SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
EJA CONTINENTE I – Coqueiros. Profa. JocianeAraujo Peres da Luz (L. Port.) – set./2011

                                 Interdisciplinaridade e termos afins

        Conforme Houaiss (2004), INTERDISCIPLINAR é o que estabelece relação entre duas ou
mais disciplinas ou ramos de conhecimento; que é comum a duas ou mais disciplinas.

        Desse modo, interdisciplinaridade é a relação do conhecimento entre duas ou mais
áreas e que possuem algo em comum.

       Para Werneck (1991),

        “ao pensar em interdisciplinaridade, podemos pensá-la sob dois aspectos. Um que se
refere à intenção do professor e suas possibilidades; e um outroàs características do conteúdo
a ser estudado. Quanto ao professor, podemos pensar que a interdisciplinaridade se constrói a
partir do modo como ele vê o mundo, de sua vivência, sua experiência, seu envolvimento e
principalmente de seu conhecimento sobre o conteúdo em questão. Ter uma atitude
interdisciplinar, portanto, é ter uma mudança de concepção de ensino por que vem quebrar
uma estrutura de ensino secular, fundamentada no isolamento das disciplinas, que orientava o
papel do professor como se cada matéria não tivesse relação com as outras”.

         Ou seja, a interdisciplinaridade aparece como um princípio novo de reorganização das
disciplinas científicas e de reformulação das estruturas pedagógicas de seu ensino capaz de
responder a criação de uma inteligência e de uma razão aberta e, capaz de formar uma nova
pedagogia uma vez que ela questiona as relações entre os conteúdos, os temas ou umassunto
em questão mesmo que se preserve a individualidade de cada disciplina e a especificidade que
a caracteriza.

         Segundo Piaget (1981) só existe interdisciplinaridade quando as diferentes disciplinas
saem dos seus limites e reconstroem num patamar superior de conceitos, métodos de
investigação e instrumentos. Quando existe apenas o concurso de várias disciplinas, mas não
há     reconstrução,    há    apenas      multidisciplinaridade    ou    pluridisciplinaridade.
Multidisciplinaridade, então, seria o nível inferior de integração. Ocorre quando, para
solucionar um problema, busca-se informação e ajuda em várias disciplinas, sem que tal
interação contribua para modifica-las ou enriquecê-las. Seria a mera justaposição de matérias
diferentes, oferecidas de maneira simultânea, com a intenção de esclarecer alguns de seus
elementos comuns, mas na verdade nunca se explicitam claramente as possíveis relações
entre elas.

        Para a professora Drᵃ Rosa Maria F. Martini, a transdisciplinaridadeé a elaboraçãode
                             .
um saber voltado para a compreensão da realidade, para a descoberta de potencialidades e
alternativas para agir no contexto pedagógico escolar e poder transformá-la. Para isso, o
educando precisa estar favorecido de princípios que favoreçam a sua capacidade de:
expressar-se por meio de múltiplas linguagens e novas tecnologias; posicionar-se diante da
informação; interagir de forma ativa, reflexiva e crítica com o meio ambiente e a sociedade.
(Apostila Completa. Concurso Magistério, 2004).
Ressalto, ainda, que o prefixo de origem grega trans significa além de, ou melhor, no
que se refere atransdisciplinaridade é a prioridade de uma transcendência, de uma
modalidade de relação entre as disciplinas que as supere; é o nível superior da
interdisciplinaridade, de coordenação, onde desaparecem os limites entre as diversas
disciplinas e se forma um sistema total que ultrapassa o plano das relações e interações entre
tais disciplinas.




Bibliografias:

ALMEIDA, Nílson Teixeira de. Gramática da Língua Portuguesa para concursos, vestibulares,
ENEM, colégios técnicos e militares.8ᵃEd. São Paulo: Saraiva, 2003.
                                      .

APOSTILA COMPLETA CONCURSO MAGISTÉRIO. Conhecimentos gerais e pedagógicos. UNISC –
Universidade de Santa Cruz do Sul, 2004.

HOUAISS, Antônio. Minidicionário Houaiss da língua portuguesa. Organizado pelo Instituto de
Lexicografia e Banco de Dados da Língua Portuguesa S/C Ltda. - 2ᵃ ver. aum. – RJ:Objetiva,
                                                                 ed..
2004.

