Página1CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos
CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS...
Página2CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos
[A] Se apenas 1, 2 e 3 ...
Página3CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos
intentava transformá-la...
Página4CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos
africano tornou-se pred...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Preseed 2014-revisão 10

414 visualizações

Publicada em

Exercício de fixação 10

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
414
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Preseed 2014-revisão 10

  1. 1. Página1CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIA P R E HISTÓRIA EXÉRCICIO DE FIXAÇÃO X S E E D ALUNO:________________________________________ ANO BASE 2014 Questão 01 “Tudo o que no resto do mundo seria considerado como vilarejo, povoado, aldeia, etc. – isto é, as formas rurais do território – no Brasil é oficialmente classificado de urbano. E como fica cada vez mais lógico e racional que agricultores, pecuaristas, extrativistas, pescadores e até povos indígenas prefiram residir nas simplórias sedes de seus municípios ou distritos, são imensos os contingentes das populações rurais que incham essa cômica ficção de que o Brasil seria 81,2% urbano” (VEIGA, J.E. Dos povoados, aldeias, vilas, cidades e municípios. In: Jornal O Estado de São Paulo, 20/05/2002). A partir da reflexão acima sobre os espaços rurais e urbanos no Brasil, é correto afirmar que 1. há muitas regiões e significativas parcelas da população que reproduzem relações sociais, econômicas, políticas e culturais sob forte influência das condições típicas do meio rural e dos pequenos conglomerados humanos. 2. a questão agrária já foi praticamente resolvida no Brasil a partir do deslocamento da população do campo para a cidade. 3. o agronegócio promoveu o desaparecimento de tipos humanos, como agricultores familiares, extrativistas, pescadores, boias- frias e povos indígenas. 4. um percentual significativo da população brasileira considerada urbana, de fato, não o é, porque vive em lugares em que não tem acesso a equipamentos e a serviços públicos e privados encontrados nas cidades. 5. a ampliação da mancha urbana no território brasileiro levou a um aumento do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) em todo o país. [A] Se apenas 1, 2 e 5 forem corretas; [B] Se apenas 2, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 4 forem corretas; [E] Se apenas 2 e 4 forem corretas; Questão 02 Considerando as concepções antropológicas de cultura, é correto afirmar que 1. a cultura, por meio dos processos de socialização e de produção de sentidos para o mundo social e natural, condiciona a visão de mundo dos seres humanos a ponto de fazê-los acreditar que o seu modo de vida é o único “bom”, “adequado”, “belo” ou “correto”. A antropologia chama esse fenômeno de Etnocentrismo. 2. as diferenças de sexo e de idade, bem como de especialização em relação a habilidades e à realização de tarefas, levam os membros de uma mesma cultura a vivenciá-la diferentemente. 3. a cultura pode interferir no funcionamento da fisiologia dos organismos humanos e pode até influenciar a morte ou a sobrevivência dos membros de um determinado sistema cultural. 4. há, no presente, culturas humanas que podem ser consideradas pré-lógicas porque seus membros não conseguem alcançar o desenvolvimento pleno de suas capacidades artísticas e intelectuais, tal como é verificado nas grandes civilizações. 5. as culturas humanas são dinâmicas. Por isso, transformam-se a partir de si mesmas, da passagem do tempo e do contato com outras culturas.
  2. 2. Página2CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos [A] Se apenas 1, 2 e 3 forem corretas; [B] Se apenas 2, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 4 forem corretas; [E] Se apenas 2 e 4 forem corretas; Questão 03 Sobre a arte romana e a sua relação com manifestações artísticas de outros períodos e civilizações, assinale o que for correto. 1. Diferentemente dos circos na Grécia Antiga, o circo romano, chamado de Coliseu, destinava-se, principalmente, à luta de gladiadores, garantindo entretenimento à população da cidade de Roma. 2. Os romanos, como a maioria dos povos da Antiguidade, nunca conheceram a arte do retrato, uma vez que o rosto das esculturas era idealizado. 3. Os afrescos romanos não serviram de inspiração aos artistas renascentistas, uma vez que a maior parte desses só foi conhecida depois do século XVIII. 4. Com o uso das abóbadas de aresta, elemento construtivo que não era praticado pelos gregos, os construtores romanos puderam rasgar grandes vãos nas paredes das construções. 5. Os construtores romanos, assim como os gregos, assentavam o auditório dos teatros nas encostas das colinas, porque isso lhes garantiria maior solidez da construção e economia de material. [A] Se apenas 1, 2 e 5 forem corretas; [B] Se apenas 2, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 4 forem corretas; [E] Se apenas 2, 3, 4 e 5 forem corretas; Questão 04 A Arte do século XX, tão rica como diversificada, é fruto do conjunto de revoluções operadas no continente europeu a partir d. A e meados do século XIX. A Revolução Industrial, o surgimento da Fotografia, a Revolução Russa, a primeira e a segunda guerras mundiais e a queda do muro de Berlim, foram momentos significativos que mudaram a forma de ver e sentir do mundo Ocidental e, por consequência, a forma de se exprimir. Assim, a pintura do século XX marca uma ruptura com os cânones do passado, com o classicismo conservador marcado pela representatividade e condicionada pela tradução da realidade objetiva. [...] A globalização como fenômeno da sociedade contemporânea e a desterritorialização da produção artística começam a se fortalecer na virada da década de 70 para 80. Esta nova fase artística recebeu várias denominações [...] A pintura passa a ser concebida a partir de novos pressupostos: uso abusivo das cores, grandes formatos, uso de objetos do cotidiano adotados como suporte pictórico da obra, gestualidade, figurativismo e expressionismo. Jovens pintores transitam constantemente entre a tradição da história da arte e os fragmentos do mundo atual, realizando uma pintura híbrida e contínua. Daniel Senise Pintura. A volta da pintura nos anos 80, 1985 in http://www.macvirtual.usp.br/mac/templates /projetos/seculoxx/modulo6/pintura. Sobre a pintura no século XX, assinale o que for correto. 