Hora do SUl

344 visualizações

Publicada em

Publicada em: Notícias e política
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Hora do SUl

  1. 1. Criciúma, 23 de julho de 2012 l Segunda-feira, edição concluída às 20h40 R$ 1,50 SC pode perder R$ 450 mim Governador Raimundo Colombo concedeu entrevista à ADI e fez balanço dos primeiros 18 meses de seu governo. PÁGINAS 02 E 03 ANTONIO ROZENG /HSulm Taça Cecrisa m João ZaniniBriga generalizada entre Assaltante morre durantetorcidas encerra disputa troca de tiros com a PMpor vaga nas semifinais após furto em residência Verdinho, Manaus e Carbonífera Criciúma garanti- Enquanto os policiais se deslocavam para o local, trêsram as vagas ainda na tarde de sábado. Larm define homens armados e com espingardas de pressão esta-durante a semana o caso do Renascer. PÁGINA 08 vam rendendo o vigilante de uma residência. Atiraram Em jogo disputado, briga pelo título segue sem favoritismo e atingiram-no com um tiro no tórax. PÁGINA 04 Divulgação /HSul Desta vez m Criciúma derrotou o Paraná no sába- do e se manteve na liderança isolada deu sorte do Brasileiro da Série B. Tigre enfrentou muitas dificuldades e gol de Fransérgio (foto) foi decisivo. PÁGINA 07
  2. 2. 02 Criciúma, 23 de julho de 2012 l Segunda-feira PeloEstado Entrevista RAIMUNDO COLOMBO “Perda de receita pode chegar a R$ 450 mi” Governador Raimundo Colombo recebeu a reportagem da ADI-SC/Central de Diários para uma entrevista exclusiva. Fez um balanço dos seus 18 meses de governo, falou das angústias e inseguranças desse período e anunciou para breve mais duas viagens internacionais. Na Alemanha, vai tentar uma decisão positiva sobre a instalação da BMW no estado e, na França, deve fazer os últimos ajustes para a obtenção de um financiamento de 100 milhões de euros, recursos que serão investidos no saneamento. Colombo também enalteceu as mudanças de comportamento do colegiado diante do novo Modelo de Gestão e da necessidade de redução de gastos. “Agora há um comprometimento.”[PeloEstado] - No lança- [PE] - Fazendo um balanço financiamento de R$ 3 bilhõesmento do Pacto por Santa desses 18 meses de gover- via BNDES. Com esses recursosCatarina o senhor decla- no, qual o momento mais nós vamos fazer obras e melho-rou: “Esses 18 meses foram difícil? rar a infraestrutura para tornarde angústia, de inseguran- Colombo - Foram vários mo- o estado cada vez mais atrativoça muitas vezes. Foram mentos difíceis. As enchentes e a atividade econômica cadamomentos em que eu dis- foram momentos duros, a fuga vez mais dinâmica. Essa é umase: não temos ainda o vo- da Penitenciária de Florianó- das linhas que o Pacto por SClante”. Essa fase acabou? polis também foi difícil de su- vai trabalhar. Três bilhões deRaimundo Colombo - Vá- perar. Na gestão, a angústia de reais é um valor muito expres-rias pessoas amigas minhas dis- ter todas as informações, de ter sivo. Acho que Santa Catarinaseram ‘você não pode dizer isso condições de se posicionar. Por- nunca teve um conjunto tãoporque pode mostrar alguma que o posicionamento na gestão significativo de recursos parafragilidade’. Eu acho que a gen- é justamente você ter informa- investimentos. E também achote ser honesto nunca é fragili- ções e ter informações corretas. que, na nossa história, é o maiordade. O processo de conhecer o investimento feito no Estadogoverno exige paciência, porque [PE] - E o processo que cul- num mesmo momento. Porqueé lento. E você recebe muita in- minou com a aprovação do não são só os R$ 3 bilhões. Temformação, mas são informações PRS 72? outros financiamentos, de R$dispersas, não sistematizadas. Colombo - Esse foi e está sen- 611 milhões, de R$ 560 milhões,O que nós conseguimos fazer do um momento muito difícil. tem recursos para saneamento, Neiva Daltrozo/SECOMfoi justamente sistematizar. Eu Ainda hoje (sexta, 20) pela ma- tem dinheiro para controle de reção. Houve uma diminuição Estado tem uma folha alta, comsei, hoje, todas as concorrências nhã nós estávamos discutindo enchentes. apenas. Mas, como a atividade um elevado número de inativos,que o governo vai o orçamento econômica está diminuindo e ou seja, uma Previdência mui-lançar. E eu sei se do ano que [PE] - Tem novidades no as empresas têm mais dificul- to alta. Para 2013, a previsão éé necessário, se vem e tentan- controle de enchentes? dade, a ideia é praticar um gesto de que o déficit chegará a R$ 2não é, e estou dis- do quantificar Colombo - Estivemos em Bra- de colaboração para que todas bilhões e o pagamento da dívi-cutindo a