13denovembro oexpresso

447 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
447
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

13denovembro oexpresso

  1. 1. SÁBADO e DOMINGO, 13 e 14 DE NOVEMBRO DE 2010 • ANO 14 • Nº 692 • www.slideshare.net/jornaloexpresso | O EXPRESSOR$ 1,50 oexpresso@gmail.com Campeonato Municipal de Campo | Página 03 Rodada acontece neste domingo Mais Bela Comunitária será escolhida hoje CLAUDIANE VEBER Beleza, harmonia, sim- patia, comunicação e desenvolturanapassarela.Esses serão os 5 quesitos avaliados hoje(13) na escolha da Mais BelaComunitáriadeCruzAlta. Ontem à noite foi reali- zado um ensaio geral com as candidatas. Neste sábado, pela manhã uma carreata passará nas principais ruas do município. Cerca de 60 candidatas concorrerão nas 3 categorias do concurso: In- fantil, de 5 à 10 anos, Juvenil, de 11 à 15 e Adulto, de 16 à 24 anos. Ao todo 22 bairros serão representados. Os 5 jurados são ligados à movi- mentos comunitários, porém em outros municípios, como Ijui, Ajuricaba e Jóia. Segundo o presidente do Conselho Deliberativo da Uamca. Silas Marques, as candidatas serão submetidas a um teste de conhecimentos gerais, sobre o município e as comunidades. Essa ava- liação pertence ao quesito comunicação e tem peso 15. Os outros quesitos serão ava- liados de 5 à 10. A estimativa é que cerca de 3 mil pessoas prestigiem o concurso. O evento acontece no Gi- násio Municipal, a partir das 9 da noite. Nos intervalos ha- verá shows e apresentações com grupos do município. RUA TAPAJÓS Moradores sem ônibus devido ao péssimo estado da rua | Última Págima
  2. 2.   2 Jornal O EXPRESSO Sábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010 (55) 3303-5995( Vinculado a: O EXPRESSO ABSPUBLICIDADEEREPRESENTAÇÕESLTDA Administração,Assinaturas, Publicidade e Redação: Rua João Manoel, 810 - CEP - Centro - Cruz Alta-RS E-mails: oexpresso@gmail.com / expresso@comnet.com.br CNPJ: 92.930.171/0001-38 Responsável Técnico: Dr. Assis Brasil Soares Filho Registro Profissional: nº 0064/99 Diagramação e Artes: Odilar Zillmann Editora Chefe: Sônia Gai Circulação: Todos os sábados Impressão: Cia de Arte - Ijuí Os artigos assinados são de inteira responsabilida- de de seus autores, não representando necessa- riamente a opinião deste jornal. OPINIÃOProfº Claudino Albertoni REPÚBLICA Q uinze de novembro é o dia que se comemora a Proclamação da República. Geralmente enten- demos a data como um feriado nacional que de- sejamos aproveitar ao máximo. Mas, creio, é útil lembrar algumas pequenas interpretações para nós brasileiros com vistas a entender melhor o significado: Em primeiro lugar todos devem lembrar que na Consti- tuição do nosso país está escrito o nome: REPÚBLICA FE- DERATIVA DO BRASIL. O que é, então, República? República é uma forma de governo em que, em princípio, o poder é exercido temporariamente, isto é, por tempo limi- tado, por pessoas eleitas. A República Federativa do Brasil é formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal. A Constituição declara também que os poderes executivo, legislativo e judiciário são independentes e harmônicos entre si. A República pode adotar o regime democrático. A cons- tituição declara que a República Federativa do Brasil se constitui em ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO. Algumas repúblicas não adotam o regime democrático e sim regimes totalitários, como é o caso de Cuba, cujo gover- no é ditatorial. A República Federativa do Brasil já adotou ditaduras: o Estado Novo, cujo ditador foi Getúlio Vargas e a ditadura militar, de memória mais recente. Nas ditaduras não há liberdade nem representação popular. O Regime democrático se fundamenta no princípio da soberania popular, na liberdade individual, em eleições li- vres, na divisão dos poderes e no controle da autoridade. A forma republicana de governo tem sua origem no con- tinente americano, surgindo com a independência dos Esta- dos Unidos da América, em 1776, Essa forma de Governo foi adotada também a partir da Revolução Francesa, embora no continente europeu a forma de governo mais comum