O EXPRESSOQuinta-feira, 18 de agosto de 2011                    www.slideshare.net/jornaloexpresso                        ...
2             O EXPRESSO                                                 Quinta-feira, 18 de agosto de 2011               ...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011                                      O EXPRESSO          3     Campanha Nacional dos   ...
44                                                                                 O EXPRESSOue com                       ...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011   O EXPRESSO   5
6   O EXPRESSO                               Quinta-feira, 18 de agosto de 2011               JUSTA LEGEM*                ...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011                               O EXPRESSO                                               ...
8                                                       O EXPRESSO              Quinta-feira, 18 de agosto de 2011      A ...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011   O EXPRESSO                                                                  9 Alta em...
10                                                                     O EXPRESSO        Quinta-feira, 18 de agosto de 201...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011   O EXPRESSO   11
12   O EXPRESSO                                Quinta-feira, 18 de agosto de 2011               P           Regularização ...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011   O EXPRESSO   13
14                                                               O EXPRESSO                                 Quinta-feira, ...
Quinta-feira, 18 de agosto de 2011   O EXPRESSO   15
16                                                  O EXPRESSO Sábado e domingo, 30 e 31 de julho de 2011                 ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

18deagosto oexpresso

726 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

18deagosto oexpresso

  1. 1. O EXPRESSOQuinta-feira, 18 de agosto de 2011 www.slideshare.net/jornaloexpresso oexpresso@gmail.com D Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 | Ano 15 | nº 728 R$ 1,50 Hoje gravação do Galpão Crioulo evido a pre- visão de chu- va para essa quinta- feira, 18 de agosto, a gravação do Galpão Crioulo que acontece- ria em frente à Prefei- tura, foi transferido para o Ginásio Muni- cipal de Esportes, às 18 horas. O evento está in- serido na programação dos 190 anos de Cru Alta, sendo que os por- tões do Ginásio abrem a partir das 16 horas. Suplente de vereador Amauri Rodrigues comenta sobre o “destino” da verba da Câmara PÁG. 14 Fotos da história de Cruz Alta PÁGs. 06 e 07
  2. 2. 2 O EXPRESSO Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 VENDE-SE Vende-se uma casa de madeira com 2 quartos, sala, cozinha e banheiro situado na Rua Argentina, próximo a Dr. Noronha, terreno grande. Valor R$ 25.000,00. OPINIÃO Profº Claudino Albertoni FONE: 3324 3596/ 9623.5314/ 8117.1919. Vendo quarto de casal estilo colonial, completo, ESCUTE O SOM C com guarda-roupa cinco portas, penteadeira, cômoda, cama e dois criados-mudos. Contato: 84485610. ento e noventa anos. Os anos são conven- ções dos homens. A vida é uma realidade. Todos vivem o seu tempo, a sua realidade, o seu momento. É verdade que ficamos confusos com tan- tas novidades jogadas na nossa mente. Seria conveniente escutar o som dos anos? Certa- mente pensamos que nada existe para frente e para trás. O importante é sabermos viver bem o presente, valorizar as coisas do momento, o empenho da sociedade, a preocu- pação das famílias, os sonhos da juventude e a rapidez da criatividade e a tecnologia descartável. O que aconteceu no transcurso dos anos? Que vo- zes ficaram no espaço? Que palavras atraíram o povo. Que discursos desapareceram? Que realizações marcam alguma época desta cidade? Há muitas coisas materiais que contam histórias