SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
Baixar para ler offline
A questão da
Informação
Texto de Aldo A. Barreto
Prof. Jônatas Souza de Abreu
Aldo de Albuquerque Barreto
Possui graduação em economia pela
Universidade Federal do Rio de Janeiro
(1968), Mestrado e Ph.D. em
Information Science ambos pela The
City University de Londres Inglaterra.
Atua em ensino, pesquisa e dedica-se à
docência na pó-graduação e formação
de pesquisadores doutores. Em
pesquisa tem se direcionado para
estudos sobre a relação da informação
com o conhecimento e inovação na
organização e na sociedade.
É pesquisador colaborador do Instituto
Brasileiro de Informação em Ciência e
Tecnologia, atuando junto à
Coordenação de Ensino e Pesquisa,
Ciência e Tecnologia da Informação,
situada no Núcleo do Rio de Janeiro.
Quais são as perguntas?
• Que é informação?
• Para que serve a informação?
• Quem usa a informação?
• Quais são os usos da Informação?
• Qual a natureza da informação?

• O que define a natureza da informação?

• “Como trabalhar informação enquanto
estruturas significantes, no sentido de
direcioná-la ao seu propósito de produtora
de conhecimento para a sociedade”?
Que é informação?
• Associada ao conceito de ordem e de redução de
incerteza; (BARRETO, 1998, p.1)
• identifica-se com a organização de sistemas de
identidades inanimadas ou de seres vivos
racionais (BARRETO, 1998, p.1)
• “Nesse sentido, tem-se procurado caracterizar a
essência do fenômeno da informação como a
adequação de um processo de comunicação que
se efetiva entre o emissor e o receptor da
mensagem”. (WERSIG; NEVELING, 1975).
• “Assim, os diversos conceitos encontrados para a
informação tendem a se localizar no começo e no
fim do processo de comunicação” (WERSIG;
NEVELING, 1975).
Que é informação?
• Definições estruturais

• “Indicam ser a informação o resultado da relação
estática entre objetos materiais, independentes da ação
dos seres humanos”;

• Definições “angeléticas” (mensagem)

• “A informação é indicada como símbolo produzidos por
um gerador para efetivar um processo de transferência”.

• Nestas definições, o receptor da informação está
excluído do processo, ou não é necessário para a
sua explicação.
Que é informação?
• Definições semânticas
• “relacionadas ao receptor reforçam a intenção
semântica da transferência, adjetivando o conceito
com o significado da mensagem, seu uso efetivo e
a ação resultante do uso”. (BARRETO, 1998, p.1)

• Informação para produção de
conhecimento

• “Contudo, são as definições – que relacionam a
informação à produção de conhecimento no
indivíduo – as que melhor explicam a natureza do
fenômeno, em que termos finalistas, associando-o
ao desenvolvimento e à liberdade do indivíduo, de
seu grupo de convivência e a da sociedade como
um todo”. (BARRETO, 1998, p.1)
Para que serve a
informação?
• Conectar pessoas;
• Expandir ideias
• Criar novos mundos
• Expressar valores
• Comunicar
•
•
•
•

Afetividade
Sentido
Decisão – estratégia
Formar opinião
Para que serve a
informação?
• A informação sintoniza o mundo.
• Como onda ou partícula, participa na
evolução e da revolução do homem em
direção à sua história.
• Como elemento organizador, a informação
referencia o homem ao seu destino; mesmo
antes de seu nascimento, através de sua
identidade genética, e durante sua existência
pela sua competência em elaborar a
informação para estabelecer a sua odisseia
individual no espaço e no tempo.
Quem usa a
informação?
Quem usa a informação?
• A importância que a informação assumiu
na atualidade pós-industrial recoloca para
o pensamento questões sobre a sua
natureza, seu conceito e os benefícios que
pode trazer ao indivíduo e no seu
relacionamento com o mundo em que vive.
Quem usa a informação?
• A informação, quando adequadamente
assimilada:

• produz conhecimento,
• modifica o estoque mental de informações do
indivíduo e
• traz benefícios ao seu desenvolvimento e ao
desenvolvimento da sociedade em que ele vive.
Quais os usos da
informação
• Uso social
• Uso econômico
• Uso político
Quais os usos da
informação?
• É necessário entender “como se
organiza, controla e distribui de
maneira correta, política e
socialmente, a informação,
considerando a sua ingerência na
produção do conhecimento”
Quais os usos da
informação?
• Informação institucionalizada

• Núcleos formais de difusão de informação
• Órgãos de governo, institutos de pesquisa oficiais,
agências reguladoras, etc.