é a Monarquia, que também pode ser absoluta ou democrática. O Brasil adotou a monarquia a partir da independência até 1889 quando foi proclamada a república. Nas repúblicas são dois sistemas de governo que podem ser adotados: o presidencialismo ou o parlamentarismo. Os países do continente americano, sob a influência dos Estados Unidos, adotaram o presidencialismo, com exceção do Ca- nadá que faz parte da Comunidade Britânica. Na Europa, a maior parte dos países adota o sistema parlamentarista cujo chefe de estado é o Monarca ou Presidente e o chefe de gover- no é o primeiro ministro. Exemplo clássico é a Inglaterra. O Brasil, com o advento da República, adotou o Presi- dencialismo que vigora até nossos dias com base na Consti- tuição que regula o funcionamento das instituições dos po- deres da república: executivo, legislativo e judiciário. Toda essa mudança foi regulada pela primeira constituição repu- blicana que data de 1891. Com a proclamação da República em 15 de novembro de 1889 foi extinto o sistema de governo monárquico que vigorou desde a independência até esse dia. A família impe- rial da época voltou para Portugal e os descendentes vivem hoje no Brasil integrados à sociedade, em Petrópolis, no Rio de Janeiro. O dia 15 de novembro não é simplesmente um feriado, mas um marco importante na história de nosso país. Foram mudanças profundas na estrutura do poder e nas instituições. Por isso, a luta pelo poder não é novidade. As estratégias são novas, mas a finalidade é a mesma. • Vende-se casa de alvenaria com 40m², averbada com documentos em dia. Rua: Marechal Floriano,nº247. Ter- reno 11x26. Valor de R$ 20.000,00, direto com o proprie- tário. Fone: 9135.1758. • Precisando roçar seu terreno com roçadeira, chame Luis pelo fone: 9159.4200. • Vende-se uma geladeira fost-free, marca Bosch, estado de nova. Fone: 9115-6018 (Milton) CLASSIFICADOS Gen Div ODILSON SAMPAIO BENZl Comandante da 3ª Região Militar MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO MILITAR DO SUL COMANDO DA 3ª REGIÃO MILITAR (Gov das Armas Prov do RS/1821) REGIÃO DOM DIOGO DE SOUZA EDlTAL DE CONVOCAÇÃO EXERCÍCIO DE APRESENTACÃO DA RESERVA DO EXÉRCITO (EXAR) - 2010 O Comandante da 3ª Região Militar convoca todos os Oficiais e Praças transferidos para a reserva ou de- mitidos do serviço ativo sem perda de posto e patente, nos últimos cinco anos, para se apresentarem no EXAR - 2010 de uma das seguintes formas: 1 - Pela Internet, no endereço eletrônico: http:// www.exarnet.eb.mil.br/ de 1° de dezembro 2010 a 31 de janeiro de 2011, por meio do EXAR.Net, exceção feita à 5ª e última apresentação, que deverá ser obriga- toriamente presencia. 2. Presencialmente, no período de 09 a 16 de Dezem- bro de 2010. das 08:00 às 17:00 horas, exceto sábado e domingo, nos seguintes locais: no endereço constan- te da CARTA DE CHAMADA: na Rua dos Andradas, 551 - 1º andar - salas 103/104, Porto Alegre-RS: nas Delegacias do Serviço Militar: nas Juntas de Serviço Militar ou em qualquer Organização Militar do Exérci- to Brasileiro. para os reservistas que não tenham rece- bido a CARTA DE CHAMADA ou que. tendo recebido não possam comparecer ao local indicado e os oriundos de outras Regiões Militares ou que estejam em trânsito na área da 3ª Região Militar (Estado do RS). 3. As apresentações dos Oficiais e Praças da Reserva Remunerada realizadas anualmente na Seção e nos órgãos pagadores de Inativos e Pensionistas são consideradas váli- das para o EXAR. Porto Alegre-RS, 20 de setembro de 2010. Data IdadeNome Cruz Alta, 05 de novembro de 2010. Cartório de Registro Civil ÓBITOS DORALINA AZAMBUJA FERREIRA OLIRA DE SOUZA GUILHERME LUCAS DOS SANTOS OZORIO DOS SANTOS DANIEL FAGUNDES ALVES PEDRO SOARES ELIO KNEBEL VIANA KURT RITTER ELLIMAR EBERHARDT FELIX ADALBERTO RIBAS MOREIRA VALENTIM ENRIQUE PACIOS DAVID JOSÉ SCAPIN IVONE SOARES CORVALÃO IZABEL MELLO DA SILVA 30/10/10 31/10/10 31/10/10 30/10/10 30/10/10 31/10/10 31/10/10 01/11/10 02/11/10 03/11/10 04/11/10 05/11/10 04/11/10 05/11/10 84 65 84 92 19 76 53 83 73 78 88 85 75 73 EDITAL DE CASAMENTO nº 45/2010 Quem souber algum