SlideShare uma empresa Scribd logo
Revolução Chinesa
Imperialismo
• No século XIX, no
  contexto do
  imperialismo, a China
  era dominada e
  explorada pelas
  potências européias,
  principalmente pelo
  Reino Unido.
CHINA – ALVO DO IMPERIALISMO
              EUROPEU
• Além de explorar a
  China economicamente,
  os europeus interferiam
  nos assuntos políticos e
  culturais da China.
Dinastia Manchu
• Os imperadores
  da Dinastia
  Manchu
• submissos à
  dominação
  européia.
GUERRA DO ÓPIO

• GUERRA DO ÓPIO
• Tratado de Nanquim
  (1842), a China teve de
  abrir cinco de seus
  portos ao livre comércio
  e entregar a ilha de
  Hong-Kong aos ingleses.
Latifúndios
• A distribuição das terras
  produtivas chinesas
  também era um outro
  problema para o país,
  pois quase 90%
  estavam nas mãos de
  grandes proprietários
  rurais (espécies de
  senhores feudais).
Guerra dos Boxers
• Entre 1898 e 1900
  um ato de rebeldia
  contra a dominação
  estrangeira ocorreu
  na China.
Nacionalismo
• Em 1908, Sun Yat-sen
  fundou o Partido
  Nacionalista
  (Kuomintang) cujo
  principal objetivo era
  fazer oposição à
  monarquia e ao
  domínio europeu no
  país.
REVOLUÇÃO NACIONALISTA
• Em 1911, com o apoio
  de grande parte dos
  militares chineses, Sun
  Yat-sen foi proclamado
  primeiro presidente da
  República Chinesa.


                            Sun Yat-sen, primeiro presidente
                            da República de China e fundador
                                    do Kuomintang.
Partido Comunista Chinês.
• Em 1925, com a morte
  de Sun Yat-sen, ocorreu
  uma disputa pelo
  controle do
  Kuomintang, que
  acabou por se fundir
  com o Partido
  Comunista Chinês.
Chiang Kai-shek
• Em 1927, o general
  Chiang Kai-shek
  assumiu o poder do
  Kuomintang e, no
  comando das tropas
  chinesas, começou a
  combater os opositores
  da República, entre eles
  os grandes proprietários
  rurais e comunistas.
A Longa Marcha
• Em outubro de 1934, cerca de
  100 mil comunistas tiveram de
  abandonar a região de Jiangxi.
• Foi o inicio de um dos
  episódios marcantes dessa
  guerra: a Longa Marcha,
• uma caminhada de 12 mil
  quilômetros atravessando
  onze províncias e travando
  combates incessantes, que o
  principal líder comunista, Mao
  Tse-tung, empreendeu com
  mais de 100 mil pessoas em
  direção ao noroeste do país
  com o objetivo de escapar ao
  cerco inimigo.
A Longa Marcha
• Durante essa caminhada,
  muitas pessoas morreram,
  outras ficaram pelo
  caminho organizando os
  camponeses, que haviam se
  transformado na principal
  base de apoio dos
  comunistas.
• Apenas 9 mil chegaram ao
  destino final, a província de
  Shaanxi, onde se ergueu o
  quartel-general das tropas
  comunistas.
Mao Tsé-Tung
• A severa derrota dos
  comunistas nas zonas
  urbanas, levou Mao Tsé-
  Tung à liderança
  partidária.
• Mao Tsé-Tung
  estabeleceu uma nova
  estratégia revolucionária,
  voltando-se para as zonas
  rurais em busca do apoio
  das massas camponesas.
•
Revolução Chinesa - 1949
• Em outubro de 1949, os
  comunistas tomam o
  poder e proclamam a
  República Popular da
  China, com Mao Tse-
  tung como chefe
  supremo.
Socialização
• Transformada num país
  comunista, a China
  passou por uma série
  de reformas como, por
  exemplo, coletivização
  das terras, controle
  estatal da economia e
  nacionalização de
  empresas estrangeiras.
Construção de uma nova China
• Hábitos e costumes
  alterados;
• Prostituição e uso de
  drogas, passam a ser
  considerados crimes;
• Perseguição às classes
  que tinham ligação com
  nacionalistas;
• Cerca de 2 milhões de
  indivíduos mortos por se
  recusarem à coletivização
  das terras.
Grande Salto (1958-1960)