interessantes e lembram pessoas que deixaram marcas, embora esquecidas e ignoradas no tem- po presente. Se, porém, nos aprofundarmos no silêncio vamos escutar muitos sons e muitas vozes: Escute o tic tac dos saltos femininos andando apressados ao encontro do in- sondável. Ouça o assobio do sujeito despreocupado que atravessa as esquinas sem medo, o riso brejeiro da meni- nada em grupos, brincando com as estrelas nas noites de dança e de encontros, namoricos e amores fortuitos. No silêncio escute o que dizem seus cantos e encantos. Os tempos remotos deixaram o som do relinchar dos cavalos e o ranger das carroças que povoaram a imagina- ção de tantos homens e mulheres que construíram os ali- cerces da comunidade atual, Ainda em tempos passados, o som das primeiras buzinas de raríssimos automóveis que por aqui vieram pelas mãos de pessoas ricas e preo- cupadas em sempre estar em dia com a sua atualidade. Os sons desses motores e dessas buzinas despertaram muitos sonhos e muitas esperanças e determinações de jovens e adultos dos tempos que foram embora. Escute o som das marchas ritmadas das guarnições militares, da banda do exército atraindo curiosos, das bandas juvenis das escolas da cidade, da alegria dos des- files estudantis, dos aplausos, da curiosidade popular, do som dos bumbos e das trombetas, dos toques de sinos das Igrejas e das sirenes. Escute todos os sons que se perde- ram no tempo e no espaço, das casas de saúde, dos clubes e associações, do trabalho duro de todos os segmentos. Imagine-se a escuta dos primeiros que fizeram nas- cer esta vila, freguesia, cidade histórica, ouvindo o trinar Cartório de Registro Civil das aves, o murmúrio das águas dos riachos, hoje presos em tubos e enterrados pelo progresso, o farfalhar das fo- ÓBITOS lhas das árvores que foram sumindo debaixo das pedras das construções. Lembre-se o som do canto dolente dos Nome escravos que serviam os donos das terras da região, o api- Data Idade to estridente dos trens de carga e passageiros que corta- GABRIEL SOUZA SANTOS 10/08/11 73 ram os campos, soltando fumaça das máquinas a vapor, ERCÍLIO BERTI 10/08/11 79 Escute-se o som dos apelos pela construção do MARIA ALZIRA SANTOS RAMOS 10/08/11 84 Monumento de Fátima. No meio do silencio, escute-se MARIA THEREZA BALBINO 10/08/11 81 o som das teclas da máquina de escrever do jovem Eri- JOÃO LOPES DA SILVA 11/08/11 83 co Verissimo que sonhava e incorporava personagens em JOÃO LOUZARDO FORTES ALVARES 12/08/11 76 suas histórias vibrantes de realismo e também de fantasia e sonhos. Em algum lugar, em algum ponto de encontro IRMA DE LIMA TERRA 12/08/11 82 das noites de sábado e dos domingos cheios de fantasia CHRISTINA KIPPER ROSA 13/08/11 77 aconteceu o amor, porque o amor por esta terra aconteceu RALFE LÚCIO MÜLLER PINHEIRO 13/08/11 60 na simplicidade dos encontros e no sonho de construir ANTONIO DE CAMPOS 14/08/11 89 famílias que ao longo do tempo abraçaram este pedaço de JOÃO LUIZ LOPES KRIESE 15/08/11 48 chão abençoado por Deus e por intercessão da Virgem de ARACY RIBEIRO 14/08/11 88 Fátima. Escutemos o som do tempo. ARMINDO CARDOSO 15/08/11 74 O EXPRESSO Responsável Técnico: Vinculado a: ALBERTO WINTER 09/08/11 82 Dr. Assis Brasil Soares Filho Registro Profissional: SAIONARA VARGAS SOARES 16/08/11 43 nº 0064/99 ALADIA NILVA DAL ONGARO COLVERO 16/08/11 74 ABS PUBLICIDADE E REPRESENTAÇÕES LTDA Diagramação e Artes: Odilar Zillmann Os artigos assinados são ONDINA MARTINS PETRY 17/08/11 66 CNPJ: 92.930.171/0001-38 Editora Chefe: Sônia Gai de inteira responsabilida- Administração, Assinaturas, Publicidade e Redação: NAIR TEFÉ 17/08/11 100 Rua João Manoel, 810 - CEP: 98005-170 - Centro - Cruz Alta-RS Circulação: de de seus autores, não representando necessa- E-mails: oexpresso@gmail.com / expresso@comnet.com.br Todos os sábados riamente a opinião deste Cruz Alta, 17 de agosto de 2011. Impressão: ( (55) 3303-5995 Cia de Arte - Ijuí jornal.