• Informação não-institucionalizada

• Núcleos informais de difusão da informação
• Igrejas, escolas, empresas, meios de comunicação
em massa, etc.
Quais os usos da
informação?
Case study: Orbe plan

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A questão da informação aula 2

Cultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porte
Cultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porteCultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porte
Cultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porteLeonardo Moraes
 
O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...
O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...
O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...Monitor Científico FaBCI
 
Elementos intervenientes na tomada de decis o ti
Elementos intervenientes na tomada de decis o tiElementos intervenientes na tomada de decis o ti
Elementos intervenientes na tomada de decis o tisanta rita
 
Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...
Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...
Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...Index3i
 
Computadores em comportamento humano
Computadores em comportamento humanoComputadores em comportamento humano
Computadores em comportamento humanoAdriana Ramos
 
Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...
Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...
Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...Dalton Martins
 
Gestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionais
Gestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionaisGestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionais
Gestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionaisRoberto C. S. Pacheco
 
Apresentação gestão do conhecimento
Apresentação gestão do conhecimentoApresentação gestão do conhecimento
Apresentação gestão do conhecimentocomunidadedepraticas
 
Especialização - Unisinos - 2012
Especialização - Unisinos - 2012Especialização - Unisinos - 2012
Especialização - Unisinos - 2012Augusto Parada
 
Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)
Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)
Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)João Gretzitz
 
Código cultural tradução (português)
Código cultural   tradução (português)Código cultural   tradução (português)
Código cultural tradução (português)João Gretzitz
 
SNBU 2008 - Profissional da informação - Apresentação
SNBU 2008 - Profissional da informação - ApresentaçãoSNBU 2008 - Profissional da informação - Apresentação
SNBU 2008 - Profissional da informação - ApresentaçãoEdson Sousa Silva
 
Sociologia da Informação 7.pptx
Sociologia da Informação 7.pptxSociologia da Informação 7.pptx
Sociologia da Informação 7.pptxssuser3ca214
 
Educação em Dados Hands On e Democrática
Educação em Dados Hands On e DemocráticaEducação em Dados Hands On e Democrática
Educação em Dados Hands On e DemocráticaFernanda Bornhausen Sá
 
ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...
ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...
ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...ExpoGestão
 
Seminário A ética na sociedade
Seminário A ética na sociedadeSeminário A ética na sociedade
Seminário A ética na sociedadeJorge Prado
 
Competência informacional e fontes de informação
Competência informacional e fontes de informaçãoCompetência informacional e fontes de informação
Competência informacional e fontes de informaçãoDjuli De Lucca
 

Semelhante a A questão da informação aula 2 (20)

Cultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porte
Cultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porteCultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porte
Cultura informacional: um estudo em uma empresa de grande porte
 
O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...
O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...
O profissional da informação na sociedade do conhecimento mediadores e intera...
 
Elementos intervenientes na tomada de decis o ti
Elementos intervenientes na tomada de decis o tiElementos intervenientes na tomada de decis o ti
Elementos intervenientes na tomada de decis o ti
 
Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...
Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...
Findability: elementos essenciais para a recuperação da informação em ambient...
 
Computadores em comportamento humano
Computadores em comportamento humanoComputadores em comportamento humano
Computadores em comportamento humano
 
Estudo de Usuários - Conceitos e Aplicações
Estudo de Usuários - Conceitos e AplicaçõesEstudo de Usuários - Conceitos e Aplicações
Estudo de Usuários - Conceitos e Aplicações
 
Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...
Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...
Do documento às ontologias: uma visão sobre sistemas de organização do conhec...
 
Gestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionais
Gestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionaisGestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionais
Gestão e sociedade do conhecimento: novos perfis profissionais
 
A busca do inacessível
A busca do inacessívelA busca do inacessível
A busca do inacessível
 
Apresentação gestão do conhecimento
Apresentação gestão do conhecimentoApresentação gestão do conhecimento
Apresentação gestão do conhecimento
 
Especialização - Unisinos - 2012
Especialização - Unisinos - 2012Especialização - Unisinos - 2012
Especialização - Unisinos - 2012
 
4.1.1.
4.1.1. 4.1.1.
4.1.1.
 
Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)
Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)
Código Cultural - Visão e Valores (versão em português)
 
Código cultural tradução (português)
Código cultural   tradução (português)Código cultural   tradução (português)
Código cultural tradução (português)
 
SNBU 2008 - Profissional da informação - Apresentação
SNBU 2008 - Profissional da informação - ApresentaçãoSNBU 2008 - Profissional da informação - Apresentação
SNBU 2008 - Profissional da informação - Apresentação
 
Sociologia da Informação 7.pptx
Sociologia da Informação 7.pptxSociologia da Informação 7.pptx
Sociologia da Informação 7.pptx
 
Educação em Dados Hands On e Democrática
Educação em Dados Hands On e DemocráticaEducação em Dados Hands On e Democrática
Educação em Dados Hands On e Democrática
 
ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...
ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...
ExpoGestão 2020 - Fernanda Bornhausen - Educação em dados, hands on e democrá...
 
