20denovembro oexpresso

407 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
407
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

20denovembro oexpresso

  1. 1. Gen Div ODILSON SAMPAIO BENZl Comandante da 3ª Região Militar MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO SUL COMANDO DA 3ª REGIÃO MILITAR (Gov das Armas Prov do RS/1821) REGIÃO DOM DIOGO DE SOUZA EDlTAL DE CONVOCAÇÃO EXERCÍCIO DE APRESENTACÃO DA RESERVA DO EXÉRCITO (EXAR) - 2010 O Comandante da 3ª Região Militar convoca todos os Oficiais e Praças transferidos para a reserva ou de- mitidos do serviço ativo sem perda de posto e patente, nos últimos cinco anos, para se apresentarem no EXAR - 2010 de uma das seguintes formas: 1 - Pela Internet, no endereço eletrônico: http://www. exarnet.eb.mil.br/ de 1° de dezembro 2010 a 31 de janeiro de 2011, por meio do EXAR.Net, exceção feita à 5ª e última apresentação, que deverá ser obrigatoriamente presencia. 2. Presencialmente, no período de 09 a 16 de Dezem- bro de 2010. das 08:00 às 17:00 horas, exceto sábado e domingo, nos seguintes locais: no endereço constan- te da CARTA DE CHAMADA: na Rua dos Andradas, 551 - 1º andar - salas 103/104, Porto Alegre-RS: nas Delegacias do Serviço Militar: nas Juntas de Serviço Militar ou em qualquer Organização Militar do Exérci- to Brasileiro. para os reservistas que não tenham rece- bido a CARTA DE CHAMADA ou que. tendo recebido não possam comparecer ao local indicado e os oriundos de outras Regiões Militares ou que estejam em trânsito na área da 3ª Região Militar (Estado do RS). 3. As apresentações dos Oficiais e Praças da Reserva Remunerada realizadas anualmente na Seção e nos órgãos pagadores de Inativos e Pensionistas são consideradas vá- lidas para o EXAR. Porto Alegre-RS, 20 de setembro de 2010. Brigada Militar comemora 173 anos SÁBADO e DOMINGO, 20 e 21 DE NOVEMBRO DE 2010 • ANO 14 • Nº 693 • www.slideshare.net/jornaloexpresso | R$ 1,50 oexpresso@gmail.com A Nova Saga --- Página 02 --- Cai a liminar que garantia Enem a quem se sentiu prejudicado por falhas --- Página 06 --- --- Página 05 --- O EXPRESSO Semana de Combate a Dengue A Administração Munici- pal realiza de 22 de novembro a 26 de novembro, através das Secretarias de Saúde, Educa- ção e Obras, em parceria com a Coordenadoria Regional de Educação Coordenadoria Re- gional de Saúde, a Semana de Combate a Dengue. Durante cinco dias várias ati- vidades estarão sendo realizadas atividades em algumas escolas e na Praça General Firmino de Paula. O principal objetivo desta semana é sensibilizar a comuni- dade para a importância da pre- venção da Dengue. Cada escola desenvolverá as atividades de acordo com sua criatividade, sendo que terão a presença dos Agentes de Combate a Endemias cola- borando com o trabalho.