  3. 3. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 3 Campanha Nacional dos Bancários 2011 Comando Nacional dos Ban- a Campanha Salarial dos Bancários do O cários fez a entrega da minu- ta de reinvindicações da cate-goria, no dia 12 de agosto, ao presidente País. A pauta de reivindicações da Cam- panha Salarial 2011, aprovada pela 13ª Conferência Nacional, realizada entre 29da Federação Nacional dos Bancos (FE- e 31 de julho em São Paulo, contempla re-NABAN) Sr. Murilo Portugal. Dando início ajuste salarial de 12,8% (aumento real de 5% mais reposição da inflação projetada em 7,5%), PLR de três salários, mais R$ 4500,00, piso do Dieese (R$ 2.297,51 em junho), emprego decente, com plano de cargos e salários para todos os bancários, fim das metas abusivas, combate ao assé- dio moral, segurança contra assaltos, ga- rantia de dispensa imotivadas, mais con- tratações, para dar melhor atendimento aos clientes, fim das filas, fim da rotati- vidade de funcionário, reversão das ter- ceirizações, igualdade de oportunidades, procedimentos de vendas casadas, Ética no Sistema Financeiro Nacional, plano de aposentadoria complementar, digna para todos. Além da discussão sobre o papel dos Bancos públicos e privados na conjuntura econômica nacional, onde os bancos estão lucrando como nunca, mas precisam ajudar o país a transformar o crescimento econô- mico em desenvolvimento, com distribuição de renda, mantendo empregos e am- pliando conforme as neces- sidades de cada região. Informações: Sindi- cato dos Empreg. Estabe- lecimento Bancários de Cruz Alta
  4. 4. 44 O EXPRESSOue com camos o Desta sq em Quinta-feira, 18 de agosto de 2011. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 alho contribu e seu trab nvolvimento ese para o d star social. bem e FERNANDO SCARPELINI PEDROSO, Administrador do Hospital Santa Lúcia e esposa CLAÚDIA. O cruz-altense Gen. Div. SÉRGIO WESTPHALEN ETCHEGOYEN - Cmdt. da3ª Divisão de Exército, está em visita oficial às unidades militares de CruzAlta. Na foto com a esposa e Ten. Med. JORGE BILIBIO WESTPHALEN. O casal empresário DARCI MARTINS e esposa MITA. VILSON ROBERTO BASTOS DOS SANTOS, Prefeito Municipal de Cruz Alta. MARINO MARANGON-Presidente do Legislativo Cruz-altense, PEDRO WESTPHALEN- Dep. Estadual e LUIZ NOÉ - Dep. Federal. ROSSANO CAVALARI, historiador e escritor. VALDOMIRO STEFANELLO, Presidente do CDL e A família FURIAN: ÉLINHO, ÉLIO e MARCOS JULIANO SILVA, Administrador do Hosp. São Vicente e esposa ANDREIA STEFANELLO.
  5. 5. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 5
  6. 6. 6 O EXPRESSO Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 JUSTA LEGEM* Conheça seus direitos O USUCAPIÃO FAMILIAR C om a publicação da Medida Provisória 514 de 01 de dezembro de 2010, convertida na Lei ao imóvel, não restará caracterizada a posse pacífica exigida para que se possa verificar a ocorrência do usucapião. 12.424 em 16 de junho de 2011, surgiu De modo a evitar o decurso novo instituto de Direito Civil que está do prazo de dois anos, pode o cônjuge sendo chamado de usucapião familiar que deixou o imóvel, notificar o ou usucapião por abandono do lar. outro, periodicamente, quanto ao seu A Lei 12.424 em 16/06/11 interesse pelo bem. incluiu o artigo 1.240-A no Código Como toda a importante Civil, gerando a nova modalidade mudança legislativa, esta nova de usucapião ao determinar que: modalidade de usucapião tem sido alvo “Aquele que exercer, por 2 (dois) anos de análise e estudo pela doutrina e pelos ininterruptamente e sem oposição, operadores do direito. Igualmente tem posse direta, com exclusividade, sobre sofrido muitas