PIAGET, Jean. O possível e o necessário. Porto Alegre: Artes Médicas, 1981.

WERNECK, Hamilton. Se você finge que ensina, eu finjo que aprendo. RJ: Ed. Vozes, 1991.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?
Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?
Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?Eva Rocha
 
02 interdisciplinaridade e planejamento coletivo
02   interdisciplinaridade e planejamento coletivo02   interdisciplinaridade e planejamento coletivo
02 interdisciplinaridade e planejamento coletivoensinoinovadorsc
 
Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridade
Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E TransdisciplinaridadeMultidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridade
Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridadesilsiane
 
Apresentação valdriano interdisciplinaridade - cópia
Apresentação valdriano   interdisciplinaridade - cópiaApresentação valdriano   interdisciplinaridade - cópia
Apresentação valdriano interdisciplinaridade - cópiaElioneide Pedagoga
 
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?Ranlig
 
INTERDISCIPLINARIDADE
INTERDISCIPLINARIDADEINTERDISCIPLINARIDADE
INTERDISCIPLINARIDADEcrisdelshine
 
Interdisciplinaridade 21-03-2011
Interdisciplinaridade 21-03-2011Interdisciplinaridade 21-03-2011
Interdisciplinaridade 21-03-2011Procambiental
 
11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacao11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacaoMariana Correia
 
Diálogo sobre Transdisciplinaridade e Rede de Aprendência, outubro 2013
Diálogo sobre Transdisciplinaridade  e Rede de Aprendência,  outubro 2013Diálogo sobre Transdisciplinaridade  e Rede de Aprendência,  outubro 2013
Diálogo sobre Transdisciplinaridade e Rede de Aprendência, outubro 2013Silvia Fichmann
 
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...emíliapignata
 
Interdisciplinaridade no contexto da escola
Interdisciplinaridade no contexto da escolaInterdisciplinaridade no contexto da escola
Interdisciplinaridade no contexto da escolaVitor Miranda
 

Mais procurados (20)

Interdisciplinaridade escola
Interdisciplinaridade escolaInterdisciplinaridade escola
Interdisciplinaridade escola
 
Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?
Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?
Carta da Transdisciplinaridade: Que Universidade para o amanhã?
 
02 interdisciplinaridade e planejamento coletivo
02   interdisciplinaridade e planejamento coletivo02   interdisciplinaridade e planejamento coletivo
02 interdisciplinaridade e planejamento coletivo
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridade
Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E TransdisciplinaridadeMultidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridade
Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridade
 
Apresentação valdriano interdisciplinaridade - cópia
Apresentação valdriano   interdisciplinaridade - cópiaApresentação valdriano   interdisciplinaridade - cópia
Apresentação valdriano interdisciplinaridade - cópia
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
INTERDISCIPLINARIDADE
INTERDISCIPLINARIDADEINTERDISCIPLINARIDADE
INTERDISCIPLINARIDADE
 
Interdisciplinaridade Nancy Alcântara
Interdisciplinaridade Nancy AlcântaraInterdisciplinaridade Nancy Alcântara
Interdisciplinaridade Nancy Alcântara
 
Interdisciplinaridade 21-03-2011
Interdisciplinaridade 21-03-2011Interdisciplinaridade 21-03-2011
Interdisciplinaridade 21-03-2011
 
11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacao11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacao
 
Diálogo sobre Transdisciplinaridade e Rede de Aprendência, outubro 2013
Diálogo sobre Transdisciplinaridade  e Rede de Aprendência,  outubro 2013Diálogo sobre Transdisciplinaridade  e Rede de Aprendência,  outubro 2013
Diálogo sobre Transdisciplinaridade e Rede de Aprendência, outubro 2013
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
 
Interdisciplinaridade no contexto da escola
Interdisciplinaridade no contexto da escolaInterdisciplinaridade no contexto da escola
Interdisciplinaridade no contexto da escola
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Transdisciplinaridade
TransdisciplinaridadeTransdisciplinaridade
Transdisciplinaridade
 