impedimento acuse-o na forma da lei. Cruz Alta, 12 de novembro de 2010 Rui Fontana - Oficial • RUI ANTÔNIO SANTOS MACHADO e NEUSA SOARES DA LUZ • RAFAEL DE SOUZA GODOY e LUCIMARA DE OLIVEIRA SIEG • ROMEU FABIO WYZYKOWSKI e FABIANE SENHORINHO BATISTA • ADILSON MARTINS DE SOUZA CARTORIO DO REGISTRO CIVIL e ANA LÚCIA SANTOS DA SILVA • LUÍS MARCELO SILVEIRA VOGEL e ANA LUIZA FLÔRES MACHADO • AUGUSTO JOÉL OURIQUES PINTO e JACINTA ROSA RAMOS • MARINO ROSA DE OLIVEIRA e DANUSA MOURA PEREIRA Programa Educacional de resistência às drogas Escola Dr. Alberto está participando do Programa Educa- cional de resistência às drogas (PROERD), está trabalhando a prevenção do uso indevido de drogas e a violência entre estu- dantes,bemcomoajudarosestudantesanãoparticiparemdas pressõesetambémda influencia diárianaviolênciaescolar. No decorrer das aulas ministradas pelo o especialista do PROERD, foi desenvolvido também o PROJETO CON- TRA O BULLYING, onde os alunos apresentaram um trabalho interdisciplinar pretendendo coibir a pratica de bullyin com apresentação teatral, maquetes e cartazes, tra- tando de questões como respeito, coleguismo e amizade.
  3. 3.   3Jornal O EXPRESSOSábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010 Coluna doRC OAB/RS 73.010 1º Torneio Integração Infantil de Tênis Esta marcado para este final de semana, dias 13 e 14 de novembro, o 1º Torneio Integração de Tênis Cruz Alta/RS, que acontecerá no Clube Arranca. •• Premiação: •• • 1º Lugar Trofeú Individual + 400 reais (Para a equipe) • 2º Lugar Trofeú individual + 200 reais (Para a equipe) • Semifina- lista perdedor ganha medalha (2) + 50 reais (Para a equipe) • Medalha de Participação para todos os atletas 74º Encontro dos Conselhos Tutelares Campeonato Municipal de Campo: Rodada acontece neste domingo Acontece neste domingo, dia 14 de novem- bro, mais uma rodada da competição, no Campo do Guarani e no Campo do Nacional. Segundo o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, Fernan- do Cossetin “Tivemos ótimos jogos nas últimas rodadas e a tendência é que a disputa fique mais acirrada no decorrer da competição. Mais infor- mações sobre o Campeonato Municipal de Cam- po, podem ser obtidas pelo fone: 33211405”. Dilma Presidente Sem o apoio de Lula – que navega num alto índice de popularidade – a candidatura vitoriosa de Dilma Rousseff não teria existido e quanto mais decolado. Passado o embate eleitoral resta ao povo brasileiro torcer que no governo ela honre o que prometeu durante a campanha, pois isto signifi- cará melhores tempos para todos. Goleiro Bruno Esta repercutindo muito a declaração do goleiro Bru- no acusado de matar Eliza Samúdio. Segundo o goleiro “a Eliza está viva em São Paulo. Ela está acabando com minha vida e eu estou sofrendo muito por isso”. Só o tempo dirá quem fala a verdade: ele ou as autoridades policiais. Argentina de Luto Morreu aos 60 anos de idade, vítima de um infarto agu- do do miocárdio, no dia 27.10.2010, o ex-presidente Nés- tor Kirchner. Era uma pessoa por demais carismática, pois viam nele um líder capaz de tirar o País de qualquer sufoco. Com a morte do marido a atual presidente alicerça sua pretensão de se candidatar a reeleição em 2011. Iniciou o maior censo do planeta No dia 1º de novembro vários batalhões de recenseado- res chineses – totalizando seis milhões de pessoas - inicia- ram aquele que será o maior censo da história. Durante 10 dias estes profissionais visitarão as casas de todos os lugares a fim de traçar o perfil da China, cuja estimativa é possuir 1,33 bilhões de chineses. O que acontecerá com aqueles que descumpriram a lei que determinava que cada casal poderia ter apenas um filho? McDonald’s condenado repercute internacionalmente A 3ª Turma do TRT gaúcho condenou - em meados de outubro - uma franquia do McDonald’s da Capital a indeni- zar um ex-gerente que engordou 30 Kg durante os 12 anos que trabalhou na empresa. O valor da indenização chegou a R$ 30 mil e a lanchonete deverá custear o tratamento mé- dico visando a redução de peso. A decisão seguiu a mes- ma linha de outras que condenaram empresas porque