críticas, principalmente imóvel urbano de até 250m² (duzentos em razão do curto prazo estabelecido e cinquenta metros quadrados) cuja e da necessidade da clara configuração propriedade divida com ex-cônjuge ou do abandono do lar. ex-companheiro que abandonou o lar, Certamente muito se discutirá utilizando-o para sua moradia ou de sobre este tema, pois além de abordar sua família, adquirir-lhe-á o domínio uma relevante questão patrimonial, integral, desde que não seja proprietário está diretamente ligado ao Direito de de outro imóvel urbano ou rural.” Família e todos os aspectos psicológicos Em outras palavras, o cônjuge decorrentes do término de um que abandonar o imóvel que servia relacionamento. de residência à família, após dois anos Por fim, resta lembrar que o poderá perder o direito de propriedade usucapião é o direito através do qual sobre o bem em favor do outro que um cidadão adquire a propriedade pela permaneceu no imóvel, desde que se posse ininterrupta e prolongada, havida com continuidade e a tranquilidade. configurem alguns requisitos como, por Sendo direito protegido por lei merece exemplo, que o bem seja urbano, tenha ser observado e deve ser respeitado, menos de 250m² e seja o único da parte justa legem. que nele continuou a residir. Cabe salientar que, ocorrendo Marcelo Dias Jaques disputa judicial ou extrajudicial quanto Advogado - Especialista em Direito Público *Justa Legem é uma expressão jurídica latina que significa “conforme a lei”. A coluna Justa Legem é uma iniciativa conjunta do Jornal O Expresso e Jaques e Ampolini - Advocacia e Assessoria Jurídica criada para trazer semanalmente à comunidade cruzaltense informações atualizadas sobre leis e direitos.
  7. 7. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 7 Cruz Alta vai passar a ter Horóscopo 15 vereadores em 2013 21/03 a 20/04 LUA: Ming. 21/08 a 29/08 Áries Momento em que deve valorizar o afeto e os cuidados com a qualidade de vida, nativo de Áries. Muita coisa a ser feita em família, 21/04 a 20/05 na casa, na vida pessoal, privada. Touro A Momento em que a família e as questões emocionais podem demandar muita aten- ção. Hora de se questionar sobre as suas bases internas. E se o coração tem sido o 21/05 a 20/06 seu guia. Não pode mais se reprimir. Gêmeos Mercúrio amanhã ficará retrógrado e este mês de agosto será desafiador. Paciência partir das próximas processo foi aprovado por una- e introspecção necessárias. Hora de fazer eleições os eleitores já nimidade entre os vereadores. 21/06 a 21/07 uma auto-avaliação, a fim de se aprimorar. vão poder escolher 15 Para o Presidente da Câmara Câncerrepresentantes, ou seja, eleger 15 Municipal de Cruz Alta, Vereadorvereadores. Na Sessão Ordinária Marino Marangon, esse aumento Excelente momento para expressar a riquezadesta segunda-feira, foi a votação de 10 para 15 vereadores no mu- de talentos que pode se traduzir em prospe-o 2º turno do Projeto de Emen- nicípio é de extrema importância ridade. Cuidado com excesso de cobranças ou 22/07 a 22/08 com inquietação e nervosismo. Vá com calma.da à Lei Orgânica que altera o uma vez que aumenta a represen-parágrafo único do artigo da Lei tatividade da população no Po- LeãoOrgânica do Município que dis- der Legislativo e não interfere no É um dos momentos mais importantes dopõe sobre o número de verea- orçamento, já que o espaço físico ano. Atenção com atitudes orgulhosas ou exa-dores. Essa alteração se deu em da Câmara foi construído para 21 geradas. Use a energia leonina criativamente,todo país com efeito do advento vereadores. Outra situação é que 23/08 a 22/09 com paixão. Aprendizado de que o