Interdisciplinaridade e sua metodologia paulo
Interdisciplinaridade e sua metodologia   pauloInterdisciplinaridade e sua metodologia   paulo
Interdisciplinaridade e sua metodologia paulo
 

Destaque

Educação e currículos
Educação e currículosEducação e currículos
Educação e currículosLeniomar Morais
 
Interdisciplinaridade: diálogos e caminhos
Interdisciplinaridade: diálogos e caminhosInterdisciplinaridade: diálogos e caminhos
Interdisciplinaridade: diálogos e caminhosRoberto C. S. Pacheco
 
Interdisciplinaridade alfabetização
Interdisciplinaridade alfabetizaçãoInterdisciplinaridade alfabetização
Interdisciplinaridade alfabetizaçãoDaniela Menezes
 
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e SociedadeInterdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e SociedadeSimone Athayde
 
Interdisciplinaridade power point
Interdisciplinaridade power pointInterdisciplinaridade power point
Interdisciplinaridade power pointAna Vanessa Paim
 

Destaque (7)

Educação e currículos
Educação e currículosEducação e currículos
Educação e currículos
 
Interdisciplinaridade: diálogos e caminhos
Interdisciplinaridade: diálogos e caminhosInterdisciplinaridade: diálogos e caminhos
Interdisciplinaridade: diálogos e caminhos
 
Interdisciplinaridade alfabetização
Interdisciplinaridade alfabetizaçãoInterdisciplinaridade alfabetização
Interdisciplinaridade alfabetização
 
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e SociedadeInterdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
 
Interdisciplinaridade power point
Interdisciplinaridade power pointInterdisciplinaridade power point
Interdisciplinaridade power point
 
Temas Trasversais
Temas TrasversaisTemas Trasversais
Temas Trasversais
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 

Semelhante a Inter-Multi-Trans-Disciplinaridade

Currículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.final
Currículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.finalCurrículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.final
Currículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.finaltelasnorte1
 
ApresentaçãO Professorsubstituto
ApresentaçãO ProfessorsubstitutoApresentaçãO Professorsubstituto
ApresentaçãO ProfessorsubstitutoIvanderson da Silva
 
Transdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFG
Transdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFGTransdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFG
Transdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFGZara Hoffmann
 
Fichamento do texto - Aline
Fichamento do texto - AlineFichamento do texto - Aline
Fichamento do texto - Alinepibidsociais
 
Interdisciplinaridade e Educaçao - Unijuí
Interdisciplinaridade e Educaçao - UnijuíInterdisciplinaridade e Educaçao - Unijuí
Interdisciplinaridade e Educaçao - UnijuíJenerton
 
Fichamento - Giliane
Fichamento - GilianeFichamento - Giliane
Fichamento - Gilianepibidsociais
 
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasInterdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasSued Oliveira
 
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasInterdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasSued Oliveira
 
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasInterdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasSued Oliveira
 
Ciências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-ciclo
Ciências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-cicloCiências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-ciclo
Ciências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-cicloAna Freitas
 
10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridade10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridadeMariana Correia
 
10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridade10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridadeMariana Correia
 
Conhecimentos em rede
Conhecimentos em redeConhecimentos em rede
Conhecimentos em redecrisdelshine
 
Resenha do livro transgressao e mudanca na educacao
Resenha do livro transgressao e mudanca na educacaoResenha do livro transgressao e mudanca na educacao
Resenha do livro transgressao e mudanca na educacaoA Nasc
 
11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacao11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacaoMariana Correia
 
Hernandes, fernando transgressão e mudança
Hernandes, fernando   transgressão e mudançaHernandes, fernando   transgressão e mudança
Hernandes, fernando transgressão e mudançajusilvia
 

Semelhante a Inter-Multi-Trans-Disciplinaridade (20)

Currículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.final
Currículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.finalCurrículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.final
Currículo de ciências da natureza e suas tecnologias see.sp.final
 
ApresentaçãO Professorsubstituto
ApresentaçãO ProfessorsubstitutoApresentaçãO Professorsubstituto
ApresentaçãO Professorsubstituto
 
Transdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFG
Transdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFGTransdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFG
Transdisciplinaridade no Curso Intercultural da UFG
 