os seus enólogos ou mestres cervejeiros desenvolveram alcoolismo. Brasil: um dos países que mais complicam as empresas Um relatório do Banco Mundial demonstra que cresceu a hostilidade do Brasil com as empresas aqui instaladas. O país caiu da 124ª posição no ano passado para a 127ª nes- te ano, contabilizadas 183 nações. Na questão impostos, o Brasil é o campeão mundial em burocracia, sendo neces- sárias 2.600 horas para se pagar taxas. Para se abrir uma empresa aqui são necessários 15 procedimentos, enquanto no Canadá e Nova Zelândia apenas um procedimento. No Brasil são necessários 120 dias para abrir uma empresa, na Nova Zelândia somente um dia. A Administração Municipal,atra- vés da Secre- taria de Desenvolvimento Social, Conselho Tutelar e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Ado- lescente (COMDICA), realizou o 74º Encontro Regional de Conselheiros Tutelares do Planalto Mé- dio - COPLAME. O evento ocorreu ontem, 12 de no- vembro, na casa de Cultu- ra Justino Martins tendo inicio as 8h30mim. O objetivo do evento de formação continuada, foi a troca de experiências entre os profissionais, bem como a atualização de informações a cerca de legislação, programas, projetos, ações, e, ain- da, a gestão de políticas públicas voltadas para a criança e o adolescente em nosso Estado e País. Segundo a conselhei- ra tutelar, Gabriela Viei- ra, o encontro versou sobre a importância do papel do conselho tu- telar. “As pessoas mui- tas vezes cobram que o conselho tutelar não faz nada em determinadas situações, que são cobra- das do conselheiro, mas não são suas atribuições, pois não podemos tomar certas posições como trocar a guarda de um pai ou mãe. Isso é com- petência do judiciário. Quando o adolescente está tendo uma postura inadequada por conse- quência ao uso de dro- gas, acaba cometendo um ato infracional, não é o conselho tutelar que vai lá pegar esse adoles- cente e encaminhar para um local. A comunidade tem uma visão distorcida de que o conselho tira a autoridade dos pais. Nós nunca vamos tirar auto- ridade de um pai ou uma mãe. Pedimos que os res- ponsáveis pelas crianças esclareçam que eles de- vem ter respeito pelo pai ou pela mãe, não do con- selho tutelar”. O evento contou com a participação dos conse- lheiros tutelares e demais conselheiros dos Con- selhos Municipais das Crianças e Adolescente dos 71 municípios que compõem o colegiado de conselheiros da região. Foram palestrantes os advogados Marcos Aze- redo e Mateus André Zambonato sobre as te- máticas O Conselho Tu- telar e suas Atribuições e O Conselho Tutelar e a Rede de Atendimento.
  4. 4. Jornal O EXPRESSO Sábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010  4  4 Sábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010 Um registro especial para a Diretora da Escola Santa Mônica, VONI MARIA DOBRA- CHINSKI que no dia 12 de setembro recebeu a homenagem dos colaboradores da Escola Santa Mônica, a qual é diretora. Parabéns! IVONE NOR- MÉLIA e HEITOR CIGANA realizam saudáveis caminha- das pela manhã e à tardinha recebem familiares e amigos para o tradicional chimarrão e agradá- vel bate-papo na re- sidência do casal. Dr. JOÃO CARLOS DONADUSSI concei- tuado médico cardio- logista, participa de congressos e cursos de especialização, vi- sando aumentar co- nhecimentos na área de atuação. Os pais Dra. IDA VA- NESSA DOEDERLEIN SCHWARTZ e espo- so paulo gilber- to cogo leivas felizes em receberem familiares em POA para comemorem o primeiro aninho da pequena ROSA SCHWARTZ LEIVAS, neste sábado (13). Na foto, Ida com a mãe REGINA DOEDER- LEIN SCHWARTZ
