A urbanização da sociedade: Reflexões para um debate sobre as novasformas espaciaisMaria Encarnação Beltrão Sposito
A natureza das dinâmicas que engendram a urbanização naatualidade, as novas formas espaciais que se constituem e oconteúdo...
Referindo-se á visita de Le Corbusier a nova York em 1935 relata:A idéia de uma cidade descentralizada era o contrario de ...
A urbanização da sociedade não compreende, portanto, apenas a dinâmica demográfica deconcentração dos homens, ou a dinâmic...
Os espaços urbanos se redefinem. Ao invés de aglomerações urbanas que designamcontinuidade e adensamento populacional, de ...
A cidade passa a ser compreendida alem de sua morfologia, porque se analisamos elementos e processos que definem a sua esp...
A cidade passa a ser compreendida alem de sua morfologia, porque se analisamos elementos e processos que definem a sua esp...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Novo(a) apresentação do microsoft power point

84 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Novo(a) apresentação do microsoft power point

  1. 1. A urbanização da sociedade: Reflexões para um debate sobre as novasformas espaciaisMaria Encarnação Beltrão Sposito
  2. 2. A natureza das dinâmicas que engendram a urbanização naatualidade, as novas formas espaciais que se constituem e oconteúdo social e cultural desse processo. Ampliação dos papeis urbanos ede extensão dos tecidos urbanos redimensiona o par cidade- urbanização.Contextoda Revolução IndustrialA evolução da cidade estava apenas começando e as cidades deentão estavam sendo reconstruídas.
  3. 3. Referindo-se á visita de Le Corbusier a nova York em 1935 relata:A idéia de uma cidade descentralizada era o contrario de todas as teorias urbanasde Le Corbuiser, e ele não as aceitava. No livro When the Cathedrals were White, o relatode sua viagem americana, ele vocifera contra o conceito de vida no subúrbio, certo de quea cidade no futuro seria uma cidade vertical, não exatamente Manhattan, talvez,mas umaversão dela..(...) Em 1935, quando Le Corbuiser viu as casas de subúrbio americanas, não podiaimaginar que eram elas e não as torres de Manhattan, as precursoras do futuro urbanopós- industrial. (grifo nosso)Urbanização que se reconstrói.
  4. 4. A urbanização da sociedade não compreende, portanto, apenas a dinâmica demográfica deconcentração dos homens, ou a dinâmica econômica de concentração de riqueza,nem as formasconcretas que se expressam ou determinam essas dinâmicas, mas seu conteúdo social e culturalO desenvolvimento do meio tecnico-cientifico coloca cada vez mais a cidade além da cidade,redefinindo a dialética cidade-urbana. Essa definição encerra uma outra: a da relação cidade-urbaneidade.O par cidade- urbanizaçãoCidade- conjunto de funções sociais diversasA relação entre cidade e urbanização é de fácil apreensão, pois que acidade esta todo tempo aexpressar e sustentar o processo de urbanização, e sob essa perspectiva sintetiza a dinâmica espaçotemporal desse processo.O que é desafio para os pesquisadores é aprender a natureza dessa relação, no mundocontemporâneo, quando já não temos a cidade como unidade espacial, como territorialidade continua,como morfologia integrada, e, portanto, quando as relações entra a cidade e o seu conteúdo não seexpressam, de forma clara, através de formas espaciais que possam ser facilmente distinguidasdaquelas que definem a morfologia rural.
  5. 5. Os espaços urbanos se redefinem. Ao invés de aglomerações urbanas que designamcontinuidade e adensamento populacional, de infra-estrutura e equipamentos, produzem-se largas tramas urbanas que se definem por uma estruturação polinucleada, interna eexternamente articulados por amplos sistemas de transporte e comunicação.Desconcentração territorial e não negação da aglomeração, mas condição e expressãode uma nova lógica de localização.Metrópole desconcentrada.Industrialismo.A industrialização como dinâmica através da qual podemos compreender as mudançasmais significativas do mundo industrial.Relação entre urbanização e cidade.
  6. 6. A cidade passa a ser compreendida alem de sua morfologia, porque se analisamos elementos e processos que definem a sua espacialidade.
  7. 7. A cidade passa a ser compreendida alem de sua morfologia, porque se analisamos elementos e processos que definem a sua espacialidade.

×