  2. 2.   2 Jornal O EXPRESSO Sábado e Domingo, 20 e 22 de novembro de 2010 (55)3303-5995( Vinculado a: O EXPRESSO ABSPUBLICIDADEEREPRESENTAÇÕESLTDA Administração,Assinaturas, Publicidade e Redação: RuaJoãoManoel,810-CEP:98005-170-Centro-CruzAlta-RS E-mails:oexpresso@gmail.com/expresso@comnet.com.br CNPJ: 92.930.171/0001-38 Responsável Técnico: Dr.Assis Brasil Soares Filho Registro Profissional: nº 0064/99 Diagramação eArtes: Odilar Zillmann Editora Chefe: Sônia Gai Circulação: Todos os sábados Impressão: Cia deArte - Ijuí Os artigos assinados são de inteira responsabilida- de de seus autores, não representando necessa- riamente a opinião deste jornal. OPINIÃOProfº Claudino Albertoni GRAVETOS Data IdadeNome Cruz Alta, 19 de novembro de 2010. Cartório de Registro Civil ÓBITOS WALTER JOÃO TAMIOZZO FRANCISCO ANTUNES DE MOURA NEUSA MARIA DA ROSA ROUSADO GETULIO JOSÉ TEIXEIRA JOÃO DENISAR OLIVEIRA DOS SANTOS MARIA ELIZABETE PINHEIRO ARABITES MARZEI DOMINGOS PEIXOTO JOÃO LUIS FALEIRO DA SILVA CIRLEI DE LIMA LOPES ALBERI DE LIMA SOARES OSMAR NOGUEIRA FEIL MARIA ELISA SOARES MARTINS BRUNO FERREIRA ROSALIA SCHNEIDER JULIETA STELLA BONILLA 12/11/10 12/11/10 13/11/10 12/11/10 14/11/10 14/11/10 14/11/10 14/11/10 15/11/10 15/11/10 16/11/10 18/11/10 18/11/10 19/11/10 18/11/10 73 98 59 81 59 58 59 44 62 66 46 88 87 80 83 1. O novo País do Futuro: Chegou a hora e o momento de se dar início à nova saga brasileira. E, para tanto, mister que surja nova leva de jovens heróis, dispostos a pen- sar em termos de ocupação territorial e no futuro demográfico do país. 2 . A boa-nova: A análise da Grande Nação construída pelos atuais Aposentados/Pensionistas resta diuturna- mente exposta, sem contudo atribuir os devidos louros a seus impávidos Construtores. Mas isto é parte da essência humana, onde a gratidão não representa valor tangível; pois, por incrível que A NOVA SAGA • Germano Schwartz pareça, os Construtores da Nação estão sendo considerados como depredadores do Erário Público. E esta imagem infausta vem sendo difundida diuturnamente, através de todos os meios e recursos disponíveis. Mas, como em tudo, há sempre notícias boas ao lado das notícias más. E a notícia boa é que a Senadora Ana Amélia comprometeu-se a lutar ao lado do Senador Paim contra o Fator Previdenciário. Assim, e mais uma vez, os gaúchos colocam-se na vanguarda da luta pelos grandes interesses nacionais. 3 . Geopolítica Tupiniquim: Entretanto, fatos relevantes são simplesmente ignorados: a- Imensa porção do território nacional permanece vazia, e exposta à permanente cobiça; é certo que a guarnição das fron- teiras possibilita a ocupação permanente desses vazios, mas isto não vem acontecendo, pois esses vazios permanecem e permanecem, e isto não por falta de uma política de ocupação permanente, mas por absoluta falta de jovens a ocupá-los. b- O país perde dia a dia seu índice demográfico, gradual- mente tornado descendente (o país do fílho único). E o que pesa não é o breve estouro da bolha do endividamento pessoal, mas a crescente redução da natalidade. E, como consequência imediata, a primeira grande tragédia nacional: a República do Salário Mínimo, aliada ao pérfido Fator Previdenciário. c- Os grandes valores da nacionalidade fenecem, substituí- dos pelo desejo incontido de aproveitamento imediato. E, como consequência direta, a segunda grande tragédia nacional: 180 milhões em lugar de trezentos milhões. d- E as escolas não contam em seu currículo com a discipli- na “Formação da nacionalidade”. Em suma, inexiste ainda a “Grande Marcha para o Norte”. Essa é a nova saga brasileira, a ser desde logo iniciada. Mas como? Propiciando aos jovens as necessárias condições para sua interiorização, com o abandono dos grandes conglo- merados urbanos, e redirecionando-os para as áreas vazias. 