  5. 5.   5Jornal O EXPRESSOSábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010 Implantes dentários, recupere seu sorriso C om o desenvolvi- mento da odonto- logia, a reabilitação protética dos pacientes tem encontrado nos implantes dentais a primeira opção para a resolução da maioria dos casos. O bom resultado e sucesso da técnica depen- dem dentro outros fatores das condições bucal e sistê- mica dos pacientes. Os implantes são “raízes artificiais” instaladas no osso mandibular ou maxilar. Ao substituir as raízes dentais, possibilita a confecção de próteses sobre eles, permi- tindo a reabilitação estética e funcional além de devolver qualidade de vida social ou individuo debilitado. Os implantes proporcio- nam conforto e eficiência na mastigação, de forma similar aos dentes naturais, sendo superiores ao uso das próte- ses totais (dentaduras) e pró- teses removíveis. São fabricados de TITÂ- NIO comercialmente puro, de eficiência cientificamente comprovada. Os implantes têm por fun- ção: recuperar estética e fun- ção, frear a reabsorção óssea, diminuir a sobrecarga nos dentes remanescentes. A. Lopes e Cia Nossa Velha Nova Cruz Alta Alfredo Roeber - roeber@comnet.com.br www.unimedplanaltocentralrs.com.br/cruz-alta O antigo Comércio de Cruz Alta Na primeira me- tade do século XX, Cruz Alta era desta- que no cenário estadu- al, apresentando um de- senvolvimento além de sua época. Novidades encontradas em gran- des centros chegavam Casa José Audino Filial Luizi, Irmão e Cia Casa José Audino Matriz Comércio Pedro Bonini Aita e Irmãos aqui antes da maioria das cidades do interior do es- tado. Por isso, a cidade chegou a ser chamada de “a Paris dos pampas”. O comércio era rico e variado e pessoas de várias regiões aqui vinham fazer suas compras, especialmente de iguarias. Abaixo, fotos de algumas famosas casas de secos e molhados da primeira metade do século passado. Veja muitos outras casas do comércio antigo de Cruz Alta no endereço do projeto. Considere-se um candidato a por im- plantes quando: faltar um ou até mesmo todos os dentes na boca; faltar estabili- dade ou retenção da sua prótese; sua prótese não estiver confortável ou esté- tica; houver dificuldade de mastigação ou se sua prótese já lhe causou algum problema. O tratamento não é doloroso, a anes- tesia é local e o tempo médio para se por um implante é cerca de 30 minutos, va- riando um pouco dependendo do caso e do profissional. A taxa de sucesso atualmente regis- trada é superior a 98% o que torna a téc- nica segura e previsível. Os implantes podem repor a perda de um dente natural sem a necessidade de desgastar os dentes vizinhos para a prepa- ração de uma prótese fixa ou removível. Além disso, devido ao fato de as pró- teses permanecerem estáveis em sua posição, situações comuns, como irritação das gengivas, dor e insegurança pela falta de estabilidade e retenção de próteses par- ciais removíveis ou totais, são eliminadas. Para desdentados totais, a utilização dos implantes traz imensos benefícios para sua qualidade de vida. A “dentadura convencional” pode ser substituída por prótese fixa sobre – implan- te (protocolo) ou por próte- se removíveis (overdenture) que apresentam melhor re- tenção e estabilidade, ofe- recendo melhor conforto e segurança ao seu portador. Cada caso deve ser cui- dadosamente analisado, o planejamento poderá variar de acordo com as condições ósseas individuais dentre outros fatores. Pense em você. E se restarem algumas du- vidas nos encontramos a sua inteira disposição para me- lhor esclarecimento. Diovano Trevizani - Cirurgião Dentista
  6. 6. Jornal O EXPRESSO Sábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010 ESPAÇO JURÍDICO Dr. Marcos Adriano Vargas Alarme disparou, mas polícia não foi chamada A 5ª Câmara Cível do TJRS confir- mou a sentença de 1º grau que condenara uma empresa de monitoramento ao pagamento de R$ 20 mil por danos materiais causados por falha na prestação de serviço. A empresa deixou de veri- ficar e de comunicar à Brigada Militar sobre arrombamento ocorrido no estabelecimento co- mercial de um de seus clientes, após recebimento de 14 ocor- rências por meio de seu sistema. O fato chegou ao conhecimento das autoridades e do proprietá- rio apenas seis horas depois do ocorrido, momento em que os funcionários do estabelecimen- tochegaramaolocalparainiciar suas atividades. Essa não foi a primeira vez em que o estabelecimen- to foi alvo de meliantes. Em julho de 2006, três homens armados com revólveres in- vadiram o local, renderam e feriram três funcionários, o proprietário e sua esposa. Na oportunidade, foram