centroda Emenda Constitucional que o repasse do Legislativo também de poder é o amor.alterou os critérios de fixação não será alterado. “Teremos maior Virgemdo número de vereadores de representatividade com o mesmo Período que favorece o adeus a velhosacordo com a faixa populacional orçamento, com certeza que sai padrões, como também a colheita do quede cada município brasileiro. O ganhando é a população”, conclui. foi feito com amor. Percepção da peque- nez do ego, diante da vastidão do Univer- 23/09 a 22/10 so e de seus mistérios. Libra Bom momento para fazer uma auto-análise que auxilie no discernimento e correção de atitudes. A existência humana é permeada 23/10 a 21/11 pela busca de aprimoramento espiritual. Escorpião Hora de valorizar os talentos e a a capa- cidade de brilhar, ocupando o seu lugar ao Sol. O que é feito com paixão tem boas 22/11 a 21/12 VENDE AREAS RURAIS CRUZ ALTA 90 HÁ 550 SC HÁ 3 PAGTOS chances de se desenvolver. CRUZ ALTA 60 HÁ 600 SC HÁ 3 PAGTOS ROSARIO DO SUL 300 PECUARIA 3.500 HÁ 4 PAGTOS S. GABRIEL 263 HÁ AGRICULTURA E PECUARIA 8 MIL O HÁ 3 PAGTOS Sagitário S. GABRIEL VENDE 350 ARRENDA 450 A COMINAROS CAÇAPAVA 409 HÁ 3.700 HÁ AGRIC E PEC EXTRUTURA Cond. Á Combinar Trabalho é um dos temas mais relevantes GARRUCHOS 100 HÁ PECUARIA 5 MIL HÁ COND. A COMBINAR deste dia para os nativos de Sagitário. Humil- GARRUCHOS 86 HÁ PECUARIA 5 MIL O HÁ CONDIÇÕES A COMBINAR GARRUCHOS 414 HÁ AGRIC E PECUARIA 6 MIL HÁ MONTADA dade, discernimento e aprimoramento de- vem ser cultivados para atingir a excelência. 22/12 a 20/01 GARRUCHOS 1200 HÁ LAVOURA E PECUARIA 5.800 HÁ Á COMBINAR SÃO NICOLAU 470 HÁ COMPLETA 7.500 HÁ COND. A COMBINAR Momento em que brilham os seus sonhos. SANTA TECLA 350 HÁ COMPLETA 370 SC HÁ ENTRADA + 2 PAGTOS BOSSOROCA 320 HÁ 230 SACOS HÁ 4 PAGTOS SÃO SEPÉ 80 HÁ COMPLETA 12 MIL HÁ A COMBINAR Capricórnio TUPANCIRETA 340 HÁ 500 SACOS HÁ A COMBINAR IVAI 150 HÁ 400 SACOS HÁ 4 PAGTOS Fase importantíssima para se conscien- TUPANCIRETA 300 HÁ 20 MIL HÁ Á COMBINAR tizar e realizar mudanças, capricorniano. BAGÉ 700 HÁ VALOR R$ 3.500 O HÁ COM SEDE COMPLETA PAGTOS A COMBINAR VARIAS AREAS NA REGIÃO COM DIVERSOS TAMANHOS E CONDIÇÕES Percepção da prosperidade como uma energia que está atrelada ao comparti- 21/01 a 19/02 VENDE-SE : TERRENOS RUA DR. VOLTIER MEDINDO 948M² BARBADA 90 MIL lhar. Cuidado com atitudes orgulhosas. RUA PINHEIRO MACHADO MEDINDO 11X50 BARBADA 150 MIL RUA .RIO GRANDE DO NORTE UM LOTE NA S. TEREZINHA II 50 MIL RUA PADRE CONIGO MAUA COM PADRE ANTONIO COSTA 60 MIL Aquário BAIRRO SANTA TEREZINHA APARTIR DE 15 MIL As dificuldades que percebe nos outros podem VENDE-SE CASAS RUA MARECHAL DEODORO 170 MIL GENERAL PORTINHO 200 MIL ser intolerâncias a reconhecer em si. Momento VENDE-SE APARTAMENTOS JANGO VIDAL VALOR 55 MIL EDIFICIO BISSO 220 MIL oportuno para valorizar os aprendizados que os 20/02 a 20/03 GUILHERME COSTA VALOR 40 MIL EDIFICIO VAN GOHG 220 MIL relacionamentos trazem. Ênfase na busca do RUA SÃO PAULO VALOR 350 MIL EDIFICIO JEDA 190 MIL entendimento necessário à evolução. RUA SÃO PAULO VALOR 350 MIL EDIFICIO PONCHE VERDE 200 MIL RUA JOÃO MANOEL VALOR 600 MIL RUA BARÃO DO RIO BRANCO 500 MIL EDIFICIO MAJOR TURIBIO 145 MIL Peixes EDIFICIO CENTAURO 500 MIL RUA ANDRADE NEVES 80 MIL VARIOS OUTROS IMOVEIS A DIS- RUA ANDRADE NEVES 270 MIL Momento de encontrar novas possibi- POSIÇÃO DO JEITO EU VOCE PRO- RUA GENERAL PORTINHO 200 MIL CURA lidades relativas ao trabalho e ao coti- diano. Não aja como dono da verdade. Rua Andrade Neves, 900 É sendo humilde que encontrará o seu Fones: 3322-5390, 9629-9908 e 8145-3010 devido lugar, pisciano.