4 . O Mapa Do Futuro : A Grande Nação precisa portanto ser remapeada, com a ur- gente criação de novos estados e territórios, e respectivas ca- pitais (o núcleo da disseminação populacional). E conforme informações difusas, a Câmara dos Deputados propõe a criação de treze novos Estados, e três novos Territórios (*) : a) No Norte : os Estados de Tapajós, Soli- mões e Carajás; e os Territórios de Marajó, Rio Negro e Oiapoque. b) No Nordeste : os Estados de Maranhão do Sul, São Francisco e Gurguéia. c) No Sudeste : os Estados de São Paulo do Leste, Minas do Norte, Triângulo e Guanabara. d) No Centro-Oeste : os Estados deAraguaia, Mato Grosso do Norte e Planalto Central. Este projeto, por mirabolante e totalmente afastado da realidade, sem dúvida permanecerá engavetado “per omnia saecula saeculorum”. 5 . Um projeto realista : Portanto, há necessidade de um planejamento sério e a longo prazo, com objetivos perfeitamente definidos, e isto dentro da realidade político-econômica emergente. Nada de sonhos mi- rabolantes, mas sim uma adequação objetivo/recursos/apoio popular. De nossa parte, sugerimos a criação dos Estados de Solimões, Tapajós eAraguaia, bem como do Território doAlto Rio Negro. Essa e uma obra que poderá consagrar o governo, colocando-o na História como Desbravador, no quilate de Rondon e JK. 6 . Plebiscito Global : Dessa forma, impositivo um plebiscito global, para ser verifi- cado se o povo confirma ou não a necessidade de uma redivisão territorial parcial e a longo prazo. Esse plebiscito urge, mas de nada adiantará, caindo no vazio absoluto, caso não seja im- plementada de imediato uma convergente política de amparo à natalidade, com o objetivo claro e permanente de nascimento continuado de levas de jovens heróis permanentemente dispos- tos a implementar a estruturação de uma geopolítica fincada no objetivo de ocupação efetiva dos grandes vazios nacionais. • Vende-se. Casa c/ 115m², central, próxima a Supermerca- do, Farmácia e Hospital. Com 8 peças grandes: 3q, cozinha e banheiro c/ cerâmica até o teto, possui vigas p/ construção de 2º piso. Paredes internas e externas e tijolos de vidro. Pátio c/ lajotas, murado e gradeado, valor R$ 150mil. No mesmo pátio casa de alvenaria com 2 peças e banheiro, mais 2 canils. Nego- cia-se parte em dinheiro e saldo parcela-se ou aceita-se imó- vel de menor valor em outro estado. Tratar fone: 9945-5589. • Precisando roçar seu terreno com roçadeira, chame Luis pelo fone: 9159.4200. • Vende-se casa de alvenaria com 40m², averbada com docu- mentos em dia. Rua: Marechal Floriano,nº247. Terreno 11x26. Va- lor de R$ 20.000,00, direto com o proprietário. Fone: 9135.1758. CLASSIFICADOS I mpressionou-se alguém que visitava parentes numa região da Itália, quando viu alguns habitantes, paren- tes, de idade avançada, juntando gravetos secos, amar- rando-os e recolhendo-os cuidadosamente. O quintal das ca- sas, arborizado, sempre oferece o que vai secando das árvores que sofrem transformações nas estações do ano. Nada além do que a observação da natureza, aproveitando suas lições. A curiosidade sempre provoca uma pergunta: essa arru- mação toda vai servir para alguma coisa? Sim, disseram, o inverno é rigoroso e isso vai servir muito para atiçar o fogo da lareira Se não juntarmos, tudo isso vai se perder. Além de aproveitarmos o ar purificado e usufruir a sombra dessas árvores, ajuda-nos a trocar idéias sobre a vida e sobre os gravetos que espalhamos e fomos juntando para aquecer o nosso inverno. Considerando a simplicidade dessa atividade, que não é comum para a nossa cultura urbana, ficamos com o simbo- lismo para o nosso dia a dia, principalmente para a região sul que tem as estações mais definidas. Só lembramos do frio quando ele chega. Na verdade não vivemos sem atender nossas necessida- des essenciais. Elas não dependem de máquinas e equipa- mentos sofisticados que nos ajudam, mas de atitudes fun- damentais para o equilíbrio humano. A nossa vida depende de gravetos, de simplicidade. A simplicidade é uma virtude básica na vida do ser