• cada vilarejo deveria
  produzir os alimentos e
  os bens necessários.
• mobilização de todos os
  recursos humanos da
  China
• acelerar o
  desenvolvimento
  econômico
• igualdade num curto
  período de tempo.
Resultado
                          Total desorganização econômica

Milhares de chineses morrem de fome

        Mao Tsé-tung é afastado do poder central e fica apenas com a
                              política externa


1960 – Devido às criticas contra a URSS, esta suspenda
         a ajuda econômica e militar à China
Revolução Cultural Proletária.
• 1966 – Mao Tsé-tung
  inicia um movimento de
  retomada ao poder
  total do partido do
  país.
• A Grande Revolução
  Cultural Proletária.
Revolução Cultural (1965)
                               Burocratas



        Professores                                   Políticos




                               Expurgo
   Cursos
                                                              Militares
universitários




                                            Membros
                      Jovens
                                            do PCCh
Livro de Mao




O poder político nasce do
  cano da espingarda.
• Chamada de ditadora
  cultural, exerceu
  domínio absoluto e
  determinou o que podia
  ser escrito, pintado,
  editado, cantado e
  exibido nos teatros e
  cinemas.


                           Jiang Qing - Esposa de Mao
Guarda Vermelha
• "Livro Vermelho" de Mao
  como base doutrinária

• Humilhavam e castigavam
  revisionistas, direitistas,
  burgueses, burocratas do
  Partido e do Estado e até
  mesmo àqueles que
  adotavam estilos
  ocidentais de
  comportamentos.
Luta pelo poder
                  Morte de             9 de setembro de 1976)

                Mao Tse-Tung


Facções de direita      Facções de esquerda


                            Esposa de Mao e seus
Expressiva vitória          aliados mais próximos,
                          banidos da política chinesa.
O Comitê Central do PCCh tornou público um
       relatório em que assinalava:

"A história mostrou que a
Revolução Cultural,
laborando em erro e
capitalizada por classes
contra-revolucionárias,
levou à comoção intestina
e trouxe a catástrofe para
o Partido, para o Estado e
para todo o povo".
11- China como potência econômica mundial
1976 a 1997   Deng Xiaoping como    - Reformas econômicas;
              secretário-geral do   - Implantação da
                                    economia de mercado
              PCCh
                                    nos moldes capitalistas.




Década de     Reformas do           - Crescimento da
                                    economia chinesa
1990          sistema
              produtivo se
              aprofundam
Massacre da Praça Celestial - 1989
O Gigante Econômico
• Alterações nas concepções de gerenciamento da
  economia.
• Grande quantidade de mão-de-obra
• Exploração da mão-de-obra
• Energia abundante
• Matéria prima
• Parcerias comerciais
• Agressividade nos investimentos
• Valorização da educação
• Incentivo a tecnologia
China


Potência do Século XXI ?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ditaduras na america latina
Ditaduras na america latinaDitaduras na america latina
Ditaduras na america latina
Isabel Aguiar
 
PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917
josafaslima
 
Período Democrático (1945-1964)
Período Democrático (1945-1964)Período Democrático (1945-1964)
Período Democrático (1945-1964)
Janaína Tavares
 
Revolução russa slide
Revolução russa slideRevolução russa slide
Revolução russa slide
Isabel Aguiar
 
Populismo na america-latina
Populismo na america-latinaPopulismo na america-latina
Populismo na america-latina
Norma Almeida
 

Mais procurados (20)

Ditaduras na america latina
Ditaduras na america latinaDitaduras na america latina
Ditaduras na america latina
 
PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917PPT - Revolução Russa de 1917
PPT - Revolução Russa de 1917
 
Guerra do Vietnã
Guerra do VietnãGuerra do Vietnã
Guerra do Vietnã
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução Chinesa
 
3° ano - Guerra Fria
3° ano - Guerra Fria3° ano - Guerra Fria
3° ano - Guerra Fria
 
Período Democrático (1945-1964)
Período Democrático (1945-1964)Período Democrático (1945-1964)
Período Democrático (1945-1964)
 
A Revolução Mexicana (1910)
A Revolução Mexicana (1910)A Revolução Mexicana (1910)
A Revolução Mexicana (1910)
 
Regimes totalitarios
Regimes totalitariosRegimes totalitarios
Regimes totalitarios
 
A Era Vargas (1930 1945)-aulão
A Era Vargas (1930 1945)-aulãoA Era Vargas (1930 1945)-aulão
A Era Vargas (1930 1945)-aulão
 
Governo jk - Disma
Governo jk - DismaGoverno jk - Disma
Governo jk - Disma
 
Guerra Do Vietna
Guerra Do VietnaGuerra Do Vietna
Guerra Do Vietna
 
Governos Totalitários (nazismo e fascismo)
Governos Totalitários (nazismo e fascismo)Governos Totalitários (nazismo e fascismo)
Governos Totalitários (nazismo e fascismo)
 
Revolução russa slide
Revolução russa slideRevolução russa slide
Revolução russa slide
 
Crise da República Velha
Crise da República VelhaCrise da República Velha
Crise da República Velha
 
07 revolução mexicana
07   revolução mexicana07   revolução mexicana
07 revolução mexicana
 
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPeríodo entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
 
BRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASIL
BRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASILBRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASIL
BRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASIL
 
3º ano era vargas
3º ano   era vargas3º ano   era vargas
3º ano era vargas
 
Populismo na america-latina
Populismo na america-latinaPopulismo na america-latina
Populismo na america-latina
 
3ºano ditadura e democracia no brasil
3ºano ditadura e democracia no brasil3ºano ditadura e democracia no brasil
3ºano ditadura e democracia no brasil
 

Destaque (6)

Guerra do Vietnã
Guerra do VietnãGuerra do Vietnã
Guerra do Vietnã
 
Nikita khrushchev
Nikita khrushchevNikita khrushchev
Nikita khrushchev
 
Guerra da coreia
Guerra da coreiaGuerra da coreia
Guerra da coreia
 
Guerra da coreia
Guerra da coreiaGuerra da coreia
Guerra da coreia
 
Crise dos paises socialistas
Crise dos paises socialistasCrise dos paises socialistas
Crise dos paises socialistas
 
Comunismo: de Stalin a Gorbachov
Comunismo: de Stalin a GorbachovComunismo: de Stalin a Gorbachov
Comunismo: de Stalin a Gorbachov
 

Semelhante a Revolução Chinesa

China professor wanderso cursinho
China professor wanderso cursinhoChina professor wanderso cursinho
China professor wanderso cursinho
wandermart
 
3 ano china seculo xxi
3 ano china seculo xxi3 ano china seculo xxi
3 ano china seculo xxi
Isabel Aguiar
 

Semelhante a Revolução Chinesa (20)

China professor wanderso cursinho
China professor wanderso cursinhoChina professor wanderso cursinho
China professor wanderso cursinho
 
360 a socialismo real na china
360 a socialismo real na china360 a socialismo real na china
360 a socialismo real na china
 
China
ChinaChina
China
 
3 ano china seculo xxi
3 ano china seculo xxi3 ano china seculo xxi
3 ano china seculo xxi
 
China comunista
China comunistaChina comunista
China comunista
 
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptxAulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
 
