Biologia

240 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
240
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Biologia

  1. 1. Angiospermas BIOLOGIA
  2. 2. Grupo mais complexos entre os vegetais , as angiospermas abrangem variadas e numerosas espécies de vegetais com representantes como o milho, o trigo, o coqueiro, a orquídea, a margarida, a goiabeira, a laranjeira, e o capim, entre outros. ANGIOSPERMAS: SEMENTES EM FRUTOS
  3. 3. Assim como as gimnospermas, as angiospermas são plantas vasculares, cujo corpo é dotado de raízes, caules e folhas. Igualmente produzem sementes e independem da água para a fecundação. Reproduzem-se também por meio de alternância de gerações; o esporófitos constitui a fase mais complexa e duradora, e o gametófito representa a fase pouco complexa, exatamente, passageira e dependente do esporófitos. Entretanto, ao contrario das gimnospermas, essas plantas produzem frutos;
  4. 4. Dai o nome do gupo angiospermas ou angiospérmicas (do grego: angeos - "bolsa" e sperma- "semente") são plantas espermatófitas cujas sementes são protegidas por uma estrutura denominada fruto. Também conhecidas por magnoliófitas ou antófitas, são o maior e mais moderno grupo de plantas, englobando cerca de 230 mil espécies.
  5. 5. IMPORTÂNCIAS DAS ANGIOSPERMAS São os principais produtores de manteria orgânica na maioria dos ecossistemas terrestres. - Para o alimento humano: • Raízes - exemplos: cenoura, mandioca, batata-doce, nabo. • Caules- exemplos: cana-de-açúcar, batata-inglesa. • Frutos- exemplos: couve-flor, brocolis. • Folhas- exemplos: couve, alface, acelgas. • Sementes- exemplos: feijão, arroz, soja, ervilha.
  6. 6. - Apresentam inúmeras aplicações industriais como : • Indústrias de açúcar e álcool: cana-de-açúcar; • Fabricação de bebidas: uva, abacaxi, cevada, laranja; • Industria madeireira: ipê, peroba, imbuia, cervejeiro, mongo; • Industria têxtil: linho, algodão, juta;
  7. 7. - Utilizados na fabricação de produtos farmacológicos: • Substancias terapêuticas- exemplos: menta, camomila , dente-de-leão, erva-cidreira; • Alcaloides- exemplos: morfina, extraída da poupa e utilizada como anestésico; • Estimulantes- exemplos: guaraná, ginseng; - Suas folhagens e flores utilizadas nas ornamentação;
  8. 8. CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DAS ANGIOSPERMAS As angiospermas arborescentes possuem três componentes principais: raízes, tronco e folhas. • As raízes são os órgãos fixadores da árvore ao solo e absorvem água e sais minerais, indispensável para a sobrevivência da planta. • O tronco, constituído de inúmeros galhos, é o órgão aéreo responsável pela formação das folhas, efetuando também a ligação delas com as raízes. • E as folhas são os órgãos onde ocorrerá a fotossíntese, ou seja, o processo em que se produzem os compostos orgânicos essenciais para a manutenção da vida da planta.
  9. 9. FLORES As flores exibem uma imensa diversidade de formas, cores, e tamanhos. Uma flor completa é constituída das seguintes partes: Pedúnculo ou pedículo- é o eixo de sustentação da flor; Receptáculo – é uma dilatação apical do pedúnculo, onde estão inseridas as peças florais; Corola- compreende o conjunto formado por folhas modificadas, geralmente coloridas, denominadas pétalas; Androceu- é a estrutura masculina de reprodução, constituída por um conjunto de folhas profundamente modificadas denominadas estames; Gineceu- é a estrutura feminina de reprodução, constituída por um conjunto de folhas profundamente modificadas denominadas carpelos ou pistilos.
  10. 10. - Gineceu (sistema reprodutor feminino):
  11. 11. - Androceu (sistema reprodutor masculino):
  12. 12. • O pedicelo é responsável pela sustentação da flor ao caule e o receptáculo é a estrutura que prende as sépalas. Estas, em conjunto, são denominadas cálice; e o conjunto de pétalas é a corola.
  13. 13. NA REGIÃO TERMINAL DOS ESTAMES HÁ AS ANTERAS: ESTRUTURAS QUE ABRIGAM O PÓLEN. JÁ NA REGIÃO BASAL DO GINECEU, LOCALIZA-SE O OVÁRIO DA FLOR.

×