hu- mano. Por mais sofisticado que seja o ambiente, o que fica em evidência é a simplicidade. Não há ambiente que resista no seio da arrogância, do orgulho e da vaidade. Os arrogan- tes e orgulhosos sempre caem mais cedo do que imaginam. Abrindo os olhos verificam que não adiantou de nada viver na ilusão de grandeza quando a vida é feita de simplicidade. A valorização das coisas simples é algo que deveríamos re- tomar. Hoje vemos que muitos têm dificuldade de reconhecer que não se acumulam vaidades, pretensões de grandeza, sta- tus. Quando alguém se sobrepõe na sociedade pelas funções que exerce ou pela riqueza, as pessoas ficam paparicando, elogiando, endeusando, demonstrando um respeito que, na maioria das vezes é temporário e causam muitas desilusões. Todos nós cometemos extravagâncias, arrogâncias in- compreensíveis, exageros, e tudo o que foge da simplicidade da vida. Não somos capazes de juntar os gravetos porque não paramos nunca. Não fazemos pausas. Não somos capa- zes de respirar de novo, de recuperar. Queremos viver com pressa, com rapidez. Não somos capazes de interromper o ativismo para sentir o paladar dos alimentos, o aroma de um bom vinho. Não mastigamos o suficiente. O tempo é nosso. Ele nos pertence. Gozamos o tempo que temos à disposição no qual somos totalmente nós mesmos. Somos maus admi- nistradores do tempo que temos. Quando chegamos a uma fase da vida vamos nos per- guntar: o que recolhi no tempo de existência que me ajuda a serenar o meu espírito e ser feliz? É claro que as realiza- ções, os pensamentos não morrem. São as coisas externas que vão perdendo importância. Os títulos perdem importân- cia. O poder perde importância. As vaidades e a influência pessoal perdem o significado, dando lugar ao mais profundo sentido da vida aquecido pela simplicidade dos fatos e dos atos que aquecem o coração. O que permanece são os gravetos. A árvore do tem- po está ali, frondosa, amainando o calor do verão e re- comendando: junte os gravetos para o seu inverno. Esses gravetos são os gestos de carinho das pessoas queridas, da família, dos amigos verdadeiros, do companheirismo, da solidariedade e principalmente do amor que dedica- mos a alguém que nos completa.
  3. 3.   3Jornal O EXPRESSOSábado e Domingo, 20 e 21 de novembro de 2010 Coluna doRCBebes morrem no DF Em 40 dias 11 bebes morreram na principal Unida- de de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal pública do Dis- trito Federal. No hospital existem 30 dos 81 leitos das UTIs neonatais da rede pública do Distrito Federal. As bactérias relacionadas com as mortes são klebsiella, serratia e estafilococos. O positivo, nesta tragédia, é que não foi identificada a superbactéria KPC (Kleb- siella pneumoniae carbapenemase). Cólera arrasa o Haiti Não bastasse o terremoto que em janeiro deste ano arrasou o país, a cólera ceifa vidas aos milhares, nave- gando na onda das péssimas condições de higiene e sa- neamento que imperam no Haiti. A Organização das Nações Unidas (ONU) estima que cerca de 200.000 haitianos possam contrair a cólera. Infelizmente a precariedade das condições sanitárias e alimenta- res faz com que famílias inteiras sejam dizimadas. Deputado Pedro Westphalen poderá ser Secretário Em viagem pela Europa o Deputado Estadual Pedro Westphalen (PP) reunir-se-á com o governador eleito em Lisboa. Tarso Genro (PT) tem interesse em obter o apoio do PP e o nosso deputado tem sido constante- mente lembrado – por setores da área da saúde e por lideranças partidárias – como um excelente nome para assumir a Secretaria da Saúde. Um expressivo reco- nhecimento pela sua trajetória política. Cristã condenada a morte no Paquistão Sob a acusação de blasfêmia contra o Islã uma mu- lher cristã foi condenada à morte no Paquistão, país que até hoje jamais executou alguém por blasfêmia. A mu- lhercujonomeéAsiaBibitemcincofilhosefoiacusada por mulheres muçulmanas de ter falado mal do profeta