Aula 12 instalação de hardware

812 visualizações

Publicada em

Setup

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
812
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
104
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
64
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 12 instalação de hardware

  1. 1. Instalação de Hardware Jorge Ávila Aula 12
  2. 2. Exercícios práticos • Montagem de um computador Mão na Massa
  3. 3. Utilização do setup • Após a montagem da máquina é necessário entrar no programa Setup para verificar as configurações do computador, como reconhecimento dos drives e sequencia de boot( sequencia de carregamento do sistema operacional).
  4. 4. Utilização do setup • Para entrar no setup, não existe uma tecla padrão, pois normalmente cada fabricante do chip CMOS especifica uma tecla. • As mais conhecidas são: DELETE, F1, F11 e F12, podendo encontrar outras. • Caso tenha duvida de qual tecla pressionar para entrar no setup, verifique o manual da placa-mãe ou observe na parte inferior da tela de carregamento, normalmente existe uma indicação da tecla a ser pressionada.
  5. 5. Standard CMOS Setup • Configurações do HD, drive de disquetes, drives de CD-ROM, data e hora. • Aqui você deverá encontrar informações de seqüência de Boot além de configuração de caches, quantidade de memória RAM e algumas opções do BIOS. • Algumas opções podem aparecer com nomes diferentes, dependendo da marca e do modelo do BIOS.
  6. 6. Advanced Chipset Features • Esta seção armazena opções de desempenho da memória RAM e da memória cache, placa de vídeo e modem. • Há algumas opções relacionadas à memória cache, mas sem relevâncias pois automaticamente o Setup o configura com opções padrões para cada tipo de computador.
  7. 7. Power Management Setup • Aqui você poderá configurar opções de modos de economia de energia como desligamento automático do seu monitor, teclado e HD depois de um certo tempo de inatividade. • Estas opções podem ser feitas pelo Windows em “Painel de Controle/Gerenciamento de Energia” e por isso usualmente não há necessidade de alterar as configurações no próprio Setup. • Desde o Win98 a configuração de Plug & Play no Windows é feita automaticamente pelo próprio Windows e na imensa maioria dos casos você não tem de se preocupar com qualquer mudança de configuração.
  8. 8. PNI/PCI Configuration • Contém opções para configurar manualmente os endereços de IRQ e DMA ocupados pelos dispositivos externos: são os famosos Plugs & Play. • A maioria dos periféricos atuais são Plug & Play mas alguns periféricos antigos (principalmente modems e placas de som) não são endereçados automaticamente pelo BIOS, o que requer uma configuração manual.
  9. 9. Load Bios Defaults • Aqui você poderá resetar o BIOS para as suas configurações default.
  10. 10. Load SETUP Defaults • Aqui você poderá resetar o SETUP do BIOS: isto irá definir que o computador carregue apenas as opções necessárias para que o computador funcione. • Utilize esta opção se estiver tendo problemas para detectar uma nova placa por exemplo.
  11. 11. Integrated Peripherals • Tudo que você adiciona ao computador é configurado nesta opção: aqui você pode desabilitar qualquer um dos dispositivos da placa mãe, incluindo as portas IDE, a porta do drive de disquetes, portas USB, portas de impressoras, portas seriais etc., • RAID, SATA, além de configurar algumas outras opções e os endereços de IRQ ocupados por estes dispositivos.
  12. 12. User Password • Aqui você poderá colocar senha tanto para tentativa de entrada no sistema quanto no setup. IDE HDD Auto Detection • Ao instalar um disco rígido novo, não se esqueça de usar esta opção para que o Bios detecte o HD automaticamente: se ele ainda não reconhecer, entre em “Standard CMOS Setup” e configure-o manualmente.
  13. 13. Save e Exit Setup • Salvar as configurações e sair do setup Exit Without Saving • Sair do setup sem salvar as configurações
  14. 14. Utilização do setup • Exemplo de dois setups de fabricantes diferentes, mostrando os drives reconhecidos. Note a identificação como Master ou Slave em cada IDE e a identificação nas postas SATA.
  15. 15. Alterando a sequencia de Boot • Antes de instalar o sistema operacional e mesmo após a instalação é necessário configurar por qual dispositivo o computador irá carregar o sistema. • Normalmente, quando se quer instalar o sistema operacional, configura-se a primeira sequencia de boot para o cd-rom ou outro dispositivo que contém os arquivos de instalação. • Ao termino da instalação é necessário trocar a sequencia novamente de forma que aprimeira ordem de boot esteja para o Hd que contém o sistema já instalado.
  16. 16. Alterando a sequencia de Boot
  17. 17. Alterando a sequencia de Boot • A figura a cima mostra a configuração da sequencia de boot, note que existem 3 • sequencias. • Na ordem que estiverem definidas será a busca pelo sistema operacional. • No exemplo ao lado a 1ª sequencia de boot esta para o cd-rom a 2º para a IDE 1 e a terceira para o cd-rom.
  18. 18. Exercícios de fixação • 1) Explique resumidamente qual a função de cada menu do setup. o o o o o o o o o o o o Standart Cmos Setup Bios Features Setup Advanced Chipset Features Power Management Setup Pni/Pci Configuration Load Bios Defaults Load Setup Defaults Integrated Peripherals User Password Ide Hdd Auto Detection Save e Exit Setup Exit Without Saving • 2) O que devemos fazer para acessar o Setup. • 3) Descreva porque, e como mudamos a seqüência de boot.
  19. 19. Exercícios práticos • Treine o uso do setup, vendo a funcionalidade de cada menu, lembrando que, só altere as opções orientado pelo seu professor, pois uma alteração errada pode ocasionar graves problemas no computador.
  20. 20. Setup Mão na Massa
  21. 21. jorgeavila11.wordpress.com

×