formadas concorrên- É preciso ter o tamanho do prejuízo que sília, e a expectativa é de que a presidente Dilma Rousseff vai elas continuem mantendo ple- no emprego e a sua produção. É da também é da ordem de R$ 2 bilhões. Esse conjunto tira acias para sermos informações. essa Resolu- anunciar um valor significativo claro que o ideal é que não fosse capacidade de investimento doeficientes, para ção do Senado para Santa Catarina no dia 8 de necessário um programa como Estado. Nós temos que fazerreduzir os custos. E informações vai represen- agosto. Continua boa a relação esse, que todas as empresas um esforço muito grande paraNós temos hoje tar. Nós esta- com o governo federal, assim tivessem com suas atividades corrigir.um sistema que corretas mos conside- como com a Assembleia Legis- normalizadas. Mas não é o quepermite acom- rando para o lativa, que tem sido muito par- está acontecendo e por esta ra- [PE] - Está satisfeito companhar todas as orçamento de ceira, muito solidária e ágil. zão fizemos esse gesto. os resultados obtidos atéobras para que 2013 uma per- aqui com o novo Modelo deelas tenham começo, meio e da direta de receita da ordem de [PE] - Na última semana [PE] - Estamos numa crise Gestão?fim. E dentro do cronograma. R$ 320 milhões. E há um cená- antes do recesso da Assem- financeira? Colombo - Ele não é estático.Até chegar nesse ponto, foram rio ainda mais grave, que chega bleia Legislativa, foi apro- Colombo - Desde abril regis- Ao contrário, é dinâmico. Nósmuitas as angústias mesmo. Fa- a uma perda de R$ 450 milhões. vado o Revigorar 4, um tramos uma significativa que- temos um grupo, por exemplo,zer com que as pessoas come- A queda não será de atividade, dos programas da Fazenda da da arrecadação. É uma das que está estudando uma refor-cem a entender o pensamento mas é que nós vamos reduzir o estadual para melhorar a maiores reduções dos últimos mulação, uma reforma admi-da gente, romper determinados imposto que era cobrado para arrecadação. Alguns depu- 20 anos. Nós temos uma reser- nistrativa, para redução e com-comportamentos, integrar o manter as empresas aqui. tados votaram contra por va de recursos acumulados nes- pactação de órgãos. O plano deprocesso político. E ter o resul- considerarem que é privile- te período e isso supre as neces- gestão está evoluindo bem, ostado. Algumas áreas foram mais [PE] - E as compensações? giar o mau pagador. Como sidades de manutenção da folha resultados são bons, nós temoságeis, outras começam a engre- O senhor esperava um va- responde a essa crítica? e de custeio, mas, evidentemen- hoje controle de dados. Masnar agora. Foi isso o que eu quis lor maior? Colombo - Nós não tiramos te, se houver correção a médio o modelo vai continuar sendopartilhar naquele momento. Colombo - A compensação é o todo o juro e nem toda a cor- prazo esta situação se agrava. O aperfeiçoado a cada dia. Chapecó, Juliana Stela Schneider Criciúma, Kelley AlvesEnviaram perguntas: Jaraguá do Sul, Celso Machado Criciúma, Francieli Oliveira Chapecó, Keli Magri Porto União, Jair Piloto Nunes
  3. 3. [ Dia do Guarda Rodoviário ] Criciúma, 23 de julho de 2012 l Segunda-feira 03 ao mesmo tempo, há um flu- as informações para partirmos xo bem expressivo de policiais para a execução. Se por um lado indo para a reserva. O problema vamos conter despesas, por ou- é que, para o Tesouro, ficam os tro, nós vamos aumentar signi- dois, o inativo e o que foi re- ficativamente os investimentos. centemente incorporado. Nós Vamos injetar dinheiro, dina- temos duas despesas. Mas nós mizar a economia do estado e vamos continuar a fazer este es- manter empregos. É um mo- forço. São cerca de 1.500 novos mento importante para o Go- policiais em 18 meses. E nós es- verno e para o Estado. tamos formando uma nova tur- ma. A Polícia Civil também deve [PE] - O senhor prevê mu- formar mais de 400 homens e danças para as secreta- mulheres. Nós estamos no limi- rias de Desenvolvimento te da capacidade de formação. Regional? Ainda não é o ideal, mas esta- Colombo - As SDRs têm um mos em um processo em que a custo muito pequeno e elas terão saída é alta por causa do ciclo de maiores atribuições. As grandes idade do efetivo. mudanças ocorrerão na gestão central, uma vez que teremos [PE] - Sobre o Pacto por fusão de órgãos. Mas tudo isso Santa Catarina. Quais os está em estudo. Teremos re- próximos passos? dução, por exemplo, de cargos Colombo - No domingo (22) à comissionados. A nossa ideia noite nós teremos uma reunião também é reunir, num mesmo com o