Fichamento do texto - Aline
Fichamento do texto - AlineFichamento do texto - Aline
Fichamento do texto - Aline
 
Interdisciplinaridade e Educaçao - Unijuí
Interdisciplinaridade e Educaçao - UnijuíInterdisciplinaridade e Educaçao - Unijuí
Interdisciplinaridade e Educaçao - Unijuí
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Fichamento - Giliane
Fichamento - GilianeFichamento - Giliane
Fichamento - Giliane
 
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasInterdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
 
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasInterdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
 
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de cienciasInterdisciplinaridade no ensino de ciencias
Interdisciplinaridade no ensino de ciencias
 
Texto 2
Texto 2Texto 2
Texto 2
 
Ciências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-ciclo
Ciências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-cicloCiências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-ciclo
Ciências físicas-e-naturais-orientações-curriculares-3º-ciclo
 
10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridade10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridade
 
10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridade10 ec interdisciplinaridade
10 ec interdisciplinaridade
 
Transdisciplinaridade
TransdisciplinaridadeTransdisciplinaridade
Transdisciplinaridade
 
Aula01 concensmat (1)
Aula01 concensmat (1)Aula01 concensmat (1)
Aula01 concensmat (1)
 
Conhecimentos em rede
Conhecimentos em redeConhecimentos em rede
Conhecimentos em rede
 
Resenha do livro transgressao e mudanca na educacao
Resenha do livro transgressao e mudanca na educacaoResenha do livro transgressao e mudanca na educacao
Resenha do livro transgressao e mudanca na educacao
 
11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacao11 tc niveis_de_interacao
11 tc niveis_de_interacao
 
Hernandes, fernando transgressão e mudança
Hernandes, fernando   transgressão e mudançaHernandes, fernando   transgressão e mudança
Hernandes, fernando transgressão e mudança
 

Mais de Jomari

O Jovem e o seu Direito de Aprendizagem
O Jovem e o seu Direito de AprendizagemO Jovem e o seu Direito de Aprendizagem
O Jovem e o seu Direito de AprendizagemJomari
 
Período Literário Romantismo Português
Período Literário Romantismo PortuguêsPeríodo Literário Romantismo Português
Período Literário Romantismo PortuguêsJomari
 
Conteúdos Programáticos 2º ano do Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 2º ano do Ensino MédioConteúdos Programáticos 2º ano do Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 2º ano do Ensino MédioJomari
 
Conteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino MédioConteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino MédioJomari
 
Slide Gênero Textual Notícia
Slide Gênero Textual NotíciaSlide Gênero Textual Notícia
Slide Gênero Textual NotíciaJomari
 
Prova 2 bim - ENSINO MÉDIO
Prova 2  bim - ENSINO MÉDIOProva 2  bim - ENSINO MÉDIO
Prova 2 bim - ENSINO MÉDIOJomari
 
Prova 1 bim - ENSINO MÉDIO
Prova 1  bim - ENSINO MÉDIOProva 1  bim - ENSINO MÉDIO
Prova 1 bim - ENSINO MÉDIOJomari
 
Estrutura das Palavras
Estrutura das PalavrasEstrutura das Palavras
Estrutura das PalavrasJomari
 
Slide Regras Acentuação Língua Portuguesa
Slide Regras Acentuação Língua PortuguesaSlide Regras Acentuação Língua Portuguesa
Slide Regras Acentuação Língua PortuguesaJomari
 
Atividades de Revisão de Ortografia
Atividades de Revisão de OrtografiaAtividades de Revisão de Ortografia
Atividades de Revisão de OrtografiaJomari
 
Aula Gênero Textual Lenda
Aula Gênero Textual LendaAula Gênero Textual Lenda
Aula Gênero Textual LendaJomari
 
Slide Genero Textual Estatuto
Slide Genero Textual EstatutoSlide Genero Textual Estatuto
Slide Genero Textual EstatutoJomari
 
Prova frase oração período
Prova frase oração períodoProva frase oração período
Prova frase oração períodoJomari
 
Funções da linguagem
Funções da linguagemFunções da linguagem
Funções da linguagemJomari
 