  8. 8. 8 O EXPRESSO Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 A historia de Cruz A história de Cruz Alta é uma das mais ricas dentre todas as outras cidades do Bancos hoje Rio Grande do Sul. Aliás, em alguns mo- Bancosmentos ela se confunde com a própria história doEstado e, até mesmo, do Brasil. Ela já foi contada de várias maneiras atra-vés dos tempos. Historiadores importantes comoJosino dos Santos Lima, Isaltina do Pillar Rosa,Prudêncio Rocha e, mais recentemente, RossanoCavalari, cada um à sua maneira, vêm contribuin-do para que ela não se perca e não se distorça. Játivemos livros, trabalhos e artigos sobre fatos, per-sonagens, aspectos políticos, sócio-econômicos,arquitetônicos etc., todos eles importantíssimos ede valor inestimável. Outra forma de preservarmos a memória dahistória é através de imagens, dinâmicas ou estáti- Pinheiro Machado 1900cas. Não fossem as imagens, a memória visual doslocais e personagens importantes da historia jamaisseriam imaginados pelas gerações subseqüentes.Primeiramente se deu a partir de desenhos e pin-turas. Mas depois, pelo surgimento da fotografia,em 1826, na França, a história pôde ser contadacom mais precisão e fidelidade. E mesmo com asdistâncias colossais entre os continentes na época, Pinheiro Machado hojecomparadas às de hoje, quando temos acesso pra-ticamente automático com tudo o que acontece noplaneta, Cruz Alta não tardou tanto a ficar sem ter a Venâncio Aires 1900oportunidade de ser fotografada. Já há registros fo-tográficos da cidade ainda no século 19, com fotosdatadas em torno de 1880. Já se disse: “... A fotografia é uma “máquina dotempo”, pela forma na qual nos leva ao passado. Éo veículo mais rápido para nos levar a algum lugar.Pode nos mostrar um passado bem distante, noscontar uma história. É um detonador de emoções.É um instante de tempo congelado na memória.Nenhuma outra forma de expressão artística é tãocontundente, tão profunda, tão exata, tão crua, ou Venâncio Aires hoje
  9. 9. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 9 Alta em imagens tão emotiva como uma fotografia…” E Cruz Alta , com as suas, se insere nisso tudo. No Projeto Nossa Velha-Nova Cruz Alta ten- tamos resgatar essa Cruz Alta registrada no papel, transformando-a em bites digitais que, distribuídas para milhares de pessoas através da internet, acabam se eternizando. Através de pesquisas, ”garimpagens” e doações de “retratos” antigos temos condições de “salvar” centenas, quiçá milhares de exemplares con- denados ao esquecimento e à destruição. Neste proje- to, paisagens e prédios antigos são comparados com os atuais, de modo que num simples clique do tecla- do podemos viajar por mais de 100 anos, analisando de uma maneira objetiva o contraste dos tempos. Às vezes boas surpresas são constatadas, quando ve- mos prédios históricos preservados, mas, não raro, Lagoa do Cemitério Mariz e Barros denunciamos a destruição da memória arquitetônica original, geralmente pela substituição de belos pré- dios antigos por outros de muito menor beleza, quan- do não, sinceramente feios. Que nesses 190 anos de vida da Nossa Cruz Alta possamos, além de comemorar, refletir sobre a importância de sua preservação, tanto da sua pró- pria história contada como de seu patrimônio, dan- do cada um a sua contribuição para que nossos descendentes também possam desfrutar das belezas seguramente en- contradas aqui. General Osório AlfrEdO rOEBEr Criador do Projeto Nossa Velha- General Osório hoje Nova Cruz Alta