Murilo Flores (secretário espaço físico, diversos órgãos Neiva Daltrozo/SECOM executivo do Pacto) e vamos fa- que trabalham em paralelo e zer um levantamento de tudo o com um custo muito alto. Isso [PE] - Durante este proces- mia seja competitiva, para que o para a assinatura de um contra- que as secretarias pediram para eficientiza a gestão e facilita a so, que momento foi mais Brasil seja competitivo. Reduzir to de 100 milhões de euros para incluir nesse processo. Já tive- vida do cidadão que, ao invés de difícil, de maior conflito custos passa pela diminuição saneamento com a Agência mos no BNDES, já aprovamos correr em diferentes lugares, vai com as secretarias? de impostos. Por exemplo, cer- Francesa de Desenvolvimento. a lei na Assembleia, o Conselho encontrar tudo em apenas um Colombo - Reunir os dados ca de 12% da nossa receita vem Eles vieram aqui, está tudo ok, Monetário Nacional já auto- endereço. Só na reorganização e sistematizar as informações. da energia elétrica, e em 2011 mas entre as cláusulas de finan- rizou... a fase agora é escolher da estrutura do Estado teremos Cada uma tem um tipo de in- e 2012 não houve aumento de ciamento tem algumas que o ações e definir prioridades. O uma redução de custos muito formação e estamos conse- tarifa. E a linha é essa! É o que governo de Santa Catarina não próximo passo é execução. Mui- significativa, porque repercute. guindo colocar tudo dentro do tem que ser feito mesmo! Mas pode aceitar. Estamos negocian- tos projetos já estão prontos Por exemplo: existe um escritó- programa. isso vai impor aos estados e do, porque é um dinheiro bara- e estes terão prioridade. Tem rio da Cidasc em Herval do Oes- municípios uma nova postura to, de longo prazo e para fazer algumas obras que são ime- te e outro em Joaçaba. A única [PE] - Mais que mudar a diante da realidade econômica. saneamento, o que é algo muito diatas, outras que já estão em coisa que separa é o rio. Um postura das pessoas? importante para o estado. andamento, como é o caso da em Balneário Camboriú e outro Colombo - Eu sinto que há [PE] - As resistências fo- recuperação da Ponte Hercílio em Camboriú, e o que separa é boa vontade. E com a experiên- ram quebradas? [PE] - Ano de eleições mu- Luz, em Florianópolis, e outras uma via. Não tem sentido! Nós cia das reuniões mensais para Colombo - Sempre tem alguns nicipais. Qual a sua postu- ainda dependem de projetos. vamos fazer um trabalho de re- prestação de contas, as pessoas que discordam do método, que ra neste momento? O Murilo está reunindo todas dução dessas estruturas. envolvidas estão se conscienti- acham que não vai levar a lu- Colombo - A eleição munici- zando e se com- gar nenhum, pal tem características muito prometendo. mas eu acho próprias, baseadas na realida- Sinto que existe que eles vão ser de local. Isso é assim em todo um compro- superados. O o Brasil. E não podemos consi- metimento de Eu sou convencimento derar eleição municipal como todo mundo. As governador faz parte do tra- decisiva no plano estadual ou pessoas têm boa balho. federal. A minha participação vontade, mas é de todos os será de apoio, de solidariedade preciso dizer o [PE] - E aos companheiros, mas de res- caminho, onde catarinenses quem não se ponsabilidade diante do meu queremos che- enquadrar papel de governador. Eu sou go- gar e como de- ao novo mo- vernador de todos os catarinen- vemos fazer. É o delo? ses, daquele que tem partido, que nós estamos Colombo - daquele que não tem, do gover- fazendo agora. Vai sair, não tem outro jeito. no da oposição. Minha partici- pação será muito limitada. Não [PE] - O senhor se surpre- [PE] - Está sendo boa a co- vou me envolver diretamente endeu com as mudanças lheita das viagens interna- na eleição. no comportamento do co- cionais que o senhor rea- legiado a partir do modelo lizou? Tem alguma nova [PE] - Uma das mais fre- Foto: Camila Latrova Mãos inquietas de gestão e das ações para missão prevista? quentes demandas da so- redução de gastos? Colombo - Sim. Vieram mui- ciedade é por mais segu- Colombo - Sem dúvida. Hou- tas empresas das que nós con- rança. O que está sendo ve um avanço muito grande. versamos lá fora. E no começo feito? Raimundo Colombo tem a fama de contido, simples e mui- Melhorou muito a compreen- de agosto nós vamos para a Ale- Colombo - Nós estamos in- tas vezes preocupado nos encontros com a imprensa. Du- são e a solidariedade, o desejo manha, para uma reunião na vestindo muito em tecnologia. rante a entrevista realizada na tarde desta sexta-feira (20), de participar. Houve uma evo- sede da BMW. Estamos triplicando o número ao receber as duas jornalistas da ADI-SC/Central de Diá- lução extraordinária. E é o se- de câmeras de vigilância e mo- rios/CNR-SC ele parecia concentrado. Não fugia às ques- guinte: a gestão se impõe. Ou [PE] - Pra bater o martelo? dernizando muito todo o pro- tões e respondia mesmo quando lhe faltavam dados mais você moderniza, para diminuir Colombo - Pra bater o marte- cesso de gestão da segurança. E concretos. E todo o tempo manteve as mãos ocupadas com custos e aumentar a eficiência, lo. Nós estamos concluindo as também estamos aumentando pequenos pedaços de papel, que, aos poucos, ia transfor- ou o processo vai se desarru- conversações. Nossa expectati- o efetivo, da Polícia Civil e da mando em rolinhos. Um hábito curioso que já o caracteri- mar. Porque aquela atividade va é que a fábrica da BMW no Polícia Militar. O problema, no econômica dos últimos 15 anos, Brasil seja instalada em Santa caso da Polícia Militar, é apo- za. A primeira coisa que faz ao sentar para uma conversa com reflexos no aumento da re- Catarina e a definição deve sair sentadoria, que está em nível é pegar um pedaço de papel, fazer tiras ou quadradinhos. ceita, não vai se repetir. Acabou. nessa reunião. Outra viagem, muito elevado. Estamos con- Talvez para conter a angústia, palavra sempre citada em E o governo vai ter que fazer um que pode até coincidir com a seguindo formar um número suas falas, ele queira manufaturar algo que está totalmente esforço para que a nossa econo- da Alemanha, é para a França, muito grande de policiais, mas, sob o controle de suas mãos. Andréa Leonora e Camila Latrova | Edição: Andréa Leonora | Diagramação: Marcela Albuquerque �lorian��oli�� �� 23Jul 12 CENTRAL DE DIÁRIOS PeloEstado TRINTA INTEGRADOS TRINTA INTEGRADOS peloestado@centraldediarios.com.br DIÁRIOS PRESENÇA EM www.centraldediarios.com.br INTEGRADOS 62% DE SC
  4. 4. 04 Criciúma, 23 de julho de 2012 l Segunda-feira Transporte coletivo Polícia João Zanini deve ter licitação Polícia mata assaltanteCRICIÚMA entendeu que a renovação automática feita pelo go- Ministério Público e que contesta principalmente em Siderópolis verno, depois do fim da a recente renovação por A Polícia Militar foi acionada com espingardas de pressão chegou e avistou os três fugin- O Juiz Rogério Mariano concessão de 30 anos, foi mais 20 anos. O contrato, na noite de sábado, 20h, para estavam rendendo o vigilante do em um Saveiro DDH 1004,deu prazo para que em 72 irregular e que é funda- explica o promotor, foi atender a uma ocorrência de de uma residência. Atiraram e que colidiu no meio fio que-horas a prefeitura de Cri- mental que se faça uma feito em 1982, e já com- assalto na Vila São Jorge, em atingiram-no com um tiro no tó- brando o eixo. À partir daí, seciúma se manifeste sobre nova licitação para regu- pletou 30 anos mas foi re- Siderópolis. Enquanto os po- rax, insistindo para que o dono iniciou uma troca de tiros entrea realização de uma nova lar o sistema. novado por mais 20. liciais se deslocavam para o da casa lhes entregasse o co- a guarnição da cidade e oslicitação para escolher as No começo deste mês, o “A época, eram 21 li- local, três homens armados e fre. Momento em que a polícia bandidos.empresas que vão explorar promotor Maurício Medi- nhas de ônibus, hoje te-o transporte coletivo em na entrou com Ação Civil mos 63. Então, para 42Criciúma. Pública com pedido de li- linhas nunca houve uma Decisão do magistrado minar para que em até seis licitação e isso, ao longofoi provocada por uma meses seja realizada a li- de vários governos dife-ação civil pública que citação para a concessão rentes. Essa série infin- m Bandido levou tiro na testanasceu dos movimentos dos serviços. dada de prorrogações nãopopulares e ganhou apoio O pedido partiu de uma tem amparo na Lei”, es- Os três vagabundos saíram do veículo atirando nos policiais e correndo para um mata-do Ministério Público. MP Representação feita ao pecifica Medina. gal nas proximidades, às margens da rodovia SC 445, e um deles foi atingido na cabeça por um dos policiais, morrendo na hora. Foi identificado, em seguida, como Jéferson Vaz Incêndio destroi granja Franco Costa, de 19 anos apenas. Mais um que perde a vida para as atitudes marginais. Uma opção de vida, não dá mais para colocarmos a culpa só na droga ou no governo. Em seguida, mais desenrolares da ocorrência.LAURO Müller De acordo com um fun- Anderson Mazom, que cionário que t rabalhava no momento que