Maomé. No ano passado um casal foi condenado à pri- são perpétua pela mesma acusação. Grupos de defesa dos Direitos Humanos protestaram mundialmente e o marido disse que o caso é infundado. Nóbeis da PAZ X Armas Nucleares Reunidos em Hiroshima, no Japão, dia 12, Dalai Lama e outros ganhadores do Nobel da Paz nas últimas quatro décadas pediram o fim das armas nucleares. Nobel da Paz de 2010, o dissidente chinês Liu Xiaobo, preso em seu país não pode comparecer. Quanto gas- to em artefatos cujo único objetivo é exterminar a vida na Terra. FARC se congratula com Dilma A presidente eleita Dilma Rousseff (PT) foi alvo de elogios por parte do grupo rebelde Forças Armadas Re- volucionárias da Colômbia (FARC). Segundo os guerri- lheiros a vitória de Dilma “centuplicou nossa esperança na possibilidade de alcançar a paz pela via do diálogo e da justiça social”. Tinha razão o vice de José Serra ao dizer que o PT tinha ligações com as FARC. Feira‘Mãos que fazem’ AAssociação dos Ar- tesões de Cruz Alta eClubeArrancapromovem a abertura da Feira “Mãos que fazem”, na terça-feira, 23 de novembro, às 20 horas no Clube Arranca, onde estarão expostos para apreciação e aquisição de trabalhos artesanais con- feccionados pelo Artesãos de Cruz Alta. A feira acontece dos dias 23,24 e 25 de no- vembro, com diversas atrações artísticas, bem como Workshop que será ministrado por artesãs locais e regionais, aberto ao público a partir das 14 horas até às 22 horas. A promoção é ideali- zada pelo Clube Arranca e a AARCa, com participação especial da Secretaria Municipal de Desenvolvi- mento Social, Lions Clube de Cruz Alta Centro, Rotary Clube Cruz Alta, Rotary Erico Veríssimo e Rotary Ana Terra – através da Casa da Amizade, Yara Cai- no, Liga de Combate ao Câncer, amor Exigente, Etnias locais, entre outros. Prova do ENADE será neste domingo O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes – ENADE, que acontece neste domingo (21), às 13h, contará com a participação de 536 acadêmicos da Univer- sidade de Cruz Alta. Os Cursos avaliados serão Agronomia, Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina Veterinária, Nutrição e Ser- viço Social. Participarão do exame ingressantes e concluintes já devidamente inscritos. O ENADE tem por objetivo verificar o desem- penho dos estudantes com relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos de graduação.
  4. 4. Jornal O EXPRESSO Sábado e Domingo, 20 e 22 de novembro de 2010  4  4 Sábado e Domingo, 20 e 21 de novembro de 2010 OAB/RS 73.010 MARINO MARANGON e esposa ELVIRA DO AMARAL MARAN- GON marcaram presenças no Ginásio Municipal, sábado (13), na escolha da Mais Bela Comunitária. Integrantes do Ro- tary Clube, no Baile do Chopp, mais um evento desta enti- dade filantrópica que foi revestido de muito sucesso. LUÍS HENRIQUE GEWEHR CARDOSO e ROBERTA MACHADO RIT-TERBUSCH uniram-se em matrimônio sábado, 13 de novembro, naIgreja Matriz de Fátima. Após, recepcionaram os convidados com ospais HONÓRIO e GENY CARDOSO e WILSON e GECILDA RITTERBUSCH(in memorian), no Salão de Festas do Clube Internacional. Ten. Cel. Médico JÂNIO YUKISHIGUE SETO, Dire- tor do Posto Médico de Cruz Alta, esposa KÊNIA ELISE e filhos, em breve deixarão nossa cidade, fixando-se em Marabá (Amapá), onde assumirá o comando daquela uni- dade hospitalar militar.
  5. 5.   5Jornal O EXPRESSOSábado e Domingo, 20 e 21 de novembro de 2010 Nossa Velha Nova Cruz Alta Alfredo Roeber - roeber@comnet.com.br www.unimedplanaltocentralrs.com.br/cruz-alta Comemoração aos 173 anos da Brigada Militar A Brigada Militar Nas- ceu em 1837 como o Corpo Policial, pri- meira denominação de nossa força, a qual nunca estaria au- sente nos eventos mais impor- tantes da história de nosso Es- tado, permitindo-nos afirmar que a história da Brigada Mili- tar se confunde com a própria historia do Rio Grande do Sul. Na quarta-feira,17 de no- vembro, foi realizado na sede do Comando Regional