China seculo xxi
China seculo xxiChina seculo xxi
China seculo xxi
 
China Palestra
China PalestraChina Palestra
China Palestra
 
Socialismo na china
Socialismo na chinaSocialismo na china
Socialismo na china
 
Revolução chinesa
Revolução chinesaRevolução chinesa
Revolução chinesa
 
Movimentos comunistas
Movimentos comunistasMovimentos comunistas
Movimentos comunistas
 
Economia da CHina
Economia da CHinaEconomia da CHina
Economia da CHina
 
Revolução chinesa
Revolução chinesaRevolução chinesa
Revolução chinesa
 
A CHINA COMUNISTA
A CHINA COMUNISTAA CHINA COMUNISTA
A CHINA COMUNISTA
 
China CSFX
China CSFXChina CSFX
China CSFX
 
Aula revolução chinesa
Aula revolução chinesaAula revolução chinesa
Aula revolução chinesa
 
Revolução Chinesa.
Revolução Chinesa.Revolução Chinesa.
Revolução Chinesa.
 
554588.pptx
554588.pptx554588.pptx
554588.pptx
 
A Revolução Chinesa.pptx
A Revolução Chinesa.pptxA Revolução Chinesa.pptx
A Revolução Chinesa.pptx
 
revolução chinesa.pdf
revolução chinesa.pdfrevolução chinesa.pdf
revolução chinesa.pdf
 

Mais de Jorge Miklos

Castells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._i
Castells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._iCastells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._i
Castells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._i
Jorge Miklos
 
Redemocratização
RedemocratizaçãoRedemocratização
Redemocratização
Jorge Miklos
 
A Ditadura Militar (1964-1985)
A Ditadura Militar (1964-1985)A Ditadura Militar (1964-1985)
A Ditadura Militar (1964-1985)
Jorge Miklos
 
O mal estar na civilização
O mal estar na civilizaçãoO mal estar na civilização
O mal estar na civilização
Jorge Miklos
 
A organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismo
A organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismoA organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismo
A organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismo
Jorge Miklos
 
Reformas religiosas
Reformas religiosasReformas religiosas
Reformas religiosas
Jorge Miklos
 

Mais de Jorge Miklos (20)

Pink floyd
Pink floydPink floyd
Pink floyd
 
Gagnebin, jeanne marie. walter benjamin. são paulo brasiliense, 1982
Gagnebin, jeanne marie. walter benjamin. são paulo  brasiliense, 1982Gagnebin, jeanne marie. walter benjamin. são paulo  brasiliense, 1982
Gagnebin, jeanne marie. walter benjamin. são paulo brasiliense, 1982
 
O imaginário e a hipostasia da comunicação
O imaginário e a hipostasia da comunicaçãoO imaginário e a hipostasia da comunicação
O imaginário e a hipostasia da comunicação
 
A RELIGIÃO NO BRASIL
A RELIGIÃO NO BRASIL A RELIGIÃO NO BRASIL
A RELIGIÃO NO BRASIL
 
Castells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._i
Castells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._iCastells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._i
Castells, manuel. a_sociedade_em_rede_-_vol._i
 
História do Brasil
História do BrasilHistória do Brasil
História do Brasil
 
DE JK A LULA-LÁ
DE JK A LULA-LÁDE JK A LULA-LÁ
DE JK A LULA-LÁ
 
Redemocratização
RedemocratizaçãoRedemocratização
Redemocratização
 
A Ditadura Militar (1964-1985)
A Ditadura Militar (1964-1985)A Ditadura Militar (1964-1985)
A Ditadura Militar (1964-1985)
 
República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)
 
A Era Vargas (1930-1945)
A Era Vargas (1930-1945)A Era Vargas (1930-1945)
A Era Vargas (1930-1945)
 
República Velha (1889-1930)
República Velha (1889-1930)República Velha (1889-1930)
República Velha (1889-1930)
 
O mal estar na civilização
O mal estar na civilizaçãoO mal estar na civilização
O mal estar na civilização
 
A organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismo
A organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismoA organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismo
A organização do trabalho no século 20 taylorismo, fordismo e toyotismo
 
