde estavam a trabalhar. - OLÁ!!!- disseram todos em conjunto. Iam começar a trabalhar, quando o ponto de exclamação disse: - Eu, ponto de exclamação, ponho as pessoas admiradas com o meu charme! - Eu, ponto de interrogação, faço as pessoas perguntar "Será que sou um astronauta?" - explicou o ponto de interrogação. -Eu, vírgula, faço as pessoas darem tempo para pensarem melhor e para respirarem quando lêem. Por último o ponto final disse. - Eu, sou o Ponto final. Sirvo para dar fim às vossas frases. Ah! Ah! Ah! Ah! Rita Carvalho Alves in: http://viveraescrever.blogspot.com/2009/10/os-sinais-de-pontuacao.html