sub- traídos diversos documentos, além de R$ 14.600 e dois apa- relhos celulares. A juíza do processo, atu- ando em regime de substitui- ção na 4ª Vara Cível de Santa Maria (RS), entendeu que a empresa deveria ser respon- sabilizada pelo arrombamen- to ocorrido em 18/8/2006, quando foram levados do- cumentos e R$ 20 mil em cheques e dinheiro. Na opor- tunidade, os meliantes aden- traram através de uma janela do sótão. A primeira ocorrên- cia de arrombamento recebida pela empresa foi às 2h13min e a última às 4h23min. Tendo a empresa com- prometido-se a atender todos os eventos ocorridos, dentro do menor espaço de tempo, entendo que se trata de evi- dente caso de ineficiência do serviço contratado. Tivesse a requerida agido da forma que se obrigou contratualmente, o requerente e a polícia teriam sido acionados assim que constatada a primeira ocor- rência de arrombamento, às 2h13min, evitando o crime ou permitindo a captura em flagrante dos autores do fato, concluiu a magistrada. Ela fi- xou em R$ 20 mil a reparação por danos materiais. A empresa recorreu, ale- gando que não tomou conhe- cimento do fato imediatamen- te, pois os sensores estavam tapados, de modo que ficou impossibilitada de agir. Ao analisar o caso, o relator da 5ª Câmara Cível, desembarga- dor Jorge Luiz Lopes do Can- to, votou pela manutenção da decisão de primeira instância. A argumentação de que os sensores estavam tampados foi derrubada pelo relatório de ocorrências, que comprova que os alarmes foram aciona- dos no início da madrugada. Caracterizada a respon- sabilidade civil no caso, o relator destacou que a omissão da empresa era in- compatível com sua ativi- dade profissional: ninguém paga empresa de vigilância para que esta descanse à noite, sem se importar com o patrimônio de seu cliente. EXAME INTELECTUAL PARA ADMISSÃO NA EsSA 2010 EXERCÍCIO DE APRESENTAÇÃO DA RESERVA   6 - A prova da EsSA será neste segunda, dia 15 de Novembro - Local – Escola Annes Dias - Hora – Chegada no local das 07:00h até 08:00h, a partir deste horário os por- tões serão fechados e ninguém mais terá acesso ao local das provas. - O Manual do Candidato poderá ser acessado pela Internet no Site www.esa. ensino.eb.br/informações . - Inicio da Prova: 09:00h, horário de Brasília-DF. - Término da Prova: 13:00h. A Portaria Nr 119-DGP, de 1º de ju- nho de 2010 estabeleceu que o universo pertencente à Reserva da Força Terres- tre, na Disponibilidade, a ser convoca- do para o EXAR/2010 é o seguinte: 1) Oficiais e Praças de carreira transferidos para a Reserva Remunera- da, oficiais demitidos do serviço ativo sem perda do posto e patente, Oficiais e Praças Temporários licenciados, por- tadores de Certificados de Dispensa de Incorporação (CDI) classificados em “ Situação Especial” e Reservistas de 1ª e 2ª Categorias, todos no período de 1º a 31 de dezembro de 2005, nos anos de 2006, 2007, 2008 e 2009 e, no corrente ano, até a data de 30 de novembro (inclusive); e 2) Aspirantes-a-Oficial R/2 e Oficiais R/2 concludentes de Órgãos de Formação da Reserva (CPOR/NPOR) em 2005, 2006, 2007, 2008 e 2009 e no corrente ano. A apresentação de forma presen- cial deverá ser de 09 a 16 Dez 10, em qualquer Unidade do Exército e ainda a partir de 01 Dez 10 até 31 Jan 2011, no endereço http://www.exarnet.eb.mil.br, exceção feita aos reservistas que reali- zam a 5ª e última apresentação, que só poderão fazê-la presencialmente. Horário - De segunda a sexta-feira, das 08:00 às 17:00 horas, relembrando a todos que a Seção de Mobilização da AD/3 ANIVERSARIANTES DA SEMANA 12/11/10 - 2° Ten Alexandre Dutra Carlan, EASA 12/11/10 - 3° Sgt Márcio Ritter, EASA 14/11/10 - 1° Ten André Victor Flores Colpo, EASA 15/11/10 - 3° Sgt João Artur Oliveira Ribeiro, EASA. Aos aniversariantes da semana, os cumprimentos do Comando da AD/3 e os votos de muitas felicidades, em nome de todos os militares da Guarnição de Cruz Alta. Calendário de Comunicação Social Cívico Militar Dia 04 – Foi o dia do Oficial da Reserva R/2 Dia 11 - Dia do Armistício da 1ª Guerra Mundial (1918). está funcionando no Pos- to Médico da Guarnição de Cruz Alta.