de Poli- cia Ostensiva Alto Jacui, uma solenidade em homenagem ao Aniversario da Brigada Mili- tar, que em 18 de novembro de 2010 completa 173 anos de existência e dedicação a socie- dade riograndense. Ao longo de nossa trajetória atingimos a condição de ser- mos a única instituição existen- te e presente permanentemente em todos os municípios e rin- cões do Estado, em tempo real e integral, estando sua imagem internalizada no imaginário de todos os cidadãos gaúchos, como um ícone da segurança. Durante o evento foram ho- menageados os policiais milita- res destaque da área do CRPO Alto Jacui, Militares Estaduais transferidos para a reserva alti- va no ano de 2010, homenagem as entidades tradicionalistas e entidades civis e publicas de nosso município e região A solenidade contou com a presença de autoridades civis e militares do município de Cruz Alta e Região e comuni- dade em geral. O evento encerrou com o desfile da guar- da de hora composta por Policiais Militares do 16° BPM, 39° BPM, Companhia Rodoviária Estadual, Companhia Ambiental, Grupamento do corpo de bombeiros. Comércio antigo de Cruz Alta- Parte 2 Hoje mostraremos mais casas comerciais de Cruz Alta, todas da década de 1930, na época muito importan- tes. Destaca-se a Pharmácia Central, localizada na Rua Pinheiro Machado,hojecalçadão1,naqualEricoVerissimotrabalhouna década de 1920, antes de ganhar o mundo. Inclusive, foi atrás dos seus balcões que o escritor escreveu seus primeiros versos e poemas. Dizia, inclusive, que quando chegava algum cliente, ele se incomodava em ter que parar de escrever e ter que sair daquele mundinho mágico que fervilhava em sua mente. Agência Ford Brenner e Cia Pharmacia Central Casa Verde Livraria Internacional Pedro Bonini Casa Carlan Ao Preço Fixo
  6. 6. Jornal O EXPRESSO Sábado e Domingo, 20 e 22 de novembro de 2010 ESPAÇO JURÍDICO Dr. Marcos Adriano Vargas Cai a liminar que garantia Enem a quem se sentiu prejudicado por falhas   6 EXAME INTELECTUAL PARA ADMISSÃO NA EsSA 2011 ANIVERSARIANTES DA SEMANA Aviso sobre o CICA N a última segunda-feira, dia 15, realizou-se na Escola Annes Dias, a prova intelectual para in- gresso na carreira de Sargento do Exército. Cerca de 600 jovens de toda região noroeste realizaram a prova com duração de quatro horas. A Organização Militar Sede de Exa- me responsável pela aplicação da prova foi a AD/3. A Comissão de Aplicação e Fiscali- zação contou com mais de 90 militares das Organizações Militares de Cruz Alta e Ijuí. A prova transcorreu na mais absoluta tran- quilidade. O Comando da AD/3 agradece de maneira especial à 9ª Coordenadoria de Educação, na pessoa da Sra MARIODET BOENO PINTO, à direção do Colégio Annes Dias, na pessoa de sua diretora Sra ELISABETH CARVALHO ZAVAGLIA SILVA e a Prefeitura Municipal, pelo apoio do Departamento de Trânsito. 24/11/10 - 1° Sgt Fabio de Souza Navarro; BCAD/3 24/11/10 - 1° Sgt Claudio de Oliveira Marchon; EASA 24/11/10 - 3° Sgt Mateus Pinto Nequi; BCAD/3 25/11/10 - 2° Sgt Adriano Eliel Cruz dos Santos; EASA. Aos aniversariantes da semana, os cumprimentos do Comando da AD/3 e os votos de muitas felicidades, em nome de todos os militares da Guarnição de Cruz Alta. O Campo de Instrução de Cruz Alta é proprieda- de pública da União sob a administração do Exército Brasileiro, tendo como fina- lidade principal o adestra- mento de tropas militares. Existem áreas no interior do CICA que contém en- genhos falhados (granadas que não explodiram) enter- radas no solo e que poderão explodir ao serem tocadas, causando sérios riscos às pessoas das proximidades. Algumas medidas de se- gurança preventivas foram tomadas para evitar aci- dentes, como a demarcação das áreas, patrulhamento e divulgação. Dentro da área do CICA é expressamente proibido a caça e a pesca, bem como a entrada de pessoas não autorizadas. Aquelas pessoas que circulam indevidamente no interior do CICA pode- rão ser presas em