Sacralização da Mídia; Midiatização do Sagrado
Sacralização da Mídia; Midiatização do SagradoSacralização da Mídia; Midiatização do Sagrado
Sacralização da Mídia; Midiatização do Sagrado
 
Absolutismo francês e a Revolução francesa
Absolutismo francês e a Revolução francesaAbsolutismo francês e a Revolução francesa
Absolutismo francês e a Revolução francesa
 
Absolutismo inglês e revoluções inglesas
Absolutismo inglês e revoluções inglesasAbsolutismo inglês e revoluções inglesas
Absolutismo inglês e revoluções inglesas
 
A aurora do homem
A aurora do homemA aurora do homem
A aurora do homem
 
Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
 
Reformas religiosas
Reformas religiosasReformas religiosas
Reformas religiosas
 

Último

O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkkO QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
LisaneWerlang
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
rarakey779
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
rarakey779
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
edjailmax
 

Último (20)

Atividade português 7 ano página 38 a 40
Atividade português 7 ano página 38 a 40Atividade português 7 ano página 38 a 40
Atividade português 7 ano página 38 a 40
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkkO QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
 
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na IgrejaJunho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 
manual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdf
manual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdfmanual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdf
manual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
 
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadessDesastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
 
00Certificado - MBA - Gestão de projetos
00Certificado - MBA - Gestão de projetos00Certificado - MBA - Gestão de projetos
00Certificado - MBA - Gestão de projetos
 