Literatura Portuguesa Trovadorismo
Literatura Portuguesa TrovadorismoLiteratura Portuguesa Trovadorismo
Literatura Portuguesa TrovadorismoJomari
 
Quadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa e
Quadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa eQuadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa e
Quadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa eJomari
 
Slide os gêneros literários
Slide os gêneros literáriosSlide os gêneros literários
Slide os gêneros literáriosJomari
 
Estrutura das palavras
Estrutura das palavrasEstrutura das palavras
Estrutura das palavrasJomari
 
Como Escrever um Artigo
Como Escrever um ArtigoComo Escrever um Artigo
Como Escrever um ArtigoJomari
 
Intertextualidade e Paráfrase
Intertextualidade e ParáfraseIntertextualidade e Paráfrase
Intertextualidade e ParáfraseJomari
 

Mais de Jomari (20)

O Jovem e o seu Direito de Aprendizagem
O Jovem e o seu Direito de AprendizagemO Jovem e o seu Direito de Aprendizagem
O Jovem e o seu Direito de Aprendizagem
 
Período Literário Romantismo Português
Período Literário Romantismo PortuguêsPeríodo Literário Romantismo Português
Período Literário Romantismo Português
 
Conteúdos Programáticos 2º ano do Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 2º ano do Ensino MédioConteúdos Programáticos 2º ano do Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 2º ano do Ensino Médio
 
Conteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino MédioConteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino Médio
Conteúdos Programáticos 1o. Ano Ensino Médio
 
Slide Gênero Textual Notícia
Slide Gênero Textual NotíciaSlide Gênero Textual Notícia
Slide Gênero Textual Notícia
 
Prova 2 bim - ENSINO MÉDIO
Prova 2  bim - ENSINO MÉDIOProva 2  bim - ENSINO MÉDIO
Prova 2 bim - ENSINO MÉDIO
 
Prova 1 bim - ENSINO MÉDIO
Prova 1  bim - ENSINO MÉDIOProva 1  bim - ENSINO MÉDIO
Prova 1 bim - ENSINO MÉDIO
 
Estrutura das Palavras
Estrutura das PalavrasEstrutura das Palavras
Estrutura das Palavras
 
Slide Regras Acentuação Língua Portuguesa
Slide Regras Acentuação Língua PortuguesaSlide Regras Acentuação Língua Portuguesa
Slide Regras Acentuação Língua Portuguesa
 
Atividades de Revisão de Ortografia
Atividades de Revisão de OrtografiaAtividades de Revisão de Ortografia
Atividades de Revisão de Ortografia
 
Aula Gênero Textual Lenda
Aula Gênero Textual LendaAula Gênero Textual Lenda
Aula Gênero Textual Lenda
 
Slide Genero Textual Estatuto
Slide Genero Textual EstatutoSlide Genero Textual Estatuto
Slide Genero Textual Estatuto
 
Prova frase oração período
Prova frase oração períodoProva frase oração período
Prova frase oração período
 
Funções da linguagem
Funções da linguagemFunções da linguagem
Funções da linguagem
 
Literatura Portuguesa Trovadorismo
Literatura Portuguesa TrovadorismoLiteratura Portuguesa Trovadorismo
Literatura Portuguesa Trovadorismo
 
Quadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa e
Quadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa eQuadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa e
Quadro geral do desenvolvimento das literaturas portuguesa e
 
Slide os gêneros literários
Slide os gêneros literáriosSlide os gêneros literários
Slide os gêneros literários
 
Estrutura das palavras
Estrutura das palavrasEstrutura das palavras
Estrutura das palavras
 
Como Escrever um Artigo
Como Escrever um ArtigoComo Escrever um Artigo
Como Escrever um Artigo
 
Intertextualidade e Paráfrase
Intertextualidade e ParáfraseIntertextualidade e Paráfrase
Intertextualidade e Paráfrase
 

Último

História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfFbioFerreira207918
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)Centro Jacques Delors
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Centro Jacques Delors
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSPedro Luis Moraes
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 