flagran- te delito por estarem pra- ticando crime militar por invasão de área sob ad- ministração militar, sem autorização, definido no Código Penal Militar. O presidente do TRF da 5ª Região, Luiz Alberto Gurgel de Fa- ria, suspendeu na noi- te de quinta-feira (18), a liminar que assegura- va a todos os estudan- tes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e se sentiram prejudi- cados pela prova ama- rela ou pela inversão dos cabeçalhos nos cartões de resposta a fazer uma nova prova se quisessem. Na decisão, o de- sembargador Gurgel de Faria escreve “que a alteração do cro- nograma fixado pelo MEC implica atraso na conclusão do Enem, circunstância por de- mais relevante, consi- derando que diversas instituições de ensino superior utilizarão as notas do Enem na se- leção de ingresso dos novos alunos.” O magistrado pon- dera “ser inadmissível que paixões a teses jurídicas venham aflo- rar e contaminar o Ju- diciário, a ponto de se pretender a reforma da decisão anteriormen- te proferida por quem não possui competên- cia para tanto, trazen- do insegurança jurí- dica para milhões de jovens atônitos (e suas famílias) à espera da definição das respec- tivas situações escola- res”. Com a suspensão, voltam a valer as de- cisões já anunciadas pelo ministério da Educação. O MEC pre- vê refazer a prova para cerca de dois mil pre- judicados por erros no caderno de questões amarelo. O próprio ministério disse que convocará os estudan- tes que poderão fazer a nova prova de acordo com o levantamento dos nomes de quem teve problemas regis- trados nas atas dos fis- cais que aplicaram a prova. Os estudantes que se sentiram prejudi- cados pela inversão dos cabeçalhos do primeiro dia, em 6 de novembro, e não marcaram o gabarito de acordo com a or- dem numérica, de- vem pedir a correção invertida pelo saite do Enem até as 23h59 de hoje (19). Empréstimoscom cheque
  7. 7.   7Jornal O EXPRESSOSábado e Domingo, 20 e 21 de novembro de 2010 Horóscopo LUA: Cheia 21/11 a 28/11 • Cultura • Arte • Atualidades • Dicas • Moda • CuriosidadesZuleika EdlerFrase: “A verdadeira riqueza consiste de amor e sabedoria que beneficiem os outros.”. Áries 21/03a20/04 Touro 21/04a20/05 Gêmeos 21/05a20/06 Câncer 21/06a21/07 Leão 22/07a22/08 Virgem 23/08a22/09 Libra 23/09a22/10 Escorpião 23/10a21/11 Sagitário 22/11a21/12 Capricórnio 22/12a20/01 Aquário 21/01a19/02 Peixes 20/02a20/03 Conscientize-se do que etá oculto e repri- mido. Um dia que pode ser tenso, se você insistir em fazer as coisas de forma drástica. Se os caminhos parecem imprecisos, mais amor e sorriso podem resgatar a esperança. Momento muito especial em que tudo caminha para o sentido. Sonhar não custa nada, mas deve terrespaldonasatitudescotidianas,no aprimoramento e nas mudanças. Hoje percebe mais claramente suas ilu- sões, mas também os ardentes sonhos e ideaisqueoguiam.Momentodecompre- enderquearealizaçãodaindividualidade. Momento de cultivar a empatia, o afeto incondicional, mas também de superar carências e dependências. Autonomia significa deixar de agir baseado em carências e projetando nos outros as suas insatisfações. Hoje poderá sentir pressão nos relacionamentos, o que simboliza a necessidade de mudanças internas. Não se iluda com aparências. A ri- queza está no mergulho e não na su- perfície, escorpiano. Momentomuitoimportante,véspe- radeseuplanetaregenteretomaromo- vimento direto, nativo de Sagitário. Aprendizado de autonomia. Evite hoje realizar negócios ou comprometer as finan- ças.Nãoháclarezasobreovalordascoisas. Momento de perceber que a sensi- bilidade e a intuição informam o que de outro modo você não saberia. Ailusãoéumaformadistorcidadeuti- lizarasuaenergia,queétãosensívelein- tuitiva,nativodePeixes.Sentir-sefragili- zadonãosignificadesistirdossonhos. O nosso segredo HoradoLanche? Riasequiser... Quando nos deixamos guiar por uma ideia e a robuste- cemos a cada dia, concretizando-a na prática, a nossa vida