Revolução Chinesa

  • 2. Imperialismo • No século XIX, no contexto do imperialismo, a China era dominada e explorada pelas potências européias, principalmente pelo Reino Unido.
  • 3. CHINA – ALVO DO IMPERIALISMO EUROPEU • Além de explorar a China economicamente, os europeus interferiam nos assuntos políticos e culturais da China.
  • 4. Dinastia Manchu • Os imperadores da Dinastia Manchu • submissos à dominação européia.
  • 5. GUERRA DO ÓPIO • GUERRA DO ÓPIO • Tratado de Nanquim (1842), a China teve de abrir cinco de seus portos ao livre comércio e entregar a ilha de Hong-Kong aos ingleses.
  • 6. Latifúndios • A distribuição das terras produtivas chinesas também era um outro problema para o país, pois quase 90% estavam nas mãos de grandes proprietários rurais (espécies de senhores feudais).
  • 7. Guerra dos Boxers • Entre 1898 e 1900 um ato de rebeldia contra a dominação estrangeira ocorreu na China.
  • 8. Nacionalismo • Em 1908, Sun Yat-sen fundou o Partido Nacionalista (Kuomintang) cujo principal objetivo era fazer oposição à monarquia e ao domínio europeu no país.
  • 9. REVOLUÇÃO NACIONALISTA • Em 1911, com o apoio de grande parte dos militares chineses, Sun Yat-sen foi proclamado primeiro presidente da República Chinesa. Sun Yat-sen, primeiro presidente da República de China e fundador do Kuomintang.
  • 10. Partido Comunista Chinês. • Em 1925, com a morte de Sun Yat-sen, ocorreu uma disputa pelo controle do Kuomintang, que acabou por se fundir com o Partido Comunista Chinês.
  • 11. Chiang Kai-shek • Em 1927, o general Chiang Kai-shek assumiu o poder do Kuomintang e, no comando das tropas chinesas, começou a combater os opositores da República, entre eles os grandes proprietários rurais e comunistas.
  • 12. A Longa Marcha • Em outubro de 1934, cerca de 100 mil comunistas tiveram de abandonar a região de Jiangxi. • Foi o inicio de um dos episódios marcantes dessa guerra: a Longa Marcha, • uma caminhada de 12 mil quilômetros atravessando onze províncias e travando combates incessantes, que o principal líder comunista, Mao Tse-tung, empreendeu com mais de 100 mil pessoas em direção ao noroeste do país com o objetivo de escapar ao cerco inimigo.
  • 13. A Longa Marcha • Durante essa caminhada, muitas pessoas morreram, outras ficaram pelo caminho organizando os camponeses, que haviam se transformado na principal base de apoio dos comunistas. • Apenas 9 mil chegaram ao destino final, a província de Shaanxi, onde se ergueu o quartel-general das tropas comunistas.
  • 14. Mao Tsé-Tung • A severa derrota dos comunistas nas zonas urbanas, levou Mao Tsé- Tung à liderança partidária. • Mao Tsé-Tung estabeleceu uma nova estratégia revolucionária, voltando-se para as zonas rurais em busca do apoio das massas camponesas. •
  • 15. Revolução Chinesa - 1949 • Em outubro de 1949, os comunistas tomam o poder e proclamam a República Popular da China, com Mao Tse- tung como chefe supremo.
  • 16. Socialização • Transformada num país comunista, a China passou por uma série de reformas como, por exemplo, coletivização das terras, controle estatal da economia e nacionalização de empresas estrangeiras.
  • 17. Construção de uma nova China • Hábitos e costumes alterados; • Prostituição e uso de drogas, passam a ser considerados crimes; • Perseguição às classes que tinham ligação com nacionalistas; • Cerca de 2 milhões de indivíduos mortos por se recusarem à coletivização das terras.
  • 18. Grande Salto (1958-1960) • cada vilarejo deveria produzir os alimentos e os bens necessários. • mobilização de todos os recursos humanos da China • acelerar o desenvolvimento econômico • igualdade num curto período de tempo.
  • 19. Resultado Total desorganização econômica Milhares de chineses morrem de fome Mao Tsé-tung é afastado do poder central e fica apenas com a política externa 1960 – Devido às criticas contra a URSS, esta suspenda a ajuda econômica e militar à China
  • 20. Revolução Cultural Proletária. • 1966 – Mao Tsé-tung inicia um movimento de retomada ao poder total do partido do país. • A Grande Revolução Cultural Proletária.
  • 21. Revolução Cultural (1965) Burocratas Professores Políticos Expurgo Cursos Militares universitários Membros Jovens do PCCh
  • 22. Livro de Mao O poder político nasce do cano da espingarda.
  • 23.
  • 24. • Chamada de ditadora cultural, exerceu domínio absoluto e determinou o que podia ser escrito, pintado, editado, cantado e exibido nos teatros e cinemas. Jiang Qing - Esposa de Mao
  • 25. Guarda Vermelha • "Livro Vermelho" de Mao como base doutrinária • Humilhavam e castigavam revisionistas, direitistas, burgueses, burocratas do Partido e do Estado e até mesmo àqueles que adotavam estilos ocidentais de comportamentos.
  • 26. Luta pelo poder Morte de 9 de setembro de 1976) Mao Tse-Tung Facções de direita Facções de esquerda Esposa de Mao e seus Expressiva vitória aliados mais próximos, banidos da política chinesa.
  • 27. O Comitê Central do PCCh tornou público um relatório em que assinalava: "A história mostrou que a Revolução Cultural, laborando em erro e capitalizada por classes contra-revolucionárias, levou à comoção intestina e trouxe a catástrofe para o Partido, para o Estado e para todo o povo".
  • 28. 11- China como potência econômica mundial 1976 a 1997 Deng Xiaoping como - Reformas econômicas; secretário-geral do - Implantação da economia de mercado PCCh nos moldes capitalistas. Década de Reformas do - Crescimento da economia chinesa 1990 sistema produtivo se aprofundam
  • 29. Massacre da Praça Celestial - 1989
  • 30. O Gigante Econômico • Alterações nas concepções de gerenciamento da economia. • Grande quantidade de mão-de-obra • Exploração da mão-de-obra • Energia abundante • Matéria prima • Parcerias comerciais • Agressividade nos investimentos • Valorização da educação • Incentivo a tecnologia