come- m Segundo assaltante preso na granja no momento çou o fogo estava em sua Um incêndio de grandes do incêndio, as chamas casa que f ica na mesma Depois de revista no carro, foram encontra- do ladrão foi visto pela Polícia Rodoviáriaproporções destruiu total- teriam iniciado p elo meio comunidade. das duas espingardas e um revólver calibre andando sujo de barro no acostamento damente uma granja de aves do galpão, ap ós um es- Segundo o proprietário 38 com numeração raspada. O funcionário rodovia. Em abordagem, foi constatado queno interior do município touro. “Ainda não sab e- o prejuízo chega a R$ 700 alvejado foi levado pelo SAMU ao Hospital se tratava de C.C.F., 19 anos, que foi reco-de Lauro Müller na últi- mos o que aconteceu. Só mil. O empreendimento São José e passa bem. Em seguida, o segun- nhecido pelos policiais e vítimas.ma sexta-feira e em pouco a p er ícia é que vai ap on- que foi inaugurado em ja-tempo a estrutura foi con- tar as causas do incên- neiro deste ano está segu-sumida pelas chamas. dio”, declarou desolado rado. m Moto furtada recuperada minutos depois O empreendimento de4.200 metros quadrados, SUL IN FOCO / HSul A Polícia Militar foi acionada ao bairro Michel, pois uma motocicleta Dafra havia sidode propriedade do jovem furtada do estacionamento de uma pizzaria. Ao conversarem com o dono, os policiaisempresário Anderson Ma- identificaram o tipo da moto. Em rondas pelo bairro Jardim Angélica, a motocicleta dezon, ficava localizado na placa MEV 4036 foi vista e se iniciou um acompanhamento tático (vulgo perseguição).estrada geral de Rio Capi- O condutor resolveu se render e foi identificado como J.C.C.M., 33 anos, já com outrasvaras Alto. A unidade de passagens pelo mesmo crime.combate a incêndios doCorpo de Bombeiros deOrleans foi acionada pela m despedidaPolícia Rodoviária de Gua-tá, a primeira a chegar ao Gostaria de agradecer aos companhei- de crescer profissionalmente. Quero dei-local, mas o fogo já havia ros do Jornal Hora por este tempo que es- xar claro que minha saída nada tem comdestruído tudo. Os bom- tivemos juntos. Parto para um novo desafio. censura ou retaliação. Continuem lendo ebeiros fizeram apenas o Continuarei parceiro do Hora e do Régis prestigiando o jornal, pois ainda crescerátrabalho de rescaldo. Empreendimento de 700 m² foi inaugurado em janeiro deste ano pela ótima oportunidade que me concedeu e muito! Obrigado a todos.
  5. 5. Criciúma, 23 de julho de 2012 l Segunda-feira 05 PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS www.coquetel.com.br © Revistas COQUETEL 2011 Destilando veneno! Que deixa de com- parecer (fem.) Dual (?), Institui- recurso de novos ção como celulares a Aman Doença que afeta recém-nascidos, é conhecida como “mal de sete dias” O da “Pede pra (?)!”: pessoa frase do capitão física Nascimento no fil- é o RG me “Tropa de Elite” Nelson Rubens L PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS Você pode acompanhar o Nelson Rubens na Rede TV!, no programa TV Fama, www.coquetel.com.brParte do Prato © Revistas COQUETEL 2011 Relativa “Caiu na de segunda a sexta, às 19h50’ e, aos sábados, às 20 horas O feito com intestino Atriz do filme "Bruna ao maior rede (?) costela e grosso Sunitas e Membro Livro de memórias peixe” Falta de Surfistinha" rio da movimen- de Érico Verissimo mandioca compe- (Anat.) xiitas África tado no Tecla de gravação (dito) tência Advérbio Agente (Rel.) afirmativo alérgico salto do videocassetel Dinossauros l Cutucada l Empreguetes Cantora norte- R ameri- cana de Comunicado Vocalista do “Ultraje a Ri- Sônia Abrão esquece o cor- Globais só chamam “Cheias “Simply Combustí- Peço- nhenta Listagem antecipado ao the extraí- vel Best” Louco, funcionário sobregor”, Roger comemora o su- porativismo para cutucar a co- de Charme” por apelido ca- do do óleo (a cobra) em inglês a sua demissãocesso do “Agora é tarde”: a lega, Fátima Bernardes: quer rinhoso: “Cheias de sucesso”. da mamona Osmar Prado, Brilhante; A regiãoparticipação fixa da banda saber onde foi parar o caris- Fazia tempo que uma novela ator bra- luzente Maré, em dos sileiro espanhol cerradosno palco tem impulsionado ma da apresentadora! Nem o da faixa das 19 horas não ia (abrev.) Pintor im- Letra-shows e eventos. William Bonner sabe... tão bem no Ibope! Campa- Enorme; pressio- Filho do símbolo nha Natal muito nista novo do Parti- sem (?): grande francês cônjuge do Verde foi ideali- Exame internacional Um dos zadaatesta a fluên- que por Espécie Betinho sete cia em inglês (sigla) de peri- pecados Que quito (pl.) capitais Boné, em inglês queima Estranhos (?) de (?) Toledo, à moral piadista Tecno- Águia, Apto, em logia grupo de Burro, em inglês (abrev.) axé-music inglês Nome da Rondônia (?)