transforma-se radicalmente diante de todos. Conta a lenda que uma menina estava passeando no jardim e viu uma borboleta espetada num espetinho. Foi até ela e a libertou. Quando fez isso, qual não foi sua maravilha ao ver que a borboleta se transformou numa bela fada. Para agradecer o beneficio, a fada perguntou à menina o que ela desejava; poderia manifestar qualquer desejo, que seria satisfeito. A Bolinhas de queijo • 3 colheres (sopa) de mantei- ga ou margarina • ¼ de xícara de farinha de trigo • 2/3 de xíca- ra de leite • 2 gemas • 1 xícara de queijo prato ralado grosso •½ xícara de queijo suíço rala- do grosso • sal e pimenta-do- reino • 1 ovo batido • farinha de rosca • óleo para fritar. Derreta a manteiga (ou a margarina) em fogo médio, junte a farinha de trigo e mexa bem. Adicione o leite, as gemas, o queijo parto e o queijo tipo suíço e mexa até que os queijos derretam . Retire do fogo e tempere com sal e pimenta-do- reino. Deixe esfriar e leve à geladeira até ficar firme. Faça bolinhas de uns 2cm de diâmetro com essa massa, passe-as em farinha de trigo e, em seguida, no ovo batido e na farinha de rosca. Repita, passando novamente no ovo e na farinha de rosca, e frite as bolinhas em óleo quente até que estejam douradas e crocantes. Escorra-as sobre papel absorvente e sirva. NaauladeCiências,oprofessorperguntaaoaluno: - O que se deve fazer quando alguém está sen- tindo dores no coração? - Apagar a luz! - Apagar a luz? Você ficou maluco? Ora, professor, o senhor nunca ouviu dizer que o que os olhos não veem o coração não sente?! menina disse que queria ser feliz. A fada, então, sussurrou algo no seu ouvido e desapareceu. A jovem foi crescendo, e ninguém era mais feliz que ela. Todos perguntavam qual o segredo de tanta felicidade, e ela simplesmente respondia: “Eu escutei uma fada boa”. Quando estava para morrer, os vizinhos aproximaram-se e pediram en- carecidamente para que lhes contasse esse segredo, pois todos estavam interessados, e ela não podia leva-lo ao túmulo. Nesse momento, a velhinha olhou para todos, sorriu e disse: “A fada me Batom – Para se passar o batom nos lábios com mais facilidade, fixan- do-o melhor, deixe-o, antes de usar, por alguns minutos no congelador; ou algu- mas horas na geladeira. Issoémuitobomfazernoverão,quando, devidoaocalor,obatomficacremoso,mole, podendoatésepartir,ouusá-lo. Aproveite os restinhos de batom: remova-os com palito, coloque-os numa latinha ou num pequenino pirex, levan- do-os em banho-maria até que fiquem líquidos. Despejar então nos estojos (deles próprios) e em pouco tempo a massa estará endurecida e o novo ba- tom pronto para ser usado. Beleza disse que todas as pessoas, por mais poderosas que se- jam, precisam do meu amor”.
  8. 8. Sábado e Domingo, 20 e 22 de novembro de 2010  8 Jornal O EXPRESSO  8  8  8  8| ÚLTIMA SÁBADOeDOMINGO 20e21DENOVEMBRODE2010 Sol com algumas nuvens. Não chove.Sol com algumas nuvens. Não chove. Sol com algumas nuvens. Não chove. HOJE: Min.: 10ºC Máx.: 27ºC DOMINGO: Min.: 14ºC Máx.: 30ºC SEGUNDA: Min.: 18ºC Máx.: 26ºC Dia da Bandeira Em comemoração ao Dia da Bandeira ocorrido ontem (19),a Es- cola de Aperfeiçoamento de Sargentos das Armas – EASA, realizou uma for- matura com o objetivo de enaltecer um dos nossos símbolos nacionais. A solenidade foi pre- sidida pelo General de Brigada José Caixeta Ribeiro – Cmdt. da AD/3, Cel. Art. Luiz Augus- to Cristovão Liotti – Cmdt. EASA, Ten. Cel. Marco Antônio Maluf Barroso – Cmdt. do 29ºGAC/AP e o Maj. Felisberto – Chefe do Es- tado Maior do Comando Regional de Policiamento Ostensivo (CRPO do Alto Jacuí). No ato cívico a EASA, juntamente com as or- ganizações militares da Guarnição de Cruz Alta, Forças Auxiliares e repre- sentações das Escolas mu- nicipais e estaduais, presti- giaram o hasteamento do Pavilhão Nacional na Av. Benjamin Constant. Du- rante a solenidade foi rea- lizado a cerimônia de inci- neração das Bandeiras.

×