Tânia Diniz - Dentre Outras Coisas

352 visualizações

Publicada em

Crítica literária de Tânia Diniz sobre o livro Dentre Outras Coisas, de Johnny Batista Guimarães

Publicada em: Educação, Diversão e humor
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Tânia Diniz - Dentre Outras Coisas

  1. 1. elo, poético, denso! B Assimé esse garoto Johnny que iniciaa dura estrada onde o começo parece difícile o final é um mistério. Porém, tem passos firmes, tem mãos seguras, olhos de ver . penetrantes e, por vezes,de sabor amargo. Umpeito pleno de poesia que nos ferecom suas unhas e dentes! Mas que também nos consola e traz o bálsamo em sua garganta funda, rouca de poemas, em voz de vento trancado. Um garoto ainda, mas que dentro do coração, traz o homem feito que se ajanela em seus olhos para observar a vida. E que já percebe na Criação, as caras repetidas, e que vaitorcendo a grave pergunta da vida como um ponto de interrogação. E molda palavras. Esse moço que risca um tiro na gente com sua poesia lúcida e profunda, e vai fazendo dos poemas (em prosa ou verso) ou de seu silêncio,esta avalanche de argumentos, para chegar; Dentre Outras Coisas, e marcar definitivamente seu espaço, de direito, no cenário de nossas letras;no ciclode outro começo. tânia diniz I 1 !

×