-in, (sigla) E S S E letra "S" técnica de Diversão Cochilos massagem (bras.) (fam.) oriental Farrapos; trapos Apóstolo Adjetivo Correio de Cristo como eletrônico Tecla de “francês” (inglês) áudio (TV) A equipe Preposi- Alvo da Desinên- que não ção analgesia cia ver- conta com essencial Interjeição bal do todos à crase gaúcha infinitivo os inte- Ave se- (?) grantes Personagem Deus egíp- melhante de Stallone Pinheiro, cio sim- Iodo ao pa- Rival do Gostar apresen- bolizado (símbolo) pagaio CRB (fut.) muito de tadora pelo Sol 104, em (?) Niño, "Novo", romanos fenômeno em meteoro- (?) Toledo, Daniel tem carta branca "neologia" lógico piadista na Globo: aceitou ser jurado “(?)-de- Título da Bagunçar Ferira le- A menor Lis”, mú- primeira vemente região do “The Voice” desde que sica de página do (gíria) jornal (parte do brasileira Djavan corpo) (abrev.) pudesse participar do “Tele- A Escapou da Não por ton”, no SBT. Foi atendido. vitamina “Letras”, chamada em ABL destruição (?): de de Sodo- calciferol nada ma (Bíb.) Mar, em (?)Cl: o inglês sal de BANCO 3/apt — cae — cap — mad. 5/e-mail — monet — tuins. 7/maitaca. 8/nilótica. 10/tina turner. 18 Picante cozinha (bras.) (símbolo) 101 BANCO 3/ass — sea. 4/aton — fome. 5/marea — rambo. 6/poeira. 9/abrasante. Soluçãol Moda própria l Baixou l Desempregada S O I S L R F LO Solução AR A I L A R ID Figurinista pra quê? Au- Passou? Tem dias que “Car- Cicarelli já anda procuran- I V C A NE A C T A M AI CItêntico, é o próprio Robert rossel” marca só nove ponti- E I T MD do emprego... A MTV só re- I R C O L T I G ENRey quem escolhe seu figuri- nhos no Ibope (SP). No SBT, novou o contrato dela por 3 F A P S I P IL Eno, na RedeTV! Igual o Faus- existe o medo da audiência meses e nada mais! Cica deve O R O S B A M M O L O I S R A M A C A Ptão faz na Globo! estacionar por aí... ficar sem registro na carteira! T IC I U N I S N E T V O M C A E E N O S A N V E S M IL A D O P U R N E R T N A T I C O I E C L Hl No fim Christiane Torloni está pop em Portugal, O L A D A T A A V A C D S F graças a exibição de “Fina Estampa” por lá. Da porta para fora! Já em Vira e mexe a atriz é convidada para progra-reta final, “Avenida Brasil” mas e capa de revistas por lá...agora tem esquema de se-gurança no Projac: só entrano set com crachá especial.Não basta ser da diretoria! malhação 17h30 Amor, eterno amor 18hl Sortudo Laura tenta se desculpar com Carmem. Jeffer- Rodrigo questiona a surpresa de Miriam son e Bernardo são punidos pela briga no colégio. com sua visita. Fernando dispensa o enfermei- Stênio Garcia acha gra- Teresa se espanta com o plano de Cristal para ro e liga para Miriam, atrapalhando sua con-ça ao saber que viverá um enganar Gabriel. Cristal combina com um jorna- versa com Rodrigo. Melissa entrega a Virgílioazarado, em “Salve Jorge”. lista a cobertura exclusiva do seu casamento com uma carta falsa. Fernando implora para queÉ que, na vira real, é um tre- Gabriel. Betão revela para Ziggy que o filho de Miriam fique com ele. Rodrigo freia o carromendo sortudo! Já acertou a Carmem foi dado para adoção. Babi diz a Guido em cima de Virgílio, que cai no chão. Pedroquadra na loteria e levou 8 que procurou Betão. Teresa menciona que tem ou- fica intrigado com o fato de Gracinha sabermil dólares em cassino! tros filhos e Beatriz fica desconfiada. falar inglês. cheias de charme 19h avenida brasil 21hl Narcisista Conrado fica impressionado com Cida e Isa- orginho está com a memória comprometida Diretor e ator! Alexandre dora percebe. Sônia sofre ao fechar a Galerie. e todos se preocupam. Iran se irrita com a pre-Frota vai dirigir o próximo Penha descobre que Sandro fez as tarefas es- sença de Monalisa na festa de aniversário declipe de Mr. Catra. E, já que colares de Patrick. Brunessa ameaça revelar um Débora. Ivana surpreende Muricy e Leleco juntosé ele quem manda, decidiu segredo de Humberto se ele não tirar Rodinei na cozinha, mas o ex-casal tenta disfarçar. Le-colocar a si mesmo como da cadeia. Máslova flagra Humberto saindo do andro faz as pazes com Roni. Tessália elogia aator principal. quarto de Brunessa. Penha cogita deixar de ir a relação amigável entre Muricy e Leleco, e os dois uma entrevista com as Empreguetes por causa do se sentem culpados. Nilo afirma que Max está concurso de Patrick e Rosário se preocupa. apaixonado por Nina.