  7. 7.   7Jornal O EXPRESSOSábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010 Horóscopo LUA: Cresc. 13/11 a 21/11 • Cultura • Arte • Atualidades • Dicas • Moda • CuriosidadesZuleika EdlerFrase: “A tradição é, no melhor dos casos, um eco”. Áries 21/03a20/04 Touro 21/04a20/05 Gêmeos 21/05a20/06 Câncer 21/06a21/07 Leão 22/07a22/08 Virgem 23/08a22/09 Libra 23/09a22/10 Escorpião 23/10a21/11 Sagitário 22/11a21/12 Capricórnio 22/12a20/01 Aquário 21/01a19/02 Peixes 20/02a20/03 Dia que favorece a compreensão das ati- tudes que geram entendimento, concilia- ção e harmonia. Beneficios profissionais em parcerias ou no contato com pessoas que podem lhe auxiliar no trabalho. Momento especial paraencontraraspessoasimportantes. Excelente momento para estar mais consciente dos sentimentos e se expressar com naturalidade. Benefícios para harmonizar a situação familiar, doméstica e emocional. Intuição nessesassuntos.Momentooportunopara reconheceraformaçãodenovasbases. O Sol está em contato com Netu- no, simbolizando a percepção beleza das pessoas que estão em sua vida. Dia que favorece negócios, parce- rias,acordos,geraçãoderecursoseme- lhoriasprofissionais. O Sol em seu signo aspecta o planeta Netuno, simbolizando uma energia sensível e afetuosa. Seja grato pelas pessoas que estão em sua vida. Com elas há um resgate espiritual a ser feito. Momentodepriorizarassemelhanças, criar harmonia, ter gestos afetuosos e pa- cíficos.Favorecimentoparaasamizades. Nadaocorreporacaso.Tudofazparteda ordemcósmica,queintuitivamentesentimos. Estejabematentoaoque informa a mente. Evolução a caminho. O que se repar- te, se multiplica. Seja generoso e atrairá tudoetodosquenecessitaàevolução. Dia interessante para colocar um pontofinalemquestõesdelicadasnos relacionamentos. A Lua está em seu signo,indicandoonaturalcaminho. “Ás vezes temos preocupações enormes com coisas que pensamos não ter jeito. Preocupamo-nos porque somos baixas, altas, gordas, magras, temos cabelos encaracolados ou lisos, etc... Cabelos sem vida tem jeito... Rosto sem graça tem jeito. Lábios finos tem jeito. Obesidade tem jeito. Para tudo tem jeito. Só não tem jeito quem se entrega, quem não confia em si mesma. Para tudo tem jeito, basta querer. Tente valorizar-se. Lembre-se que as mulheres gostam e querem ser bonitas para sentirem-se amadas. Querer sentir-se amada não é ne- nhuma frivolidade. Cuidar-se vale a pena. Não esqueça que para tudo tem jeito e que cada pessoa tem a sua beleza. Para tudo tem jeito Hora do Lanche? Cookies com gotas de chocolate Ingredientes: • 2 e ¼ xícaras (chá) de farinha de trigo • ½ colher (chá) de bicarbonato de sódio • 14 colheres (sopa) de manteiga em temperatura ambiente • ¾ de xícara (chá) de açúcar cris- tal • ¼ de xícara (chá) de açúcar demerara • 1 colher (chá) de sal • 2 colheres (chá) de es- sência de baunilha • 2 ovos • 2 xícaras (chá) de chocolate meio amargo em gotas. Modo de fazer: 1 – Aqueça o forno em temperatura mé- dia. Numa tigela, misture a farinha com o bicarbonato. Reserve. 2 – Na batedeira, bata a manteiga com os dois tipos de açúcar até obter uma mis- tura fofa. Junte o sal, a baunilha e os ovos. Bata bem. Adicione a mistura de farinha e bata até ficar homogêneo. Junte o chocola- te em gotas e misture. 3 – Coloque porções de duas colheres (sopa) em uma assadeira sem untar, deixan- do um espaço de 2cm entre os biscoitos. Leve ao forno por dez minutos. Tire do forno e deixe descansar por três minutos. Retire os cookies com uma espátula e deixe esfriar. Dicas Cozinha O Fermento venceu? Ria Se Quiser 1 - Legumes, aves e pei- xes podem ser cozi- dos em vapor, embrulhando- os em papel toalha levemente umedecida. 2 – Sempre que cozinhar legumes, corte-os an- tes de maneira que fiquem em pedaços regulares para que o cozimento seja mais uniforme. Então aproveite-o ainda! Em vez de mandar para a lixeira o fermento em pó vencido, experimente usá-lo na limpeza de azulejos e peças em inox. Mis- ture cinco colheres (sopa) do pó com um litro de água. Aplique a mistura com uma bucha e esfregue o local. A pia do banheiro fica limpinha e todo o material de inox também. - Mamãe, estou com um sério problema: Não quero ir à escola. - Olhe, filho, você deve ir por três grandes razões? Porque tem a obrigação, porque tem 45 anos e por- que é o diretor.