Seminário A ética na sociedade
Seminário A ética na sociedadeSeminário A ética na sociedade
Seminário A ética na sociedade
 
Competência informacional e fontes de informação
Competência informacional e fontes de informaçãoCompetência informacional e fontes de informação
Competência informacional e fontes de informação
 

Mais de Jônatas Abreu

Encontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfEncontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfJônatas Abreu
 
Encontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdf
Encontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdfEncontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdf
Encontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdfJônatas Abreu
 
Encontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfEncontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfJônatas Abreu
 
Encontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfEncontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfJônatas Abreu
 

Mais de Jônatas Abreu (6)

Encontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfEncontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 1 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
 
Encontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdf
Encontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdfEncontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdf
Encontro 2 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - 2023.pdf
 
Encontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfEncontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 3 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
 
Encontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdfEncontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
Encontro 4 2023 - CURSO DE PADRONIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS - .pdf
 
Aula 2 pts computador
Aula 2 pts computadorAula 2 pts computador
Aula 2 pts computador
 
Memória ram aula 3
Memória ram   aula 3Memória ram   aula 3
Memória ram aula 3
 

A questão da informação aula 2

  • 1. A questão da Informação Texto de Aldo A. Barreto Prof. Jônatas Souza de Abreu
  • 2. Aldo de Albuquerque Barreto Possui graduação em economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1968), Mestrado e Ph.D. em Information Science ambos pela The City University de Londres Inglaterra. Atua em ensino, pesquisa e dedica-se à docência na pó-graduação e formação de pesquisadores doutores. Em pesquisa tem se direcionado para estudos sobre a relação da informação com o conhecimento e inovação na organização e na sociedade. É pesquisador colaborador do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia, atuando junto à Coordenação de Ensino e Pesquisa, Ciência e Tecnologia da Informação, situada no Núcleo do Rio de Janeiro.
  • 3. Quais são as perguntas? • Que é informação? • Para que serve a informação? • Quem usa a informação? • Quais são os usos da Informação? • Qual a natureza da informação? • O que define a natureza da informação? • “Como trabalhar informação enquanto estruturas significantes, no sentido de direcioná-la ao seu propósito de produtora de conhecimento para a sociedade”?
  • 4. Que é informação? • Associada ao conceito de ordem e de redução de incerteza; (BARRETO, 1998, p.1) • identifica-se com a organização de sistemas de identidades inanimadas ou de seres vivos racionais (BARRETO, 1998, p.1) • “Nesse sentido, tem-se procurado caracterizar a essência do fenômeno da informação como a adequação de um processo de comunicação que se efetiva entre o emissor e o receptor da mensagem”. (WERSIG; NEVELING, 1975). • “Assim, os diversos conceitos encontrados para a informação tendem a se localizar no começo e no fim do processo de comunicação” (WERSIG; NEVELING, 1975).
  • 5. Que é informação? • Definições estruturais • “Indicam ser a informação o resultado da relação estática entre objetos materiais, independentes da ação dos seres humanos”; • Definições “angeléticas” (mensagem) • “A informação é indicada como símbolo produzidos por um gerador para efetivar um processo de transferência”. • Nestas definições, o receptor da informação está excluído do processo, ou não é necessário para a sua explicação.
  • 6. Que é informação? • Definições semânticas • “relacionadas ao receptor reforçam a intenção semântica da transferência, adjetivando o conceito com o significado da mensagem, seu uso efetivo e a ação resultante do uso”. (BARRETO, 1998, p.1) • Informação para produção de conhecimento • “Contudo, são as definições – que relacionam a informação à produção de conhecimento no indivíduo – as que melhor explicam a natureza do fenômeno, em que termos finalistas, associando-o ao desenvolvimento e à liberdade do indivíduo, de seu grupo de convivência e a da sociedade como um todo”. (BARRETO, 1998, p.1)
  • 7. Para que serve a informação? • Conectar pessoas; • Expandir ideias • Criar novos mundos • Expressar valores • Comunicar • • • • Afetividade Sentido Decisão – estratégia Formar opinião
  • 8. Para que serve a informação? • A informação sintoniza o mundo. • Como onda ou partícula, participa na evolução e da revolução do homem em direção à sua história. • Como elemento organizador, a informação referencia o homem ao seu destino; mesmo antes de seu nascimento, através de sua identidade genética, e durante sua existência pela sua competência em elaborar a informação para estabelecer a sua odisseia individual no espaço e no tempo.
  • 10. Quem usa a informação? • A importância que a informação assumiu na atualidade pós-industrial recoloca para o pensamento questões sobre a sua natureza, seu conceito e os benefícios que pode trazer ao indivíduo e no seu relacionamento com o mundo em que vive.
  • 11. Quem usa a informação? • A informação, quando adequadamente assimilada: • produz conhecimento, • modifica o estoque mental de informações do indivíduo e • traz benefícios ao seu desenvolvimento e ao desenvolvimento da sociedade em que ele vive.
  • 12. Quais os usos da informação • Uso social • Uso econômico • Uso político
  • 13. Quais os usos da informação? • É necessário entender “como se organiza, controla e distribui de maneira correta, política e socialmente, a informação, considerando a sua ingerência na produção do conhecimento”
  • 14. Quais os usos da informação? • Informação institucionalizada • Núcleos formais de difusão de informação • Órgãos de governo, institutos de pesquisa oficiais, agências reguladoras, etc. • Informação não-institucionalizada • Núcleos informais de difusão da informação • Igrejas, escolas, empresas, meios de comunicação em massa, etc.
  • 15. Quais os usos da informação?