  6. 6. 06 Criciúma, 23 de julho de 2012 l Segunda-feira Grêmio estraga festa para Seedorf e está no G4RIO DE JANEIRO no saiu na largada do se- o Alvinegro a uma reação. tem clássico contra o Vasco pulou na frente. Elano sequência à jogada direto, gundo tempo, depois de Com a derrota, a equipe no Engenhão, às 20h30m, e acionou Zé Roberto dentro de primeira, para Marcelo uma primeira etapa muito comandada por Oswaldo o Grêmio recebe o Flumi- da área. O meia não se pre- Moreno. O atacante com- Vitória graças a um pas- parelha e de boa atuação de Oliveira fechou a ro- nense às 21h50m. ocupou em dominar: deu pletou para o gol.se precioso, de primeira, de Seedorf, principal ve- dada na oitava colocação, Não demorou para ruirsaído de um camisa 10 de tor do Botafogo na saída com 17 pontos. a esperança de vitória dopassagem marcante pelo ao ataque. O holandês foi Os oponentes deste do- Botafogo no segundo tem-futebol europeu. Seedorf? mais discreto no período mingo voltam a campo na po. Logo na largada do pe-Não: Zé Roberto. Bota- final. Não conseguiu levar quarta-feira. O Botafogo ríodo, foi o Grêmio quemfogo? Não: Grêmio. Emsua estreia com a camisa DIVULGAÇÃO / HSulalvinegra, o craque ho-landês fez aquilo que erapossível e viu aquilo quenão queria. O Tricolor gaú-cho, com gol de MarceloMoreno após assistênciado ex-jogador da SeleçãoBrasileira, venceu por 1 a0 no Engenhão e mostrouao astro estrangeiro queo campeonato que ele co-meçou a disputar agora édos mais complicados. Seedorf agradou. Masencarou um adversáriomuito forte. A atuaçãodo Grêmio foi tão sólidaquanto é sua participaçãono Brasileiro. Com a vi-tória, o time de VanderleiLuxemburgo subiu para 21pontos, na quarta coloca-ção – sete atrás do Atléti-co-MG, líder da disputa. O gol de Marcelo More- Clube carioca ganhou em qualidade com a chegada do astro “holandês”, mas Souza foi melhor Figueirense está na zona da degola (48) 9106-6277 / 3433-3300 CRECI 665 J 2949 www.emicril.com.br 14 54 71 73 79 VENDA FLORIAnópolis lo com 19 pontos, bem pró- 1408 ximo dos quatro primeiros colocados do Campeonato 04 19 20 24 39 43 Ney Franco cobrou alma Brasileiro e com esperança de seu time após perder do de entrar no G-4 em caso de 1264 Vasco na quarta-feira, no vitória na quarta-feira, diante Morumbi. E teve como res- do lanterna Atlético-GO no 07 15 16 19 26 posta gols de seu ataque Serra Dourada, em Goiânia. Ed. Vicente de Paula reserva para ganhar por 2 a Já o Figueirense segue Ed. Albi 3 dormit.(2 suites), 27 32 35 41 43 0 em Florianópolis, vencer a com somente uma vitória na Ed. Domingos Bristot Ed. Porto de Ilhéus 2 dormit., cozinha, sacada c/ churr., 1 vaga 2 e 3 dormit.(1 suite), sacada c/ churr., 1 vaga 45 46 49 53 59 primeira sob o comando do competição e termina mais 3 dormit.(1 suite), e demais dep. Próx. sacada com churr., e demais dep. Próx. técnico, se manter firme na uma rodada na zona de re- sacada c/ churr., 1 vaga Fábrica da Costela 1 vaga e demais dep. Hosp. São José 60 64 71 82 91 e demais dep. briga por vaga na Libertado- baixamento. A equipe esta- Centro - Inc. nº 77.132 Santa Bárbara res e complicar ainda mais o cionou nos oito pontos e, à OFERTA DA SEMANA Figueirense. espera da confirmação de 4667 GALERIA BELUNO - Apto. com 3 dormit.