  10. 10. 10 O EXPRESSO Quinta-feira, 18 de agosto de 2011( Folclore, Tradição, Chasques e outras Gauderiadas) ANGELINO ROGERIO • angelinorogerio@terra.com.br Comemorar Cruz Alta tou munição ou a indiada perdeu mes- mo foi a vontade de pelear pelo que é nosso. E perdemos um “balaio” de coi- sas. Com o tempo, surgiram novas li- deranças, e nosso povo que é “bom de briga” afiou a lança, entupiu de pólvora a garrucha, encilhou o cavalo e engros- sou a cavalaria para reconquistar o ter- reno perdido. Conquistamos posições importantes mas outras estão sendo sériamente ameaçadas. Vamos deixar assim ou pegar em armas e defender o que é nosso, gauchada? Nosso hino oficial é um chamado que todos devíamos honrar. Começa uando o padre jesuíta Antonio assim: Q Sepp mandou cravar a cruz demadeira na terra vermelha de Benjamin “ Nova aurora, ò cruz-altensesNott, abriu o corredor da história para Vai raiando em vossa história,todos nós. De pouso de tropeiros, a vili- No começo ainda apenasnha virou cidade e hoje é uma lenda. A Já com páginas de glória,cidade-mãe gerou mais de duas cente- Quer no campo de batalhas,nas de municípios e foi testemunha do Conquistada com valor,progresso de uma imensidão de terras Quer em letras de ouro escrita,de Rio Pardo a Passo Fundo. Por aqui, Com a lei de paz e amor.o cenário sempre foi de muita luta. Pri-meiro por poder, por conquistas, por Eia, avante! Nobre povo;manutenção do território. Depois, ou- Eia, avante e sem cessar!tras lutas homéricas para sobreviver ao É brilhante teu futuro:próprio progresso que cobra seu preço. Para frente, pois, marchar! “Quando pesquisamos nossa origem, dá O que eu mais gostaria, nesta co-um orgulho danado saber que essa ter- memoração dos 190 anos de Cruz Alta,ra foi berço de tanta gente “peleadora”, era ver essa cidade vicejando alegria.de gente valente que brigou e ainda bri- Ver nossa gente transbordando auto-gam por nossa cidade desde os tempos estima e olhando confiante para o ho-das escaramuças imperiais. Hoje os ini- rizonte azul. Queria ver o maior desfilemigos são outros, são outras as armas, dos últimos anos, com todas as escolastantas as contendas, mas Cruz Alta não e seus alunos, com as bandas marciaisse entrega!.. rufando seus tambores e todo povo nas Já tivemos tantas peleias por aqui ruas agitando bandeirinhas com o brasão!!.. Em algumas, pegamos em armas e da cidade. Queria ver os carros e motos (eenfrentamos o inimigo dentro da pró- até as “gaiotas” puxadas a cavalo) pelaspria trincheira. Noutras, enviamos vo- ruas ostentando um adesivo de amor àluntários prá brigar tanto na Guerra do Cruz Alta, mostrando que temos orgulhoParaguai quanto na Itália, na 2ª Guerra em ser Cruzaltenses e despertando o queMundial. Outras vezes, parece que fal- talvez nos falte: CIVISMO.