1. Quando os Nazistas chegaram ao poder, patrocinaram o movimento expressionista, uma vez que essa manifestação artística lutava contra a estética tradicional, então considerada reacionária e decadente. 2. De uma maneira geral, pode-se considerar que a arte de Paul Klee sofreu influência apenas da pintura abstrata, principalmente do expressionismo não figurativo. 3. Em muitas das suas pinturas, Matisse transformou a cena em um padrão decorativo, com uma simplificação de formas e de contornos. 4. O cubismo não pretendia abolir a representação do mundo sensível, mas
  3. 3. Página3CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos intentava transformá-la a partir de um novo método. 5. Os membros do futurismo, na condição de integrantes de um movimento artístico de vanguarda, recusaram qualquer participação na vida política italiana. [A] Se apenas 1, 2 e 5 forem corretas; [B] Se apenas 2, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 5 forem corretas; [E] Se apenas 2 e 4 forem corretas; Questão 05 Sobre o processo de industrialização dos Estados Unidos da América, ocorrido a partir das últimas décadas do século XVIII, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 1. O desenvolvimento industrial dos Estados Unidos foi beneficiado pela expansão territorial, com a integração econômica do Oeste, pela exploração de minérios e pela imigração europeia. 2. A não intervenção do Estado no processo produtivo americano durante o século XIX explica o desenvolvimento e o liberalismo industrial americano dos dias de hoje. 3. A Lei do Açúcar e a Lei do Selo foram importantes instrumentos de proteção ao mercado interno e contribuíram decisivamente para o desenvolvimento da industrialização dos Estados Unidos. 4. A Revolução Industrial americana foi beneficiada pelo grau de desenvolvimento tecnológico homogêneo e pela igualdade racial presente em todos os Estados da federação. 5. No século XIX, os produtos industriais não se destinavam apenas ao mercado interno e eram vendidos em outros países. [A] Se apenas 1, 2 e 5 forem corretas; [B] Se apenas 1, 3, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 4 forem corretas; [E] Se apenas 2 e 4 forem corretas; Questão 06 Antigas e novas formas de escravidão A escravidão foi uma das mais duradouras instituições humanas, pois fez parte da vida de distintas sociedades, desde a Antiguidade até o século XX. A esse respeito, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 1. Nas primeiras décadas do século XIX, o tráfico de africanos e a escravidão foram abolidos do Império Britânico. 2. No Brasil, no início da colonização portuguesa, os primeiros trabalhadores escravizados foram os índios; posteriormente, o trabalho do escravo
  4. 4. Página4CIÊNCIASHUMANASESUASTECNOLOGIA–HISTÓRIA–PREUNI–PÓLODASE-EXÉRCICIODEFIXAÇÃOX–PROFJorgeMarcos africano tornou-se predominante no nordeste açucareiro. 3. Nas colônias da Inglaterra, na América do Norte, desde o início da ocupação europeia, houve uma proibição legal da escravidão; em razão disso, foram utilizados os “servos sob contrato”. 4. Após a introdução de escravos africanos, a escravidão indígena foi extinta no Brasil em razão das proibições da Igreja. 5. Ao contrário do que ocorreu no Brasil, na América Espanhola não houve escravidão dos africanos, pois os espanhóis preferiram utilizar o trabalho dos índios. [A] Se apenas 1, 2 e 5 forem corretas; [B] Se apenas 2, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 4 forem corretas; [E] Se apenas 1 e 4 forem corretas; Questão 07 Sebastião José de Carvalho e Melo, marquês de Pombal Na segunda metade do século XVIII, o Marquês de Pombal, enquanto ministro do Rei de Portugal, D. José I, arquitetou um plano de reformas para o Reino e para suas colônias. A respeito das reformas pombalinas, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 1. Um dos principais objetivos das reformas era modernizar econômica e politicamente os domínios portugueses. 2. Para tornar realidade as reformas, Pombal enfrentou a oposição de parte da nobreza lusitana e foi apoiado por setores ilustrados dessa mesma aristocracia. 3. Com relação ao Brasil, um dos objetivos das reformas do Marquês de Pombal era ampliar a ocupação territorial e reestruturar a administração colonial. 4. Durante a administração pombalina, foram estabelecidos tratados entre Portugal e Espanha que tinham como objetivo estabelecer as fronteiras entre os territórios espanhóis e portugueses na América. 5. Ações administrativas adotadas por Pombal diminuíram drasticamente o contrabando e promoveram, a partir dos anos de 1760, um grande aumento da quantidade de ouro produzido em Minas Gerais. [A] Se apenas 1, 2 e 5 forem corretas; [B] Se apenas 2, 4 e 5 forem corretas; [C] Se apenas 3, 4 e 5 forem corretas; [D] Se apenas 2, 3 e 4 forem corretas; [E] Se apenas 2 e 4 forem corretas; CONFIRA O GABARITO 1) E 2) A 3) E 4) D 5) B 6) E 7) C

×