Inter-Multi-Trans-Disciplinaridade

  • 1. EJA CONTINENTE I – Coqueiros. Profa. JocianeAraujo Peres da Luz (L. Port.) – set./2011 Interdisciplinaridade e termos afins Conforme Houaiss (2004), INTERDISCIPLINAR é o que estabelece relação entre duas ou mais disciplinas ou ramos de conhecimento; que é comum a duas ou mais disciplinas. Desse modo, interdisciplinaridade é a relação do conhecimento entre duas ou mais áreas e que possuem algo em comum. Para Werneck (1991), “ao pensar em interdisciplinaridade, podemos pensá-la sob dois aspectos. Um que se refere à intenção do professor e suas possibilidades; e um outroàs características do conteúdo a ser estudado. Quanto ao professor, podemos pensar que a interdisciplinaridade se constrói a partir do modo como ele vê o mundo, de sua vivência, sua experiência, seu envolvimento e principalmente de seu conhecimento sobre o conteúdo em questão. Ter uma atitude interdisciplinar, portanto, é ter uma mudança de concepção de ensino por que vem quebrar uma estrutura de ensino secular, fundamentada no isolamento das disciplinas, que orientava o papel do professor como se cada matéria não tivesse relação com as outras”. Ou seja, a interdisciplinaridade aparece como um princípio novo de reorganização das disciplinas científicas e de reformulação das estruturas pedagógicas de seu ensino capaz de responder a criação de uma inteligência e de uma razão aberta e, capaz de formar uma nova pedagogia uma vez que ela questiona as relações entre os conteúdos, os temas ou umassunto em questão mesmo que se preserve a individualidade de cada disciplina e a especificidade que a caracteriza. Segundo Piaget (1981) só existe interdisciplinaridade quando as diferentes disciplinas saem dos seus limites e reconstroem num patamar superior de conceitos, métodos de investigação e instrumentos. Quando existe apenas o concurso de várias disciplinas, mas não há reconstrução, há apenas multidisciplinaridade ou pluridisciplinaridade. Multidisciplinaridade, então, seria o nível inferior de integração. Ocorre quando, para solucionar um problema, busca-se informação e ajuda em várias disciplinas, sem que tal interação contribua para modifica-las ou enriquecê-las. Seria a mera justaposição de matérias diferentes, oferecidas de maneira simultânea, com a intenção de esclarecer alguns de seus elementos comuns, mas na verdade nunca se explicitam claramente as possíveis relações entre elas. Para a professora Drᵃ Rosa Maria F. Martini, a transdisciplinaridadeé a elaboraçãode . um saber voltado para a compreensão da realidade, para a descoberta de potencialidades e alternativas para agir no contexto pedagógico escolar e poder transformá-la. Para isso, o educando precisa estar favorecido de princípios que favoreçam a sua capacidade de: expressar-se por meio de múltiplas linguagens e novas tecnologias; posicionar-se diante da informação; interagir de forma ativa, reflexiva e crítica com o meio ambiente e a sociedade. (Apostila Completa. Concurso Magistério, 2004).
  • 2. Ressalto, ainda, que o prefixo de origem grega trans significa além de, ou melhor, no que se refere atransdisciplinaridade é a prioridade de uma transcendência, de uma modalidade de relação entre as disciplinas que as supere; é o nível superior da interdisciplinaridade, de coordenação, onde desaparecem os limites entre as diversas disciplinas e se forma um sistema total que ultrapassa o plano das relações e interações entre tais disciplinas. Bibliografias: ALMEIDA, Nílson Teixeira de. Gramática da Língua Portuguesa para concursos, vestibulares, ENEM, colégios técnicos e militares.8ᵃEd. São Paulo: Saraiva, 2003. . APOSTILA COMPLETA CONCURSO MAGISTÉRIO. Conhecimentos gerais e pedagógicos. UNISC – Universidade de Santa Cruz do Sul, 2004. HOUAISS, Antônio. Minidicionário Houaiss da língua portuguesa. Organizado pelo Instituto de Lexicografia e Banco de Dados da Língua Portuguesa S/C Ltda. - 2ᵃ ver. aum. – RJ:Objetiva, ed.. 2004. PIAGET, Jean. O possível e o necessário. Porto Alegre: Artes Médicas, 1981. WERNECK, Hamilton. Se você finge que ensina, eu finjo que aprendo. RJ: Ed. Vozes, 1991.