  11. 11. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 11
  12. 12. 12 O EXPRESSO Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 P Regularização de dados do Cartório Eleitoral essoas que devem comparecer no Cartó- rio Eleitoral para regularização dos dados no Cadastro Eleito- ral, trazendo documento com- probatório de residência. Celia Beatriz Victorio dos Santos,Título Eleitoral: 0229.1977.0450;Bruno Wer- ner Kurzawa,Título Eleitoral: 0363 9359 0426;Maria Helena da Paixão Alvares, Título Eleito- ral: 0635 4866 0469;Francisco Baptista Olegário, Titulo Eleito- ral: 0043 0012 0426
  13. 13. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 13
  14. 14. 14 O EXPRESSO Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 A Amauri Rodrigues fala sobre o aumento do número de vereadores provada na anos passados, com os segunda- mesmos gastos. Hoje feira, 15 de Cruz Alta, poderia teragosto, o aumento do avançado principal-número de vereadores mente na questão dade 10 para 15. saúde dos idosos, pois O jornal O Expres- na cidade eles não es-so entrevistou Amauri tão tendo o atendimen-Rodrigues, suplente de to conforme deveria, jávereador, que se diz fa- que é muita burocraciavorável ao aumento do para o atendimento.número de cadeiras no Isso deve ser observadolegislativo. “O valor re- pelo Ministério Público,passado para Câmara de pois está faltando ver-Vereadores é em torno ba para a saúde, e porde R$ 400 a R$ 450 mil onde cada um recebe pergunto, aonde está outro lado o dinheiroreais com 10 vereado- cerca de R$ 5.500,00, indo o restante do di- da Câmara está toman-res. O aumento de ve- totalizando R$ 55mil/ nheiro que repassado do rumo que não sabe-readores não aumenta mês, os marajás que dá todos os meses para mos”, finaliza Amauri.o custo da Câmara, pois em torno de R$ 50mil/ a Câmara de Vereado-o repasse será o mesmo mês, a folha de paga- res?”, enfatiza Amauri.dos 10. Mas o que me mento arredondado O suplente diz quechama atenção é de que mais R$ 50mil/mês, está sobrando dinhei-todo esse período que já diárias, material de es- ro nos cofres do legis-passou e ainda vai até o critório e entre outros lativo municipal. “Foifinal do próximo ano, é mais R$ 50mil/mês, aprovado o aumentoa questão do gasto, pois totalizando ao todo R$ para 15 vereadores,temos dez vereadores 200 mil por mês. Agora nós já tivemos 21 em
  15. 15. Quinta-feira, 18 de agosto de 2011 O EXPRESSO 15
  16. 16. 16 O EXPRESSO Sábado e domingo, 30 e 31 de julho de 2011 Quinta-feira 18 de agosto de 2011 60ª ROMARIA DE FÁTIMA A diocese de Cruz Alta lança sexta-feira(19) a PREVISÃO DO TEMPO: QUINTA: SEXTA: SÁBADO: edição deste ano da Romaria ao Monumento de Fá- Novas áreas de instabilidade que se or- Mín.: 12ºC Mín.: 11ºC Mín.: 18ºC tima, que ocorre dia 09 de outubro.ganizam como uma frente fria vão provo-car muita chuva no Rio Grande do Sul entre Máx.: 15ºC Máx.: 12ºC Máx.: 22ºC Em 2011 a Romaria completa 60 anos de exis-quinta e sexta-feira. Na sexta-feira, chove Tempo severo,com chuva Chuvoso durante o dia e a noite Dia de sol com algumas nu- tência e vai ter como tema “Com Maria em defesa daem todas as áreas. A chuva mais intensadeve ocorrer entre o norte gaúcho. forte e trovoada vens.Possibilidade de chuvaCorregedor visita Vara do Trabalho vida” e o lema “A criação geme em dores de parto”. No ano passado o evento religioso recebeude Cruz Alta cerca de 140 mil romeiros. O lançamento de sexta- feira ocorre na catedral do Divino Espírito Santo. Na terça-feira, 16 de agosto, estevevisitando a Vara do Trabalho de CruzAlta, o corregedor do Tribunal Regionaldo Trabalho, Dr. Juraci Galvão Junior. O Jornal O EXPRESSO esteveentrevistando-o, o qual informou omotivo da vinda para Cruz Alta. “Nóscorregedores fizemos uma visita derotina anual para ver o funcionamentodas Varas de Trabalho, acompanhan-do os processos, se estão tramitandocorretamente e principalmente se eles Na foto o ilustre visitante Dr. Juraci, com ex-estão andando em um prazo razoável celentíssima Dra. Odete Karlin-Juíza Responden-com a mínima demora”, diz Dr. Juraci. te pela titularidade da Vara de Cruz Alta, sendo O Corregedor nasceu em São Pau- que foi recepcionado pela diretora da secretarialo, mas faz mais de 30 anos que mora do Ministério do Trabalho de Cruz Alta, Jacira Re-no Rio Grande do Sul. giane de Ramos Silva e demais funcionários.

×