(1 suite), coz., sala Ademilson, titular devido um novo treinador – Argel estar/jantar, bwc, 2 sacadas (1 c/churr.) e 1 vaga. Siderópolis à presença de Lucas na Se- Fucks foi demitido na sex- PORTO DOS CORAIS - Apto. com 2 dormit.(1 suite), coz., 600.000,00 41.773 leção Brasileira e as contu- ta-feira –, atua novamente sala estar/jantar, bwc, área serviço, sac.churr., 1 vaga. Içara 12.000,00 35.024 9.000,00 19.234 sões de Luis Fabiano e Os- em casa diante do Interna- IMPERIAL - Apto. c/ 3 dormit.(1 suite), cozinha, sala estar/jantar, bwc, 7.398,00 33.239 valdo, aproveitou um chute cional, às 19h30 de quarta- área serviço, sacada e 1 vaga. Próx. Mercado Althoff 6.000,00 71.512 mascado de Denilson em feira. CASA MISTA de 2 pisos, com 3 dormit., 2 vagas e demais dep. Muro e grade. Próspera ED. DONA IGNEZ 3 dormit.(1 suite), cozinha, sala de estar/jantar, bwc, meio à pressão são-paulina A alma que Ney Franco co- TERRENO com 389,66m² (12,30 x 31,68m), Rua Solvenir dos Santos - Recanto Verde para mostrar oportunismo brou do time apareceu logo área de serviço, sacada com churrasqueira, salão de 334 festas, 1 vaga. Próx. Joaquim Ramos e colocar a bola nas redes na saída de bola. O São Paulo LOCAÇÃO de Wilson. O resto da par- passou o primeiro minuto da 45 18 76 80 GALERIA LUCIO CAVALER - Apto. 202, c/ 3 dormit., cozinha, sala, bwc, dep. de empregada. Valor R$ 700 + taxas tida só serviu para o Tricolor partida tocando bola com ra- MACHADO DE ASSIS - Bl. B - Apto. 406, c/ 3 dormit., cozinha, sala, bwc, área de serviço e 1 vaga. Valor R$ 450 + taxas 66 02 48 SALA TÉRREA com 275,00m², mezanino com 74,00m² e estac. p/ 4 carros. Rua Joaquim Nabuco. Valor R$ 7.500 + taxas mostrar o poder de marca- pidez entre sua intermediária SALA TÉRREA nº 1, com 500,00m². Rua Joaquim Nabuco, 100 - Ed. Jean de Cesaro - Centro. Valor R$ 3.800,00 + taxas ção que tanto fez falta nas ofensiva e a meta de Wilson SALA TÉRREA nº 2, Rua Joaquim Nabuco - Ed. Costa do Sol - Centro. Valor R$ 1.000,00 + taxas BOTAFOGO/PB 17411 últimas rodadas. Nos acrés- buscando espaços diante SALA COMERCIAL TÉRREA I, com aprox. 164,00m², localizada na rua Palamede Milioli, 230. Valor R$ 1.600 + taxas cimos, Willian José ainda de um Figueirense comple- SALA COMERCIAL TÉRREA II, com aprox. 150,00m², localizada na rua Palamede Milioli, 230. Valor R$ 1.600 + taxas 0,00 SALA COMERCIAL (SOBRELOJA), com 200,00m² - Av. Centenário nº 4735 - Pio Correa. Valor R$ 1.500,00 + taxas paroveitou contra-ataque tamente assustado com um 26.387,46 8 para deixar o seu. ritmo tão frenético. SALA TÉRREA nº 2, com 25,00m², bwc e recepção. Rua Victor Meirelles 257. Ótima p/ psicólogo, nutric. R$ 450,00 + taxas 886,97 340 SALA TÉRREA com 156,77m², com 2 bwcs, no centro de Rio Maina. R$ 4.200,00 + taxas O triunfo na terceira par- Não demorou para que 4 SALAS AÉREAS com áreas entre 37,59 e 51,51m², com bwc, no centro de Rio Maina. R$ 700,00 cada + taxas. 6,00 6.437 2,00 63.238 tida com Ney Franco, que uma bola invertida na lateral PAVILHÃO com 1.575,00m², localizado na rua João Paulo II - trevo de saida para Içara. Valor R$ 9.500 + taxas PAVILHÃO com 3.200,00m², localizado no Bairro São Luiz. Valor R$ 10.000,00 + taxas estreou empatando com o direita chegasse limpa para Palmeiras, deixa o São Pau- Denilson chutar da meia-lua.

×