  8. 8. Sábado e Domingo, 13 e 14 de novembro de 2010  8 Jornal O EXPRESSO  8  8  8  8| ÚLTIMA SÁBADOeDOMINGO 13e14DENOVEMBRODE2010 Sol com algumas nuvens. Não chove.Sol com algumas nuvens. Não chove. Sol com algumas nuvens. Não chove. HOJE: Min.: 10ºC Máx.: 27ºC DOMINGO: Min.: 14ºC Máx.: 30ºC SEGUNDA: Min.: 18ºC Máx.: 26ºC RUA TAPAJÓS Moradores sem ônibus devido ao péssimo estado da rua Desde a segunda-feira, 08 de novembro, os mo- radores da Rua Tapajós do Bairro Vila Rancho do Rio Grande II, estão reivindicando a volta da passa- gem do ônibus pela referida rua que deixou de circu- lar pelas péssimas condições de trafegabilidade. Com essa alteração na linha, os moradores precisam se des- locar até a Av. Xavantes onde não há um abrigo co- berto, ficando no sol e nos dias de chuvas impossível de esperar pelo ônibus, além do perigo por causa da imensa passagem de caminhões no período de safra. Segundo o Presidente do Bairro, Ronaldo, no dia que choveu o pessoal pegou toda a chuva. “ Pois aqui tem crianças que pegam o ônibus para irem à escola, os próprios moradores que dependem dele para se deslo- carem ao seu trabalho. Na quarta-feira (10) a Prefeitura começou a dar uma ajeitada. Há um tempo atrás esti- veram arrumando, mas acho que foi um trabalho mui- to precário, porque em pouco tempo voltou o mesmo problema. Nós entendemos o lado da empresa que tem prejuízos com seus ônibus, mas quem é que entende o nosso lado como morador?”, diz o presidente. Já o Secretário de Obras da Prefeitura, Douglas Ro- cha, diz que tiveram uma reunião na quinta-feira com a empresa N. Sra. de Fátima. “Ficou acertado que faríamos uma recomposição do calçamento, para que não haja prejuízo à comunidade e empresa”, enfatiza Douglas. O Jornal O Expresso esteve visitando a rua e ouviu a opinião de alguns moradores: Vera Rosane Schttert, 42 anos, visitadora do PIM e Cá- tia Rosane Rodrigues, 27 anos, visitadora do PIM: “ A maioria aqui trabalha e necessitam que o ônibus faça esse trajeto”. TerezinhaCorreaToledo,66anos, camareira aposentada: “Eu acho horrível essa situação, pois tem bu- racos que quase a gente some den- tro dele. Inclusive tem o vereador que mora aqui, o Élio Amaral, que poderiaterdadoumjeitonarua.Eu espero que agora o Prefeito tome umaatitudearespeitodarua”. Patrícia Quevedo Rosa, 23 anos, empregada doméstica: “ O motivos que temos é que enquanto não arrumarem os buracos aqui da rua Tapajós, ele não vai passar aqui. Faz 21 anos que moro aqui e no ano passado ele também parou de passar, mas a Prefeitura arru- mou e normalizou”. Roberta Santos, 35 anos, do Lar: “Há 18 anos quando com- preiomeuterrenoaqui,foipor- que a parada fica praticamente em frente à casa. Tenho a filha mais velha que tem deficiência, tendo dificuldade de locomo- ver-se. Isto causa um grande problema para mim, mas espe- ro que tudo se resolva em um curto espaço de tempo”. Inicia ‘tapa-buracos’ nas ruas da cidade C onforme pu- blicamos na edição do dia 23 de outubro, sobre a ‘buraqueira’ que está to- mando conta das ruas de nossa cidade e diagnos- ticamos que não preci- sávamos ir muito longe para constatar a situação, nesta semana a Adminis- tração Municipal, através do setor de obras, iniciou o processo ‘tapa-buracos’ nas principais ruas da ci- dade, onde estiveram rea- lizando o trabalho na rua João Manoel, em frente à sede do Jornal. Um traba- lho que infelizmente não soluciona o problema definitivamente, sendo considerado paliativo, pois o material gasto e a mão de obra de funcioná- rios é desperdiçada pela rapidez que os buracos voltam a aparecer. O setor competente deveria analisar me- lhor e efetuar o reca- peamento da rua com asfalto novo, como foi divulgado anterior- mente, onde um projeto em 2ª fase, outras ruas centrais da cidade rece- beriam asfalto. Assim, o prejuízo com o dinheiro público seria menor.

×